Tag: comemoram

Taxistas comemoram flexibilização de alvarás em Itabuna

Domingos Matos, 20/09/2019 | 18:13

Os alvarás de táxi em Itabuna poderão ser transferidos também para terceiros. Atualmente a transferência vale apenas para herdeiros. A mudança na Legislação municipal foi aprovada na última quarta (18), pela Câmara de Vereadores. “É nossa carta de alforria, nossa liberdade. Não tenho palavras para agradecer”, comemorou o presidente do Sindicato dos Taxistas, Eduardo Cardoso.

Incentivador da luta dos taxistas, o presidente da Câmara, Ricardo Xavier, apresentou emendas em Plenário ao projeto do Executivo. Uma fixa a concessão de um alvará para cada 700 habitantes – e não 320; e outra condiciona a transferência ao prazo mínimo de 5 anos depois da concessão. O projeto emendado seguiu para sanção do prefeito Fernando Gomes.

Originariamente, a flexibilização na transferência de alvarás entre taxistas partiu do vereador Ricardo Xavier, após ser procurado pela categoria. O projeto passou na Casa por unanimidade, porém o Executivo vetou a matéria por vício de iniciativa. A partir de então, Xavier articulou com o prefeito Fernando Gomes a substituição da autoria e o reenvio da proposta para apreciação parlamentar.

Quadro de pessoal
Na Sessão dessa quarta, 18, os vereadores também aprovaram o projeto de Lei da Mesa Diretora que amplia o quadro de pessoal da Casa. Foi acrescentada uma vaga ao cargo efetivo de Assessor Técnico em Comunicação Social/Jornalismo. No concurso público de 2015 a Câmara ofereceu uma vaga para jornalista. A validade do certame termina em 07 de outubro de 2019.

 

PM apreende submetralhadora com adolescente de 13 anos

Domingos Matos, 21/06/2019 | 13:15

Um adolescente de 13 anos foi apreendido na noite de quinta-feira (20), em Feira de Santana, com uma submetralhadora fabricada nos U.S.A., calibre 9mm (uso restrito). O flagrante aconteceu no bairro Queimadinha durante patrulhamento ostensivo.

Guarnições da 66ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Feira de Santana) faziam abordagens na região quando o menor foi avistado com uma sacola, na Rua Paraíba. Além da submetralhadora, foram encontrados carregador, munições e seis pedras de crack.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes do Sobradinho. "Comemoramos a retirada de um armamento desse calibre das ruas, mas lamentamos o fato de um adolescente ter sido flagrado às 23h, sem acompanhamento de adulto e com os materiais ilícitos. A polícia não vai resolver isso sozinha. A sociedade precisa entender em que momento está errando na formação destes jovens", comentou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Prefeitos comemoram trecho recuperado da BA-262 entre Itajuípe e Coaraci

Domingos Matos, 08/06/2019 | 09:31

A entrega do trecho de 27 quilômetros da BA-262, entre Itajuípe e Coaraci, no sul da Bahia, nesta sexta-feira, 7, foi marcada por comemorações em ambas cidades. Entre os prefeitos, o momento foi de celebração e gratidão por mais uma conquista que vai impactar no desenvolvimento da região. A rodovia foi recuperada com um investimento de R$ 11,25 milhões do Governo do Estado.

Segundo Rui, as melhorias na infraestrutura, em estradas, portos e aeroportos atraem investimentos para o estado. "Com a vinda dos investimentos, você melhora a empregabilidade, a renda e as condições de vida da população. Por isso nós vamos fazer todas as obras necessárias. Eu tenho visitado agências de financiamento internacional, como o Banco Mundial e a Agência Francesa de Desenvolvimento, e temos feito parcerias público-privadas para viabilizar todas as rodovias que precisamos. Vamos seguir fazendo isso, seja com recursos próprios ou com financiamento", afirmou.

Para o prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral, o momento foi de comemoração. “Graças a Deus, em nossa gestão, conseguimos realizar essa obra que hoje inauguramos com o Governador Rui Costa. Esta é uma luta de anos que, com a ajuda dos nossos deputados, conseguimos trazer não só para Itajuípe, mas também para toda a região, beneficiando famílias, pequenos agricultores e produtores rurais, além de melhorar o tráfego para todos”.

Já o prefeito Jadson Albano falou das conquistas que o município obteve nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, em especial a recuperação da rodovia que liga Itajuípe a Coaraci. Segundo ele, 30 anos se passaram, mas agora foi possível realizar mais uma conquista. "A mensagem é de agradecimento ao governador por essa conquista. Estou extremamente emocionado. Agradeço a Deus pelo momento que ele me proporcionou está vivendo".

Os investimento também reflete no fortalecimento da economia da região, pois segundo o presidente da Amurc e prefeito de Firmino Alves, Aurelino Cunha, “a recuperação do trecho foi muito importante para que os produtores possam escoar as suas produções, saindo da zona rural para a zona urbana. Sempre onde tem uma boa estrada tem possibilidade de escoar a produção para o desenvolvimento da região”.

Outras ações

Em Coaraci, o governador entregou o Hospital Geral, que teve o Pronto Socorro reformado e ampliado. “Para a unidade, também iremos entregar equipamentos de estabilização. Além disso, vamos recuperar a sala de cirurgia do hospital”, ressaltou.

Também nesta sexta-feira, Rui autorizou o lançamento de licitação de obra para recuperação da Barragem de Serra da Palha, e a cessão de uso de uma sala do prédio do Centro Social Urbano para implantação de uma creche. Além disso, entregou uma ambulância e 160 títulos do Cadastro Ambiental Rural (CAR). O governador completou a agenda em Coaraci com uma visita ao Colégio Estadual Almakazir Gally Galvão.

