Tag: campanha

Sede da Maramata e Museu do Mar e da Capitania são reinaugurados

Domingos Matos, 10/09/2018 | 16:20

A Prefeitura de Ilhéus reinaugurará a obra de ampliação e reforma da sede da Universidade Livre do Mar e da Mata (Maramata), nesta quinta-feira (13), às 9 horas. O investimento faz parte do esforço empreendido pela administração municipal, com o objetivo de resgatar e reposicionar estrategicamente a instituição no cenário de Ilhéus e região.

A data marca também a reabertura do Museu do Mar e da Capitania, sediado na Maramata, para visitação. Na oportunidade, serão apresentados os novos projetos que serão desenvolvidos, entre cursos e atividades abertas oferecidas gratuitamente à população. E também será lançada uma campanha de atração de voluntários que desejem desenvolver atividades e projetos alinhados às finalidades da instituição.

A Maramata está localizada na Rua Cassimiro Costa, 78, Nova Brasília, bairro Pontal.

Barracas de camelôs são retiradas da praça Adami

Domingos Matos, 08/09/2018 | 23:00

Após uma semana marcada pela tensão com lideranças dos camelôs, a prefeitura de Itabuna está fazendo, nesse momento, a retirada das barracas da praça Adami, no centro de Itabuna.

Os ambulantes reclamam das condições físicas do novo camelódromo, que não estaria pronto para recebê-los. O Município alega que esses reparos devem ser arcados pelos próprios camelôs, uma vez que estes sempre usaram o espaço público, sem pagar aluguel. Teria o Poder Público, portanto, um crédito com a categoria.

Um agravante para essa tensão teria sido a "homenagem" que os comeciantes informais fizeram ao prefeito Fernando Gomes, na quinta-feira (6), durante ato de campanha do governador Rui Costa, na avenida do Cinquentenário.

Na ocasião, um grupo formado por ambulantes, professores e militantes de oposição ao orefeito, ouxaram um coro de "Fora, Cuma". Dois dias depois, num sábado a noite, a retirada das barracas tem todo jeitão de fim do "diálogo" com os camelôs.

Em tempo: o prédio para onde seriam transferidos os informais acabou desabando parcialmente, antes de ser ocupado. A prefeitura está promovendo sua demolição - também parcial - e não há decisão sobre o destino do espaço.

Santa Casa de Itabuna inicia Campanha de Sensibilização para Doação de Órgãos

Domingos Matos, 31/08/2018 | 16:40
Editado em 01/09/2018 | 14:21

Para sensibilizar colaboradores e sociedade sobre a importância da doação de órgãos, durante todo o mês de setembro diversas ações serão realizadas pela Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, através da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT).

As ações do Setembro Verde terão início na segunda-feira, 3 de setembro, no Hospital Manoel Novaes. Na unidade será montado um espaço com alertas e reflexões com o intuito de chamar atenção sobre o número de pessoas que estão na fila de espera aguardando por um transplante e o quanto é importante avisar às famílias sobre o desejo de ser um doador. Além do túnel temático com o momento lúdico, ao longo do mês serão realizadas panfletagens, distribuição de laços verdes,seminário e simpósios. 

As ações, que prosseguem até o dia 29 de setembro, serão realizadas também nos Hospitais Calixto Midlej Filho, Hospital São Lucas, Mutirão Santa Casa nos Bairros, e nas instituições de ensino:Cooperativa Educacional de Itabuna - COOPEDI e na faculdade - FTC.

De acordo com a enfermeira do CIHDOTT, Patricia Betyar, as ações são essenciais na sensibilização do tema para a sociedade. “Ainda enfrentamos muitas negativas durante as abordagens para a captação de doadores, pois lidamos com a dor da perda. Quando o familiar avisa em vida sobre o seu desejo de ser doador, a família respeita esse desejo. Por isso precisamos intensificar as ações e plantar no outro o desejo de se tornar doador e ajudar a salvar vidas”, disse Patricia

Ainda durante o Setembro Verde estão sendo comercializadas camisas temáticas para a data, com 100% da renda revertida para o Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO). Mais informações sobre a programação e venda de camisas pelo telefone (73) 98869-8617.

