CMVI

Tag: cultura

Construções históricas de Morro de São Paulo serão tombadas

Domingos Matos, 18/06/2019 | 11:38
Editado em 18/06/2019 | 15:26

O Governo do Estado prepara processo de tombamento de edificações históricas do Morro de São Paulo. A localidade pertence ao município de Cairu e é um dos destinos turísticos de destaque na Costa do Dendê. 

Reaberta em janeiro de 2018, após minucioso trabalho de requalificação, a Fortaleza do Morro de São Paulo é um dos equipamentos a serem tombados pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac). O conjunto a ser reconhecido inclui ainda o portaló, igreja de Nossa Senhora da Luz e o farol. 

“O tombamento valoriza os atrativos de Morro de São Paulo, cuja história e características naturais atraem visitantes do mundo inteiro, e chama atenção para a necessidade de preservação”, disse o secretário estadual do Turismo, Fausto Franco, durante reunião com o diretor-geral do Ipac, João Carlos Oliveira, e a secretária de Turismo de Cairu, Diana Farias.

 

Gestão 

Durante o encontro, a gestão da Fortaleza do Morro também foi discutida. A ideia é que a Setur transfira para o Ipac a administração da fortificação do século XVII, construída para evitar aproximação de embarcações inimigas, durante o período do Brasil Colônia.

“Foram investidos R$ 14,4 milhões na requalificação, com o objetivo de fortalecer o destino turístico Morro de São Paulo e agora podemos passar a administração e manutenção do patrimônio para o Ipac”, assinalou o subsecretário estadual do Turismo, Benedito Braga. 

De acordo com João Carlos Oliveira, o Ipac trabalha na elaboração de um modelo de gestão para o equipamento, em parceria com a prefeitura de Cairu, que mantém no local o serviço de atendimento ao turista. “Além da visitação turística, o forte deve abrigar restaurante, cafeteria e eventos culturais do Governo do Estado, bem como do município”, afirmou. 

A requalificação da Fortaleza do Morro de São Paulo foi feita sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul (Ides), com o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), do Governo da Bahia, assim como do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e de empresários locais.

Estudantes da Educação Profissional realizam Feira de Negócios da Carne do Sol em Itororó

Domingos Matos, 17/06/2019 | 19:20
Editado em 18/06/2019 | 06:45

A Praça do Festisol, localizado no centro de Itororó, a 109 km de Itabuna, está sediando a Feira de Negócios da Carne do Sol (FENESOL), que é promovida pelo Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Médio Sudoeste, unidade da rede estadual de ensino, no município. A FENESOL, que começou nesta sexta-feira e segue até sábado, tem o objetivo de dar visibilidade aos projetos desenvolvidos pelos estudantes e que têm como base a carne do sol, uma das grandes referências para a economia do Território de Identidade Médio Sudoeste.

Na praça, foram montados 15 estandes onde estão sendo apresentados e comercializados diversos produtos elaborados na cozinha do CETEP por estudantes do eixo tecnológico Produção Alimentícia. Entre as delícias estão empadas, quibes, hambúrguer gourmet, a linguiça de carne de sol, o escondidinho e o biscoite de carne do sol, que é uma das inovações do evento.  

A FENESOL conta com o envolvimento dos mais de mil estudantes do CETEP e de todos os cursos técnicos de nível médio ofertados, são eles: Administração, Agroindústria, Zootecnia, Meio Ambiente, Agroecologia, Enfereagem, Nutrição, Análises Clínica, Serviços Jurídicos e Informática. “Quem não está na elaboração dos produtos está, por exemplo, na divulgação, na elaboração de planos de negócios para os empreendedores da carne de sol, na consultoria jurídica ou prestando informações sobre o manejo da carne. Tudo isso é na perspectiva de aliar teoria e prática em um trabalho que envolve vários projetos em sala de aula desde o início do ano letivo. Esta vivência é essencial para o amadurecimento dos estudantes e para a aprendizagem efetiva da formação técnica”, destacou a coordenadora pedagógica do CETEP, Roberta Melo Pires.

A programação envolve ainda estudantes de mais de 13 escolas estaduais da área do Núcleo Territorial de Itapetinga (NTE 08), além de alunos das redes municipal e particular que participam de apresentações de quadrilhas e de outras manifestações culturais. Outro ponto alto da programação é a final do concurso MasterChef com pratos feitos com a carne do sol, neste sábado. Serão premiados os três primeiros colocados nas categorias: “Estudantes” e “Moradores”. Além dos moradores de Itororó, o concurso também é aberto para participantes de Ibicuí, Firmino Alves, Itapetinga, Nova Canaã e outras cidades da região. A comissão julgadora é formada por especialistas convidados e os vencedores receberão prêmios como eletrodomésticos diversos.

