Tag: futebol

Mangabinha, São Pedro, Parque Santa Clara e Bananeira avançam para a semifinal do Interbairros

Domingos Matos, 09/12/2019 | 14:32
Editado em 09/12/2019 | 14:34

Mangabinha x São Pedro e Parque Santa Clara x Bananeira decidem, no próximo domingo,15, pela manhã, no Estádio Luiz Viana Filho, a semifinal do Campeonato Interbairros. A classificação ocorreu numa rodada marcada por bastante chuva e com jogos muito disputados, três deles terminados em empate e decididos nos pênaltis no último domingo (8).

O único time classificado sem necessidade de penalidades foi a seleção da Mangabinha, campeã do ano passado, que venceu o Parque Boa Vista por 2 x 1. O seu adversário na semifinal será o São Pedro, que empatou em 1 x 1 com o Pontalzinho, se classificando nos pênaltis.

Outro jogo marcado por muita disputa foi entre o Parque Verde e Parque Santa Clara, que empataram por 2 x 2 no tempo normal de jogo, enquanto o Pedro Gerônimo e Bananeira ficaram em 0 x 0. Parque Santa Clara e Bananeira se classificaram nos pênaltis, chegando assim às semi-finais do campeonato, que na edição deste ano teve a participação de 50 equipes.

 

Equipes

Mangabinha, que foi campeã do Interbairros em 2017 e da Liga dos Campeões, no ano passado, chega à semifinal do Interbairros 2019 como única equipe com 100% de aproveitamento, pois venceu todos os jogos que disputou. Uma das armas para a conquista do titulo deste ano é o artilheiro Totinga, que soma oito gols no certame.

Quem também tenta um novo titulo é a seleção do São Pedro, que conquistou dois campeonatos e chega embalado nesta fase da competição. A surpresa de 2019 fica por conta das equipes da Bananeira e Parque Santa Clara, que tentam o seu primeiro título.

O diretor da Esportes da FICC e um dos integrantes da coordenação do Interbairros, Ewerton Bomfim, destaca que tanto a semifinal como a final serão realizadas no Estádio Luiz Viana Filho. Ele ressalta ainda que a competição tem a função de apoiar e revelar novos valores para o futebol amador, como também promover a integração das comunidades entre os diversos bairros da cidade.

Outro diretor do Departamento de Esportes da FICC, Cícero Romero, observa que muitos craques revelados no Interbairros poderão ser aproveitados por equipes profissionais da região, como a do Itabuna e Grapiúna. Ambos os times devem disputar a divisão de acesso à série A do Campeonato Baiano de profissionais no próximo ano. Cícero salienta também que o evento esportivo mobiliza torcidas organizadas, charangas e favorece à geração de emprego e renda, ao possibilitar oportunidades de negócios para vendedores ambulantes e comerciantes de bares, restaurantes e lanchonetes nos bairros onde são realizados os jogos.

O Campeonato Interbairros de Futebol é promovido pela Prefeitura Municipal de Itabuna por meio da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), em parceria com a Secretaria de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), e com apoio das secretarias municipais de Administração e de Segurança, Transporte e Trânsito (Sestran), bem como do 15º Batalhão da Polícia Militar.

 

Ilhéus ganha novo time de futebol: o Barcelona

Domingos Matos, 03/12/2019 | 08:08

O evento de divulgação do Barcelona Ilhéus revelou aos convidados a profissionalização do novo time de futebol da cidade e outras importantes novidades a respeito do projeto esportivo. A cerimônia de apresentação aconteceu na última sexta-feira (29), no Hotel Praia do Sol, que teve entre os convidados, o prefeito Mário Alexandre, acompanhado da ex-deputada estadual Ângela Sousa entre outras autoridades.

A imprensa regional cobriu o evento que contou ainda com a presença de profissionais da área esportiva e amantes do futebol. Weliton Nascimento, diretor do novo clube Barcelona, é proprietário da Arezza Adilis, gestora do time Colo-Colo. Com mais de 20 anos de experiência no segmento esportivo, o empresário afirma que o empreendimento parte de uma nova proposta empresarial.  

“Informamos que o Barcelona Ilhéus já está inscrito no campeonato de acesso do ano de dois mil e vinte [2020]. Este projeto está aberto para outros empresários da região que queiram patrocinar e ter sua marca veiculada ao clube ilheense. Queremos que em aproximadamente cinco anos ou menos este clube esteja participando da classe C do Campeonato Brasileiro”, afirmou o empresário.

Para Mário Alexandre, o momento de transformação vivido na cidade, aliado ao volume de obras estruturantes, atribui-se também a vinda de novos investimentos. “Me encantei com o projeto que foi apresentado, e por isso, a Prefeitura está de braços abertos. Então, tudo o que estiver dentro do juridicamente legal será feito”, destacou o prefeito.