 

 

Santa Casa se livra de contratar médicos pela CLT e eles comemoram

Domingos Matos, 30/11/2016 | 01:16

Médicos que atuam na Santa Casa de Misericórdia de Itabuna estão comemorando uma decisão da Justiça do Trabalho que os impede de serem contratados pelo regime CLT pela própria Santa Casa. A juíza da 3ª Vara do Trabalho de Itabuna, Cristiane Menezes Borges Lima, julgou improcedente uma Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho, que exigia a contratação de todos os médicos que atuam na instituição como empregados, sob o regime celetista. A ação pedia ainda uma multa de R$ 1milhão, a título de indenização por dano moral coletivo.

Os médicos disseram na ação, como testemunhas, que não é interessante para eles o vínculo empregatício, porque “desenvolvem suas atividades profissionais livremente, ora atendendo em seus consultórios, ora realizando cirurgias e ou cumprindo plantões nos mais diversos estabelecimentos médicos e/ou hospitalares existentes no eixo Itabuna – Ilhéus”. Em outras palavras, não gostariam de esterem presos a um único emprego/fonte de renda.

Outra argumentação diz respeito às “dificuldades” que um vínculo como esse geraria na organização dos plantões. Isso porque eles comumente trocam plantões de acordo com suas conveniências, e essa prática acabaria por embaralhar os dados no setor pessoal.

“Somos profissionais liberais e, como tais, autônomos. Não queremos ser empregados, até porque existem peculiaridades na profissão médica que não são atendidas no modelo CLT”, declara a médica neonatologista e diretora do Hospital Manoel Novaes, Fabiane Irla Chávez.

O advogado da Santa Casa - e, indiretamente, dos médicos - na ação foi o "trabalhista-patronal" Francisco Valdece.

Governo publica nomeação de novos policiais civis nesta quinta-feira

Domingos Matos, 03/08/2016 | 22:46
Editado em 03/08/2016 | 22:49

O Diário Oficial do Estado publica, nesta quinta-feira (4), a lista com todos os nomeados para a Polícia Civil, conforme anunciou o governador Rui Costa nesta quarta-feira (3). Serão 101 delegados, 47 escrivães e 409 investigadores de polícia, totalizando 557 novos servidores que atuarão na instituição.

De acordo com a Secretaria da Administração do Estado (Saeb), dos 639 convocados, apenas 82 não serão nomeados no Diário desta quinta-feira. Esses candidatos se enquadram em três perfis diferentes. “Aqueles que não tiveram seus nomes na lista desta quinta foram considerados inaptos nos exames médicos admissionais, solicitaram o reposicionamento para o final da lista de convocados ou estão questionando judicialmente alguma etapa do concurso”, afirmou o secretário da Administração, Edelvino Góes.

Se os convocados que estão com a questão sub judice fossem nomeados nesta quinta, o governador poderia responder por ato de improbidade administrativa, “portanto esse tipo de situação requer análise acurada da Procuradoria Geral do Estado (PGE) sobre a extensão dos efeitos de cada decisão judicial”, complementou Góes.

“A Polícia Civil e a sociedade comemoram a chegada desses profissionais, que vão reforçar o trabalho investigativo em Salvador, na Região Metropolitana e no interior. O Governo do Estado não mediu esforços para atender a essa demanda que era da categoria, da população e da própria instituição”, destacou o delegado-geral, Bernardino Filho. Após a nomeação dos 557 policiais civis, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) anunciará a data de posse dos servidores que integrarão a Polícia Civil.

Governo federal divulga dias de feriado nacional e ponto facultativo em 2012

Domingos Matos, 26/12/2011 | 17:29
Editado em 26/12/2011 | 17:30

O Diário Oficial da União desta segunda-feira (26) publica portaria do Ministério do Planejamento que divulga os dias de feriado nacional em 2012 e estabelece datas de ponto facultativo para os órgãos públicos federais.

Segundo o texto da portaria número 595, de 22 de dezembro de 2011, as datas consideradas feriados nacionais são: 1º de janeiro - Confraternização Universal (domingo), 21 de abril - Tiradentes (sábado), 1º de maio - Dia Mundial do Trabalho (terça-feira), 7 de setembro - Independência do Brasil (sexta-feira), 12 de outubro - Nossa Senhora Aparecida (sexta-feira), 2 de novembro - Finados (sexta-feira), 15 de novembro - Proclamação da República (quinta-feira) e 25 de dezembro - natal (terça-feira).

Outro feriado divulgado é de 28 de outubro (domingo), em que funcionários públicos comemoram o Dia do Servidor Público, conforme a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

Dentre os pontos facultativos estão: 20 e 21 de fevereiro - carnaval (segunda e terça-feira), 22 de fevereiro (quarta-feira de Cinzas, sendo ponto facultativo até as 14h), 6 de abril - Paixão de Cristo (sexta-feira), 7 de junho - Corpus Christi (quinta-feira), 24 de dezembro - véspera do natal (segunda-feira) e 31 de dezembro - véspera de Ano Novo (segunda-feira).

A portaria estabelece que os órgãos federais irão observar em cada localidade os feriados declarados em leis estaduais e municipais e que os serviços essenciais de cada área deverão ser mantidos.

Wagner no aniversário de Itabuna

Domingos Matos, 22/07/2011 | 12:58
Editado em 22/07/2011 | 13:17

Apesar da informação confusa da Coordenação de Articulação Social (Coas), que colocou Wagner no "aniversário de Itabuna", no dia "23/07 - Sábado", é certo que o governador estará na cidade para as comemorações do aniversário do município. Na quinta-feira (28), dia em que se comemoram os 101 anos da emancipação de Itabuna.

A programação divulgada pela Coas dá conta de uma agenda que inclui, às 15 horas, o lançamento do  Pacto pela Educação; a inauguração do posto de Abastecimento do Gasene; a inauguração da Unidade SEST/SENAT-FETRABASE; e "outras atividades".

Espera-se que o anúncio da recuperação do trecho de Itabuna a Ibicaraí, da BR-415, além de outras obras 'garantidas' pelo deputado Augusto Castro, o mais novo amigo do governador, esteja incluído nessas "outras atividades". O deputado anunciou essa obra como resultado de um pleito seu em audiêncioa com JW.