Para o estudante João Pedro, 3° ano do curso técnico de nível médio em Meio Ambiente., a FENESOL muda a rotina da cidade e é essencial para a formação profissional dos estudantes. “Podemos dizer que a cidade toda é impactada pela FENESOL, que é uma oportunidade para mostrar todos esses projetos do CETEP, além de ser um grande aprendizado para nós”, afirmou.

A diretora do CETEP, Sirlene Pereira, disse que além de fundamental para a formação dos estudantes, a FENESOL promove a integração da escola com todo o Território. “A FENSOL é um grande laboratório para os estudantes por que permite que eles tenham uma vivência profissional, além de ser uma grande oportunidade de aprendizado pelo resgate desta cultura da carne do sol de Itororó e do território, promovendo a integração com outras cidades da nossa região”, afirmou.

 

Mais informações

Sirlene Pereira - (73) 3265-1039 e (73) 99987-5980

 

Escolas municipais de Itabuna terão Novo Mais Educação a partir de julho

Domingos Matos, 14/06/2019 | 15:31
Editado em 14/06/2019 | 15:30

A Secretaria Municipal da Educação de Itabuna (SME) inicia no ano letivo de 2019, através do Departamento de Educação Básica (DEB), o processo para oferta da escola em tempo integral, com o Programa Novo Mais Educação (PNME). Inicialmente, o programa estará inserido em cinco escolas, beneficiando cerca 600 estudantes do Ensino Fundamental (Anos Finais). 

Segundo a secretária municipal da Educação, professora Nilmecy Gonçalves, “este direcionamento do atendimento aos anos finais faz parte da proposta de fortalecimento da identidade dos alunos e elevação dos índices de aprendizagem deste segmento, aproveitando uma iniciativa do Governo Federal”, pontuou.

Com o início do PNME previsto para 3 de julho, os alunos beneficiados permanecerão nas unidades escolares por sete horas diárias, de segunda a sexta-feira, quando participarão das aulas regulares em um turno e, no outro, das cinco oficinas ofertadas e distribuídas da seguinte forma: duas obrigatórias (Língua Portuguesa e Matemática); e três de livre escolha (entre as de Arte, Cultura, Esporte e Tecnologia). 

As oficinas serão ministradas por monitores voluntários que participaram do processo seletivo específico para o PNME, realizado em março de 2018 pela SME. Para as escolas que começarão o programa e ainda não dispõem os monitores, a coordenação do PNME no município continuará com convocação dos selecionados em 2018. Contudo, será organizado um cadastro reserva para eventuais necessidades, com análise de currículo e entrevista. Os interessados devem entregar seus currículos no DEB/SME, que funciona no Centro Administrativo Firmino Alves (Prefeitura de Itabuna), na Avenida Princesa Isabel, 678 – Bairro São Caetano. O DEB receberá os currículos nos dias 19 de junho (próxima quarta-feira) e 25 de junho (terça-feira), no horário das 09h às 15h.

Consórcio de Desenvolvimento Sustentável acompanha fiscalização ambiental em Buerarema e Ubaitaba

Domingos Matos, 13/06/2019 | 19:39
Editado em 13/06/2019 | 15:30

Cumprindo o cronograma de visitações aos municípios consorciados na segunda semana do mês de junho, técnicos ambientais do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul (CDS- LS) visitaram os municípios de Buerarema e Ubaitaba.

Na segunda-feira, dia 10, a equipe do CDS-LS realizou fiscalização, juntamente com a Diretoria de Fiscalização Ambiental de Buerarema em três empreendimentos relacionados a vendas de produtos oriundos de sucatas para a renovação de licenças ambientais.

Já na quarta-feira, 14, na companhia do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Agricultura, Pesca e Meio Ambiente de Ubaitaba, Wilson Lima, o engenheiro agrônomo do CDS-LS, Lucius Flavius Ourives, fez orientações em processos sobre a necessidade da licença ambiental para evitar possíveis riscos ou danos ambientais para a comunidade.

“A nossa intenção é realizar o trabalho com as secretarias municipais responsáveis da melhor forma possível. Evitando desgastes ambientais e garantindo a segurança e conforto de todos os moradores das localidades”, explicou Lucius Flavius Ourives.