O Clube Barcelona Ilhéus está em busca de um lugar para o Centro de Treinamento (C.T.) dos atletas, e que ainda comporte nas suas dependências, um público de duas mil e quinhentas pessoas. “Orgulho de ter um prefeito que acredita em nosso projeto e de poder trazê-lo para Ilhéus e região”, finalizou Weliton Nascimento.

Durante o evento de apresentação foi distribuído um kit promocional contendo mochila, camisa, squeeze, caneta e folheteria com a marca do clube, brindes que destacavam a responsabilidade com o Meio Ambiente.  

 

Itabunense foragido da Justiça brasileira é músico e leva vida de luxo em Dubai

Domingos Matos, 25/11/2019 | 10:42

Foragido da Justiça do Rio Grande do Sul e da Bahia, por chefiar um esquema de pirâmide financeira, o itabunense Danilo Vunjão Santana leva uma vida de luxo nos Emirados Árabes. Após ter lesado vítimas no Brasil e no exterior, movimentando quase R$ 500 milhões ilegalmente, ele agora investe na sua carreira artística e se apresenta como músico, com o nome artístico Danilo Dubaiano.

O golpe era realizado através de site de apostas esportivas. Para se cadastrar, era preciso depositar uma quantia, com a falsa promessa de ganhos de 30% do valor investido. Só que esse lucro era fictício e o usuário não conseguiria resgatá-lo. Quem ganhava o dinheiro eram as pessoas que estavam no topo da pirâmide, convidando outras para entrar.

No Rio Grande do Sul, ele foi denunciado por estelionato, lavagem de dinheiro e organização criminosa. O Ministério Público estima que o esquema tenha feito milhares de vítimas.

Os crimes foram descobertos em 2017, após denúncias em Sapiranga, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Somente no RS, uma associação reúne cerca de 300 pessoas lesadas.

Uma das vítimas é a empresária Maria Rosinete Pereira, de Cachoeirinha, cidade da Região Metropolitana de Porto Alegre. "Eu perdi em torno de R$ 20 mil", relata. "Como um cara desses consegue ficar livre, não temos justiça, nada, nesse Brasil?", desabafa.

Outro gaúcho, que prefere não se identificar, conta também que perdeu bastante dinheiro. "Eu apliquei três cotas, deu o valor de R$ 20.280 na época", afirma.

Na Bahia, o Ministério Público recebeu inquéritos policiais que tinham sido abertos contra Danilo no Rio, em Pernambuco e em Mato Grosso do Sul. O órgão denunciou também a esposa, que vive com ele em Dubai, o irmão e a cunhada dele.

"Danilo fez uma movimentação criminosa através de relacionamentos familiares. Valores volumosos, R$ 38 milhões, R$ 36 milhões, que transitaram em contas bancárias dessas pessoas no período em que o empreendimento buscava seus empreendedores por meio de recrutamento", afirma o promotor de Justiça da Bahia Inocêncio de Carvalho Santana.

 

Sobre o golpe

O golpe era aplicado por meio de um site, chamado D9, que funcionaria como um jogo de apostas em campeonatos de futebol. Para as autoridades, era um disfarce para a prática da pirâmide financeira.

"Não havia apostas em futebol e nenhum outro esporte. As próprias vitimas que eram estimuladas a trazer mais parentes, mais conhecidos, e a fomentar então a pirâmide financeira", explica a advogada das vítimas, Caroline Baratz.

Os ganhos prometidos seriam de sites de apostas esportivas fora do Brasil. Danilo, porém, nega que o esquema fosse pirâmide. "O que a gente fez foi criar um curso pra ensinar as pessoas ter as análises estatísticas desses mercados", alega. Ele diz que quer devolver o dinheiro às vítimas. "A gente tem valores superiores ao que as pessoas que se sentiram lesadas têm a receber. Que tenha um ressarcimento, e eu sou a favor disso", diz.

Por enquanto, ele afirma querer focar na carreira musical. Entre seus planos, estão a gravação de um disco e uma turnê pelo Brasil. Ele nega também que tenha ido para Dubai com o objetivo de fugir da Justiça brasileira. "Hoje eu tenho meu projeto musical, todos sabem onde moro, você está aqui em minha casa, meu endereço sempre foi informado, nunca fui um foragido da polícia", declara. Seu advogado tenta reverter os mandados de prisão nos dois estados.

 

Vida de luxo

Danilo vive em um condomínio de luxo em Dubai, com direito a campos de golfe. Na frente da casa dele, é possível encontrar uma Ferrari e um Rolls-Royce.

Dentro da residência, está um estúdio, onde ele tem produzido suas músicas. "Eu sou empresário e investidor, e música eu sempre levei como hobby, e agora a gente tá fazendo com mais força", conta.

Em outubro, ele gravou um DVD, com direito a superprodução e convidados, em uma praia de Dubai. "A gente passou um período de praticamente um ano em laboratório e a gente selecionou a dedo essas 15 músicas", afirma o investigado.

Enquanto isso, as vítimas aguardam a conclusão do processo para receberem o ressarcimento do que investiram. Segundo a advogada Caroline, a D9 atuou em vários países.