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 05/06/2011 | 15:00
Editado em 05/06/2011 | 16:19

Adylson MachadoQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Armação

O TROMBONE de sábado 4 – “Estripulias de Algum Menino Grapiúna” – descobriu uma inusitada pérola, ao levantar uma série de dúvidas em torno Edital 002/2011, Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania-FICC para “realização de Processo Seletivo Simplificado para contratação, por prazo determinado, por necessidade temporária de excepcional interesse público”, que promove quase à sorrelfa a admissão de 35 Professores de Capoeira, Ballet, de Violão, de Dança, de Bateria, de Teclado, de Flauta, de Artesanato, de Teatro, de Bordado etc

Os questionamentos de O TROMBONE põem em dúvida a credibilidade da seleção e alimentam a certeza de que algo cheira muito mal. Não só os prazos para inscrições, como o denuncia o texto (VER), de exíguas três manhãs úteis, iniciados numa sexta-feira e encerrados na terça seguinte.

Pérola

O mais estranho é o fato de que das 35 atividades sob seleção, todas com remuneração de 650 reais, onde a escolaridade exigida é o ensino fundamental – dentre elas ensino de flauta, de ballet, de teatro, de escultura – se destaque a de “dança de salão”, a única com remuneração de 1.500 reais para quem tenha “ensino superior completo ou cursando enfermagem ou fisioterapia”, quando outro tipo de dança (street dance) se encontra na planície do fundamental e da remuneração geral.

Se já fede à carniça a justificativa de “excepcional interesse público”, a urubuzada se fartará quando se confirmar que pode ter alguém muito especial como beneficiário da peculiar exigência do Edital para preenchimento do cargo de “professor de dança de salão”, aquele que exige “ensino superior completo ou cursando enfermagem ou fisioterapia”.

Perguntas aguardando respostas

Onde a urgência admitida em lei para justificar tão exíguo tempo de inscrição para preenchimento de cargos que são da atividade corriqueira da FICC? Por que “ensino superior completo ou cursando enfermagem ou fisioterapia” somente para um tipo de dança?

Que interesses levam Cyro de Mattos a manchar sua reputação subscrevendo dito Edital? Ou não foi ele quem o subscreveu, tanto que não se tem notícia da publicação com a transparência exigida?

Alguém pretende beneficiar-se da celeridade. O que cheira a uso político, voltado para beneficiar alguma candidatura nas próximas eleições.

Que não será a do Prefeito José Nilton Azevedo, que está com a legítima Prefeitura Móvel nas ruas.

“A voz do dono”

voz do donoA RCA dispunha da expressão como propaganda, sublinhando a imagem de um cão atento ao som que saía de um megafone. Nossa atenção ainda se debruça sobre o som no rádio e na televisão com uma atenção e fidelidade caninas.

O ouvinte ou telespectador confia no expressado pelo rádio e pela televisão. O que ninguém busca descobrir é a quem pertence o órgão e se a opinião é do interesse do ouvinte/telespectador ou do proprietário. Se é informação e notícia ou propaganda do dono.

A outra voz do dono

O Ministério das Comunicações divulgou na segunda-feira 30 o que denomina de cadastro dos donos de rádios e TVs no Brasil, antiga caixa-preta do Ministério, antes inacessível aos vis mortais. Entre as 291 TVs, 3.205 rádios e 6.186 retransmissoras comerciais existentes 56 parlamentares estão inseridos como detentores de concessões. Do PMDB são 12, outros 11 do DEM/PFL.

Dá para imaginar o nível de “isenção” editorial. Detalhes em www.advivo.com.br “Lista de parlamentares donos de rádio e TV) de quinta 2.

Não custa descobrirmos quem é “A Voz do Dono” do que vemos e ouvimos.

Anunciado e cancelado

Anunciado estava "Bullying, a violencia na escola", texto e direção  de Jorge Lins e montagem do Grupo Raízes, de Sergipe (com mais de 20 anos de existência), no palco do Centro de Cultura Adonias Filho, dia 6 de junho, segunda, 10 e 15 horas. Espetáculo visto por 6 mil pessoas em  apenas dois dias em Sergipe (Ver site  www.educar-se.com).
A apresentação foi cancelada. Motivo: tratando-se de teatro voltado para a escola não encontrou o apoio devido em Itabuna. A produção e os atores nem recebidos foram pelas escolas – como denuncia Eduardo Ribeiro, produtor do espetáculo.

As desculpas em geral: "estamos em reunião". Numa delas até foi "sugerido" que eles não esperassem para falar sobre o espetáculo porque  naquela escola o pessoal não se interessa por cultura..."

Surpreendeu negativamente falta de sensibilidade e compromisso por parte dos educadores desta cidade. Da DIREC a escolas particulares e públicas, salvaram-se esporadicamente algumas que  deram atenção e se empenharam com o evento.

Cancelado um espetáculo de extrema importância e tão oportuno.

Tardia descoberta

Agatha Christie continua reconhecida dentre os melhores textos do planeta. Um de seus clássicos mudou de nome no Brasil. Em nome da paranoia do politicamente correto “O Caso dos Dez Negrinhos” (1939) – Ten Little Nigers, no original – passa a ser denominado “E Não Sobrou Nenhum”.

Respeitadas as ponderações da editoria inglesa que em 1940 o republicara como “And Them There Were None” – que pode ser traduzido literalmente como o atual “E Não Sobrou Nenhum” – (“Níger” por lá não tem a mesma conotação que recebe a palavra negro na língua portuguesa).

O que estranha é que a “descoberta” nacional somente tenha ocorrido 71 anos depois. Que não esqueceu de fazer referência ao título anterior, até recentemente admitido. www.advivo.com.br de terça 31.