 As ações do setembro verde estão sendo apoiadas pela Fundação Centro de Estudos Professor Edgard Santos (FUNCEPES), PLANSUL, Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO) , Samuel Decorações e Grupo de Eventos SCMI.

Conjunto Penal de Itabuna promove palestras sobre o “Agosto Lilás”

Domingos Matos, 28/08/2018 | 15:20
Editado em 28/08/2018 | 15:20

Sensibilizar a população carcerária feminina sobre o enfrentamento à violência de gênero contra a mulher, mostrando a elas os caminhos para a prevenção e superação de situações de violência em suas diversas formas. Esse foi o principal objetivo de uma série de palestras realizadas no Conjunto Penal de Itabuna (CPI), na manhã de segunda-feira (27), com as mulheres ali custodiadas.

O evento, que foi aberto pelo diretor-adjunto do CPI, Bernardo Cerqueira Dutra, é parte da campanha Agosto Lilás, realizada pela empresa Socializa – Soluções em Gestão, que operacionaliza o presídio em regime de cogestão com o governo do estado, por meio da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (SEAP). O "Agosto Lilás" é uma ação de conscientização em toda a sociedade para o combate à violência contra a mulher.

De acordo com o setor de Psicologia do CPI, “auxiliar e orientar a mulher vítima de violência é, por si, uma ação eficaz para o seu fortalecimento como ser humano sujeito de direitos”, afirma a psicóloga Fernanda Badaró, que propôs a ação junto com a equipe. Mas o trabalho foi além.

A palestra ministrada pela equipe técnica do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) do município de Itabuna, focou, além das formas de busca por proteção e reparação, em como a mulher pode se proteger de relacionamentos abusivos e da violência em suas diversas formas – física, sexual, psicológica, moral, patrimonial etc.

O setor Jurídico do CPI também participou, com uma explanação à luz da Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006), desde seu contexto histórico até as dúvidas frequentes. Explanaram sobre o tema as advogadas Maria Genice e Maria Luíza. Também participou, como representante do Ministério Público Estadual, o assistente da 13ª Promotoria (Execuções Penais), Eduardo Passos, que falou sobre o papel do MPE sobre a fiscalização do cumprimento da lei e do funcionamento das instituições afeitas ao tema.

Participaram, ainda, o gerente administrativo da Socializa, João Sobral, e representantes do Corpo Técnico do CPI – psicólogos, assistentes sociais, enfermeira pedagoga, terapeuta ocupacional, odontólogo além das instrutoras dos cursos profissionalizantes –, bem como coordenadores do Corpo Técnico e do Centro de Ressocialização, Saulo Moura e Maria Lúcia Beltrão.

A ação contemplará, também, em um segundo momento, a população feminina de colaboradoras, que receberá a mesma sensibilização, como forma de promover um ambiente saudável do ponto de vista do respeito aos direitos da mulher, independente de sua condição.

TSE abre debate sobre proibição de campanha em templos religiosos

A pouco mais de um mês das eleições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) abre o debate sobre a possível punição de candidatos que se utilizam de espaços religiosos para campanhas políticas.

Domingos Matos, 24/08/2018 | 15:10
Editado em 24/08/2018 | 17:03

A cassação dos mandatos do deputado federal Franklin Roberto Souza (PP-MG) e do deputado estadual Márcio José Oliveira (PR-MG), confirmada pelo TSE, levantou a discussão sobre abuso do poder religioso, que não está previsto na legislação, mas é suscitado na esteira do abuso do poder econômico.

No julgamento dos parlamentares mineiros, o ministro Jorge Mussi citou a decisão de abril do ano passado, que proíbe campanha em eventos religiosos. Na ocasião, o relator foi ex-ministro Henrique Neves, que ressaltou que a liberdade religiosa não pode ser utilizada para fins políticos.

