Tag: passeio

Movimento nas estradas federais aumenta no feriado da Semana Santa

Domingos Matos, 18/04/2019 | 16:16

A partir desta quinta-feira (18), o movimento nas estradas federais deve aumentar em função do feriado da Semana Santa. Ainda que o início oficial do descanso seja na sexta-feira (19), policiais e agentes de fiscalização já esperam um primeiro pico de movimento a partir da tarde de hoje (18). A expectativa, segundo a Polícia Rodoviária Federal, é de que o fluxo entre hoje e amanhã aumente em torno de 20% em relação aos dias normais. O mesmo se espera para o domingo, quando a maior parte das pessoas retornam para suas cidades com o fim do feriado.

Neste período, além dos carros de passeio, muitas pessoas optam por viajar de ônibus. Em Brasília, a expectativa é que mais de 40 mil passageiros passem pelo Terminal Rodoviário Interestadual em busca de destinos como Caldas Novas (GO), Goiânia, Salvador e Patos de Minas (MG).

Os ônibus estão entre os principais focos da fiscalização de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que começou hoje as operações em diversas estradas federais. Como nos últimos anos, os agentes redobram, até domingo (21), ações de controle de velocidade com radares portáteis, fiscalização de ultrapassagens em trechos de pista simples e a realização de exames de bafômetro.

No ano passado, a PRF registrou queda de 23% no número de acidentes durante os quatro dias de operação destinada ao feriado da Semana Santa nas rodovias federais. De acordo com o balanço, foram 854 acidentes que resultaram em 905 feridos. No período a fiscalização por agentes da corporação alcançou mais de 110 mil pessoas e 108 mil veículos. Ultrapassagem irregular e excesso de velocidade continuaram sendo as condutas irregulares mais registradas pelos policiais, como ocorre em todos os feriados, segundo a instituição.

ANTT

Funcionários da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) intensificam, a partir de hoje (18), o trabalho de fiscalização e monitoramento dos principais terminais rodoviários do país. Às pessoas que vão utilizar o transporte rodoviário nesse período, a ANTT recomenda cuidados como não embarcar em ônibus fora dos terminais rodoviários, levar sempre um documento oficial válido com foto, estar atento às bagagens e ao uso do cinto de segurança.

Ao viajar com crianças ou adolescentes, é importante lembrar que a partir de 12 anos, o passageiro deve apresentar documento oficial válido com foto para o embarque. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, nenhuma criança ou adolescente menor de 16 anos pode viajar desacompanhado dos pais ou dos responsáveis sem expressa autorização judicial.

A agência reguladora lembra que a pessoa a partir dos 60 anos, que não tem renda ou recebe até dois salários mínimos, tem direito a dois bilhetes de passagem em serviço convencional gratuitamente. O jovem de baixa renda com cadastro no programa de concessão do benefício junto à Caixa Econômica Federal, tem direito a duas vagas gratuitas e duas vagas com desconto de 50% em serviço convencional de transporte interestadual de passageiros, excluídas as tarifas de pedágio, taxas de embarque e despesas com alimentação. (Com informações da Agência Brasil)

Feriado da Páscoa deve atrair muitos turistas para Ilhéus

Domingos Matos, 18/04/2019 | 15:37

A Páscoa está chegando e Ilhéus é um dos cincos destinos baianos mais procurados pelos turistas nessa época do ano, segundo informações da Secretaria de Turismo do Estado da Bahia (Setur-Ba). Das fazendas de cacau às fábricas de chocolate, a capital da Costa do Cacau se destaca não só pelo clima tropical, mas por ser grande produtora do cacau, principal matéria-prima para a fabricação do chocolate, produto bastante consumido nesta data.

O feriado será entre os dias 19 e 21 de abril, de sexta a domingo. De acordo com uma pesquisa realizada pela Setur-Ba, a expectativa para alta ocupação é grande, espera-se receber na cidade, turistas de outros estados e de todas as regiões baianas. O visitante que vier para Ilhéus tem a experiência de conhecer o processo de produção do cacau e do chocolate. Além disso, pode fazer passeios culturais conhecendo o Bar Vesúvio, Casa de Jorge Amado, Catedral de São Sebastião, Bataclan e o Mercado de Artesanato.

