BAHIAGAS - 25 ANOS

Tag: padroeiro

Show da banda Colo de Deus abrirá a festa de São Miguel em Itacaré

Domingos Matos, 04/09/2019 | 12:33

A Paróquia de São Miguel Arcanjo, em Itacaré, estará comemorando de 20 a 29 de setembro a festa em louvor ao padroeiro da cidade, que esse ano tem como tema central “Batizados e Enviados, a Igreja em Missão no Mundo”. Os festejos em louvor a São Miguel Arcanjo vai contar com novenário, missas, alvorada, procissão e bênção do Santíssimo Sacramento, além de shows de artistas regionais todas as noites. Ainda haverão bingos, bazar e uma série de atividades. A festa conta com o apoio da Prefeitura de Itacaré.

E uma das novidades desse ano será a abertura dos festejos, no dia 20 de setembro, com o show do grupo Comunidade Colo de Deus, um dos maiores nomes da música católica do Brasil. O show acontecerá na Praça São Miguel, logo após a primeira novena da preparação para a festa do padroeiro.

O grupo Comunidade Colo de Deus tem como objetivo fazer de Jesus conhecido e adorado entre todas as nações. “Nossa missão é gestar uma humanidade adoradora na essência mas evangelizadora, missionária, em sua natureza. Uma comunidade que não se contenta com o passado mas que enxerga o futuro como um dom e investe tempo e fôlego para fazer com que ele chegue em forma de dom. Queremos ser inspiração para esta geração”, definiram os integrantes do grupo.

De acordo com a programação, do dia 20 ao dia 28, acontecerá o tradicional novenário, com celebrações todos os dias a partir das 19 horas, na igreja matriz, dedicadas a diversas comunidades, órgãos públicos e profissionais de várias categorias. E após cada novena tem a programação cultural, com shows de artistas regionais, apresentação de corais, bingos e muitas brincadeiras e louvores.

No dia 29, consagrado ao padroeiro São Miguel Arcanjo, os festejos começam às 5 horas da manhã com a tradicional alvorada pelas ruas da cidade, seguindo às 7 horas da manhã com a celebração da missa das intenções. Às 9h30min será a vez da missa solene celebrada pelo bispo Dom Mauro Montagnolli e o Padre Ednaldo Cardoso, seguindo com procissão. E a partir do meio dia acontecerá o almoço no quiosque, na praça São Miguel, com musica ao vivo.

Tony Canabrava, Amassa e Luciano Crua na Festa de Rua de Palha

Domingos Matos, 21/08/2019 | 19:21

A comunidade de Rua de Palha, em Itacaré, está em festa. A Paróquia de São Miguel Arcanjo está comemorando a festa de São Roque, padroeiro da localidade. Como parte dos festejos, está sendo realizado um novenário com celebrações todas as noites. E no dia 25, consagrado ao Santo, os festejos em homenagem a São Roque começam com uma alvorada em Rua de Palha, às 5 horas da manhã, contando como fogos de artifícios e bandas que circularão pelas ruas da comunidade anunciando a festa. Às 15 horas será celebrada a missa solene, seguindo com procissão e bênção do Santíssimo Sacramento

E logo depois da festa religiosa a Prefeitura de Itacaré estará realizando shows em praça pública, com artistas regionais. Na lista de atrações confirmadas estão a Banda Amassa, Tony Canabrava e Banda e Luciano Cruz, o Miseravinho. No local será montada uma estrutura com palco, toldos, iluminação e espaços para a comercialização de comidas e bebidas. O objetivo é comemorar a festa do padroeiro com celebrações religiosas e também levar a alegria para os moradores.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, reafirmou o compromisso de garantir a tradição dos distritos de comemorar a festa dos seus padroeiros e também o memento de festa e de confraternização entre os moradores de Rua de Palha e os visitantes. “E mais uma vez realizaremos uma grande festa com alegria, mas também num clima de paz, harmonia e animação, onde todos possam comemorar, brincar e curtir sem violência”, complementou o prefeito.