"Nós temos [vítimas na] China, Paraguai, São Paulo, Bahia. Foi um golpe pelo mundo inteiro", afirma. A estimativa, conforme a advogada, é que o esquema tenha movimentado mais de R$ 500 milhões.

 

Prisão em aeroporto

Com os mandados de prisão, Danilo foi incluído na lista de procurados da Interpol. Segundo as investigações no Brasil, ele chegou a ser preso no aeroporto de Dubai ao desembarcar de um voo doméstico, dando ao início ao processo de extradição.

Porém, ele nega que isso tenha acontecido. "Eu nunca fui abordado em aeroporto. Nunca fui detido em aeroporto", diz.

Um documento do Ministério da Justiça, no entanto, informa à Justiça do RS que ele foi preso durante alguns dias. O Ministério Público do RS iniciou um pedido de extradição dele.

Em março deste ano, o Brasil e os Emirados Árabes acertaram um acordo geral de extradição, que está sendo analisado pelo Congresso.

"Se eu te disser que não existe um temor de extradição, eu tô mentindo. Mas eu sou muito tranquilo e eu acho que as coisas acontecem do jeito que tem que acontecer", diz Danilo. (Com informações do G1/)

Câmara discute patrulha de combate à violência contra mulher e vota adicional para servidores

Domingos Matos, 22/11/2019 | 14:34

Os tantos episódios de violência contra a mulher e a necessidade de um combate cada vez mais incisivo devem ganhar novo instrumento em Itabuna. Na Sessão Ordinária de quarta-feira (20), a Câmara começou a discutir o anteprojeto de lei vindo do Poder Executivo, que estabelece diretrizes para atuação da Patrulha Guarda Maria da Penha. Será um aparato vinculado à Guarda Civil Municipal, no âmbito da Sesttran (Secretaria de Segurança, Transporte e Trânsito).

Com a presença de inúmeros servidores públicos e respectivo sindicato (SIMPI), aconteceu a primeira votação do projeto que transforma em lei um adicional concedido aos agentes de controle de endemias, trabalhadores do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e unidades de saúde da zona rural. Tal abono representa de 20% a 50% dos salários e precisava ser amparado na legislação, para não ficar à mercê de eventuais cortes repentinos com as mudanças de gestão municipal. A segunda apreciação desta matéria pelos edis deverá ocorrer na próxima semana, mas já foi sentido um clima de vitória entre os funcionários ali presentes.


Do orçamento à suplementação
Boa parte da Sessão Ordinária de quarta (20) foi permeada pela discussão de quanto a Câmara autorizará como suplementação orçamentária. De um lado, o Executivo pede 70%; de outro, aderindo a posição do vereador Júnior Brandão (PT), a oposição defende a permissão de, no máximo, 10%. “Em outros orçamentos, já recomendamos que a receita líquida seja usada até dezembro”, observou o edil. Enquanto a base do governo estuda a viabilidade de chegar a um percentual intermediário, a votação foi adiada para a próxima semana.

O processo para aprovação da Lei Orçamentária Anual (LOA) segue contando com a contribuição dos vereadores, através de emendas. Além dos iniciais R$ 138 mil alocados por Ronaldão (PMN), como reforço para unidades de abastecimento (as feiras livres), foram acrescidas e aprovadas emendas voltadas para a mulher, para os servidores e para reordenamento urbano.

Charliane Sousa (PTB) propõe a destinação de R$ 45 mil para a Secretaria de Assistência Social (SAS) aplicar no combate à violência contra a mulher; Júnior Brandão (PT), recursos específicos para fortalecimento do Conselho Municipal de Turismo, hoje na estrutura da FICC (Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania); Milton Gramacho (PRTB), R$ 33 mil para a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU) investir no reordenamento da cidade; Jairo Araújo (PCdoB) quer que até 10% das autorizações sejam reservadas para despesas de pessoal, incluindo ticket-alimentação, reajuste salarial e revisão do Plano de Cargos e Carreira dos servidores.


Moção para itabunense na Seleção
Proposta pelo vereador Enderson Guinho (PDT) e relatada por Chico Reis (PSDB), o Plenário aprovou, por unanimidade, uma Moção de Congratulações pela atuação do jogador itabunense Sandry Roberto na Seleção Brasileira. Entre as conquistas mais recentes dele, a participação na vitória da Copa do Mundo de Futebol Sub-17.

O volante saiu de Itabuna aos 11 anos, para jogar no Santos Futebol Clube, e vem trilhando uma carreira de sucesso, sempre com apoio da família. “É uma motivação para todos que lutam pelo reconhecimento pelo esporte, mesmo com tão pouco apoio em Itabuna”, justificou Guinho. “O pai dele, Nenemzinho, já jogou no Itabuna Esporte Clube e no Colo Colo”, completou Reis.


