Tag: faculdade

Faculdade Madre Thais oferece pós em Libras: Docência e Interpretação

Domingos Matos, 12/02/2019 | 08:35

Com o objetivo de especializar profissionais para comunicarem-se por meio da LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais, habilitando em seus aspectos linguístico e didático, com vistas à inclusão educacional, bem como no desenvolvimento da cultura dos surdos no que tange a comunicação bilíngue a Faculdade Madre Thais (FMT) oferece o curso de Pós Graduação em Libras: Docência e Interpretação.

Com parcela dos professores surdos, o curso lato senso (especialização) visa propiciar aos profissionais das diversas áreas a capacidade de compreender e interagir com a comunidade dos surdos, contribuindo para a geração de conhecimento e a formação de pessoal qualificado, de modo que, mediante o ensino de LIBRAS e interpretação possa ter conhecimento acerca da singularidade linguística manifestada pelos surdos ou por pessoas com défict auditivo.

O curso é destinado aos graduados em curso superior reconhecido pelo MEC, áreas de Educação, Saúde, Fonoaudiólogos, Psicólogos, Enfermeiros, Médicos, Intérpretes em LIBRAS e Profissionais que atuam ou pretendam atuar na Educação Especial e que desejam ampliar seus conhecimentos em Educação Especial e em LIBRAS; profissionais da área de recursos humanos que atuam em empresas; profissionais graduados que queiram fazer parte daqueles, cujo entendimento buscam garantir, não só a inclusão na vida em sociedade, como também, assegurar atendimento educacional especializado.

A inscrição pode ser feita na coordenação de Pós Graduação da FMT, a partir das 14 horas. O curso, coordenado pela professora Cristiane Silva, será integralizado em 15 meses com 450 horas/aula. Informações na secretaria da FMT na Av. Itabuna, 1491, Gabriela Center. Ilhéus (BA),  ou telefone  (73) 3222-2330.

 

Seminário fortalece integração da rede municipal de saúde de Ilhéus

Domingos Matos, 11/02/2019 | 17:07

Diretores, coordenadores e representantes técnicos da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), participaram do Seminário Integrador, Planejamento e Gestão, realizado pela Sesau, no auditório da Faculdade Madre Thais, realizado nos últimos dias 6 e 7.  O principal objetivo do encontro foi interligar todos os departamentos da Sesau para que juntos possam identificar, planejar e solucionar possíveis problemas existentes na estrutura da pasta.

O prefeito Mário Alexandre esteve presente no seminário e destacou a importância da iniciativa. ”Muito bom ver os profissionais da saúde envolvidos em momentos de integração e de união em um mesmo propósito, o de aperfeiçoar cada vez mais os serviços da saúde no município, que já estão bons e vão melhorar ainda mais”, enfatizou. O encontro contou também com a presença do diretor do Hospital Vida Memorial, Valter Júnior, que ministrou palestra sobre humanização.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Geraldo Magela, é fundamental que a equipe da Sesau dê um passo a diante, avance no sistema de acolhimento dos pacientes, na melhoria da integração da rede, para reduzir custos e aumentar a eficácia do serviço. ”O nosso objetivo é obter maior eficiência nos resultados, estamos com esse seminário para integrar essa equipe, preparar esses profissionais, para que no dia a dia consigamos melhorar o acolhimento de nosso cliente que é a população”, explicou Magela.

 

FTC Itabuna inicia novo semestre letivo nesta segunda-feira

Domingos Matos, 11/02/2019 | 11:10

Com o primeiro dia de aulas voltado para os alunos veteranos, a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna inicia nesta segunda-feira (11)  o semestre letivo 2019.1, cuja previsão de término está para o próximo dia 19 de junho.

Já no dia 18 de fevereiro, a FTC Itabuna estará recepcionando os calouros (novos acadêmicos) que iniciarão a graduação na Faculdade. Para este dia, uma série de atividades de integração estão programadas. O objetivo, segundo a direção da FTC, é proporcionar aos ingressantes momentos de interação com os demais membros da comunidade acadêmica.