Romário nota dez

Para os que o criticaram por conquistar uma vaga na Câmara dos Deputados uma resposta à altura do Deputado Romário: conseguiu aprovar a convocação do presidente da CBF Ricardo Teixeira para esclarecer o seu possível envolvimento nos casos de corrupção de que o acusam na FIFA. www.tribunadaimprensa.com.br de quarta-feira 1º. 

Palocci

paloci bessinhaA mais honesta das justificativas até agora encontradas para o aumento patrimonial de Antônio Palocci pode ser denominada de “tráfico de influência”. Que fere a legislação (Lei de Improbidade Administrativa). Em palavras simples: utilizar de prestígio e influência para viabilizar soluções junto aos governos. Ou mesmo, diríamos, criar uma expectativa para interesses privados junto a órgãos públicos.

Há, no entanto, uma dimensão Ética que se exige de figuras como o Ministro (então deputado federal e ex-Ministro da Fazenda enquanto empresário), não conviver com as justificativas até este momento oferecidas. O estranho e espetacular avanço patrimonial por si só retira indícios de boa-fé nas relações que envolvem os negócios da Projeto, que alimenta o raciocínio que foi efetivamente um feliz e grande projeto enquanto durou para esse fenômeno empresarial que é o Palocci, o médico dos negócios.

Palocci e o PSDB

As explicações que a sociedade exige – diante do aroma de interesses públicos e privados em conflito – nunca serão superadas por declarações como as de Aécio Neves, José Serra ou Geraldo Alkmin. Ditas defesas apenas mais aprofundam a intimidade entre tucanos e petistas de coturno quando o assunto tende à imoralidade, tornando-os todos iguais perante a dita cuja.

É por isso que o Ministro não pode explicar o providencial aumento, especialmente acontecido em ano eleitoral. Mas bem que a caneta da Presidente Dilma pode e deveria fazê-lo: exoneração é a palavra.

Oportunidade

Considerando que o ainda Ministro da Casa Civil não se dignou revelar que apostou em loterias e que “Deus me ajudou muito” caminha para efetivar a máxima atribuída ao Barão de Itararé: deixar a vida pública para entrar na privada.

Um grande que se vai

abdiasAbdias do Nascimento morreu no dia 27 de abril, aos 97 anos. Em que pese a luta histórica empreendida era esquecido pelas novas lideranças. Uma voz emudecida pelas circunstâncias. Pioneira da imprensa negra no Brasil, com o “Voz da Raça” (1930), não o víamos destacado no patamar que merecia, tantos os serviços prestados à causa dos infortunados.

Todos comemoram o dia Nacional da Consciência Negra no feriado de 20 de novembro, em homenagem a Zumbi dos Palmares. Tudo criado por Abdias do Nascimento, enquanto Deputado e Senador pelo PDT.

UESC

A proposta da UESC de tornar a prova do ENEM caminho de acesso à universidade abre considerável espaço para muitos que não conseguiriam ultrapassar o funil do vestibular.

Que os desdobramentos sejam ainda mais favoráveis: restaurante universitário que corresponda à realidade do alunado etc.

Autoestima

plataformaO lançamento da P-56 nesta sexta 3, que operará no Campo Marlim Sul, na Bacia de Campos-RJ, é reconhecido como um marco na indústria naval do País, por consolidar a construção de plataformas desse porte no território nacional.

Não só a construção, como o alto índice de nacionalização (73%) teve seu casco totalmente construído e iniciará a produção em agosto.

Em tempos não tão distantes (na era FHC) Cingapura era o sonho de consumo.

Mais do que a geração de empregos e desenvolvimento da tecnologia nacional a P-56 nega o “complexo de vira-lata” que acomete parcela de nossa elite, encantada com o que vem de fora. Detalhes em www.advivo.com.br de sexta 3.

Não esquecendo que o Brasil começa a produção em série de cascos de plataformas, fato inédito no mundo, com a instalação do dique-seco do pólo naval de Rio Grande-RS, inaugurado em outubro passado pelo Presidente Lula.

Lançamento

Na próxima terça 7, Dr. Teobaldo Magalhães estréia na literatura médica com a obra “Os 5 Segredos para a Saúde” (EDITUS). O evento que tornará público o lançamento do primeiro trabalho de Dr. Teobaldo acontecerá no Hotel Tarik, às 19 horas.

De profunda sensibilidade espiritual, o autor – que viveu um período de sua vida na Índia, com Sry Sathya Naraiana Raju Sai Baba – traça suas experiências e observações amparando-as na ciência médica para promover apoio ao semelhante.

Prefeitura Transparente

Considerando a responsabilidade decorrente da premiação recebida, a Prefeitura de Itabuna certamente disponibilizará, nominando-os, os funcionários e comissionados que já estão utilizando de recursos públicos e do correspondente tráfico de influência para alavancar campanhas políticas para vereador/2012.

Rosemberg Pinto

As vaias recebidas pelo deputado mais estão vinculadas ao descaso com que tratou o evento de que participava. Para muitos que criticaram sua intervenção, lhes pareceu menosprezo à realidade cacaueira. Esse o motivo dos aplausos.

O experiente sindicalista não dimensionou suficientemente as palavras, tampouco percebeu que o público não era assembleia sindical.

Eva Lima I

A voz isolada de Eva Lima no deserto em que se encontra a manifestação dos artistas e agentes da cultura grapiúna é digna de louvores. Aproveitou a oportunidade que exercia na abertura dos trabalhos do “Pensar Cacau”, no Centro de Cultura Adonias Filho, no dia 27 de maio, e conclamou os deputados presentes a olharem com mais cuidado a classe artística local, em particular no sentido de dotá-la de um espaço que os tire da dependência que hoje vivem. Detalhes em http://jornalitabunaculturaearte.blogspot.com de quinta 2 (“Eva Lima cobra dos deputados providências sobre o Teatro e o Centro de Convenções”).