Como opções de passeios para os chocólatras, tem o atrativo “Estrada do Chocolate”, formado por fábricas de chocolate gourmet, fazendas históricas, assentamentos, unidades industriais chocolateiras, além de permitir ao visitante vivenciar a história da região através do turismo rural. Os turistas podem fazer visitas guiadas pelas fazendas e degustar o cacau, sucos e geleias do fruto e também saborear os deliciosos chocolates de origem.

Evento - Tem diversão para todo mundo nessa Páscoa. Quem gosta de festa e quer garantir a animação no feriadão, no sábado dia 20 de abril acontece o “Forró Crush” na Concha Acústica, com grandes atrações do forró como Kal Firmono, Adelmário Coelho, Calcinha Preta e Rasta Chinela. O evento inicia a temporada de forró na cidade e está programado para começar às 22 horas. O show promete agitar a galera que ama dançar coladinho.

Itacaré: prefeitura realiza pavimentação de diversas ruas em Taboquinhas

Domingos Matos, 14/03/2019 | 15:44

A Prefeitura de Itacaré continua com o trabalho de pavimentação de diversas ruas no distrito de Taboquinhas. E esta semana está sendo feita a segunda etapa de pavimentação e urbanização da Rua do Comércio, no trecho que vai da praça Nativo Vieira até o início da rodovia Taboquinhas/BR-101. No local foi feito o passeio com pisos intertravados e está sendo concluída a pavimentação a paralelepípedos. O próximo passo será o ajardinamento, deixando a entrada do distrito cada vez mais bonita.

Ainda em Taboquinhas a Prefeitura de Itacaré realizou a pavimentação completa e a urbanização da Rua João Coutinho, antiga Rua do Jenipapo. No local foi feita a colocação de piso intertravado, recomposição da pavimentação e já está sendo iniciado o trabalho de ajardinamento e paisagismo. A Prefeitura de Itacaré também está colaborando com a pintura da fachada das casas, deixando o espaço muito mais colorido, bonito e mais agradável.

A rua do Comércio também já foi recuperada, pavimentada e urbanizada e está muito mais bonita. Nesse local as fachadas também foram recuperadas e pintadas. O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, informou que novas ruas serão pavimentadas, não somente em Taboquinhas, como diversas outras comunidades, da sede e da zona rural. A proposta, segundo ele, é deixar o município cada vez mais bonito e garantir mais qualidade de vida para o povo.

Outra rua recuperada pela Prefeitura de Itacaré no distrito de Taboquinhas foi a do bairro da Portelinha. Nesse local a Prefeitura também providenciou a instalação da rede de água encanada, para que todos os moradores pudessem contar com esse benefício. O trabalho continua na Portelinha com a pavimentação das travessas das praças. Também continua sendo feita a ligação da rede de água encanada.

 

Batida entre caminhão e carro deixa ao menos 6 mortos no norte da BA; prefeitura suspende festa de aniversário da cidade

Domingos Matos, 25/02/2019 | 11:20

A batida entre um caminhão e um carro, ocorrida na noite de domingo (24), no norte da Bahia, deixou ao menos seis mortos, segundo informações da Polícia Militar. O acidente ocorreu na rodovia BA-052, em trecho da cidade de América Dourada.

Ainda segundo informações da PM, seis pessoas morreram no acidente. A prefeitura da cidade, contudo, fala em sete mortos.

A PM não tem detalhes de como ocorreu o acidente, mas disse que a batida foi frontal. Informações preliminares apontam que todos os mortos estavam no carro de passeio. Ainda não há detalhes sobre a identidade e idade das vítimas, mas conforme a polícia, testemunhas informaram que elas eram jovens.