Faculdade de Ilhéus forma novos bacharéis em Psicologia

Domingos Matos, 11/02/2019 | 08:09

A Psicologia está mais inserida na sociedade de Ilhéus e região. A Faculdade de Ilhéus realizou a solenidade de formatura da quarta turma do curso de Psicologia, no auditório Jorge Amado do Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, no último dia 2. A instituição é pioneira na implantação desse curso no município.

Durante a cerimônia, presidida pelo diretor-geral Almir Milanesi, foram graduados vinte e dois novos bacharéis em Psicologia. Conforme o diretor, a proposta acadêmica do curso é proporcionar ao graduando uma visão holística, baseada na interdisciplinaridade, e capacitá-los para atuação em diversos segmentos do mercado de trabalho.   

Milanesi enfatizou a contribuição da profissão de psicólogo e a prestação gratuita de serviços feita pela Faculdade de Ilhéus à sociedade através da Clínica-Escola de Psicologia. Centenas de pessoas, de crianças a adultos, são atendidas em diversas formas de tratamento, em terapia individual, de casais e também com a família. Através de parcerias com órgãos públicos, hospitais e instituições civis, o curso também coopera tecnicamente com outras demandas apresentadas por segmentos representativos da comunidade.

A cerimônia de colação de grau contou com a participação da diretora Acadêmica, Sandra Agrizzi Milanesi, da coordenadora do curso de Psicologia, Thatyanna Rodrigues dos Santos, a paraninfa da turma 2018.2, professora Alba Mendonça Alves, a patronesse, professora Dayane Mangabeira Santana Dias, e o secretário acadêmico, Paulo César Castro Xavier. A solenidade foi produzida pela Terceira Via Formaturas e Eventos.

O orador da turma foi o formando Durval Reis Pinto, sendo que Simone Silva Alves fez a leitura do requerimento de colação de grau. A formanda Monique de Souza Bulhões proferiu o juramento do profissional de Psicologia juntamente com os demais colegas.

Turma – A turma de novos bacharéis em Psicologia, denominada “Resiliência”, é composta por: Bárbara Luzia de Araújo Carvalho Magalhães, Daiane da Conceição Santos Souza, Deusemeire Gomes Herculano, Durval Reis Pinto, Eliane Santos da Silva Rocha, Elizângela de Aquino Soares, Érica Lisboa Góes, Estevan de Assis dos Santos, Giulia Cogo Taraschi, Islailla Santos Ventura, Jamille Alves dos Santos Sandes, Laise Virgínia Dória Crispim, Leidiane Santos Rocha, Milena Santos de Andrade, Monique de Souza Bulhões, Quésia de Almeida Tannus, Raúl Rodrigues Raposo, Rosângela Souza Santos, Simone Silva Alves, Verônica Bastos Nascimento, Viviane Gonçalves Borges Santos e Yasmine Souza do Amparo.

 

 “Peripécias” solidárias movimentam o Banco de Sangue de Itabuna

Domingos Matos, 08/02/2019 | 14:09

O Banco de Sangue da Santa Casa foi o local escolhido na manhã de quinta (07), pelos alunos do primeiro e segundo semestres do curso de medicina da Faculdade Santo Agostinho para uma “peripécia” solidária: a doação de sangue.

A iniciativa dessa ação partiu do estudante João Acyr, que junto com os colegas, começou a se organizar para criar uma espécie de trote entre eles no ano passado, uma vez que eram alunos da primeira turma do curso e não tinham veteranos. Assim surgiu o projeto que eles preferem chamar de “Peripécias” em vez de trotes solidários. Hoje foi a segunda vez que eles vieram junto com os calouros da turma e professores para doar sangue.

Para ele, a condição vexatória que o trote ensina desumaniza, principalmente, os que estão fazendo medicina e buscando melhorias para o sistema de saúde. “Fazer algo que promova a integração de forma solidária e altruísta de ajudar o colega sempre vai ser bem-vindo. Não podemos parar com as peripécias”, disse.

Além da doação, a turma também faz outros trabalhos, como arrecadação de alimentos para serem doados para alguns asilos e de fraldas descartáveis. “É uma maneira de aplicar a peripécia e ajudar a sociedade”, disse.