Diz a decisão de Henrique Neves que, "em nenhuma hipótese, a proteção constitucional à livre manifestação de crença e à liberdade religiosa permite que tais celebrações convertam-se em propaganda, seja mediante pedido de voto, distribuição de material de campanha, uso de sinais, símbolos, logotipos ou ainda manifestações contra ou a favor de candidatos".

Além de perder o mandato por abuso do poder econômico, praticado nas eleições de 2014, os dois deputados foram punidos com inelegibilidade por oito anos.

Os ministros determinaram a imediata execução da decisão, com o afastamento dos políticos cassados e a posse dos suplentes, sendo desnecessário aguardar o trânsito em julgado da decisão.

Exemplo

O TSE confirmou o julgamento do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), que condenou os deputados por terem participado de evento religioso da Igreja Mundial do Poder de Deus, na véspera do primeiro turno das eleições de 2014.

No evento, que reuniu cerca de 5 mil pessoas, o apóstolo Valdemiro Santiago, líder da igreja, pediu votos para os dois no microfone e em panfletos distribuídos.

Segundo a denúncia, o líder religioso pediu que cada fiel conseguisse “mais dez votos” para os candidatos. O deputado estadual é sobrinho do religioso. Para a presidente do TSE e relatora do processo, ministra Rosa Weber, os fatos relatados são de "enorme gravidade". O evento foi amplamente divulgado, durou cerca de quatro horas e teve shows artísticos.

O advogado Rodrigo Queiroga, da defesa dos dois deputados, disse que irá recorrer da decisão ao próprio TSE, com embargos de declaração, e, posteriormente, ao Supremo Tribunal Federal (STF), com recurso extraordinário. A ideia é conseguir descaracterizar o abuso de poder econômico para evitar que ambos sejam inelegíveis. Franklin registrou candidatura à reeleição, mas Márcio não. (Com informações da Agência Brasil)

 

Pedalada Azul mobiliza para Mutirão do Diabetes

Domingos Matos, 28/10/2017 | 15:46

Um grande evento de mobilização para o Mutirão do Diabetes de Itabuna. Esse é o foco da Pedalada Azul, que acontece  no próximo dia 15 de novembro. Esse semana, o evento recebeu o apoio do Grupo Águia Branca, que oferecerá suporte aos participantes, além de apresentar um ônibus com a cor azul e o símbolo da campanha mundial de prevenção da doença. A parceria foi oficializada durante encontro que reuniu o coordenador do Mutirão, Dr. Rafael Andrade, e o diretor regional da Água Branca, Gilmar de Abreu, além de integrantes de grupos de ciclismo como  Pedal Bom, Ciclo Bike Grapiúna e Amigos das Trilhas.

A Pedalada  Azul percorrerá as principais avenidas do centro da cidade e de bairros como Banco Raso, São Caetano, Fátima, Pontalzinho e Califórnia, com encerramento na praça Rio Cachoeira, com atividades culturais e recreativas.  Durante o percurso, um mini trio vai fornecer informações sobre atividades esportivas e prevenção do diabetes.

Novembro Azul

No próximo dia 1º.,  começa em Itabuna a campanha Novembro Azul, que vai iluminar prédios e espaços públicos, estabelecimentos comerciais e empresariais  e residências com a cor azul. A exemplo dos anos anteriores, a mera é fazer da cidade uma das  mais iluminadas do Brasil com a cor da campanha.

O Mutirão do Diabetes, promovido pelo Hospital de Olhos Beira Rio,  Asdita e ONG Unidos pelo Diabetes, será realizado no próximo dia 25 de novembro.

Conjunto Penal de Itabuna realiza ações voltadas ao Outubro Rosa

Domingos Matos, 19/10/2017 | 22:56
Editado em 19/10/2017 | 22:57

Diversas ações, a exemplo de palestras, dinâmicas, exames clínicos e atendimentos psicológicos, de enfermagem e de assistência social, estão sendo realizadas no Conjunto Penal de Itabuna (CPI) em referência ao Outubro Rosa, campanha mundial dedicada à prevenção do câncer de mama. O projeto Outubro Rosa no CPI é realizado pela Socializa Brasil, que administra o presídio em regime de cogestão com o governo do estado, por meio da Secretaria de Administração Prisional e Ressocialização (Seap).