 

Com presença de medalhista olímpico, Aratu-Maragojipe celebra 50 anos com mais de mil velejadores

Domingos Matos, 20/08/2019 | 11:44

Principal competição náutica do Norte/Nordeste e uma das mais tradicionais do País, a regata Aratu-Maragojipe chega aos 50 anos ainda mais charmosa. Neste sábado (24), mais de mil velejadores participam da competição. Dentre eles, o medalhista olímpico Lars Grael, bronze nos jogos de Sidney, na Austrália, em 2000.
 
Os organizadores do evento náutico estimam que mais de 40 mil pessoas circulem por Maragojipe (a 140 quilômetros de Salvador) no dia da prova, já que a data coincide com as comemorações do padroeiro da cidade, São Bartolomeu.

Além de Lars Grael, que virá do Rio de Janeiro, o navegador baiano Júlio Esteves também é presença garantida. São duas categorias principais de primeira classe na disputa, Monocasco e Multicasco, e mais 20 subclasses. Além dos barcos que competem, a expectativa é que a prova seja acompanhada por um cortejo de cerca de 700 embarcações, entre lanchas, jet skis e barcos.

São três largadas, de acordo com o tamanho das embarcações, saindo da base naval de Aratu, nas imediações da Ilha de Maré: às 10 horas, para os barcos menores; às 10h30, para os intermediários; às 10h45, para os de maior porte. A chegada a Maragojipe deverá ocorrer por volta das 14 horas.

“Vamos fazer a festa de premiação a partir das 18 horas no antigo mercado municipal, com apresentação da banda Marana”, anuncia Marcelo Fróes, da coordenação da prova. Pela programação comemorativa de São Bartolomeu, haverá também show das bandas Harmonia do Samba e Negra Cor, a partir das 10h30, nas proximidades da Praça Matriz.

A festa e a regata contribuem para promover ocupação completa nos hotéis de Maragojipe e grande procura por vagas em hospedagens das regiões vizinhas, de acordo com Fróes. “Se somarmos o número de competidores, acompanhantes e pessoas envolvidas com a regata e o público que participa da festa, deverá passar de 50 mil”, calcula.

A cerimônia de abertura da regata acontece na noite de sexta (23), na sede do Aratu Iate Clube – realizador do evento –, com show de Faustão e Os Mongas. A competição tem o apoio da Secretaria do Turismo do Estado da Bahia (Setur-BA).

Jacques Vabre - Em outubro, a Baía de Todos-os-Santos ganha novamente grande exposição, desta vez em nível internacional, com a realização da Transat Jacques Vabre. Com saída da cidade de Le Havre, na França, em direção a Salvador, a regata reúne velejadores de vários países. A competição também tem o apoio Setur.

Cenário da regata, Baía de Todos-os-Santos está recebendo maior investimento da história
As águas calmas da Baía de Todos-os-Santos representam o ambiente ideal para a realização do turismo e competições náuticas. Com 56 ilhas, a zona turística sedia o maior investimento público da sua história. “São US$ 78 milhões, o que equivale a aproximadamente R$ 300 milhões em infraestrutura e capacitação empresarial e profissional, em requalificação de museus, marinas e construção de píeres e atracadouros. O Prodetur Baía de Todos-os-Santos é um marco no turismo do nosso estado”, avalia o secretário Fausto Franco.

São João nos Bairros de Itacaré começa neste sábado na Camboinha

Domingos Matos, 06/06/2019 | 13:32

Itacaré vai realizar esse ano mais uma edição do São João nos Bairros, um evento que acontecerá durante o mês de junho e vai envolver as mais diversas comunidades, da sede e da zona rural. A organização é da comunidade, com o apoio da Prefeitura de Itacaré. E os festejos juninos começam já neste sábado (08), com o São João da Vila Camboinha, em frente a escola da comunidade e que terá como atrações as bandas Mazinho e Lèo, Pé de Mar e Andrezão. A festa começa às 19 horas e vai contar com bebidas e comidas típicas.