Marco Motta, um dos professores/tutores do curso, diz que é importante esse tipo de ação porque a medicina já vem com esse estigma de o aluno que entra para o curso está sujeito a receber um trote que muitas vezes é agressivo e pode levar à morte. “A gente tem essa proposta de mudar ajudando outras pessoas que precisam. Já que o estudante tem a proposta de entrar no curso para ajudar ao próximo nada melhor do que começar doando sangue”, citou.

De acordo com a coordenadora e professora do curso, Dra. Mércia Margotto, essa é uma forma de conscientização da responsabilidade social e do compromisso com a comunidade para os alunos que estão iniciando e os que já estão no curso, além de entenderem a importância da doação de sangue e do sangue para a vida do paciente. “A gente vem trabalhando isso nas escolas de mostrar que é um compromisso nosso, enquanto cidadãos, fazer algo para a nossa comunidade. É de suma importância que façamos isso porque é papel do professor instruir, orientar e educar sobre o significado e o processo da doação de sangue”, frisou.

A aluna do primeiro semestre, Luana Cabral diz que é a primeira vez que está participando. “Como aluna eu acho que todos aqui vão poder ajudar, o Banco de Sangue precisa e a gente deve sempre procurar conscientizar as pessoas para que isso aconteça. Além de ter sido divertido, foi melhor do que a bagunça de um trote”, falou.

Rosildo Ribeiro, gerente de captação, ficou feliz com a casa cheia. “É um trabalho que particularmente tenho uma dedicação. O início de ano foi muito difícil em função das férias, mas com o retorno dos alunos às faculdades nós aproveitamos dentro do projeto “Caravana Itinerante Pela Vida”, estamos começando o mês de fevereiro com o ‘braço direito’. Só temos a agradecer esse momento aos alunos. Que isso siva de exemplo para que outras faculdades e instituições abraçarem a causa”, disse.

O provedor da Santa Casa, Eric Júnior, aproveitou para agradecer aos alunos a doação voluntária. “Que cada um possa multiplicar isso na casa de vocês, para que familiares e amigos curtam esse exemplo e venham para cá ajudar a aumentar os nossos estoques, ainda mais nesse período, perto do carnaval”, declarou.

Eric lembrou ainda que a Santa Casa é quem fornece sangue para toda a região, como o Hospital de Base, Calixto Midlej, Manoel Novaes, Hospital de Camacan, entre outros.” Temos o único banco de sangue da região, por isso a demanda é grande”, concluiu.

 

Faculdade de Ilhéus forma a terceira turma de Odontologia

Domingos Matos, 07/02/2019 | 16:30

Pioneira na implantação do curso de Odontologia na região Sul da Bahia, a Faculdade de Ilhéus graduou a terceira turma de cirurgiões-dentistas, denominada “Turma de Referência Professor Murillo Matos”, na sexta-feira (1º), no auditório do Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, que ficou literalmente lotado. Trinta e oito bacharelandos em Odontologia colaram grau durante solenidade presidida pelo diretor-geral, Almir Milanesi.

A solenidade transcorreu em clima de alegria, com a presença de amigos e familiares dos formandos, oriundos de Ilhéus, Itabuna e outras cidades da região. O diretor Almir Milanesi destacou a formação de profissionais com qualidade e a colaboração das clínicas-escola implantadas na Faculdade, que chegam a realizar, aproximadamente, 700 atendimentos odontológicos gratuitos, por semana, entre adultos e crianças de Ilhéus e região.

Participaram da mesa oficial da cerimônia, a diretora acadêmica da Faculdade, Sandra Maria Agrizzi Milanesi, o coordenador do curso de Odontologia, professor Fábio Silveira, o patrono da Turma 2018.2, professor Yuri Santos Muniz, o paraninfo, professor Ramon Barreto Mendes, e o secretário acadêmico Paulo César Castro Xavier. A solenidade foi produzida pela Terceira Via Formaturas e Eventos.

A oradora da turma de novos bacharéis em Odontologia foi Caroline Santos Fonseca, sendo o requerimento para colação de grau feito pela formanda Ana Terra Freitas Lins. O juramento foi conduzido por Laíne Patrícia Barbosa Fontes, e as formandas Evelly Nobre da Costa Ribeiro e Priscila Ferreira Carvalho atuaram como mestres de cerimônias.