 

Ilhéus empossa novos secretários

Domingos Matos, 13/06/2019 | 14:21
Editado em 13/06/2019 | 14:09

Dois novos secretários municipais tomaram posse dos cargos na manhã desta quinta-feira (13). As mudanças de gestores fazem parte da reforma Administrativas propostas pelo prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre. A cerimônia de posse aconteceu no Centro Administrativo, no bairro da Conquista, com a presença dos novos ocupantes.

O auditório ficou pequeno para a quantidade de pessoas que queriam assistir à posse. Silvana da Costa Anunciação vai assumir a Chefia de Gabinete do prefeito Mário Alexandre. Fábio Manzi Junior a Secretaria Municipal da Cultura e Turismo e Jerbson Moraes a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo são os novos secretários.

O prefeito empossou ainda secretários que já faziam parte da equipe municipal. Na reforma publicada no Diário Oficial do Município, versão online, com mudanças em algumas nomenclaturas. Para as secretarias municipais, Átila Dócio a Secretaria de Infraestrutura e Defesa Civil; Bento José Lima Neto a Secretaria de Gestão e Tecnologia; Eliane Oliveira da Silva a Secretaria de Educação, Esporte e Lazer.

Geraldo Magela Ribeiro a Secretaria de Saúde; Hélio Ricardo a Secretaria de Comunicação Social; Hermano Fahning a Secretaria de Serviços Urbanos; Márcio Cunha Rafael dos Santos a Secretaria da Fazenda e Orçamento; Rubenilton Santos Silva a Secretaria de Desenvolvimento Social; Alex Santos de Souza a Controladoria Geral; Jefferson Domingues a Procurador Geral; Antônio Rodrigo Viana Ramos a Tesoureiro e Gilson Nascimento a Diretor-Geral Sutram.

Além destes, Joélia Sampaio a Superintendência de Meio Ambiente e Urbanismo; Eduardo Haendel de Castro a Superintendência do Fundo Municipal de Saúde; Jhonni Calazans a Superintendência de Obras; Mauro Alves a Superintendência de Relações Institucionais; José Victor a Superintendência de Agricultura e Pesca; Angelito Dias a Superintendência de Ações Regionais; Paulo Sérgio a Superintendência de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio.   

O prefeito destacou a importância de cada gestor e disse ter confiança na competência dos secretários. Ele também agradeceu ao empenho dos antigos gestores de cada uma das pastas. ”As mudanças vão reforçar ainda mais a ação da Prefeitura, que vem escrevendo história na cidade, sobretudo por ter uma equipe qualificada”, disse o prefeito Mário Alexandre.

 

Atletas de Itacaré buscam vaga para o Mundial de Canoagem na China

Domingos Matos, 13/06/2019 | 10:12

Os atletas itacareenses Alberto Oliveira e Iury Souza, da Associação de Canoagem de Itacaré, estarão representando a cidade no  XXVIII Brasileiro de Canoagem - Maratona 2019 que será realizado na praia do Prata, em Palmas, nos dias 15 e 16 de junho. A competição é uma seletiva que vai definir a Seleção Nacional apta a representar o Brasil no Campeonato Mundial de Canoagem Maratona em Shaozing, na China, nos dias 10 a 13 de outubro.

Alberto Oliveira e Iury Souza seguiram na tarde de ontem para Tocantins e já na quinta-feira iniciam o reconhecimento das águas. Na bagagem muita força, preparo físico e a esperança de colocar Itacaré no lugar mais alto do pódio, garantindo assim a vaga para o Mundial na China. A viagem para Palmas contou com o apoio da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura.

A prova terá o percurso de 28 quilômetros, mas os atletas de Itacaré mostraram estar preparados. “Treinamos bastante e estamos num bom condicionamento físico. Estamos prontos para representar a cidade”, disseram os atletas. No total, serão 34 categorias na disputa. O percurso será com águas profundas e limpas.

Os dois atletas fazem parte do projeto da Associação de Canoagem de Itacaré, que conta com cerca de 90 integrantes que treinam diariamente e já são campões nas águas e na vida. O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, destacou o trabalho que vem sendo feito pela ACI de preparar esses jovens para que possam estar bem representando a cidade nas mais diversas competições no Brasil e em outros países. E a Prefeitura tem buscado ser parceira da ACI nesse trabalho, com ações nas áreas de saúde, assistência social, esportes e educação.

 

Cabra Macho: mutirão contra o câncer de próstata atende 900 homens em Itabuna

Domingos Matos, 11/06/2019 | 07:01
Editado em 10/06/2019 | 18:47

O Mutirão Cabra Macho, desenvolvido pela Igreja Batista Teosópolis (IBT), de Itabuna, atingiu a marca de 900 pessoas atendidas gratuitamente com exames de detecção do câncer de próstata. A sétima edição do projeto, no domingo (9), teve a participação de 11 médicos urologistas e 180 voluntários.