Requerimentos e pedidos de providência
Ainda ontem, foram aprovados requerimentos da vereadora Charliane Sousa, para que o titular da Sesttran, Tenente-coronel Valci Serpa, esclareça quanto à forma de ingresso de servidores lotados como monitores do sistema de estacionamento rotativo (Zona Azul). Além disso, a edil requer do secretário de Administração, Son Gomes, o encaminhamento da portaria ou ato que lotou a servidora Ellen Gleicer Lima Santos, bem como dados sobre cargo e carga horária da referida profissional.

Sobre os pedidos de providência que os vereadores levam ao Executivo, seguem mais alguns, devidamente expostos em Plenário, para conhecimento dos pares e da comunidade. Beto Dourado (PSDB) solicita ao Executivo e à Sesttran a extensão da linha de transporte público no logradouro conhecido como Ribeirão Seco. O edil Robson Sá (PP), por sua vez, protocolou cinco pedidos, entre os quais operação tapa-buracos na rua Major Dórea, bairro Castália, e manutenção de esgotamento no Maria Pinheiro.

Banco de Sangue e Liga Itabunense de Futebol unidos para salvar vidas

Domingos Matos, 21/11/2019 | 09:20

O Banco de Sangue da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna firmou uma parceria com a Liga Itabunense de Futebol – LIF, onde vai receber nesta sexta (22), jogadores e ex-jogadores da seleção de Itabuna, pais de jogadores mirins para doação de sangue.

A ação, que está aberta ao público em geral, tem por objetivo mobilizar toda a sociedade acerca da importância da doação de sangue e faz parte das comemorações do Dia Nacional do Doador de Sangue (25/11) na nossa instituição.

De acordo com o presidente da Liga, Rafle Salume, a ideia é conscientizar o maior número de pessoas para se tornarem doadoras de sangue e assim ajudarem a salvar vidas. “Acreditamos que esporte e saúde caminham juntos e a LIF sempre apoia ações solidárias relacionadas ao tema”, declara. Na oportunidade, a Liga vai prestar uma homenagem ao ex-jogador da seleção de Itabuna, Fernando Riella, que foi considerado como um dos melhores jogadores de sua época.

Para o coordenador de captação, Adelson Bispo, o dia 25 de novembro é uma data que tem por objetivo agradecer aos doadores pelo ato de doar sangue e busca sensibilizar as pessoas sobre a importância desse gesto de solidariedade. “O mês foi escolhido justamente para melhorar o estoque do banco de sangue devido às datas comemorativas de final de ano e carnaval, período crítico em que há uma diminuição expressiva no número de doadores”, destaca.

De acordo com Bispo, ações como essas de trazer a população são importantes para suprir o estoque do banco. “A Liga de Futebol se tornou nossa parceira. Esse ano vai iniciar a sua ação no banco de sangue e a cada três meses estará realizando a doação”, completa.

A programação do Banco de Sangue continua no sábado com chegada da Caravana de Ibicuí e recepção ao Grupo Escalada. Já na segunda, Dia Nacional do Doador de Sangue, os doadores serão recepcionados com um café da manhã e a apresentação do Coral da Igreja Adventista do 7º Dia e distribuição de brindes. 

 

Quinze atletas representam a Bahia nas Paralimpíadas Escolares em São Paulo

Domingos Matos, 20/11/2019 | 20:37

Ao todo, 1.220 atletas paralímpicos de todo o Brasil iniciaram nesta quarta-feira (20) a disputa por medalhas na 13ª edição das Paralimpíadas Escolares, a maior em número de participantes já realizadas pelo Comitê Paralímpico do Brasil. A competição segue até sexta-feira (22), com realização de provas em 12 modalidades esportivas, todas elas acontecendo no moderno  Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, capital. A Bahia está representada por 15 atletas das modalidades de atletismo, goalball, natação e judô.

Na noite de terça-feira (19), todas as 27 delegações participaram da cerimônia oficial de abertura, que, além de autoridades municipais, estaduais e do governo federal, contou com as presenças dos campeões paralímpicos de atletismo, Petrúcio dos Santos e Verônica Hipólito, além do ex-jogador de vôlei de praia, Emanuel Rego.

No desfile oficial, a Bahia foi representada pelos atletas Elysson Marcos, 17 anos, da equipe de goalball, e Antônio Júnior, do atletismo. Apesar de já estar em sua quarta Paralimpíada, Elysson, morador do município de São Francisco do Conde, não disfarçou a emoção de ser porta-bandeira da delegação baiana. Já Júnior, que participa do evento pela primeira vez, mostrou-se feliz e curioso pelas novidades e sentimentos que estavam sendo experimentados.

Além de goalball e atletismo, as duas modalidades com representantes masculinos e femininos, integram ainda a delegação da Bahia a atleta de natação Bárbara Britto e o judoca Gabriel Santos, ambos do município de Jequié. A 13ª edição das Paralimpíadas  Escolares contam ainda com as provas de basquete 3x3 em cadeira de rodas, bocha, futebol de 5 (para cegos), futebol de 7 para paralisados cerebrais, parabadminton, tênis de mesa, tênis em cadeira de rodas e vôlei sentado.