Clínicas - Sob a supervisão dos professores, nas clínicas da Faculdade os alunos atendem a todos os níveis de complexidade na área odontológica, como restaurações, tratamentos de canal, extrações, cirurgia oral menor, próteses, tratamentos preventivos e odontopediátricos. Além disso, o curso de Odontologia está inserido em programas de cooperação técnica em unidades de saúde, hospitais, nas escolas da rede municipal, nos abrigos de idosos, creches, clubes de serviço, associações de bairros e organizações civis.

Dentistas – Os novos cirurgiões-dentistas formados pela Faculdade de Ilhéus são: Adriele Souza Mota, Ana Terra Freitas Lins, Ayalla Reis Souza, Brihgyda Kalled Carvalho Ferreira, Bruna de Jesus Almeida, Camilla Macêdo Matos Santana, Carolina Eduvirgens Loureiro, Caroline Santos Fonsêca, Cláudia Gabrielly Mendes Fagundes, Emanuela Briane Cardoso Vieira, Emilly Guimarães Martins, Evelly Nobre da Costa Ribeiro, Fernanda Luiza Scher do Nascimento, Gabriele Brito Pereira, Gilvan Santos Araújo, Hélio Simões de Oliveira Neto, Iordan Trindade Lopes Alves, Ítala Santana Santos, João Pedro Souza de Andrade, José Luíz Dantas Costa, Juliana Maria Felipe da Silva Fonsêca Santos, Júlio Lima dos Santos, Júlya Matos Oliveira, Laíne Patrícia Barbosa Fontes, Letícia Mendonça Carmo Santana, Louise Vasconcelos de Oliveira, Luara Azevedo Lopez, Marcos Vinícius Souza de Oliveira, Marcus Izaltino Pessoa Junior, Matheus Freire da Silva, Maura Celli Andrade Magalhães, Priscila Ferreira Carvalho e Sandy de Oliveira Maia.

  

Faculdade oferece a partir do dia 23, curso de Massagens Terapêutica e Desportiva

Domingos Matos, 07/02/2019 | 13:01
Editado em 07/02/2019 | 10:33

A partir do dia 23 de fevereiro a Faculdade Madre Thaís (FMT), vai oferecer o curso de extensão em Massagens Terapêutica e Desportiva. As inscrições podem ser feitas na secretaria da instituição, na Avenida Itabuna  ou no site. http://www.faculdademadrethais.com.br/

 O curso de extensão  será coordenado pela professora Daiara Santos Loiola, da graduação em Fisioterapia da FMT. Focado em “massagem terapêutica e desportiva” o curso está dividido em dois módulos. O primeiro, nos dias 23 e 24 de  fevereiro,  tem como público alvo graduandos na área da saúde e demais interessados com ensino médio completo. O segundo, nos dias 30 e 31 de março, voltado para alunos que tenham feito o I módulo, massoterapeutas que já trabalham ou estudaram massagem terapêutica ou do shistu.

O objetivo é desenvolver as competências necessárias para as atividades profissionais e acadêmicas juntamente com participantes de outros cursos e interessados, e de forma coletiva aprender as melhores técnicas na área da massoterapia.

A professora Daiara Loiola chama atenção para o ritmo de vida atual, muitas vezes repleto de atividades que consistem num grande desafio. “Quando não sabemos como nos comportar diante disso, nosso corpo costuma reclamar, através de dores, desconfortos, insônias. E aí aparecem técnicas que trazem descanso e o conforto necessários para poder encarar todas essas rotinas. A massoterapia é uma das modalidades dessas técnicas bastante famosa por ser eficaz. A massagem terapêutica nos proporciona dias melhores, inclusive no que se refere à prevenção de doenças causadas em consequência de movimentos repetitivos e em outros aspectos da nossa vida”.

“O curso oferece ao aluno a oportunidade de conhecer e aplicar técnicas milenares, auxiliando-o a adentrar no mercado de trabalho com um diferencial a mais, bem como, aos graduandos do curso de Fisioterapia, vez que poderão ter contato direto com pacientes, reconhecendo os pontos gatilhos e aprimorando os conhecimentos adquiridos. A fadiga muscular é a principal queixa de dores das pessoas que praticam esportes. A massagem desportiva ajuda a recuperar as fibras musculares através da aceleração dos movimentos rápidos de massagem, a retirada dos pontos gatilhos com técnica miofacial, levando conforto para quem recebe a massagem”, explica a professora.