“Tivemos grandes avanços em relação a 2018, com grande participação na palestra, o que demonstra maior interesse pelo tema. Tivemos ainda uma visível ampliação do voluntariado, facilitando o atendimento, valorizando a cultura de paz entre pessoas de vários estratos sociais”, disse o pastor presidente da Igreja Batista Teosópolis, Geraldo Meireles.

Ele ressalta, ainda, a ampliação do número de urologistas. ”Tivemos a participação de profissionais de Ilhéus, Salvador e de Londrina, no Paraná, onde está radicado hoje um dos nossos idealizadores o médico João Correia”. E completa: “Vamos trabalhar para melhorar ainda mais em 2020, ampliando os serviços oferecidos. Este era um sonho do nosso saudoso Hélio Lourenço ”.

O urologista Júlio Brito Filho, coordenador médico do mutirão, fez um balanço positivo. “Ampliamos o número de pessoas, de médicos voluntários. Tenho grande satisfação em participar do Cabra Macho e acredito que, na ausência do serviço público, devemos realizar outros mutirões, como os de hérnia, vesícula e diabetes, e assim ajudar as pessoas mais carentes. Existe uma carga de preconceito em relação ao câncer de próstata que está sendo superada”, afirmou Júlio Brito Filho.

Danilo Azevedo Júnior, do Ministério da Ação Social da Igreja Teosópolis, comemorou o resultado. “Foi excelente a adesão de mais médicos, de 7 para 11 este ano, e uma ampliação em 27% do número de senhas distribuídas, de 700 para 900. Tem sido uma ação exitosa e tem ajudado a sociedade de Itabuna”, disse ele.

O médico Vilson Martins, de Salvador, fala da satisfação em participar do Cabra Macho. “Cada ano que passa aumenta mais [o número de pessoas atendidas e de volutnários]. Gosto muito de ajudar”, disse. Outro médico vindo de Salvador, Vinicius Castro afirmou que “é muito bom poder ajudar a população que não tem acesso ao serviços de saúde”.

Gilson Pinheiro, Coordenador do Mutirão, ressalta a atuação da Igreja Teosópolis na comunidade, conseguindo realizar um evento tão grandioso, sem nenhuma verba pública.

 

SAÚDE DO HOMEM

O motorista Antonio Dantas Bomfim, de 53 anos, afirmou que o mutirão é positivo não só para a sociedade de Itabuna, mas para a região. “Atende aquele que não tem condições financeiras de pagar”, frisou Antônio Dantas, que participa pela segunda vez do mutirão.

O aposentado Gilson Alfredo Reis, 66, também apontou para o benefício do Cabra Macho. “O mutirão é muito bom para a comunidade”, completou. Participando pela primeira vez do Cabra Macho, o serralheiro Jamildo Carvalho de Souza, 63, reforçou a dificuldade no acesso a este tipo de exame. “Se não fosse esse trabalho, o que seria da gente?”, questiona. (Com informações do Pimenta)

Abertura oficial do Viva Ilhéus terá Bell Marques e mais atrações nacionais

Domingos Matos, 10/06/2019 | 18:32

No clima de maior expectativa para o Viva Ilhéus 2019, a Prefeitura divulgou nesta segunda-feira (10), em coquetel de lançamento, a grade que vai passar pelo palco do evento, nos dias 27, 28 e 29 de junho, a partir das 16h, na Avenida Soares Lopes, no centro. O cantor Bell Marques é a atração principal, seguido de Lauana Prado, Anna Catarina e Edu e Maraial. O evento, que tem 12 horas de programação diária, se tornou uma marca da gestão municipal de resgate das tradições juninas e movimentação do turismo e da economia local.

Durante o lançamento oficial da grade, o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre destacou a força do evento na cultura local, com lazer e tradição inclusos no calendário das comemorações alusivas ao Dia da Cidade, celebrado dia 28 de junho. “Só foi possível a iniciativa, através da parceria com o Governo do Estado, Rede Bahia entre outros. Ilhéus é vitrine turística todos os dias do ano, inclusive nesse período. Esta é uma festa tradicional para ilheenses e visitantes”, afirmou.

Outros nomes de sucesso nacional e regional confirmaram presença como Lauana Prado, Anna Catarina, Edu e Maraial, Boteco das Amigas, Raneychas, e mais, Parangolé, Trio da Huanna, Dimitre Lorran, Boyzinho, DJ, Pancadeixxoon, Xote Apimentado, Pipoco do Trovão e Top Gan. No espaço, completa infraestrutura denominada “Vila Junina” que vai abrigar parque infantil gratuito (Mundo da Criança), barracas de produtos e comidas típicas, além de área exclusiva de serviços.