A polícia disse também que o motorista do caminhão não estava no local do acidente quando a guarnição chegou para atender a ocorrência. O veículo transportava carga de verdura.

A área do acidente foi isolada pela PM e a Polícia Técnica foi acionada para perícia. Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica de Irecê, cidade a cerca de 51 km de América Dourada. Ainda não há detalhes sobre sepultamento.

Por conta do acidente, a prefeitura de América Dourada emitiu nota de pesar e cancelou os festejos de emancipação do município, que está completando 34 anos. (Com informações do G1)

 

Turista de Brasília é estuprada e agredida durante passeio em Maraú

Domingos Matos, 11/02/2019 | 10:20
Editado em 11/02/2019 | 10:49

Uma turista de Brasília foi estuprada e agredida por um homem não identificado, quando estava realizando um passeio em uma praia de Maraú, no sul da Bahia, região muito procurada por visitantes no verão.

De acordo com informações da Polícia Civil, o caso ocorreu no domingo (10), na Praia da Ponta do Mutá (foto). A vítima não teve identidade divulgada. A mulher prestou depoimento no domingo, na Delegacia de Turismo de Ilhéus, e foi submetida a exame.

Segundo a 7ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin/Ilhéus), a turista foi surpreendida por um homem moreno e magro, de aproximadamente 25 anos, com cabelo raspado, e que estava usando camiseta vermelha.

A vítima, conforme a polícia, tentou se livrar do criminoso após ser atacada, mas foi agredida com socos e chutes, antes de ser violentada sexualmente.

Policiais Militares de Barra Grande foram acionados para atender a ocorrência e fizeram buscas na região, mas não conseguiram localizar o suspeito. (Com informações do G1)

Olivença: Balneário Tororomba foi reaberto para ilheenses e turistas

Domingos Matos, 04/01/2019 | 19:11

O complexo de lazer Balneário Tororomba, localizado no distrito de Olivença, zona sul de Ilhéus, foi reaberto ao público após a primeira etapa de reforma do equipamento, que é um dos principais atrativos turísticos do município. A requalificação do espaço é executada pela secretaria de Turismo e Esporte (Setur), em parceria com o concessionário do Bar e Restaurante Tororomba, instalado no local.

O balneário de Olivença está localizado na zona sul de Ilhéus, a 18 quilômetros do centro da cidade, e se constituiu em um equipamento perfeito para o passeio em família. Os usuários podem dispor de três piscinas abastecidas com água corrente do Rio Tororomba, famosa por possuir concentração de ferro, magnésio e iodo, que fazem bem à saúde. A estrutura tem ainda à disposição dos banhistas o “Véu da Noiva”, uma cortina d’água refrescante, além de restaurante, box de artesanatos, baianas de acarajé e outras barracas de alimentos.

Segundo o secretário de Turismo, Alcides Kruschewsky, as obras de reformas no Balneário seguem em ritmo acelerado, tendo sido  concluídos os serviços das piscinas, que  estão sendo utilizadas pelos banhistas. Ele explica que as piscinas, de água corrente, foram retocadas, os azulejos quebrados foram substituídos, além de pintura.

O secretário informa que o balneário está funcionando normalmente, desde o Natal, porém com restrição a algumas áreas. Os serviços consistem na pintura geral, manutenção e pintura das piscinas e sanitários, instalação de lixeiras, troca de piso da portaria e nova comunicação visual. O piso da recepção, portaria e dos acessos para os sanitários será trocado. Para um melhor aspecto visual, os canteiros e jardins também serão renovados. O reservatório de água que abastece as piscinas será limpo e desinfetado, com retirada de sedimentos.

 

Rui Costa diz que ponte Ilhéus-Pontal pode ser entregue antes de agosto desse ano

Domingos Matos, 28/12/2018 | 19:13
Editado em 02/01/2019 | 11:12

Recepcionado pelo prefeito Mário Alexandre, o governador Rui Costa vistoriou o canteiro das obras de construção da ponte que liga o centro de Ilhéus ao bairro Pontal, na manhã desta sexta-feira (28), junto com a equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e o titular da pasta, secretário Marcus Cavalcanti. Rui cobrou celeridade da empresa OAS, a fim de antecipar a entrega do equipamento, até agora prevista para agosto de 2019.