 

Partiu Estágio abre inscrições para mais de 2.300 vagas de estágio em órgãos estaduais

Domingos Matos, 04/02/2019 | 12:03

O programa Partiu Estágio, do Governo do Estado, está com as inscrições abertas. Até o dia 24 de fevereiro, estudantes do nível superior matriculados em cursos presenciais de universidades baianas, que tenham concluído no mínimo a metade da carga horária, podem se inscrever através do site www.programaestagio.saeb.ba.gov.br. São 2.325 novas vagas remuneradas, disponíveis em 62 orgãos estaduais de 49 municípios do estado. Têm prioridade estudantes portadores de deficiência, aqueles que estão cadastrados no CadÚnico dos programas sociais do Governo Federal, e quem cursou todo o Ensino Médio da rede pública ou como bolsista na rede privada.

O edital com todas as informações está disponível no site do programa. Há oportunidade para 109 cursos diferentes. Porém, se o estudante faz licenciatura, mas a vaga disponível for em bacharelado, ele não pode que se inscrever. “O estágio tem que ser feito no curso que o aluno faz. O sistema já prevê que ele pode fazer inscrição para até três órgãos, no curso que ele faz na universidade, nos municípios que ele reside ou estuda. A Lei de Estágio exige que tenha um profissional que supervisione o estágio porque, se órgão não tiver um supervisor da área, o estágio não terá validade”, explicou o coordenador do Partiu Estágio, Agnaldo Barbosa.

Estudante do 7º semestre de Medicina Veterinária, Rafael Gutemberg vai concorrer a uma das vagas. O jovem está de olho tanto na experiência profissional, quanto na remuneração. São 20 horas semanais, com bolsa-estágio de R$455 e auxílio-transporte.  “Minha expectativa é que acrescente mais ao meu currículo. A maioria dos estágios não tem bolsa e eu preciso correr atrás”, afirmou Rafael, que vai concorrer a uma vaga na Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab),  Secretaria de Saúde (Sesab) e no Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema).

Há oito meses, a estudante do 7º semestre de jornalismo, Dóris Queiroz, faz estágio na Secretaria de Comunicação (Secom). Na Coordenação de Rádio, a universitária vive na prática a rotina de trabalho de uma redação jornalística. A experiência abriu novos horizontes para Dóris, que antes pensava em seguir carreira na televisão, mas foi conquistada pelo rádio. “O estágio aqui me abriu muitas portas. Eu tenho o aprendizado técnico, eu gravo, edito, vejo onde estou errando, o que eu não tenho na faculdade. Eu nem consigo mais fazer o televisionado”, contou a universitária.

Curso de Gestão Empresarial Marketing e Gestão de Pessoas começa em março

Domingos Matos, 31/01/2019 | 07:01

O surgimento de novos modelos de produção, a emergência de novos setores econômicos, as mudanças no padrão de intervenção do Estado e a intensificação da globalização da economia trouxeram uma série de modificações ao ambiente econômico mundial, à competitividade entre as empresas e, consequentemente, à gestão dos negócios.

Trata-se de um novo ambiente competitivo que exige das organizações empresariais um grande esforço de adaptação que envolve a incorporação de novas tecnologias de operação e de gestão orientadas à melhoria de produtos e processos.

Diante desses desafios a Faculdade Madre Thaís (FMT), estará iniciando, em março, mais uma turma do curso de Pós-Graduação em Gestão Empresarial, Marketing e Gestão de Pessoas. O curso visa o desenvolvimento da capacidade de analisar, estruturar e sintetizar as informações relacionadas à área de Gestão nos eixos Empresarial, Marketing e Gestão de Pessoas, oferecendo instrumentos que permitam ao participante uma maior eficiência no processo decisório de uma empresa.