Já no dia 13 a comunidade vai comemorar a festa de Santo Antônio, padroeiro do Bairro Novo. Os festejos começam a com a alvorada às 5 horas da manhã, com uma charanga passando pelas ruas do bairro, encerrando com o tradicional mingau para a comunidade. Às 9 horas da manhã será celebrada a Missa Solene pelo padre Edinaldo Cardoso. E à noite será a vez da festa na praça, a partir das 21 horas, que terá como atrações as bandas Nadson o Ferinha, Bonde do Andrezão e Júnior Santos.

Nos dias 14 e 15 de junho será a vez da 6ª Edição do Forró da Praça da Bíblia. No dia 14 a festa começa com a apresentação da quadrilha junina Lá Vem a Zorra, seguindo com as bandas Bonde do Chamego, Robson Beguini e Andrezão dos Teclados. Já no dia 15 a festa continua às 19 horas com a apresentação da quadrilha junina Vila Madalena, seguindo com as bandas Bonde do Chamego, Juninho dos Teclados e Zalela e Banda.

O São João nos Bairros Itacaré continua nos dias 15 com a festa no bairro da Marambaia, 20 de junho no bairro da Passagem, dias 22, 23 e 24 de junho no bairro do Marimbondo e 23 e 24 no Porto de Trás. Também nos dias 23 e 24 acontecerá a festa do Clube da Melhor Idade, na Praça do Canhão. Ainda está prevista a festa de São João do bairro Angelin.

Iniciada a segunda etapa das obras de restauração da Igreja de Itacaré

Domingos Matos, 13/02/2019 | 14:18

A Paróquia de São Miguel Arcanjo iniciou esta semana as obras da segunda etapa de restauro da Igreja Matriz, um patrimônio histórico, artístico e cultural de Itacaré. Nessa etapa será feira a substituição de todo o forro. Para garantir recursos para a realização dos serviços a Paróquia de São Miguel iniciou a campanha “A Fé Restaurada”, onde todos podem fazer doações através de depósitos no Banco do Brasil, agência 4105-X, conta corrente 7034-3, CNPJ 16.628.433/0016-14, ou na secretaria da Paróquia. E por conta dos serviços, para garantir a segurança dos fiéis e turistas, as atividades religiosas da Igreja de São Miguel estão sendo realizadas no Clube Pirajá.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, se reuniu com o padre Ednaldo Cardoso e com a coordenadora do projeto, Graça Barbosa, onde destacou a importância do espaço não somente como um templo religioso, mas também por sua história que se confunde com a própria origem da cidade. E a Prefeitura tem sido parceira dessa iniciativa de restauração, colaborando com materiais de construção, mão de obras e serviços. O secretário de Desenvolvimento Urbano, Ademar Sá, também está acompanhando as obras e reafirmou que todo cuidado vem sendo tomado para não danificar o piso original e assegurar todas as características desse patrimônio artístico e cultural de Itacaré.

Pertencente à Diocese de Ilhéus, a Igreja Matriz de São Miguel foi fundada em 1723 pelos Jesuítas. A igreja é umas das mais antigas da região, mas precisa ser restaurada. Em 2016 foi realizada a primeira etapa da campanha de restauro, com a recuperação dos altares. A campanha contou com a participação de turistas, da Prefeitura e da comunidade.

A expectativa, segundo informou o padre Ednaldo Cardoso, é que novamente todos se unam nesse propósito de recuperar um patrimônio que é de todos. “A construção da igreja aconteceu há quase 300 anos e há 140 anos que não havia uma intervenção nela. A igreja como um todo representa a demonstração de fé e a cultura de um povo. E conta muito da história de Itacaré. A importância parte do pressuposto de que é uma restauração daquilo que é católico, religioso, artístico e cultural”, complementou.