O governador destacou a importância do investimento, para melhorar o turismo, a renda e geração de empregos na região. Para o prefeito, a presença do chefe do Executivo baiano em Ilhéus na véspera do Réveillon mostra seu interesse pelos ilheenses e reafirma a parceria do Governo do Estado com o município. “Além de cobrar agilidade na conclusão da ponte, ele também falou sobre a duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna, a maternidade de alta complexidade para o ano de 2019, o Hospital Costa do Cacau, a UPA 24 horas da Conquista, fortalecendo a parceria do Estado com a nossa gestão”, enfatizou.

Rui destacou que, além da ponte, que está com 55% das obras concluídas, o Governo do Estado vai executar também obras de urbanismo dos dois lados. “Permitindo maior acessibilidade, não só com uso da ponte, mas todo o sistema viário e a estrutura ao redor, com paisagismo nas duas orlas”, completou o governador.

Ganhos - Orçada em mais de R$ 98 milhões, a nova ponte da zona sul é a primeira estaiada (suspensa por cabos) da Bahia, com 533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura. O projeto total prevê também passeio, canteiro central, uma ciclofaixa e pista dupla nos dois sentidos, além de um acesso viário sentido sul-centro, com aproximadamente 2,7 quilômetros, que já está em execução.

Segundo o secretário Marcus Cavalcanti, toda a parte de acesso e estrutura já foram concluídas, e em fevereiro próximo começa o lançamento dos estaios - cabos que sustentam o vão central da ponte. O equipamento beneficiará cerca de 511 mil moradores de Ilhéus, Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca. O Governo do Estado prevê também ganhos com o desenvolvimento do turismo, atração de novos empreendimentos e o escoamento da produção agrícola, principalmente do cacau.

Pólo Chocolateiro – O prefeito Mário Alexandre, acompanhado pela deputada Ângela Sousa, também acompanhou a comitiva do governador em visita à Indústria de Chocolate da Bahia (ICB), instalação que faz parte Plano Operacional para o Cacau e Chocolate da Bahia 2018 – 2022. “Fico muito feliz com mais uma boa notícia, a implantação do Polo Chocolateiro de Ilhéus, anunciada hoje pelo governador. Temos certeza de que nossa cidade crescerá muito com mais este investimento, fruto da parceria da nossa gestão com o Governo do Estado”.

Rui Costa visita obras da ponte Ilhéus-Pontal nesta sexta-feira 

Domingos Matos, 27/12/2018 | 19:12

O governador Rui Costa vem a Ilhéus nesta sexta-feira (28) vistoriar as obras da ponte Ilhéus-Pontal. Ele será recepcionado às 9 horas, pelo prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, secretários e gestores municipais.

A construção da ponte estaiada que ligará a zona sul ao centro da cidade tem investimentos de cerca de R$ 98 milhões e está prevista para terminar em agosto de 2019.

A ponte terá 533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura e o projeto inclui passeio, canteiro central, uma ciclovia e pista dupla nos dois sentidos, além de um acesso viário ao centro e litoral sul, com aproximadamente 2,7 quilômetros, que também está em execução.

A assessoria de imprensa do Governo do Estado emitiu nota, se colocando à disposição dos profissionais de imprensa no local da visita, pelo acesso da Praia do Cristo, onde fica o canteiro de obras da OAS, empresa responsável pelas obras.

 

Irmão de deputado e filho de jornalistas de Itabuna morrem em acidente de carro

Domingos Matos, 25/12/2011 | 08:59
Editado em 25/12/2011 | 09:00

O taxista Neraldo de Jesus Damasceno, 52 anos, irmão do deputado estadual Deraldo Damasceno, morreu num acidente de carro, na manhã deste sábado (24), no município de Porto Seguro.

Patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal informaram que Igor Galvão Jácome, 24 anos, passageiro do outro veículo, chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

Eles apuraram que Igor era filho dos jornalistas Rose Marie Galvão e Lourival Jácome, que trabalharam por muitos anos na redação do jornal Agora, de Itabuna, mas atualmente residem no extremo-sul do estado.

Os dois veículos de passeio, um Fiesta dirigido por Neraldo e um Pálio bateram de frente no km 46 da BR-367.

Um passageiro do táxi, o motorista e duas pessoas do Pálio ficaram feridos.

Eles foram encaminhados ao Hospital Luís Eduardo Magalhães.

A Polícia Rodoviária Federal informou ainda que o motorista do Pálio, Neiplon Pereira dos Santos, 22, entrou com muita velocidade em uma curva e perdeu o controle da direção. O taxista tentou desviar, mas acabou sendo atingido. Os passageiros do Pálio seguiam de Porto Seguro para Eunápolis e o táxi seguia de Vera Cruz para Porto Seguro.

Ciretran de Ilhéus realiza leilão na próxima terça-feira

Domingos Matos, 15/10/2011 | 15:05
Editado em 15/10/2011 | 15:13

ciretranA 13ª Ciretran realiza nesta terça-feira (18), a partir das 8h30min, em sua sede, leilão de veículos, promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O diretor-regional do órgão em Ilhéus, Antonio Ocké, disse que os veículos que estão estacionados no pátio da instituição, situado no bairro do Iguape, foram apreendidos e não retirados pelos proprietários dentro do prazo previsto. Ao todo, são 69 autos – entre carros de passeio com documentação irregular, além de sucatas, veículos sem condições de uso.

Antonio Ocké explicou que cópia do edital pode ser retirada gratuitamente no balcão de informações da Ciretran, em horário comercial, através do site do Detran (WWW.detran.ba.gov.br) ou  ainda no site do leiloeiro Miguel Paulo Rodrigues da Silva (WWW.mpleiloes.com.br). Pode participar do leilão qualquer pessoa, física ou jurídica. No ato da arrematação será exigida a apresentação (originais) do CGC ou do CPF, carteira de identidade e comprovante de residência, sob pena de nulidade do lance.

Segundo o diretor-regional do órgão em Ilhéus, o lote será arrematado pelo maior preço oferecido, a partir do valor da avaliação, que será o lance oficial. Antonio Ocké lembrar que “vale ressaltar, que no ato da arrematação, o licitante vencedor pagará o valor integral do total do lance, em moeda corrente do país ou em cheque, sendo que, em caso de pagamento com cheque, só será emitida nota fiscal após sua compensação bancária”.

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 03/07/2011 | 15:53
Editado em 03/07/2011 | 17:33

Adylson MachadoQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Passeio

Cabeças coroadas na última gestão de Fernando Gomes fizeram especial tour pela cidade de Ilhéus.

Local da visita: Divisão da Polícia Federal.

Há quem afirme ser rescaldo daquela operação da PF que andou madrugando no Centro Administrativo Firmino Alves e precipitou o acordar de alguns secretários de então.

Semana farta

Em Itabuna, semana norteada por dois fatos novos, adiante rodapeados: reinauguração do Shopping Jequitibá, atuação do Ministério Público Estadual em defesa de deficientes e privatização da EMASA.

Estranhará o leitor que desconheça a verve deste DE RODAPÉS E DE ACHADOS a declinação de três quando escreveu dois fatos novos.

É que a circunstância de três FATOS citados aritmeticamente em dois decorre da simples conclusão de que privatização da EMASA é tema recorrente desde Matusalém.

Turismo ecológico

Nossas capivaras fazem a festa. Orgulhosas mostrando os filhotes. Pedindo respeito e proteção. Apenas isso!

Serão em breve algumas dezenas a mostrar um Cachoeira ainda vivo.

Se o bicho homem deixar!