O curso será integralizado em 15 meses com uma carga horária de 420 horas. As vagas são destinadas aos profissionais com diploma de nível superior das diversas áreas, que desejam atingir novos níveis de formação acadêmica e profissional e que aspirem a cargos executivos em suas empresas ou para a qual está inserido e que busquem conhecimento nas áreas de Gestão Empresarial, Marketing e Gestão de Pessoas.

Os interessados não podem perder a oportunidade e se inscrever  direto na Coordenação de Pós Graduação da Faculdade, situada na Av. Itabuna, 1491,( Ilhéus), pelos telefones (73) 3222-2330, 3222-2331, 3222-2334, a partir das 14 horas, ou pelo e-mailposgrad@faculdademadrethais.com.br.

 

 

Jornada Pedagógica de Ilhéus discute currículo, identidades, diversidades e contextos

Domingos Matos, 29/01/2019 | 14:21

Com a participação de todos os profissionais da rede municipal de ensino, representados em suas 53 unidades escolares, a Secretaria de Educação de Ilhéus promove a Jornada Pedagógica 2019, dias 1º, 4 e 5 de fevereiro. O encontro marca a abertura do ano letivo no município e discutirá o tema central “Currículo: Identidades, Diversidades e Contextos”.

Na sexta-feira (1º) e segunda-feira (4), a Jornada Pedagógica será realizada nas unidades escolares. No dia 5, acontecem os debates e palestras no Centro de Convenções e em vários auditórios da cidade. Serão oferecidos minicursos, de acordo com cada modalidade de ensino. A programação foi elaborada com o objetivo de possibilitar a troca de experiências sobre ensinar e aprender de forma coletiva, fortalecendo assim o processo educativo e suas responsabilidades.

Além dos professores, participam das atividades orientadores, supervisores, diretores, vice-diretores, secretários e demais profissionais, não docentes, e membros dos Conselhos de Educação. O encerramento da programação, no dia 5, será marcado por momento cultural, participação do GAP (Grupo de Amigos da Praia) e David Ohara, professor do Departamento de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).

As palestras e debates serão realizados no dia 5, pela manhã, em diferentes locais da cidade, com credenciamento a partir das 7h40. Professores da Educação Infantil discutem o tema “As 10 competências gerais da BNCC e a prática docente”, no Teatro Municipal de Ilhéus. Professores dos Anos Iniciais e EJA I, o tema “Avaliação por habilidades e competências”, no auditório principal no Centro de Convenções. Professores dos Anos Finais e EJA II, debatem “A BNCC e os desdobramentos na prática pedagógica docente”, na Faculdade Madre Thaís e profissionais não docentes participam das discussões sobre “O papel dos não docentes no espaço escolar”, também no Centro de Convenções.

 

Faculdade de Ilhéus faz inscrições na segunda chance do Vestibular 2019.1

Domingos Matos, 11/01/2019 | 08:02

 

A Faculdade de Ilhéus está com inscrições abertas para a segunda chance do vestibular 2019.1 até o próximo dia 16 de janeiro. Os interessados podem concorrer a vagas para os cursos de graduação em Administração, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Nutrição, Odontologia e Psicologia. A prova do exame será aplicada no dia 20 deste mês, sendo que os portões serão abertos a partir das 7h30min.

A instituição completou 16 anos de funcionamento e se notabiliza como uma das mais eficientes faculdades da região, com aulas cem por cento presenciais e cursos bem avaliados pelo Ministério da Educação (MEC). As inscrições para a 2ª Chance no vestibular 2019.1 podem ser feitas pelo site www.faculdadedeilheus.com.br ou de forma presencial, na secretaria da Faculdade, localizada à margem da Rodovia BA-001, trecho Ilhéus-Olivença, km 1,5, bairro São Francisco, zona sul da cidade, no horário das 8 às 21 horas. O valor da taxa de inscrição é de 50 reais.

A Faculdade de Ilhéus também utiliza os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) para efeito de preenchimento de vagas remanescentes. Focada no compromisso de oferecer um ensino superior de qualidade, a instituição disponibiliza infraestrutura com sede própria, instalações modernas, salas climatizadas, biblioteca e laboratórios equipados que valorizam o binômio ensino-aprendizagem.