História - Por volta do ano de 1720, o Jesuíta Luís da Grã ergueu uma capela sob a invocação de São Miguel, batizando a localidade com o nome de São Miguel da Barra do Rio de Contas. Ainda assim, o povoado só se tornaria um município em 1732, por obra e graça da Condessa do Resende – Dona Maria Athaíde e Castro. Com quase 300 anos a igreja de Itacaré, cujo padroeiro é São Miguel Arcanjo, dispõe de oratório rococó, com imagens de São Miguel, São Sebastião, Santo Antônio e Senhor dos Passos. Em alvenaria mista, a edificação tem capela-mor com sacristia, andar superior com coro, galeria e sala do consistório.

 

Lavagem das Escadarias da Catedral e chegada do MSC Seaview agitam Ilhéus nesta quinta-feira 

Domingos Matos, 16/01/2019 | 09:03

Os festejos populares de Ilhéus são marcas registradas da cultura local. Essas festas se caracterizam pelo sincretismo religioso e mistura de elementos sagrados e profanos. A “Lavagem das Escadarias da Catedral de São Sebastião” é um tradicional evento do calendário turístico da cidade. Este ano, a manifestação acontece na quinta-feira (17), mesmo dia em que desembarca o navio MSC Seaview no porto do Malhado, com aproximadamente 5.210 passageiros.

A festa começa às 8 horas, com concentração na sede do sindicato dos estivadores, localizado na Avenida Dois de Julho. O cortejo sairá às 9 horas, percorrendo as principais ruas do centro da cidade, passando pela Avenida Almirante Aurélio Linhares até a Praça Cairu, seguindo pela Rua Bento Berilo e Avenida Soares Lopes, rumo à Catedral de São Sebastião, onde as escadarias serão lavadas pelas baianas, com água de cheiro, celebração que antecede a comemoração do dia de São Sebastião, padroeiro dos estivadores, em 20 de janeiro.

Durante o percurso, a cadência dos tambores marca as passadas no ritmo afro, o desfile das baianas caracterizadas, carregando jarros com água de cheiro e as vassouras para o ritual da lavagem das escadarias, percussionistas dos blocos afro ilheenses, acompanhados por um mini trio, bloco de sopro “Guarda Embaixo”, turistas e comunidade, todos juntos na mesma sintonia. Como manda a tradição, um carro pipa no final da festa refrescará os presentes, aliviando o calor do verão.

Tradição - O evento tem o apoio da Prefeitura Municipal de Ilhéus, por meio das Secretarias Municipais de Turismo e Esporte (Setur) e Cultura (Secult). O cortejo da lavagem reúne fiéis católicos e das religiões de matrizes africanas, ocorre desde a primeira metade do século XX, idealizado pelos estivadores ilheenses e é uma manifestação marcada pela fé, alegria e homenagens ao padroeiro da categoria, São Sebastião.

Canavieiras: Rui inaugura obras e entrega equipamentos para pescadores e marisqueiros

Domingos Matos, 07/07/2017 | 11:29

Neste domingo (dia 9), o governador Rui Costa estará no Canavieiras, no sul do estado, onde participa, a partir das 9h, das festividades em comemoração ao padroeiro do município, São Boaventura. Além disso, ele inaugura obras e entrega equipamentos para trabalhadores da região. Serão inaugurados as reformas do Aeródromo Sócrates Resende e do Posto Rodoviário.

O governador fará ainda a entrega 40 barracas para a Associação dos Produtores Rurais da Região de Canavieiras, além de equipamentos de pesca, mariscagem, salvatagem e beneficiamento de mariscos para 450 pescadores e marisqueiros das reservas extrativistas. Rui também vai assinar a autorização para a Companhia Engenharia Rural da Bahia (Cerb) a realizar estudos hidrogeológicos, visando elaboração de projetos para perfuração de quatro poços na cidade.

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 20/03/2011 | 19:05
Editado em 25/03/2011 | 11:56

Adylson MachadoQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Fábio Lago

fabio lagoA iniciativa do ator ilheense Fábio Lago de engrossar a corrente de apoio ao complexo intermodal reflete, antes de tudo, compromisso para com a sua região.