Eva Lima II

Avivando a memória, já o dissera a atriz e produtora cultural no programa Alô Cidade, da TVI, que Itabuna vive o pior momento de sua mobilização cultural, diante do controle dos espaços por dirigentes lamentavelmente postos em cargos para os quais não dispõem do preparo e competência exigidos.

Itororó

O clima junino ocupa a cidade. Uma decoração simples e tradicional começa a contagiar.

A volta do retalho

Outro retalho auxilia o plano das fotografias de Ruy Machado, a área para o prédio da Câmara.

Academia I

Não imagine o caro leitor que trataremos das muitas academias itabunenses. Mas da Brasileira de Letras, que acaba de eleger(?) Merval Pereira para ocupar(?) a vaga deixada por Moacir Scliar, na cadeira 31. O eleito tem dois livros publicados, dispondo sobre profundos temas: “A Segunda Guerra, sucessão de Geisel” e “O lulismo no poder”.

Venceu a disputa com o insignificante escritor Antônio Torres, premiado nacional e internacionalmente e com uns poucos dezesseis livros publicados, traduzidos na Itália, Argentina, México, Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra, Bélgica, Holanda, Israel, Bulgária, sem falar de Portugal. Disponibilizamos, em anexo, os prêmios e as obras publicadas pelo insignificante Antônio Torres. (VER, detalhado em www.advivo.com.br “Como vota a Academia Brasileira de Letras”).

Academia II

Aliás, a Academia Brasileira de Letras continua fazendo das suas. Nela nunca ingressaram Lima Barreto, Monteiro Lobato, Carlos Drumond de Andrade, Cecília Meireles, Clarice Lispector, Vinicius de Moraes, Érico Veríssimo. Uma corrente de insignificantes, como esse pretendente Antônio Torres.

Como pode ser visto a preocupação da ABL não se volta para os aclamados escritores, mas para alimentar a mediocridade que aos poucos se instala. Paulo Coelho, Merval Pereira etc. Rejeitou Mário Quintana duas vezes e elegeu Paulo Coelho na primeira, como agora o faz com Merval.

Não custa aplicar a máxima de Tiririca: “Pior do que está não fica”. Afinal, alimenta e inova a ABL com a campanha “piorar o que já está ruim”.

Germano Mathias

Descobrimos Germano Mathias nos idos do primeiro quartel dos anos 60, tocando um de seus 78 rpm em serviço de auto-falante. O grande sambista paulista chegou aos 77 anos neste dia 3. Aqui uma dupla homenagem: ao aniversariante que nos brinda com três trabalhos e ao programa Sr. Brasil, de Rolando Boldrin.  

Cantinho do ABC da Noite

cabocoO poeta Firmino Rocha – do imortal “Deram um Fuzil ao Menino” – tinha por hábito ocupar o balcão à direita da entrada, “suando ternura, lirismo, poesia”, como escreveu Eduardo Anunciação. O vate, enquanto lá estava, ficava encostado nas caixas ou engradados que serviam de porta de acesso ao interior do comércio e se tornou referência por tal postura. O costume continua adotado por alguns dos atuais fregueses.

O cliente pergunta-lhe, para confirmar o fato:

– Era de Firmino Rocha o lugar, Cabôco?

– Sim, Cabôco. Saiu Firmino, ficou a rocha – gozando com o que se aboletava junto aos engradados.

_________________

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 22/05/2011 | 13:03
Editado em 22/05/2011 | 15:42

Adylson MachadoQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Reginaldo Germano

Em entrevista ao blog Políticos do Sul da Bahia o ex-deputado acusa a Globo de perseguição e ao Bispo Rodrigues por fatos que lhe foram atribuídos.

Faltou detalhar porque insistia tanto para que as prefeituras alcançadas por recursos de suas emendas somente comprassem ambulâncias através da empresa que indicava. Ainda que custando praticamente o dobro.

Tanto que um secretário de finanças da região recusou a benesse do deputado. Admitia receber os recursos e com eles compraria duas, circunstância não aceita pelo então deputado.

Estava certo o secretário.

Ainda a retalho

O presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Ruy Machado, entrega relatório de auditória, ao Tribunal de Contas dos Municípios.

Segunda etapa da publicidade. Aguarda-se a(s) próxima(s).

A programada escassez de “papel e tinta”, a serviço da publicidade.

Coronel Santana I

Quando vemos a omissão da sociedade (clubes de serviço, sindicatos etc.) diante de uma realidade imediata que afetará diretamente o município de Itabuna no futuro (fixação de novos limites entre os municípios de Ilhéus e Itabuna, um imperativo de justiça territorial que se impõe e autorizada em lei estadual), nos perguntamos o que está acontecendo com nossa gente.

Quando vemos a ação concreta do deputado Coronel Santana em defesa do refazimento de limites, lutando só e sem o apoio que deveria encontrar dos itabunenses ficamos a perguntar: por quê?

Coronel Santana IIsantana

Cremos, a partir dessas observações, que Itabuna guarda mágoa no frízer e não dispõe da capacidade de dialetizar a realidade, de estabelecer uma visão crítica em relação aos fatos concretos quando necessária. E com isso são confundidos alhos com bugalhos. E às favas os interesses da cidade.

Assim, vemos: a avaliação que fazem do deputado Coronel Santana não diz respeito ao político que está defendendo com brio nossos interesses no caso da fixação de novos limites territoriais entre Ilhéus e Itabuna, mas ao militar Coronel Santana do passado.

O do passado, que receba críticas; o do presente, apoio no que diga respeito a benefícios para Itabuna.

Apática sociedade

O Divina Providência em escombros, físicos e culturais. E quer levar de roldão a centenária Igreja de Santo Antônio, na Cinquentenário, atingida pela sanha irresponsável e predadora do capitalismo regional sob passiva contemplação desta terra, ainda capital do cacau. Tudo porque não temos administração pública comprometida com sua História.

Somente alguns poucos se levantaram: Sineu, João Otávio, Eduardo Anunciação...