EMASA I

Da retomada do sonho de privatização – coisa maior – à denunciada dívida de Carlos Burgos, estimada em 100 mil reais – coisa menor – a EMASA continua vocacionada para uma armação. Não se fale dos antológicos pontos de distribuição clandestinos para atender poderosos – muitos identificados e eliminados na última administração de Geraldo Simões – beneficiando apadrinhados da gestão anterior que não pagavam pelo precioso líquido.

Quando de sua “municipalização” – amparada em comodato da rede de distribuição – alguns privilegiados tornaram-se “acionistas” da empresa.

À exceção das duas administrações de GS – comprometido com a não-privatização – aquela que deveria ser motivo de orgulho passou a exigir eterna vigilância da sociedade para evitar uma picaretagem de grande estirpe.

Ao que parece, Capitão Azevedo – ainda que negue – embarcou na sujeira, quando não desautoriza publicamente que assessores defendam a iniquidade.

EMASA II

As mesmas peças beneficiadas permanecem em evidência, como Carlos Burgos e meia dúzia de inexplicáveis adquirentes da empresa em nebulosa constituição acionária nos idos de 1989/90, no limiar da segunda gestão de Fernando Gomes.

Muito interessante – e contributiva para a transparência – que a sociedade identificasse os beneficiários da privatização: prováveis 5 a 10% do capital “mal explicado” quando da sua origem, que podem embolsar uma bolada de milhões de reais caso venha a se consumar o crime da privatização.

Detalhe: Carlos Burgos era procurador-geral do município de Itabuna quando a negociata foi materializada.

EMASA III

E tudo caminha para um novo embate. Exoneraram um Presidente, originado do quadro da empresa, que se dizia frontalmente contra a privatização e nomearam quem pode alimentá-la.

Deste, o mínimo que se espera de imediato, é que cobre a dívida de Carlos Burgos.

Ativismo I

Parece-nos precipitada a leitura do Ministério Público local na defesa da gratuidade para deficientes e idosos ao pretender – por via de uma Recomendação – que empresa privada concessionária de serviço público cumpra o papel que lhe é vedado, quando observada a legislação estadual a que está sujeita.

Ainda que aqui não enveredemos por regras de Direito Financeiro para controle da execução orçamentária, aliada ao contemplado na Lei de Responsabilidade Fiscal, temos como confusa a interpretação porque posta em uma “Recomendação 02/2011” distribuída pelo Parquet, onde prevalecem CONSIDERANDOS em detrimento da interpretação sistemática que o fato exige, trilhando, inclusive, por fundamentos amparados na analogia, como se dito documento tivesse o condão sentencial.

Ressalvamos que a luta dos deficientes por aquilo que entendem de direito não exime o MP de reconhecer a existência de legislações às quais cumpre defender.

Ativismo II

Vivemos instantes em que a judicialização “supre” a competência legislativa, ou seja, o Judiciário legisla, como tem ocorrido com muitas decisões do Supremo Tribunal Federal que, à guisa de intérprete da Carta Maior, se arvora de bedel ou professor à antiga. Nessa esteira, surge-nos o Ministério Público baiano pelo viés do ativismo social.

Aplaudimos a iniciativa de deficientes visuais buscarem direitos que lhes são assegurados in abstrato, dentre eles o de trafegar sob subsídio estatal. Ocorre, no entanto, que no Estado de Direito o primado é da lei, ou seja, a todos é dado respeitá-la e cumpri-la. No entanto, quando são aventados direitos fixados principiologicamente na Constituição, ou mesmo em Tratados internacionais, sem o correspondente amparo na legislação infraconstitucional tende-se ao puro ativismo.

No caso concreto cabe buscar a existência de lei específica, formalmente elaborada, que corresponda à pretensão do particular, mormente quando em conflito interesses de entes federativos aos quais compete tratar do tema.

Assim, a louvável mobilização deve materializar-se em reivindicação e necessária pressão social dirigida às autoridades competentes para cumprirem seu desiderato: o Poder Executivo propondo; o Legislativo aprovando.