Toda a delegação da Bahia – atletas, técnicos, dirigentes e mães que acompanham os atletas – viaja com passagens aéreas e uniformes oficiais cedidos pelo Governo da Bahia, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), tendo o apoio da Secretaria de Educação e da Federação Baiana de Esporte Escolar (Fbee).

Governo do Estado lança campanha contra o racismo e conjunto de ações durante o Novembro Negro

Domingos Matos, 31/10/2019 | 07:37

O Governo do Estado realiza uma série de ações que integram a programação do Novembro Negro em 2019 e a primeira delas é a abertura oficial das atividades que acontece na próxima sexta-feira (1º), na sala principal do Teatro Castro Alves (TCA), a partir das 19h. Na ocasião, o evento promovido pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) contará com a apresentação do espetáculo ‘Tempos Negros: a legítima Viagem’ do Bando de Teatro Olodum.

Além da peça, haverá participações especiais da cantora Majur, dos blocos afro Ilê Aiyê, Olodum, Malê Debalê, Bankoma, Os Negões, além da Banda Erê e Banda Didá. O acesso do público é gratuito, mas nos ingressos já estão esgotados.  

A secretária de Promoção da Igualdade Racial, Fabya Reis, ressalta realização do evento. “Será um novembro bastante denso e de uma grande articulação institucional. A nossa estreia é com o espetáculo do Bando de Teatro Olodum e diversos artistas neste momento de congraçamento para celebrarmos a chegada do Novembro Negro. Além disso, teremos um conjunto de atividades durante o mês que envolverá diversas secretarias e a Procuradoria Geral do Estado (PGE). A PGE fará um grande lançamento em referência aos 30 anos da Lei Caó – aquela que transforma o crime de racismo em inafiançável e imprescritível. É uma agenda que fortalece o nosso instrumento de combate ao racismo”, explica.

Fabya Reais ainda pontua que durante o Novembro Negro será realizada a II Semana da Igualdade Racial Mestre Moa do Katendê que será promovida pela Sepromi e reúne o Conselho de Desenvolvimento para a Comunidade Negra, o Fórum de Gestores dos municípios e estados responsáveis pela articulação das políticas de igualde. “Estamos todos muito interligados e com o mesmo propósito. Além disso, vale ressaltar o protagonismo da agenda que acontece no dia 20 de novembro, que é baseada no apoio do Governo do Estado às associações da sociedade civil que realizam a Marcha da Liberdade, a grande Marcha do Campo Grande, além da lavagem do Zumbi dos Palmares, entre outras ações que constam do edital da Década Internacional Afrodescendente”, acrescenta.

Campanha contra o racismo

Aproveitando a proximidade das celebrações pelo Novembro Negro, foi lançada nesta quarta-feira (30), a campanha ‘Todas as Vozes contra o Racismo. Todas as leis contra os racistas’. A iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial, convoca a população para uma reflexão e tomada de atitude contra a discriminação racial. O site da campanha é igualdaderacial.ba.gov.br e as denúncias do crime de racismo podem ser realizadas pelo telefone 71 3117 7448.

A secretária Fabya Reis explica que embora tenha sido lançada neste momento, a campanha não está restrita ao Novembro Negro e deve abordar as diversas nuances do racismo e se estende ao longo do próximo ano. “Faremos uma campanha firme e direta em dialogo com a sociedade e queremos trabalhar algumas condutas que as pessoas não entendem como crime de racismo e vamos deixar isso claro para a população. Além disso, vamos promover a importância da denúncia para que a gente possa seguir na apuração e responsabilização dos racistas. Estamos convocando toda a sociedade para que esteja conosco nesse combate”.

Fabya Reis esclarece que as primeiras peças publicitárias estão sendo lançadas neste momento, mas novos temas que envolvem a sociedade também serão contemplados na campanha. “Nós estamos dialogando com os times de futebol como o Bahia, Vitória, Ipiranga e todos aqueles que quiserem nos abraçar. À medida que a campanha ganhe densidade iremos incluindo outros temas no eixo de enfrentamento, no campo pedagógico, para uma mudança de mentalidade. As políticas de igualdade racial são recentes na estrutura do estado brasileiro e a campanha tem esse propósito de fortalecimento do combate ao racismo e intolerância religiosa. Vamos descortinar o conjunto das questões que envolvem o racismo estrutural, institucional e todas as suas manifestações”, conclui.