Financiamentos – Com a finalidade de garantir o acesso dos estudantes ao ensino superior, a Faculdade de Ilhéus aceita o financiamento de até 100 por cento do curso através do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil), do Governo Federal. A instituição também oferece um sistema próprio de financiamento, o Cred-IES–Cesupi, que garante crédito até 70 por cento da mensalidade, sem juros, do início ao fim do curso. Após a conclusão da graduação, o estudante negocia diretamente a quitação do financiamento.

Faculdade Madre Thaís abre inscrições de vagas remanescentes

Domingos Matos, 03/01/2019 | 09:34

A Faculdade Madre Thaís (FMT) está com inscrições abertas para o Processo Seletivo de ingresso no 1° semestre letivo de 2019, para o preenchimento de vagas remanescentes. Esta é uma ótima chance para quem deseja fazer um curso superior numa faculdade que conta com a garantia da qualidade já conhecida pelos serviços prestados na área do ensino superior em Ilhéus e no Sul da Bahia.

Estão sendo oferecidas vagas nos cursos de Administração, Arquitetura e Urbanismo, Biomedicina, Cacau e Chocolate (tecnológico), Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Fisioterapia, Gastronomia, Logística (Tecnológico), Gestão de Recursos Humanos (Tecnológico) e Serviço Social.

As inscrições, presencial, na sede da FMT, à Avenida Itabuna, 1.491, Gabriela Center vão até o dia 26 de janeiro, de segunda a sexta das 9 às 21 horas e aos sábados das 8 às 15 horas min. Também, Laboratório LIDI – Exato, Rua Coronel Paiva, nº 39, de segunda a sexta feira, das 8 às 18 horas, aos sábados das 8 às 12 horas. As inscrições não presenciais já podem ser feitas pelo site: www.faculdademadrethais.com.br. até o dia 25 de janeiro.

Já no Shopping It’art, Rua D. Pedro II (Calçadão), as inscrições podem ser feitas de segunda a sexta das 9 às 12 horas e das 14 às 18 horas e aos sábados, das 8 às 13 horas, de 14 a 26 janeiro.  Para os candidatos que optarem pela utilização do Enem, a inscrição será  até o dia 25 de janeiro, mediante apresentação do Boletim, constando nota e número de inscrição no Enem.

Serão aplicadas uma prova de conhecimentos gerais contemporâneos e uma prova de redação, no dia 27 de janeiro (domingo), das 9 às 13 horas, na sede da Faculdade Madre Thaís.

 

Santa Casa de Itabuna inicia Campanha de Sensibilização para Doação de Órgãos

Domingos Matos, 31/08/2018 | 16:40
Editado em 01/09/2018 | 14:21

Para sensibilizar colaboradores e sociedade sobre a importância da doação de órgãos, durante todo o mês de setembro diversas ações serão realizadas pela Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, através da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT).

As ações do Setembro Verde terão início na segunda-feira, 3 de setembro, no Hospital Manoel Novaes. Na unidade será montado um espaço com alertas e reflexões com o intuito de chamar atenção sobre o número de pessoas que estão na fila de espera aguardando por um transplante e o quanto é importante avisar às famílias sobre o desejo de ser um doador. Além do túnel temático com o momento lúdico, ao longo do mês serão realizadas panfletagens, distribuição de laços verdes,seminário e simpósios. 

As ações, que prosseguem até o dia 29 de setembro, serão realizadas também nos Hospitais Calixto Midlej Filho, Hospital São Lucas, Mutirão Santa Casa nos Bairros, e nas instituições de ensino:Cooperativa Educacional de Itabuna - COOPEDI e na faculdade - FTC.

De acordo com a enfermeira do CIHDOTT, Patricia Betyar, as ações são essenciais na sensibilização do tema para a sociedade. “Ainda enfrentamos muitas negativas durante as abordagens para a captação de doadores, pois lidamos com a dor da perda. Quando o familiar avisa em vida sobre o seu desejo de ser doador, a família respeita esse desejo. Por isso precisamos intensificar as ações e plantar no outro o desejo de se tornar doador e ajudar a salvar vidas”, disse Patricia

Ainda durante o Setembro Verde estão sendo comercializadas camisas temáticas para a data, com 100% da renda revertida para o Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO). Mais informações sobre a programação e venda de camisas pelo telefone (73) 98869-8617.