Programação – Na quinta-feira (27), das 9 às 13h, o local será tomado para sediar o São João dos Centros de Referência e Assistência Social (CRAS) da cidade. E a partir das 15h, a arena será aberta oficialmente para o público, com o “Projeto Mundo da Criança”. O programa se repete nas tardes dos dias seguintes. Já às 21h, Banda Pipoco do Trovão abre a noite, seguido por Bell Marques e Banda, DJ, Lauana Prado e Boteco das Amigas.

Na sexta-feira (28), às 18h, a Vila Junina recebe o grande Festival de Quadrilhas da Rede Bahia, com cobertura ao vivo na programação televisiva. O grande público confere às 21h, o segundo dia da atração, que terá shows musicais com Pancadeixxon, Edu e Maraial (Recife), DJ, Raneychas, Trio da Huanna e Ana Catarina. Os artistas são conhecidos do público, através de seus sucessos emplacados na mídia regional.  

No terceiro e último dia, sexta-feira (29), tem show infantil a partir das 18h, e às 21h, o som fica a cargo de Top Gan, Boyzinho, DJ, Dimitre Lorran, Parangolé e Xote Apimentado. A festividade faz parte das comemorações do aniversário de Ilhéus que completa 485 anos de fundação e 138 de elevação à categoria de cidade. O evento conta com o apoio da Bahiatursa, Rede Bahia, Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros, Sutram e Guarda Civil Municipal (GCM). 

 

Rui inaugura trecho recuperado da BA-652 em Ibirapitanga 

Domingos Matos, 10/06/2019 | 15:42
Editado em 10/06/2019 | 18:10

A população da região cacaueira, no sul da Bahia, foi beneficiada com a obra de recuperação da BA-652, entre o município de Ibirapitanga e o entroncamento da BR-101 e BR-330. A inauguração foi feita pelo governador Rui Costa, na manhã desta segunda-feira (10), durante agenda de compromissos em Ibirapitanga. 

“É sempre um orgulho inaugurar estradas. Além de melhorar a infraestrutura da região, a recuperação de rodovias facilita o escoamento da produção agrícola e oferece mais segurança à população. A obra entregue hoje recebeu um investimento de R$ 6 milhões”, destacou o governador. 

A requalificação, realizada em um trecho de 16 quilômetros da BA-652, beneficia, diretamente, cerca de 80 mil habitantes dos municípios de Ubatã, Gongogi, Ubaitaba e Ibirapitanga. Segundo o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, a obra foi realizada em um trecho importante, que interliga duas BRs. “Além de fazer o acesso para o município de Ibirapitanga, o trecho permite uma ligação mais rápida para quem vem pela BR-101, em direção à BR-116”, explicou Cavalcanti, adiantando que, para julho, a previsão é licitar mais 700 quilômetros de rodovias a serem recuperadas e construídas na Bahia. 


Outras ações

Ainda na ocasião, Rui Costa inaugurou o sistema de abastecimento de água do distrito de Novo Horizonte. No local foram realizadas 307 ligações domiciliares, a partir da implantação de uma rede de distribuição de 12.912 metros. O investimento de R$ 1,1 milhão beneficia cerca de 1.300 habitantes. 

A agricultura familiar foi outra área contemplada pela visita do governador. Foram entregues 424 certificados de Cadastro Ambiental Rural, com um investimento de aproximadamente R$ 32 mil. Também nesta segunda-feira, foram assinados cinco convênios ligados ao Bahia Produtiva, somando investimento de R$ 1,2 milhão. Destes, três são para qualificação de agroindústrias e dois para fruticultura cacau.

 

 

Cooperativa da agricultura familiar lança chocolate sem lactose em feira de produtos sustentáveis

Domingos Matos, 10/06/2019 | 11:29

A Bahia é o estado que mais produz cacau, e a agricultura familiar é responsável por 90% dessa produção. A potencialidade da cadeia produtiva do cacau do estado foi conferida pelos visitantes da maior feira de produtos sustentáveis da América Latina, a Naturaltech, encerrada no último sábado (8), no pavilhão Anhembi, na capital paulista.

