Polícia mata assassino de delegado Clayton Leão

Domingos Matos, 08/02/2011 | 22:37
Editado em 08/02/2011 | 23:27

rinaldoUm dos quatro homens acusados de assassinar o delegado Clayton Leão, em maio do ano passado, foi morto na tarde desta terça-feira (8), em uma localidade entre os municípios de Uruçuca e Ilhéus, no sul da Bahia, em confronto com agentes do Centro de Operações Especiais (COE).

De acordo com o Camaçari Notícias, Rinaldo Valença Lima, de 26 anos (esq), fazia parte de uma quadrilha que era investigada por praticar assaltos a bancos no interior do claytonestado. Ele chegou a ser preso, junto com três comparsas, no mesmo dia em que assassinou o então delegado titular da 18ª delegacia (Camaçari), morto enquanto concedia entrevista para uma rádio, ao vivo.

Em agosto de 2010, Rinaldo e outros cinco homens fugiram na da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), após serrarem as grades das celas e acessaram o terraço do local e fugirem com a ajuda de uma corda feita com lençóis.

Informações do Bahia Notícias

Deixe seu comentário


Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.