Na terça-feira (17) foram realizados atendimentos a 16 funcionárias da instituição, que receberam orientações e foram encaminhadas para a rede clínica conveniada (Plansul), para exames mais detalhados, como mamografias e ultrassonografias de rastreamento.

Além de passarem pelo exame clínico das mamas, todas foram orientadas sobre os cuidados com o corpo, especialmente as mamas, assim como sobre os benefícios da amamentação para a prevenção ao câncer mamário. O atendimento foi realizado pela médica do próprio Conjunto Penal, Drª Marcela Carvalho, que é especialista em mastologia.

De acordo com a enfermeira Jhenifer Soares, todas as cerca de 60 mulheres internas na unidade também estão sendo atendidas. Na segunda-feira (16), elas receberam a visita do Grupo Se Toque, que fez palestras e outras ações voltadas ao autoconhecimento, elevação da autoestima e conscientização a respeito da prevenção e cuidados, como o autoexame de toque nas mamas.

Homens também

Mas não serão apenas as mulheres a serem beneficiadas com a campanha. Até o fim dessa semana serão realizadas as mesmas ações educativas para homens, especialmente os estudantes, para que sejam multiplicadores nos seus respectivos pavilhões.

Isso porque, segundo explica a enfermeira Jhenifer Soares, o câncer de mama não é uma doença exclusivamente feminina, atinge também a homens – essa incidência, porém, é pequena, representando apenas 1% dos casos, segundo o Instituto Nacional do Câncer.

DUPLICAÇÃO: 1977 a 2017 - 40 anos de castigo em forma de espera!

Domingos Matos, 10/10/2017 | 09:47

Carlos Eduardo Sodré*

A história é a grande fonte alimentadora da verdade. Quando, hoje, o governador Rui Costa autoriza a deflagração da obra de duplicação da BR-415, trecho Ilhéus/Itabuna, impõe-se, a bem da verdade, o resgate do quê está por trás dessa importantíssima conquista.

Corria o ano de 1977. Governava a Bahia o Prof. Roberto Santos que experimentava, em Itabuna, mercê da célebre mesquinhez política que acompanha a vida de Itabuna desde priscas eras, oposição hostil dos mandatários locais. Como representante, aqui, do Governador e preocupado com a possibilidade de perdermos a chance de conseguirmos, para Itabuna, Ilhéus e a região, importantes obras de que tanto a nossa terra carecia, concebi um comitê informal das entidades representativas da comunidade local e, por esse conduto, levamos ao Chefe do executivo estadual, dentre outros, o pleito da obra de duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna, trecho inicial da BR-415, com a justificativa de que, além de aliviar o engarrafamento do seu tráfego em razão do movimento já intenso apurado, era o acesso fundamental ao porto de Ilhéus para as nossas riquezas, especialmente o cacau.

O governador Roberto Santos, sempre sensível aos nossos pleitos, determinou imediatos estudos cujo resultado, viera a lume no início de 1978 apontando para a plena viabilidade da obra. Sua Excelência tratou, então, de buscar que se elaborasse o projeto com vista ao equacionamento da construção. Mas, àquela altura, o governo militar já houvera escalado o mandatário que governaria a Bahia no período 79/83 o qual (impossível esquecer), de conhecido estilo prepotente e retaliador, já antecipara ao empresariado baiano dedicado ao ramo das obras públicas, a ameaça de que, os que aceitassem a encomenda de serviços do governo sainte, passariam literalmente "a pão e água" o quadriênio seguinte, já avisados portanto de que, no seu mandato, nada conseguiriam construir para o Estado da Bahia...