Chapa Itabuna Mais Forte propõe fortalecer o Itabuna Esporte Clube para o Baianão 2021

Domingos Matos, 25/10/2019 | 11:09
Editado em 25/10/2019 | 11:10

Discutir a viabilidade do Itabuna Esporte Clube como time de futebol profissional, preparar uma equipe competitiva para disputar o Campeonato Baiano de 2021, buscar parceria com uma incorporadora para negociar parte da área da sede social, construir um moderno Centro de Treinamento, realizar um diagnóstico da atual situação patrimonial e financeira do clube, promover um recadastramento geral dos sócios e lançar uma campanha publicitária para motivar os torcedores e atrair novos os associados. Estas são algumas das propostas dos integrantes da chapa “Itabuna Mais Forte”, a única que concorre às eleições dos novos presidente e vice-presidente da Diretoria Executiva, e dos membros do Conselho Deliberativo e do Conselho Fiscal do clube. A votação será no próximo domingo, dia 27, na sede social do IEC, no bairro Conceição.

“Vamos resgatar, com planejamento, transparência e responsabilidade, a importância do Itabuna no cenário esportivo baiano, tanto na sede social, quanto no futebol profissional”, garantiu o professor de Educação Física Rodrigo Dantas Xavier-“Digão”, que lidera a chapa na condição de candidato a presidente da Diretoria Executiva. “A intenção dos integrantes da chapa é buscar parceiros para criar uma grande divisão de base, formar novos atletas. O nosso plano é quitar os passivos fiscais e trabalhistas do clube, e construir um moderno CT numa área afastada do centro da cidade”, acrescentou. O ex-presidente Sandoval Benevides concorre ao cargo de vice-presidente.

A chapa, integrada por quarenta e oito membros entre efetivos e suplentes, foi registrada na manhã desta quinta-feira, dia 24. O grupo é formado por ex-dirigentes e ex-atletas, desportistas, empresários, servidores públicos, advogados, professores e jornalistas. “Queremos um Itabuna cada vez mais forte. Com muito diálogo, nos unidos e conseguimos formar uma chapa de consenso e única. A proposta é o IEC negociar parte da área da sede social em troca da revitalização e modernização de outra parte que continuaria pertencendo ao clube. Tenho plena convicção que com profissionalismo, juntos traremos volta a associado à nossa sede, mobilizaremos os torcedores e conseguiremos atrair grandes parceiros e investimentos para o nosso IEC, sempre com a presença do Ministério Público, da Imprensa e de representantes da sociedade”, afirmou.

A chapa

Integram a chapa, na condição de membros do Conselho Deliberativo, Ruy Correia Soares, Evans Maxwel de Araújo, José Matos Conceição, Olívio Martins da Hora, Alberto Elmo Martins, Ederivaldo Benedito Santos, José Paulino Gomes Neto, Carlos Maron Neto, Luis Santana Nascimento, Rommel Serra Vasconcelos, Allah Muniz Góes, Adriano Nunes Seixas, Aurelito Lorenz, Álvaro Almeida de Castro, José Evaristo Cardoso Neto, José Carlos Alves da Silva, Emílio de Moraes Guirra, Erisvaldo Araújo Santos, Ricardo Sampaio Souza, Valter Ramos da Silva, Thiago Nascimento Barbosa, Daniel Rogério Oliveira de Souza, Antônio Eduardo Simões, Gilberto Santana Filho, Gilberto Santana Filho, Waldson Luis Kruschewisky, Luciano José Stelitano, Ademilton Oliveira Ninck, Lucidalva Barbosa Souza, Maria José dos Reis Gonçalves e João Luiz Cordeiro Passos.

Os suplentes do Conselho Deliberativo são: Silvina Jeane Pedra, Carleone Rodrigues de Souza, Carlos Fernandes da Silva Pereira, Gabriel Silva Cavalcante, Samylla Santos Gomes Xavier, George Thadeu Campos, Sebastião Nunes Barros, Crélia Lima dos Santos, Durval Ribeiro Filho e Alex Santos Figueredo. Já o Conselho Fiscal é integrado por Ivanilson de Souza Pontes, Edval Jorge Duarte Caldas e Lucas Cordeiro Passos. Lilian Bastos Ferraz, Carlinéia Lima Santos e Walter Barbosa Júnior são suplentes dos Conselho Fiscal.

Interbairros terá início no sábado no “Itabunão”

Domingos Matos, 01/10/2019 | 14:13
Editado em 01/10/2019 | 16:06

Considerado o maior campeonato de bairros do país em número de equipes e de atletas envolvidos nas disputas, o Interbairros - Campeonato de Futebol Amador -, terá início no sábado (05), às 15horas, em Itabuna. Uma das maiores e mais movimentadas competições esportivas, com grande participação popular, que movimenta a economia dos bairros e da cidade. O anúncio foi feito pelo Prefeito Fernando Gomes na última segunda-feira (30).  

Para o sucesso do evento, a Secretaria da Administração, que tem como titular Dinailson Oliveira, atendendo solicitação do presidente da FICC, Daniel Leão, responsável pela realização da competição, já realizou todos os reparos necessários no estádio Luiz Viana Filho (Itabunão), local da disputa, e nos campos de futebol da cidade.