Entre as novidades apresentadas pela agricultura familiar durante a feira, estão o chocolate em pó com 35% de cacau e açúcar demerara, e as barras de chocolate com 56,70 e 80% de cacau, sem lactose. Ambos são produzidos pela Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), do município de Ilhéus, no Sul da Bahia. Localizada em região de Mata Atlântica, a Coopessba possui 372 cooperados, que têm como objetivo fortalecer os sistemas de produção cacau-cabruca.

Participando da NaturalTech pela primeira vez, a Coopessba já contabiliza bons negócios antes mesmo do fim da feira.  A representante da cooperativa, Carine Assunção, afirma que o evento é uma vitrine para a produção da agricultura familiar. "Várias pessoas estão visitando nosso estante, postando nas redes sociais, provando nossos produtos com a qualidade premium, produtos sem lactose e sem aditivos químicos. Fizemos muitos contatos com empresas que querem revender nosso produto, revendedores e representantes", afirma. 

A representante da Coopessba acrescenta que "ao nos trazer para participar desse evento, o Governo do Estado nos permite acessar um comércio aquecido. A feira é uma vitrine pra todo o mundo, não somente para dentro do Brasil, porque tiveram várias empresas querendo exportação".

 

Bahia Cacau

O chocolate da Bahia Cacau, primeira fábrica de chocolate da agricultura familiar do Brasil, administrada pela Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidaria da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba), sediada no município de Ibicaraí, também está na NaturalTech. Participando pelo segundo ano, a cooperativa levou para a capital paulista bombons de chocolate recheados com café, frutas desidratadas e licuri, barras de chocolates de 35%, 50%, 60% e 70% de cacau, nibs, cacau em pó e mel de cacau. 

Os produtos, que levam a marca Bahia Cacau, tem como matéria-prima básica o cacau fino, produzido no sistema cabruca. Eles passam por análises constantes de qualidade. Na produção, são utilizados açúcar demerara e lecitina de girassol, o que garante um produto 100% livre de transgênicos. Além disso, a linha de chocolate 70% não contém leite.

"Já trabalho com nibs e conheci aqui no estande os da Bahia. Adorei! Os chocolates também são de qualidade e deliciosos", ressaltou o gestor da empresa Tropical Castanhas, de Goiás, Eduardo Piza, que conheceu os produtos derivados do cacau baiano.

 

Bahia Produtiva

A Coopessba e a Coopfesba fazem parte do grupo de 17 cooperativas que, apoiadas pelo Governo do Estado, estão expondo e comercializando produtos no estande Bahia Produtiva. A inciativa é do Bahia Produtiva, projeto da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), vinculada à da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio de empréstimo do Banco Mundial, como uma ação estratégica de apoio às organizações produtivas da agricultura familiar para posicionar seus produtos em novos mercados.

 

Rede Povos da Mata entrega primeiro lote de produtos orgânicos à escolas de Ilhéus

Domingos Matos, 06/06/2019 | 12:51
Editado em 06/06/2019 | 14:27

A Rede de Agroecologia Povos da Mata, por meio da Associação de Aquicultores e Agricultores Familiares Orgânicos de Ilhéus (ASSAAFI), entregou esta semana o primeiro lote de alimentos orgânicos às escolas do município de Ilhéus. Os alimentos irão compor o cardápio escolar de mais de 70 unidades, dando às crianças a oportunidade de consumir alimentos mais saudáveis e livres de agrotóxicos. Segundo a nutricionista Rita Márcia Kruschewsky, chefe do Setor de Alimentação, “Ilhéus é o primeiro município baiano a fornecer alimentação orgânica no cardápio escolar”.

Todo o processo teve início em março de 2018, quando a Rede de Agroecologia Povos da Mata realizou uma série de capacitações, com cerca de 112 merendeiras da Rede Municipal, tendo como facilitadora Amanda Marfil, Chef de cozinha agroecológica, vinda do Paraná e representando a Rede Ecovida. A iniciativa foi feita em parceria com a Secretaria de Educação de Ilhéus, alunos da pós-graduação em Tecnologia de Alimentos do IF BAIANO, Sebrae, Tabôa Fortalecimento Comunitário, Instituto Arapyaú, Mecenas da Vida, Rede Ecovida e Escola da Gastronomia de Serra Grande.

As merendeiras foram capacitadas em temas como: conceito de alimentos orgânicos, questões nutricionais na alimentação, composição de pratos nutritivos, receitas com itens da agricultura familiar disponíveis na região – dentre eles as plantas alimentícias não convencionais (PANCs), panificação, tortas, molhos, visando a elaborar os cardápios com maior valor nutritivo na merenda escolar.