Sua defesa, mais que a equilibrada posição de um cidadão, é a consciência de toda uma comunidade que espera há décadas investimentos que a façam superar a crise em que se enveredou por causa da monocultura de plantation chamada cacau.

Não será surpresa

Canta um passarinho que Wenceslau Júnior assumirá o mandato na Assembléia Legislativa.

Vitória de Pirro

A afirmação do Secretário Jorge Solla de que a gestão plena somente se consolidará com a anuência do Conselho Municipal de Saúde atende a uma das exigências legais. A considerar as denúncias veiculadas pelo Conselho, que acompanha de perto a crise itabunense, o alardeado anúncio oficial da retomada pode se constituir numa vitória de Pirro, caso não se torne tão imediata como faz parecer o anunciar.

Se outros mecanismos não interferirem – políticos por excelência – o Município precisará mostrar a que veio. Em outras palavras, gastar com a saúde.

E seria recomendável agilizar uma outra medida: apurar e publicizar os desvios denunciados.

Eleição que valerá ouro

Na eleição para o Conselho Municipal de Saúde a luta será não só intestina – disputa de grupos e partidos – mas fundamental para o projeto municipal de retomada da gestão plena.

Vitória e repercussões

Ainda que não nos convençam os argumentos desta súbita melhoria nos serviços de saúde de Itabuna, focados no referencial maior que é o Hospital de Base, para justificar a retomada da gestão plena, não pode ser negado que há vitoriosos: Azevedo e Magela.

De imediato a Azevedo será tributada a sua competência em “descobrir” Magela. E espaço para o(s) deputado(s) que se propagam pais da criança.

Derrota

Nesse imediato quem perde é a oposição liderada por sua expressão maior, Geraldo Simões. Não que o tenhamos como defensor do caos, mas evidentemente o caos na saúde constituiria um forte componente do discurso do candidato petista em 2012.

E não seria um discurso qualquer. Não esqueçamos que GS implantou a gestão plena, inclusive com apoio do atual Secretário Jorge Solla, que a consolidara em Vitória da Conquista. No entanto, o dístico da campanha fernandista em 2004 girava em torno de Saúde e Emprego.

O povo não compreendeu o que Geraldo fizera, a proposta e os avanços concretizados, os benefícios que adviriam e preferiu a promessa do retorno dos “carrinhos da saúde” de Fernando Gomes.

O custo disso é irrecuperável.

Discurso água abaixo

Mas, retornando ao discurso da campanha de 2012, temos que no âmbito da saúde GS e o PT o perdem nesse instante.

Até porque enquanto ninguém lembra do trabalho de Geraldo na área, Azevedo será observado como aquele que recuperou a gestão plena, ampliou recursos, conseguiu mais UTIs para o HBLEM.

Para refletir em 2014

Considerando que a tendência há muito anunciada é de Azevedo integrar a base do Governo Wagner a repercussão alcançará 2014, na eleição para governador. Caso o candidato de Wagner seja Luiz Caetano – cujo grupo não se bate bem com Geraldo Simões ou vice-versa – ampliada fica a base de votação em Itabuna em favor da continuidade administrativa e um GS constrangido apoiará e elogiará as virtudes do desafeto, engolindo o sapo Caetano. Isso porque não cremos que GS abandone o PT, onde tem e fez história.

Mas, certo é que os ventos não estão ajudando Geraldo Simões.

E não há feijoada que compense.

Fogo amigo(?)

Essa de fazerem divulgar que entre petistas circularia que o vereador Claudevane Leite não compareceu à feijoada de Geraldo Simões/Juçara Feitosa por temer “indigestão política” dimensiona o clima de insatisfações internas no PT.

Imaginemos se alguém resolver espalhar – maldosamente – que no ameno ambiente da feijoada houve conflitos e discussões. Ou que muitos convidados não deram as caras.

Melhor fogo muy amigo não há.

Não será o caos

Entrevista de ACM Neto com referências satisfatórias ao período Lula não nos causa surpresa. Até porque, menos surpresa nos causará se o DEM, em futuro não tão remoto, se alinhar com o Governo sob alegação de que sua política econômica está afinada com a do programa do partido.