Ducha de água fria no nosso sonho; o Governador - que desejava aquinhoar a região com a necessária e importante obra - ficou de mãos atadas e o nosso povo 40 longos anos sem a obra tão necessária. Inevitável destacar que, em 2007, 2008, deve ser levado em conta, para que se entenda quanto padeceu o governa­dor Jaques Wagner quando, sem promessa de campanha nesse sentido, retirou o antigo pleito do "congelador" onde colocada pelo "regime" carlista, e trabalhou tenazmente para que a demanda pudesse ser atendida, tarefa que coube ao governador Rui Costa levar a cabo até transformar em realidade o nosso velho sonho que, agora, se materializa depois do extenuante trabalho que desenvolveu para que pudéssemos vislumbrar a vitória de sua realização.

Impossível, sublinhar - até para mostrar como politicamente a nossa região atua de forma tão incompetente que, nesses 40 anos transcorridos, durante 30, pelo menos, os que impediram a realização da obra ainda conseguiram que a região houvesse votado no malfeitor já falecido e nos seus apaniguados sucessores, obra da falta de siso das lideranças que, cultivando requintado puxa-saquismo por causa de interesses pessoais ou grupais não raro indecorosos, fizessem desta região um bastião de sua sustentação político-eleitoral, no estado, de tão malfadados e nocivos efeitos na vida do povo baiano e, em particular, de nossa região, sempre usada como massa de manobra.

Relembranças como esta são feitas para que a gente aprenda com o erro, para não errarmos mais. Até por que, esse tipo de erro invariavelmente tem um custo alto. E é um prejuízo irreparável pois, face a essa constatação, a quem cobrar a conta do castigo dessa espera de 40 anos de atraso para o atendimento dessa nossa necessidade essencial?

Bem, no futuro pleito, se algum herdeiro ou sucessor aparecer por aqui, suplicando votos, coloquemos essa conta na ponta do espeto da cobrança e façamos com que vá tocar a sua viola em outras freguesias...

Parabéns, Governador Rui ! A sua atuação em favor da nossa região, com a realização de grandes obras como vem fazendo, o credenciam a merecer o melhor de nossa gratidão.

Foi um castigo injusto, essa longa espera. Mas, vale repetir o sempiterno Castro Alves lembrando que "...toda noite tem aurora".

A nossa está chegando.

_________________

*Carlos Eduardo Sodré é advogado

carlossodre2014@gmail.com

 

Campanha do Hiper Itão distribui mais de R$ 160 mil em prêmios

Primeiro Renault Sandero 0Km da promoção foi entregue nesta quarta (5)

Domingos Matos, 06/07/2017 | 21:04

A Rede de Supermercados Itão distribuirá mais de R$ 160 mil em prêmios durante o 4º PromoItão, com o sorteio de 100 vales-compras e 3 carros 0Km. Nesta quarta (5), Averaldo Santana Barbosa, de Ibicaraí, no sul da Bahia, recebeu a chave do Renault Sandero Expression sorteado em 14 de junho. Rodinei Marikson, gerente do Hiper Itão do Centro Comercial, e representantes de empresas parceiras fizeram a entrega do veículo.

O Sandero foi sorteado no Hiper Itão de Ilhéus. “Estava planejando comprar um carro agora, quando recebi essa notícia”, afirma Averaldo. Ele já planejou a primeira viagem a bordo do Sandero. “Vou para Bom Jesus da Lapa. Viajo para lá quase todos os anos”. A viagem tem data marcada, segundo ele: 2 de agosto.

O supervisor comercial da Rede Itão, Josival Nascimento, também participou do ato de entrega do veículo. Segundo o supervisor, a campanha tem amplitude regional e os resultados a cada sorteio surpreendem. “Temos obtidos resultados fantásticos tanto em número de cupons como na adesão de clientes”, afirma.

Credibilidade

A ação promocional tem a participação de empresas parceiras do Itão. Isaías Neto, supervisor de vendas da Yoki, aponta a imagem da rede de supermercados como um dos fatores que levam a Yoki a participar das campanhas. “O Itão tem credibilidade muito grande em toda a região e em nível nacional. A Nielsen, por exemplo, usa a rede como medição [para aferir consumo]. O Itão é comprometido com o que faz, com o público e o atendimento”.