Outros tempos

Ainda toca a postura da então Senadora Serys Slhessarenko votando contra suas convicções para manter a fidelidade ao governo do PT que apresentava uma proposta para a Previdência que não condiria com a história de lutas do partido. Da tribuna do Senado defendia suas convicções e votava contra elas em respeito à determinação partidária ainda que as lágrimas lavassem a tribuna. Um exemplo do que representa a militância histórica do PT.

Para surpresa nos debruçamos sobre a informação de que Serys está ameaçada de expulsão do partido, por recomendação da Comissão de Ética do PT de Mato Grosso, em razão de disputa interna com o ex-deputado federal Carlos Abicalil, que com ela disputou a indicação para disputa senatorial em 2010 (ambos perderam: ela, para deputada; ele, para o senado). Detalhes em www.advivo.com.br  (Expulsão da ex-senadora do PT), de quarta 18.

Que tempos!

No outro lado, uma denúncia contra Palloci encontra respaldo do partido, ainda que haja cheiro de “prevaricação”, como sinaliza Maierovitch no www.conversaafiada.com.br. A velha máxima de que a mulher de César tem de parecer honesta se perde no caudal de uma evolução patrimonial quando mínimo estranha.

Talvez fosse melhor para o PT e sua história expulsar corruptos – depois da apuração dos fatos – ou deixar de recebê-los de braços abertos. E manter as pessoas de bem em seus quadros.

Tristes tempos!

Não é bem o que se vê. Na Bahia ações políticas do Governo mais se aproximam das criticadas ações do carlismo. Aliás, o PT baiano, pelo caminhar da carruagem está mais para “eu sou você de ontem”. Luta com denodo para ocupar todos os espaços deixados pelo carlismo-soutismo-borgismo: não paga dias trabalhados de professores em greve e se ausenta do diálogo que sempre defendeu quando na oposição, sem falar na truculenta e reacionária determinação de que somente conversa com o retorno dos grevistas à sala de aula.

De forma competente, reconheça-se, se apropriou do chicote que condenou em outros tempos.

Obscurantismo

Para presidir a celeuma sobre o livro da Professora Heloisa Ramos – adotado pelo MEC – onde a autora mais demonstra a existência da dicotomia norma culta e norma inculta para, através da fala comum ensinar a culta, só falta buscar Torquemada. Tudo por causa do livro 6, capítulo 1, intitulado Escrever é diferente de falar, em “Por uma Vida Melhor”.

Outro aspecto – ao que parece não levado em conta na “malhação” – diz respeito aos destinatários da obra: alunos do EJA, ou seja, adultos em aprendizagem, não para crianças em alfabetização, como a “malhação” quer fazer crer. Sob esse prisma pode-se perceber a intenção da obra em ilustrar com a norma popular para que o aluno compreenda a norma culta.

Não podemos imaginar que uma realidade palpável seja afastada da discussão: o povo tem seu jeito de falar, inserido no imaginário desde tempos imemoriais.

Cremos que falta a muita gente ler ou retomar as leituras de Câmara Cascudo. Ou ouvir Elomar em “O Pedido”, antes de lançado à fogueira..

Inocente útil

No circo armado até uma procuradora da República, Janice Ascari, emite opinião a partir dos textos jornalísticos(?) e não da leitura da obra, alimentando aquela “toda unanimidade é burra” nelsonrodrigueana.

Disponibilizamos o texto atacado e o leitor verá que a campanha é sórdida (AQUI).

Dividendos indecorosos

Certamente há exploração política, visando atacar o governo. Para tanto ensaia-se um gesto de retorno à Inquisição: a queima de livros. Uma coisa assim, nestes tempos, como François Truffaut enxergou para o futuro que devemos evitar ao nos oferecer “Fahrenheit 451” (1966).

Hora de assistir.

A propósito do artigo de Adervan

Em aula ministrada para uma turma de Sociologia em colégio do Estado o professor discorria sobre objetos conceituais de classes sociais, partindo, no primeiro instante, da premissa marxista: a dominante e a dominada. Sob esse prisma provocou o alunado sobre como via em seu entorno o que seria classe dominante.

A resposta incontinenti de um aluno deixou-o aturdido: o traficante.

Uma realidade que o Estado da Bahia e seus prepostos não querem enxergar, apesar de vê-la.

Cavalo de batalha

A considerar o quanto noticiado em torno do assunto não vemos nada de excessivo no texto de José Adervan, reproduzido neste O TROMBONE de quarta 18 (Censura ao jornal Agora – ridícula e inaceitável).

Contra fatos não há argumentos.

Pode haver obscurantismo.

Formação x realidade

Ainda que em nível de formação não podemos negar o patamar em que se encontram nossas escolas, se consideramos a escolaridade formal do professor. Raro aquele que não dispõe de graduação, estando a maioria no universo das especializações e pós-graduações.

Do tempo da cartilha e da tabuada longe estamos sob esse paradigma. No entanto, temerário afirmar que tal avanço tenha configurado à formação do alunado a transferência de informações que os sustentem no plano do domínio da sintaxe, da semântica e da morfologia, ainda que disponibilizados uma gama de recursos técnicos.

Tanto que nos dá uma saudade da cartilha e da tabuada!

Santa Casa

Aproximam-se as eleições para a Provedoria da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, centenária instituição que nasceu para a filantropia, em muito mudada pelas circunstâncias que o dia a dia vai registrando.

Nomes ensaiados, ou explorados, nesse instante: Carlinhos da Bavil, como indicação do atual provedor Renan Moreira, e Dr. Silvany Chaves, pelo ex-provedor Dr. Sílvio Porto.

Considerando a eterna necessidade de recursos e levando em conta que dinheiro é o combustível que move o capitalismo e a instituição em particular, o comerciante de combustíveis Carlinhos apresenta respeitável currículo.

Jornal Itabuna Cultura & Arte

Retornando a pleno vapor o eletrônico. Ampliou consideravelmente o leque de informações, envolvendo todo o cenário baiano.