O caminho está posto enquanto o DEM vai-se tornando em frangalhos. E ficamos a aguardar o que ocorrerá em Itabuna.

Murilo Brito

Atual Articulador do Partido dos Trabalhadores o jovem Murilo constitui-se numa esperança para muitos que o acompanham desde sua vigorosa atuação na representação estudantil. Membro da Executiva Estadual caminha para consagrar-se como político de bastidores por sua atuação sóbria e sempre em defesa dos interesses do PT.

No momento, congrega muito mais do que alguns próceres locais.

Baque

Nenhum dos ativistas contrários à utilização da fusão nuclear como fonte de energia imaginaria um argumento a favor nesta dimensão.

Japão é o argumento deles!

Quão limitados

Não fora mais uma lição da Natureza e das forças incomensuráveis que fogem ao controle do Homem, a sequencia de desastres no Japão, culminando com um vazamento de radiação nuclear que atingiria o nível 6 numa escala de até 7 (ainda que as autoridades japonesas houvessem admitido 4 e já chegam a 5) http://www.advivo.com.br (O Nível do Acidente Nuclear Japonês, de 15 de março). O de Chernobyl alcançou o máximo, para dimensionarmos a tragédia do japonês.

Não bastasse a catástrofe em si e a terceira potência mundial não dispõe de meios para sustentar-se, tamanha a dimensão do desabastecimento.

Aí é a tragédia do pensamento econômico.

Para não esquecer

E não nos esqueçamos de que uma cápsula de Césio 137, manipulada indevidamente, matou e causou seqüelas em centenas de goianos. Tempo de rever “Césio 137”, do cineasta baiano Roberto Pires.

Da tragédia à poesia

Para que o homem não descure de suas limitações ao manusear as forças da natureza e, mais que isso, compreender que como espécie foi privilegiada. Tanto que há poetas no mundo, como Vinicius de Morais, melodistas como Gerson Conrad e Ney Matogrosso/Secos e Molhados para cantar a tragédia humana

“Rosa de Hiroshima”, para ver, ouvir e não esquecer.

Arrogância e prepotência

Temos como uma humilhação algumas atitudes do “universo” Obama/EEUU em sua passagem por Brasília: 1. determinar em território brasileiro o ataque à Líbia, quando o Brasil se abstivera no Conselho de Segurança da ONU a respaldá-la; 2. revistar Ministros de Estado brasileiros que ouviriam Obama no Centro de Convenções.

Impedir o povo de se aproximar faz parte de quem se acha rei da cocada preta.

O incidente da retirada dos Ministros indignados do Centro de Convenções somente vimos noticiado por Boechat no Jornal da Band.

Augusto Castro I

Augusto CastroRessaltamos recentemente (“Visibilidade”, de 06.03.2010) a ação do deputado domiciliado em Itabuna por sua iniciativa de instalar uma Comissão na Assembleia Legislativa para discutir o complexo intermodal.

No entanto, a considerar o que lemos neste O TROMBONE (“Augusto Castro esclarece”, de 17 de março) o tucano não se aparenta suficientemente assessorado para discutir uma outra questão: os limites entre Ilhéus e Itabuna.

Augusto Castro II

A questão não passa tão somente por “ratificar” limites existentes, mas por viabilizar, o que se torna imperativo, a revisão de limites.

Um argumento de imediato se impõe: não fora a instalação de complexo comercial no entorno de Itabuna e o tema não se tornaria candente. Por outro lado, se não a dimensão do que representa Itabuna como pólo de convergência regional, as empresas não se instalariam onde o fizeram.

A hora é de decisão.

ABC de Deputado

Cabe a qualquer iniciante em alguma coisa descobrir o que norteia a sua atividade. Para o deputado estadual, o ABC e Cartilha são, respectivamente, a Constituição Estadual e o Regimento Interno. O primeiro, para saber o que pode e o que não pode; o segundo, para aprender como fazer.