O Interbairros terá a participação de 50 equipes, com 1.250 atletas. O apoio vem da Prefeitura Municipal de Itabuan, Sudesb e Setre. Para Gabriel Silva, um dos coordenadores da competição, a expectativa é de que esta seja uma das melhores competições, “atraindo a população, promovendo lazer e entretenimento, bem como, o aquecimento formal e informal da economia nos locais das disputas dos jogos e, consequentemente, todo o município”, finaliza.  

Ilhéus: Governo discute sobre estádio municipal com diretoria do Colo-Colo

Domingos Matos, 11/09/2019 | 14:35

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre se reuniu no final da tarde de terça (10), em seu gabinete, com membros da diretoria do Colo-Colo de Futebol e Regatas. No encontro, o gestor reafirmou a parceria com o clube ilheense e garantiu providências para as obras de manutenção do Estádio Municipal Mário Pessoa, que incluem a conclusão de serviços na parte estrutural no entorno do gramado.

“É preciso unir esforços para que o time volte a brilhar em campo. Por isso, iremos atuar nas prioridades, e no que depender de mim vamos resolver”, assegurou o prefeito. Mário autorizou a formação de uma equipe jurídica envolvendo governo e clube, para dar algumas providências, a exemplo da publicização de espaços físicos como o muro do estádio.

O corpo jurídico do município e do Colo-Colo irá apresentar ao Ministério Público, um projeto de fomento de alguns espaços. Outro projeto também em andamento é o de Sócio/Torcedor. Na oportunidade, os gestores falaram dos avanços desse projeto. O intuito dessas iniciativas, segundo eles, é a captação de recursos para ajudar o Tigrão.

Atualmente, o Colo-Colo de Futebol e Regatas está empenhado em levar aos órgãos de justiça e à sua torcida, a credibilidade de suas ações. Nesse sentido, “estamos trabalhando bastante, de forma planejada e efetiva. Isso nos dá um preparo muito grande para o nosso tão sonhado retorno a campo”, explica o diretor do Colo-Colo, Luiz Márcio.

O clube ilheense foi fundado em 3 de abril de 1948. Em 2006, sagrou-se campeão baiano. Junto às vitórias, alegrias e tristezas, o Tigrão enfrenta problemas com a folha de pagamento, quando tenta retomar as disputas da primeira divisão do futebol baiano.

O encontro no gabinete do prefeito foi acompanhado pelos secretários municipais, Jerbson Moraes (Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo); Átila Docio (Infraestrutura e Defesa Civil); Hermano Fahning (Serviços Urbanos); vereador Gil Gomes e demais membros da diretoria do Tigrão.

 

Departamento de Crimes Contra o Patrimônio deflagra operação de combate a roubos de veículos

Domingos Matos, 05/09/2019 | 07:30

Equipes do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) deflagraram a Operação Tentáculos, na terça-feira (3), com o objetivo de identificar e prender criminosos envolvidos em furtos e roubos de veículos. Durante as ações, os policiais cumpriram mandados e prenderam um homem em flagrante, no município de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Taylor Werley Carmo Silva, de 25 anos, e Jandeilton Bispo Pereira, 20, foram apresentados durante coletiva de imprensa, conduzida pela diretora do DCCP, delegada Maria Selma Lima e as delegadas Glória Isabel Ramos e Auricélia Santarém, na sede da Polícia Civil, na Piedade, ontem (4).

Taylor Werley tinha dois mandados de prisão preventiva, por homicídio e tentativa, ocorridos em 2016, no município de Feira de Santana. Jandeilton Bispo foi preso em flagrante com um revólver calibre 38, com numeração suprimida, 20 munições, 10 pinos contendo cocaína e dois aparelhos celulares. A dupla foi localizada em um campo de futebol, em Candeias.

Segundo a diretora do DCCP, Taylor e Jandeilton são suspeitos de envolvimento em roubos de veículos. “As apurações apontaram para esses dois suspeitos, ligados também a crimes de homicídio e tráfico de drogas”, explica Maria Selma Lima.

A dupla está à disposição da Justiça e a Operação Tentáculos segue em outros locais. As ações também contam com equipes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) e com as tecnologias da Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), a exemplo do reconhecimento de placas de veículos.

 

Dois brasileiros disputam título da Fifa de melhor goleiro do mundo

Domingos Matos, 02/09/2019 | 13:35

Os goleiros brasileiros Alisson Becker (foto), do clube inglês Liverpool, e Ederson, do também inglês Manchester City, estão na disputa pelo título de melhor goleiro do mundo deste ano, no prêmio da Federação Internacional de Futebol (Fifa). Além deles, está na disputa o alemão Marc-André ter Stegen, que atua no time espanhol Barcelona.

Eles não são os únicos brasileiros a disputar o prêmio da Fifa. Uma brasileira, Silvia Grecco, concorre ao prêmio de torcedores, por descrever os jogos do Palmeiras para seu filho, que é cego. Ela disputa com o uruguaio Justo Sánchez, que não perde um jogo do time rival em memória ao seu filho falecido e os torcedores holandeses, por sua atuação na Copa do Mundo feminina da França.