Em sua 11ª edição comete uma precipitação: entrar no oba-oba que critica o livro “Por uma vida melhor”, da Professora  Heloisa Ramos. (Recomendamos à editoria ler o texto que alimenta a crítica, na íntegra, disponibilizado aqui através deste DE RODAPÉS E DE ACHADOS).

No mais, tudo bem: o cantor Fábio Souza, o VI Multiarte Firmino Rocha, Marcelo Ganem, Nilson Mendes, Antonio Naud Junior entre outros.

Quem diria?

“Domingo Espetacular” da Record cresce 100% em São Paulo nos últimos sete anos, fazendo o “Fantástico” despencar 42% no mesmo período. Detalhes em www.advivo.com.br (Domingo Espetacular derruba audiência do Fantástico) a partir de http://www.folha.uol.com.br/ilustrada/917996-fantastico-cai-42-pontos-apos-disputa-com-o-domingo-espetacular.shtml)  

Obama

O discurso de Obama sobre o Oriente Médio precisa ser lido sob vários prismas. Se for “de verdade” – como se dizia na infância – será um grande passo, inclusive que pode levá-lo à morte, política e física.

Muda

gilA grande imprensa não menciona um fato inusitado que deveria repercutir por envolver um personagem singular: o pedido de impeachment do Ministro Gilmar Mendes, subscrito pelo advogado Alberto de Oliveira Piovesan, protocolado no Senado Federal e na OAB.

Detalhes em www.advivo.com.br e www.conversaafiada.com.br

Instalada

alambiqueAinda que não afeita a pompas e circunstâncias a ALAMBIQUE (Academia de Letras, Artes, Música, Birita, Inutilidades, Quimeras, Utopias, Etc.) tornou pública a sua existência ao se reunir para o batismo de seus acadêmicos no salão da ALG – Academia de Letras Garrafais, no ABC da Noite, no Beco do Fuxico, estendido ao Artigos Para Beber, no mesmo histórico logradouro.

Selo à vista

Para aproveitar a diversidade acadêmica inserida na ALAMBIQUE torna-se possível a busca por um selo literário para uma coleção, que sugerimos o seja pela Via Litterarum, através da Série Alambique.

Apertando o cinto

Entrevista concedida por Roberto de Souza ao Pimenta na Muqueca revela o fosso que vem se acentuando para o projeto do PT para 2012.

Já escrevemos em DE RODAPÉS da dificuldade que enxergamos para uma composição que fortaleça uma candidatura petista. Dizíamos que dificilmente o PR de César Borges, o PMDB de Geddel Vieira Lima, o PSDB de Jutahy se filiarão ao projeto de GS. Nem mesmo há certeza do apoio do PSB local diante da rejeição de muitos de seus integrantes a uma aliança com o PT. E nem se fale do PCdoB, que tem projeto e determinação com candidatura própria.

A dificuldade concreta de viabilizar uma candidatura de Juçara vai minguando a cada dia. Talvez seu nome ainda em evidência esteja voltado para a possibilidade de uma estadual em 2014.

As dissensões locais aprofundam o fosso.

Dia da engasga-gato

Ninguém se digna comemorar com o estardalhaço que as grandes efemérides exigem. E o dia 21 de maio, Dia da Cachaça, passa em branco.

Em termos, porque os que a admiram o comemoram diariamente.

A vingança de Itororó

Veiculada a informação de que o deputado estadual Rosemberg Pinto poderia se candidatar a prefeito de Itapetinga (Políticos do Sul da Bahia).

Como há tempo suficiente para transferência de domicílio eleitoral queremos crer que o político, nascido em Itororó, é uma resposta à tentativa de Edineu Oliveira importar um sobrinho, de Itapetinga, para candidato a prefeito em Itororó.

Debruçados sobre Pixinguinha

Zé da Velha, Silvério Pontes e Alexandre Maionese desdobram trombone de vara, trompete e flauta em textos apresentados no Teatro Carlos Gomes – Rio de Janeiro – dentro do “Projeto 7 em Ponto”.

Cantinho do ABC da Noite

cabocoNeste glorioso 2011, da pródiga estação de criação de Academias em Itabuna, o Filósofo do Beco foi instado por pares da Academia de Letras Garrafais-ALG, sediada no próprio ABC da Noite, sobre a possibilidade de seu ingresso nas mais recentes iniciativas.

– Quando Cyro de Mattos parar de criar Academias de Letras aí eu entro na última – pontuou Cabôco Alencar. E concluiu:

– Afinal Cabôco, os últimos serão os primeiros!

_________________

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

EUA comemoram a morte de Osama bin Laden

Domingos Matos, 02/05/2011 | 08:21
Editado em 02/05/2011 | 08:24

osamaO líder da rede terrorista Al Qaeda, Osama bin Laden, está morto e seu corpo foi resgatado por autoridades dos Estados Unidos, informou a rede de televisão CNN no fim da noite do domingo. De acordo com as fontes ouvidas pela CNN, Bin Laden morreu durante um ataque dos EUA a uma mansão nos arredores de Islamabad, capital do Paquistão, país vizinho ao Afeganistão.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fez por volta da 0h30 desta segunda-feira (horário de Brasília), um pronunciamento anunciando oficialmente a morte do líder terrorista de origem saudita Osama bin Laden.

De acordo com Obama, o governo dos EUA havia obtido informações na semana passada sobre a localização de Bin Laden em um complexo na periferia de Islamabad, capital do Paquistão. “Na semana passada determinamos que tínhamos informação suficiente [para conduzir um ataque conta Bin Laden]. Na noite de hoje [domingo], um pequeno time de soldados americanos levou a cabo a operação. Após um tiroteio, esses soldados mataram Bin Laden e capturaram seu corpo. Nenhum americano foi ferido e houve cuidado para que nenhum civil fosse ferido durante a operação”, disse Obama no pronunciamento.