Arlete Oldenburg, da Mili, também ressalta a imagem da empresa. “Conseguimos crescer com as campanhas do Itão, rede que é grande parceira e empresa séria”. Para Bruno Mariano, da Itaipava/Grupo Petrópolis, as campanhas revelam a força do Itão.

O supervisor regional Maurecy Araújo, da Mauricéa, diz que a participação na campanha representa “o fortalecimento das duas marcas”. Marcos Almeida Júnior, Master e Chocosul, lembra que a relação das duas marcas com a rede de supermercados tem mais de 20 anos, sendo três deles com a Master Distribuidora. “O Itão, para nós, é certeza de visibilidade, uma grande vitrine”, pontua.

A campanha

O 4º PromoItão já sorteou 50 vales-compras de R$ 500,00 cada um e o primeiro dos três veículos 0km. De julho a novembro, serão sorteados mais 50 vales-compras – 10 deles a cada mês. Em dezembro, a rede sorteará dois Renault Sandero Expression 0km. Todos os cupons depositados em urnas das lojas da rede em Ilhéus e em Itabuna desde o início do ano concorrem aos sorteios mensais.

Polvos de crochê e muito carinho na UTI Neonatal do Hospital Manoel Novaes

Domingos Matos, 16/05/2017 | 16:44
Editado em 16/05/2017 | 16:38

Quer uma receita certa de gratidão e amor ao próximo? A dica é simples: linha 100% algodão, fibra siliconada antialérgica, agulha de crochê, tesoura, fita métrica e muito carinho. Essa é a sugestão da artesã e educadora ambiental Stella Tomás, mestre em Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável e idealizadora da Sinhá Juneka, uma iniciativa socioambiental presente nas redes sociais que envolve pessoas de todo o Brasil, em especial da região de Serra Grande, Sul da Bahia. Atualmente realiza uma campanha para produção coletiva de polvos de crochê que serão doados a bebês internados na UTI Neonatal do Hospital Manoel Novaes, em Itabuna.

A ideia, que tem ganhado visibilidade na internet, renasce no Sul da Bahia reinventada por Stella Tomás e toma forma pelas mãos de muitas mulheres que já se associaram à proposta. “Mantemos encontros semanais para produção coletiva dos polvos, mas também temos voluntárias de Salvador, Itabuna, Itacaré e Ilhéus que estão produzindo para mandar os polvinhos”, declarou Stella.

Os tentáculos dos polvos reproduzem o cordão umbilical na fase uterina, acalmando bebês internados que, instintivamente, puxam tubos de medicação e acessórios de monitorização quando internados na UTINeonatal. “É natural para eles o movimento da pega com a mão, o que acaba levando o que vê pela frente. Com os polvos, tecnicamente chamados de Octupus, o ganho é comprovado, além da questão afetiva, do calor aconchegante, sendo o primeiro brinquedo que este neonato leva consigo no momento da alta”, declarou a enfermeira coordenadora da UTI Neonatal do Hospital Manoel Novaes, Luciana Nobre.

Ainda segundo Luciana, a Unidade está recebendo doações também de outros grupos e artesãos, a exemplo do Grupo Casa do Vovô, que também já fez as primeiras entregas. A enfermeira aproveitou para registrar a importância do cuidado com a higienização e uso destes brinquedos na UTI Neonatal, o que inclusive motivou uma Nota Técnica do Ministério da Saúde.  “Estamos atentos a todas as discussões e entendemos que a Nota não contraindica o uso, apenas orienta”, declarou Luciana. .  

Na Sinhá Juneka, a produção está em alta e os polvos de crochê seguem alimentando para as artesãs voluntárias outros tantos benefícios, como bem-estar, elevação da autoestima e da criatividade, além da interação social. A proposta é realizar a entrega dos 50 primeiros polvos ao Hospital Manoel Novaes até o mês de junho. Para saber mais e até se associar à causa, sinhajuneka@gmail.com; facebook.com/sinhajuneka ou no  endereço facebook.com/SantaCasadeItabuna.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.