Entre os jogadores de linha, no entanto, nenhum brasileiro. O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi disputam o título com o holandês Virgil van Dijk. Entre as mulheres, as finalistas são a inglesa Lucy Bronze e as norte-americanas Alex Morgan e Megan Rapinoe. As goleiras que disputam o título são a chilena Christiane Endler, a sueca Hedvig Lindahl e a holandesa Sari van Veenendaal.

Há ainda prêmios para melhores técnicos homens (o espanhol Pep Guardiola, o alemão Jürgen Klopp e o argentino Mauricio Pochettino) e mulheres (a norte-americana Jill Ellis, a inglesa Phil Neville e a holandesa Sarina Wiegman).

O prêmio Puskás, que premia o gol mais bonito do ano, tem como finalistas Messi, o colombiano Juan Fernando Quintero e o húngaro Dániel Zsóri. Os vencedores serão anunciados em uma cerimônia no Teatro alla Scala, em Milão (Itália), no próximo dia 23. (Com informações da Agência Brasil)

Em Pau Brasil, estudantes de diferentes etnias participam dos Jogos Indígenas Estudantis

Domingos Matos, 29/08/2019 | 15:31

Mais de 700 indígenas das etnias Pataxó Hãhãhãe, de Pau Brasil; Pataxó, de Coroa Vermelha; e Tupinambá, da Serra do Padeiro, em Buerarema, irão participar da primeira edição dos Jogos Indígenas Estudantis do Povo Pataxó Hãhãhãe, que acontecerá de sexta a domingo (30 de agosto a 1º de setembro), no Colégio Estadual Indígena Caramuru Paraguaçu, na aldeia indígena Catarina Paraguaçu, em Pau Brasil.

A iniciativa foi idealizada pela comunidade escolar para marcar as comemorações do Dia Internacional dos Povos Indígenas (9 de agosto) e o Dia do Estudante (11 de agosto). O objetivo é proporcionar a visibilidade e o fortalecimento da diversidade étnica e cultural dos povos indígenas, além de contribuir para o processo de aprendizagem dos estudantes através do esporte.

Os jogos envolverão os 702 estudantes indígenas do Colégio Estadual Indígena Caramuru Paraguaçu e 21 estudantes indígenas do Colégio Estadual Indígena de Coroa Vermelha. Também acompanharão as atividades estudantes do Colégio Estadual Indígena da Serra do Padeiro e da rede municipal de ensino da cidade de Pau Brasil.

Durante os três dias de competição, serão disputadas as seguintes modalidades: cabo de guerra, corrida de maracá, corrida com tora, luta corporal, luta com maracá, arco e flecha, zarabatana, corrida rústica, arremesso de tacape e futebol. Os jogos serão realizados das 9h às 16h e à noite serão realizadas atividades culturais com os participantes.

 

Aurelino Leal vive expectativa para reestreia após 17 anos

Domingos Matos, 10/08/2019 | 13:06
Editado em 10/08/2019 | 15:09

Neste domingo (11), algumas seleções farão suas reestreias na maior competição de futebol amador do país. Uma delas é a de Aurelino Leal. A cidade está de volta ao campeonato após 17 anos. De acordo com a Liga Aurelinense de Futebol, o otimismo no município é grande.

Para corresponder às expectativas dos torcedores, a Liga montou um elenco com base jovem para a disputa. Porém, o grupo também é composto por atletas experientes no Intermunicipal e consagrados em campeonatos municipais de outras cidades.

A estreia de Aurelino Leal será contra a Seleção de Uruçuca, às 15h de domingo, no Estádio Raimundo Marques Santos Filho (Arinha), em Aurelino Leal. 

TVE exibe Belmonte e São José da Vitória no Intermunicipal

Domingos Matos, 09/08/2019 | 14:26

Neste domingo (11), às 15h, a TVE transmite ao vivo o jogo entre Belmonte e São José da Vitória pelo Campeonato Intermunicipal. É possível acompanhar ao vivo na Internet no Facebook, Twitter, YouTube e site www.tve.ba.gov.br/tveonline

Este ano, a competição contou com um aumento no número de times participantes em relação ao ano passado. São 67 seleções em busca do título.

Até dezembro, a TVE transmite um jogo por rodada, definido através de sorteio ao vivo no programa Cartão Verde.

No dia 30 de julho, a emissora anunciou a transmissão da partida entre Quijingue e Canudos porém, um novo sorteio foi realizado após a Federação Bahiana de Futebol indicar que não havia condições de transmissão no estádio do município. Este é o primeiro ano que a seleção Quijinguense disputa o campeonato.

Na internet, os torcedores poderão interagir por meio das redes sociais, utilizando a hashtag #IntermunicipalNaTVE ou enviar suas fotos e vídeos acompanhando os jogos para o número de Whatsapp (071) 9 9626 0307. Os vídeos serão exibidos ao longo da programação.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.