O passo seguinte foi a ASSAAFI participar da chamada pública voltada para produtos orgânicos, em março deste ano, para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), destinado a aquisição de gêneros alimentícios da Agricultura Familiar para a merenda escolar, elaborada pela Prefeitura Municipal de Ilhéus, realizado pela Secretaria de Educação (Seduc). O contrato foi assinado em maio e serão oferecidos, até dezembro, cerca de 21 itens. Nesse primeiro lote de produtos foram entregues hortaliças, legumes, frutas, tubérculos e produtos processados (doces e sucos).

Segundo Tatiana Botelho, Presidente da Associação Povos da Mata, primeiro Organismo Participativo de Avaliação da Conformidade Orgânica (OPAC) da Bahia, “Acessar o primeiro PNAE orgânico do estado é um acontecimento histórico, que serviu como processo de aprendizagem para toda a rede, abrindo precedente para que possamos acessar o programa em outros municípios, beneficiando agricultores e estudantes com a produção e o consumo de produtos saudáveis”.

Estão envolvidos no processo produtivo aproximadamente 99 agricultores certificados e serão beneficiados no programa cerca de 25.997 alunos, divididos em 54 escolas da zona urbana e mais 15 nucleações da zona rural de Ilhéus. “A associação já alugou um armazém no centro de Ilhéus que servirá de entreposto. Atualmente nossos principais desafios são: o planejamento da produção orgânica e a organização de toda logística de entrega”, ressaltou Adeci Ramos de Souza, presidente da ASSAAFI.

 

Produtora do “Forró do Sítio Novo” é acusada de praticar venda casada em Brumado

Domingos Matos, 05/06/2019 | 17:25

A empresa Beto Bonelly Produções e Eventos Ltda., responsável pela organização da festa “Forró do Sítio Novo”, em Brumado, foi acusada pelo Ministério Público estadual de cometer prática abusiva de venda casada e de infligir a lei por se negar a comercializar ingressos no valor de meia-entrada. O evento festivo está programado para acontecer no próximo dia 15 de junho, naquele município. 

Segundo ação civil pública, ajuizada pelo promotor de Justiça Millen Castro no último dia 27, a produtora anunciou a venda de ingressos por R$ 180 para o acesso à festa de tipo open bar, sem discriminar os valores para entrada e para o consumo de bebidas alcoólicas, retirando do consumidor a possibilidade de adquirir o ingresso dissociado das bebidas. 

O promotor informou ainda que a empresa não colocou à venda ingressos pelor valor de meia-entrada, benefício que a lei exige a oferta para estudantes e idosos que comprovem essa condição. A Bonelly Produções, inclusive, foi obrigada pela Justiça a pagar multa de R$ 5 mil por não cumprir Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com o MP, que previa a meia-entrada em eventos culturais, artísticos, recreativos, esportivos ou em quaisquer outros de lazer e entretenimento organizado pela empresa. A produtora também se negou a atender recomendação expedida pelo MP para garantir a disponibilização de meia-entrada no “Forró”, alegando que o espaço físico da festa não permitiria a divisão entre open bar e pista sem open bar. 

Na ação, Millen Castro pede à Justiça que determine, em decisão liminar, a venda de ingressos para o “Forró do Sítio Novo” pelo valor de meia entrada e que seja discriminado em anúncios nos pontos de venda o preço cobrado para o ingresso na festa sem a inclusão do consumo de bebidas alcoólicas e comidas.

 

Forró do Bode

Os responsáveis pela festa “Forró do Bode”, realizada no último dia 25, assinaram acordo com o MP. Conforme o TAC, proposto pelo promotor Millen Castro, a Loja Maçônica se comprometeu a ofertar, nesse e em outros eventos, o benefício de meia-entrada a estudantes, jovens de baixa renda, idosos e pessoas com deficiência. Em caso de a aquisição do ingresso integral já ter ocorrido, o valor correspondente à diferença deve ser devolvido aos consumidores. Além disso, foi acordado que em festas open bar deve ser possibilitada a compra de ingresso apenas pelo valor correspondente ao acesso à festa, dissociado do valor adicional cobrado pelo consumo livre de bebidas alcoólicas e comidas. 

 

Caravanas de vários estados confirmaram presença na Expomel em Itabuna

Domingos Matos, 05/06/2019 | 14:21

Caravanas de Ceara, Paraíba, Tocantins, Distrito Federal, Goiás e Santa Catarina já confirmaram presença na 1ª. Expomel e no 1º. Congresso Nacional de Apicultura e Meliponicultura a serem realizados entre os meses de outubro e novembro no Teatro Municipal Candinha Dória, em Itabuna. Também está prevista a participação dos territórios litorais de identidade das cinco regiões da Bahia, conforme adiantou os organizadores.