Leia tudo

Geraldo e Wagner comemoram medida que ''deslancha'' PAC do cacau

Domingos Matos, 15/12/2010 | 23:57
Editado em 16/12/2010 | 00:09

GSO Senado aprovou nessa quarta-feira (15), a Medida Provisória 500, que permite ao Governo Federal e empresas públicas comprar e vender ações sem deixar de ser majoritário, que entre outros desdobramentos, valida a capitalização de R$ 120 bilhões da Petrobras.

Na Câmara, a  medida teve como relator o deputado federal Geraldo Simões, que incluiu emenda beneficiando diretamente 10 mil produtores de cacau. A mesma MP já havia sido aprovada pela Câmara dos Deputados.

As medidas propostas por Simões incluem os produtores que contrataram créditos com o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste – FNE; do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF, da etapa 4 do Programa de Recuperação da Lavoura Cacaueira Baiana, cujos  débitos, não inscritos na Dívida Ativa da União, estejam sendo executados pela Procuradoria-Geral da União.

Com a emenda de Geraldo Simões, o prazo de renegociação das dívidas dos produtores de cacau, que havia sido encerrado em dezembro do ano passado, vai até 30 de junho de 2011. Os produtores agora incluídos com a MP 500 terão oito anos de carência e prazo de 20 anos para quitar a dívida da renegociação.  “Além de prorrogar o prazo de renegociação, a medida amplia os descontos e inclui mais três mil produtores”, diz o parlamentar.

O deputado acredita que a MP irá deslanchar o PAC do Cacau. “Antes, não havia legislação que amparasse as negociações no caso de produtores inscritos em outros programas de financiamento da lavoura. Faltava o arcabouço jurídico”, disse oparlamentar. “Essa é uma vitória  de todos os segmentos que se uniram para viabilizar o PAC do Cacau, do governo às entidades representativas dos produtores”, disse.

Wagner comemora

wagnerDe Brasília, de onde acompanhou a votação da MP 500, aprovada hoje pelo Senado,  o governador da Bahia Jaques Wagner comemorou o resultado: “A aprovação marca hoje mais um grande avanço na recuperação da região da lavoura cacaueira. Foi motivo de muito esforço e entendimento entre todos os setores envolvidos sob o comando do nosso governo. Foram atendidas importantes reivindicações que darão novo impulso à economia cacaueira. Agora, serão incluídos novos contratos em condições mais favoráveis aos cacauicultores, além da melhora nas condições do processo de negociação desses contratos”.

Líderes comemoram 'a volta do cacau'

Domingos Matos, 15/12/2010 | 00:09
Editado em 15/12/2010 | 00:30

mesaDurante entrevista coletiva com a imprensa itabunense, na manhã dessa terça-feira, no Itabuna Palace, representantes de diversas entidades que lidam diretamente com a pesquisa e produção do cacau na região classificaram o ano de 2010 como o da "volta da lavoura".

A opinião é compartilhada pelos diversos líderes presentes à coletiva, como o presidente da Associação dos Produtores de Cacau (APC) e diretor-geral da Biofábrica, Henrique Almeida; o chefe do Centro de Pesquisas do Cacau (Cepec/Ceplac), Adonias Castro; o presidente da Câmara Setorial do Cacau, Fausto Pinheiro; o secretário-executivo do Instituto Cabruca, Durval Libânio e o do Grupo Pensar Cacau, Águido Muniz (foto).

“Foi o fim de uma década difícil para a região”, sentenciou o chefe do Cepec, Adonias Castro, listando alguns avanços conquistados pela Ceplac na atual gestão. “Diminuiu a incidência de vassoura-de-bruxa no campo e a produção, em alguns casos, dobrou”, diz, pontuando a intensa pauta da Ceplac de atividades dirigidas ao produtor.

Leia aqui texto completo da entrevista.

Petistas comemoram Juçara na suplência de Lídice

Domingos Matos, 02/07/2010 | 16:39
Editado em 02/07/2010 | 16:55

juçaraO ex-deputado Nestor Duarte Neto (PDT), será o primeiro suplente de Lídice da Mata, caso ela venha a conquistar uma vaga no Senado. Na segunda vaga ficou a ex-candidata a prefeita de Itabuna, Juçara Feitosa (PT).

Uma das vagas na suplência da chapa era pleiteada também pelo PCdoB, que indicaria o ex-vereador de Itabuna, Luís Sena. Curiosamente, Sena foi companheiro de chapa de Juçara em 2008, quando foi candidato a vice-prefeito.

Em Itabuna, petistas comemoram a suplência de Juçara. É uma combinação improvável, mas podemos ter uma senadora itabunense, caso Lídice - eleita - seja deslocada para uma secretaria ou ministério e o primeiro suplente seja impedido ou não queira assumir sua vaga.

Precisaria, ainda, que Dilma fosse eleita presidenta ou que Wagner continuasse no Palácio de Ondina.

Camelôs comemoram 'vitória': todos ficam no centro

Domingos Matos, 24/05/2010 | 11:50
Editado em 09/04/2010 | 14:12

Do Pimenta na Muqueca

Os vendedores ambulantes que ocupam as calçadas da avenida do Cinquentenário não serão mais removidos para o Centro Comercial. Essa foi a primeira decisão tomada durante encontro entre os representantes dos camelôs e o secretário de Indústria e Comércio, Carlos Leahy, nesta manhã.

Eles serão removidos da Cinquentenário para a rua Nilo Santana, que liga a praça Manuel Leal à Cinquentenário, ou para o estacionamento da praça Camacan. As duas propostas serão votadas em reunião marcada para a próxima segunda-feira, 12, às 18h30min, no auditório do Sindicato dos Comerciários de Itabuna.

O presidente da Associação dos Camelôs da Cinquentenário, Márcio Higino da Silva, diz que 68 ambulantes cadastrados atuam na avenida. Eles pressionaram o governo ao saber que seriam transferidos para longe. "O centro comercial seria inviável (economicamente) para nós", observa Márcio.


Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.