O que é necessário...

Neste O TROMBONE já escrevemos (“A imperiosa necessidade de uma revisão territorial”, de 11.07.2010) e temos repetido: é imperativo a revisão dos limites entre Itabuna e Ilhéus. A praieira não consegue administrar o Salobrinho. Abandona áreas turísticas como as margens da Ilhéus-Olivença onde parte se encontra sob a tutela do lixo e dos alagamentos. Como teria condições para fazê-lo no entorno de Itabuna?

Restaria indagar, no plano da legalidade, o que poderia ser feito. Sob esse viés tenha-se que limites são fixados, portanto alteráveis conforme as circunstâncias. Como premissa remota se diferente o fosse não seria possível a emancipação de um distrito, porque alteraria o limite do município que lhe deu origem.

... e imperativo

Portanto, qual a solução? Simples e está nas mãos da Assembléia Legislativa. Para tanto basta que os senhores deputados estaduais, especialmente os que dizem representar os interesses da região ou de Itabuna em particular, abandonem o ti-ti-ti da politicagem e leiam – ou determinem que seus assessores o façam – a Seção II do Capítulo I do Título IV, que trata “Das Competências da Assembleia Legislativa”, onde encontrarão no Inciso IV do artigo 70:

Art. 70. – Cabe à Assembleia Legislativa, com a sanção do governador, legislar sobre todas as matérias de competência do Estado, especialmente sobre:

...

IV – Limites do território estadual e bens do domínio do Estado, bem como criação, fusão, incorporação, desmembramento e extinção de municípios e fixação de seus limites.

O resto é conversa ou amadorismo político. Que dispensa Comunicados, Esclarecimentos ou Notas Oficiais.

A propósito de “Os derrotados também véve”

“Geddel Vieira Lima, ex-ministro da Integração Nacional no governo Lula, e José Maranhão, ex-governador da Paraíba, pretendem ser nomeados para vice-presidências da Caixa Econômica Federal. Orlando Pessutti, que por seis meses  substituiu Roberto Requião no governo do Paraná, quer uma diretoria do Banco do Brasil. São todos do PMDB, derrotados em outubro e em busca de compensações. A pergunta é que contribuição poderão levar aos dois estabelecimentos financeiros federais. Na verdade, muito pouca. Imaginam, mesmo, formar bases de influência política para retornarem nas próximas eleições.

“Objetivos Ocultos”, de Carlos Chagas, na Tribuna da Imprensa on line, de 15 de março.

Pagando para ver

Considerando o “Quero o PMDB junto com o PT em Itabuna” deste O TROMBONE (dia 19), não fosse o jogo de cena, pode ser afirmado que Geraldo Simões (autor da frase, que integra entrevista concedida ao AGORA) trabalha com o surreal para a campanha de 2012.

Basta que entenda o leitor a quem precisa convencer: Renato Costa, Fernando Gomes, Gedel Vieira Lima.

Como não há missão impossível em política, apenas pagamos para ver.

Itororó

A Comarca de Itororó retorna a insegurança de não dispor de um magistrado que a assista. A saída do Juiz Substituto Dr. Régio Bezerra Tiba Xavier (titular em Canavieiras) novamente deixa a comunidade dependente da boa vontade dos que descubram a terra da carne de sol e por ela se interessem.

O lamento de advogados e população gira em torno da inteira falta de prestígio da política local para reivindicar em torno de titulares tanto para o Ministério Público como Juiz da Comarca.

Que já teve magistrados do quilate de Dr. João Pinheiro de Souza e Dr. Sales Brasil

Não gostou

azevedo e o bispoO prefeito Capitão Azevedo não assimilou as críticas feitas ao estado em que se encontram a Saúde e a Segurança pelo Bispo Diocesano Dom Ceslau Stanula, no curso das comemorações do Padroeiro.

Uma coisa é certa: se Dom Ceslau criticou a coisa não anda bem e as ouças do prelado devem estar queimando de queixas confessionárias.