Os organizadores estão bastante otimistas com a perspectiva de um grande público no evento, que prevê, dentre outros, o superaquecimento do comércio local.  O assessor da Secretaria Municipal de Sustentabilidade Econômica e Mel Ambiente, Erlon Botelho informou que ações estão sendo intensificadas para que as hospedagens dos participantes sejam direcionadas para os hotéis em Itabuna, o que, na visão dele, movimentará a economica local em todos seus setores. “Será o boom do agronegócio regional”, garantiu.

Erlon disse que a participação das caravanas representando diversos estados brasileiros mostra que Itabuna está no caminho certo ao promover um evento dessa magnitude, despertando o interesse dos criadores de abelhas e trará à luz a divulgação, a informação e o conhecimento sobre a criação de abelhas e na produção de mel e própolis. “A Ceplac viu esse grande potencial, acreditou e investiu tempo, técnica e ousadia para a diversificação da economia regional”, frisou Erlon.

Para o assessor municipal, a Expomel e o Congresso Brasileiro de Apicultura e Meliponicultura têm chance de 90% de sucesso, não apenas de público, mas também de bons negócios. Ele não tem dúvida de que os eventos serão incluídos no  calendário oficial , consolidando o município em um dos maiores polos do agronegócio para o desenvolvimento sócio e econômico regional, além de transformar Itabuna na  “cidade do mel”.

 

Lançamento de projeto marca Dia do Meio Ambiente na Ceplac

Domingos Matos, 05/06/2019 | 09:31
Editado em 05/06/2019 | 00:12

O Dia Mundial do Meio Ambiente será comemorado em grande estilo no Sul da Bahia, com o lançamento do Projeto Biofitos de Plantas Medicinais. A solenidade será realizada na próxima quarta-feira (dia 5), no auditório do Centro de Pesquisa do Cacau (Cepec/Ceplac), na rodovia Jorge Amado, a partir das 15 horas.

A programação inclui uma mesa redonda com a participação de ambientalistas, agricultores, fitoterapeutas, estudantes e representantes de instituições públicas e particulares que discutirão dentre outros temas relacionados ao meio ambiente, o resgate e a conservação produtiva de plantas medicinais da cabruca.

O secretário de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, Jorge Vasconcelos, confirmou presença no evento. Ele aproveitou para elogiar a iniciativa dos organizadores ao destacar a importância de se comemorar uma data significativa como o meio ambiente, “um tema hoje discutido mundialmente, e que envolve todos os ecossistemas e a vida humana na terra”. Pela sua importância, Jorge disse que a data merece destaque no calendário mundial, “e a Ceplac sabe disso, por isso a feliz iniciativa de promover esse evento”.

O coordenador do Projeto Biofitos, Evaldo Costa Batista, da Ceplac, explicou que o projeto surgiu a partir de inúmeras pesquisas que são realizadas na Ceplac e cujo objetivo é oferecer mais oportunidade para prevenção e cura de doenças através da fitoterapia. “A nossa biodiversidade presente tanto no bioma mata atlântica como na Cabruca é um tesouro medicinal que precisa ser conservado, para conseguirmos a garantia de uma qualidade de vida melhor para todos”.

​Para o coordenador, não basta apenas plantar uma árvore ou separar o lixo nesse dia, é preciso um trabalho permanente de conscientização sobre a preservação do ecossistema e, principalmente de pesquisas como as que vêm sendo feitas. Ele informou que as espécies arbóreas arbustivas e herbáceas de valor medicinal encontradas na cabruca na Bahia representam um patrimônio cultural e fitoterápico da comunidade regional, capaz de contribuir com a economia e a qualidade de vida da sociedade.

Rui Costa inaugura pavimentação da BA 262 entre Coaraci e Itajuípe

Domingos Matos, 05/06/2019 | 07:01

O trecho de 26,80 quilômetros da BA-262, entre o entroncamento da BR-101 – Itajuípe e Coaraci, será entregue à população pelo governador Rui Costa, nesta quinta-feira (6), às 9 horas. Mais de 58 mil moradores das cidades de Itapitanga, Almadina, além de Coaraci e Itajuípe, já são beneficiados pela obra, que teve um investimento de R$ 11 milhões. A rodovia tem uma movimentação de cerca  de 500 veículos por dia e atende uma região que possui a agricultura e a pecuária como atividades econômicas.

A solenidade acontece em Coaraci, onde Rui  Costa também assina convênios do programa Bahia Produtiva e entrega  certificados de  Cadastro Ambiental Rural.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.