 As ações do setembro verde estão sendo apoiadas pela Fundação Centro de Estudos Professor Edgard Santos (FUNCEPES), PLANSUL, Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO) , Samuel Decorações e Grupo de Eventos SCMI.

Conjunto Penal de Itabuna tem mais um interno fazendo curso universitário

Domingos Matos, 07/08/2018 | 18:34

Mais um interno, que cumpre pena no regime semiaberto no Conjunto Penal de Itabuna, acaba de ser matriculado em um curso de nível superior. Outro, na mesma situação, também aprovado e matriculado, recebeu Alvará de Soltura e preferiu cursar a faculdade em outro município, onde vivem seus pais.

O anúncio foi feito no sábado (4), durante evento de certificação em diversos cursos profissionalizantes ofertados na unidade prisional, por meio do Centro de Educação e Ressocialização. “É, sem dúvida, uma vitória para esses reeducandos, e também uma comprovação de que a ressocialização é uma realidade possível”, afirma o diretor do Conjunto Penal de Itabuna, Adriano Valério Jácome da Silva.

O novo universitário discursou e afirmou que este é um momento de muita alegria. “Agradeço à Socializa, à professora Carminha (Maria do Carmo, coordenadora da Educação no CPI), que foi uma mãe durante esse processo. Estou voltando a integrar a sociedade, como uma parte que ela sentiu falta, e devo isso ao apoio que tive nessa instituição”, ressaltou.

Com esse novo matriculado, em um ano, são cinco reeducandos que ingressaram em cursos universitários em Itabuna, sendo que três estão cursando aqui, enquanto dois preferiram deixar a cidade, por terem origem familiar em outras localidades.

Feira de Saúde proporciona dia especial de cidadania no Conjunto Penal de Itabuna

Domingos Matos, 28/03/2018 | 13:57

Se em quantidade elas não se comparam aos homens recolhidos, em disposição dão um verdadeiro show. As cerca de 75 mulheres custodiadas no Conjunto Penal de Itabuna participaram ativamente da 1ª Feira de Saúde da Mulher realizada na unidade prisional e, literalmente, correram todos os oito estandes disponibilizados. Tanto que a organização fez uma conta simples: foram 71 mulheres usando todos os serviços oferecidos, o que resultou na soma de 568 atendimentos.

A Feira de Saúde da Mulher foi organizada pela empresa Socializa, por meio do Corpo Técnico do CPI, em parceria com a faculdade de Enfermagem da Unime e com apoio da casa de perfumaria e cosméticos O Boticário. Estudantes do 6º semestre, junto com professores e profissionais do Conjunto Penal, proporcionaram às internas um dia diferente, com atendimentos diversos, a exemplo de exames preventivos (citologia), orientações sobre parto humanizado, prevenção às infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) dentre outros. 

Também foram oferecidos testes rápidos para detecção de aids, sífilis e hepatite, orientações para o autoexame da mama (prevenção ao câncer de mama), além de momentos de beleza, com maquiagens e tratamentos de cabelo. Ainda foi realizada uma pequena exposição dos diversos cursos profissionalizantes e produtos, realizados e apresentados pelas próprias internas.

“Esse momento foi a culminância de um projeto desenvolvido ao longo do mês de março. Já tivemos, no dia 16, uma parte mais lúdica e reflexiva, com a participação de uma psicóloga convidada, que trabalhou a questão da autoestima. Hoje, percebemos inclusive um resultado daquele momento, com a participação quase total de nossas internas no evento”, observou o diretor do CPI, capitão PM Adriano Valério Jácome da Silva.

Mas, a programação destinada à mulher não se encerrou com o evento. Além das internas, também estão sendo beneficiadas as mulheres visitantes, com um estande de orientação sobre prevenção a doenças como câncer de mama e as chamadas ISTs.

Participaram do evento o chefe de Gabinete da Secretaria da Administração Penitenciária e Ressocialização (SEAP), Carlos Eduardo Sodré, e a representante da 7ª Diretoria Regional de Saúde (7ª Dires), Dina Lúcia de Almeida.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.