Mas se Azevedo não gostou, imagine se em vez de Dom Ceslau no púlpito estivesse Dom Paulo Lopes de Faria?

(Foto: Pimenta)

Não é anedota III

Terceira etapa da série de nomes de novas agremiações religiosas, surgidas para o mundo só em 2010. Mais pérolas: Igreja Pentecostal Marilyn Monroe; Igreja Pentecostal Alarido de Deus; Assembléia de Deus com Doutrinas e sem Costumes; Igreja Pentecostal Esconderijo do Altíssimo; Igreja Batista Floresta Encantada.

Continua na próxima semana.    

Jornal Itabuna, Cultura & Arte

Em tempos de antanho diríamos “nas bancas” a 7ª edição do eletrônico Jornal Itabuna, Cultura & Arte. Ariston Caldas, Carmem Modesto, As Sapekas, Luise Viana, a 3ª edição do Festival de Curta Metragem de Itapetinga e a novidade anunciada pelo empresário Paulo Costa, dentre outros temas.

_____________

Cantinho do ABC da Noite

CabocoPara Alencar Pereira conversa de boteco “é como rama de maxixe, não acaba nunca”. Atendo ao maxixal vai colhendo o cotidiano para o estoque de sapiência. Muitas de suas ponderações tornaram-se clássicas, marca do ABC da Noite, como a surgida no dia em que alguém lhe perguntou se poderia “emprestar” certa importância.

A resposta ficou nos anais da casa:

– Eu e o banco, Cabôco, temos um acordo: nem eu empresto dinheiro nem ele vende batidas.

_________________

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

Utilidade pública

Domingos Matos, 09/02/2011 | 22:30
Editado em 09/02/2011 | 22:38

Reforma da Catedral de Itabuna muda local de missas

O assentamento do novo piso em granito em toda nave do templo, bem como no altar e no presbitério, é a última etapa das obras de restauração da Catedral de São José, a Igreja-Mãe da Diocese de Itabuna.

O trabalho, que começou na última quarta-feira, dia 9, exigiu que fossem transferidos para a Capela da Ação Fraternal de Itabuna (AFI) todos os atos litúrgicos celebrados na Catedral.

Segundo o padre Moizés de Souza, a previsão é que a colocação do novo piso seja concluída até o próximo dia 10 de março, quando serão iniciadas as festividades em louvor ao glorioso São José, padroeiro da Diocese, da Catedral e da cidade de Itabuna. O pároco explica que, por ser uma tarefa criteriosa, seria inviável manter as celebrações de Missas na Igreja, inclusive, para não comprometer a segurança dos fiéis. Os horários das celebrações (tabela) permanecem os mesmos.

Iniciada há quase três anos, a restauração da Catedral de São José está sendo concretizada com a doação de fiéis católicos, de benfeitores e de várias empresas locais, além da Prefeitura de Itabuna. “Graças a Deus, estamos chegando ao final desta grande e desafiadora obra, que foi a reforma da Igreja Catedral”, argumenta o padre Moizés.

O sacerdote ressalta que as obras incluiram a total impermeabilização das lajes, reforma de capelas, troca de telhados,  construção de novas salas, colocação de vidraças, implantação de novo sistema elétrico e de iluminação com instalação de lustres, além da pintura total externa e interna do templo. Padre Moizés adianta que a comissão responsável pela reforma da Catedral, composta por empresários e membros do Conselho Paroquail, está empenhada para que a festa de São José, neste ano, seja marcada pela conclusão da restauração.   

Obs.: O atendimento pastoral continua sendo feito na Secretaria da Paróquia, no horário das 8 às 11h30min e das 14h às 17h30min.

Celebrações

Segunda-Feira / Terça-Feira / Quarta-Feira / Sexta-Feira / Sábado

18 horas - Santa Missa;

Quinta-Feira

12 horas (meio-dia)- Missa da Misericórdia;

Domingo (Dia do Senhor)

07 horas - Santa Missa;

18 horas - Santa Missa.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.