A iniciativa e a mobilização, assim o vemos, é da sociedade e não do Ministério Público, ao qual caberia, no estrito cumprimento do dever, reforçar, através da instância competente, a iniciativa legislativa.

Não a recomendação impositiva ao arrepio da lei.

Ativismo III

A autonomia e legitimidade outorgadas ao Ministério Público pela CF/88 não o autoriza a intervir em relações que não lhe são afetas, como impor sponte propria a atividades privadas – aqui compreendidas como aquelas inerentes ao universo empresarial – aquilo que não se encontre amparado na lei.

Nem mesmo um ente federativo exigirá do outro o que entenda como correto, porque está limitado aos ditames que norteiam a autonomia de cada um deles.

Destarte, não há nos estatutos que amparam o Ministério Público a possibilidade de o exercer como fora movimento social.

Ativismo IV

Quando o MP assume a defesa deste ou daquele segmento social em desconformidade com o ordenamento jurídico – por mais justa e humana que seja – descamba para o ativismo.

Se fora o MST e assemelhados encontraria a Polícia de choque, gás de pimenta, bombas de gás lacrimogêneo, jatos d’água.

E não falemos da exploração político-partidária que deriva de tais interpretações. Com o risco de jogar a sociedade contra a empresa.

Neste particular o MP se transforma – como dizia Tormeza – em “espingarda de Satanás”.

É o que dá ter feito DNA

dnaCaiu no anedótico o reconhecimento de um filho de FHC que não era seu.

Quem te viu...

Ex-comunista elogiando neoliberalismo, privatizações e heresias outras são o sinal de que os tempos mudaram e muito. Basta ter acompanhado o programa político do PPS e as declarações de Roberto Freire.

Explicando para os mais jovens: o PPS é o partido que sucedeu ao antigo PCB – Partido Comunista Brasileiro, fundado na década de 20 do século passado.

Briga de foice

A indicação de Capitão Fábio para comandar a Ciretran, como indicação de Geraldo Simões. Queda de petistas na DIREC comandadas pelo PCdoB. Eis a dimensão da luta da base do governo em Itabuna envolvendo PT e cururus.

Faltando fotógrafos

shopA imprensa local, ao noticiar a inauguração de parte do prometido novo shopping não se dignou no cuidado de fotografar a fachada. Tudo que encontramos foi aquela digitalizada foto-maquete, com uma dezena de palmeiras imperiais todas adultas e verticalmente certinhas.

É o que dá uma cidade sem fotógrafos...

Se houvesse fotógrafos...

...E registrassem o empreendimento do mesmo ângulo exibido pela imprensa ver-se-ia que a inauguração não foi tão inauguração assim. (Nem uma mísera salinha de cinema).

Não faltariam só as esbeltas palmeiras imperiais da fotografia oficial.

No horizonte

Para pensar a dedicada observação de Eduardo Anunciação (Diário Bahia) em relação à candidatura de Juçara Feitosa: “Dona Juçara é pré-candidata de um projeto político do governador Jacques Wagner, da Presidenta Dilma, do deputado federal Geraldo Simões, de Lula, PT”.

Quando Eduardo assume defesa tão contundente, a ponto de expandir o nível de um projeto político provinciano a píncaros nacionais, algo pode estar precisando do empurrão.

Ficamos com o projeto político... “do deputado federal Geraldo Simões”.

“Wagner prefere Geraldo”

gs jf

Diz o Pimenta na Muqueca, de terça 28 ser essa a preferência do Governador, enquanto Juçara o seria da Presidente do PT itabunense, Miralva Moitinho.

Considerando o fogo de monturo no seio de parcela da base petista que chamusca a professora Miralva, a notícia de seu apoio a Juçara – se não for fogo amigo – sinaliza para o lançamento à fogueira da candidatura da esposa do deputado, elevada aos píncaros do projeto político em todos os níveis por Eduardo Anunciação.

Rodapeando e achando temos que pode existir verdade em contos da carochinha. (VER ”Revelação” e “Conto de Fadas”, neste DE RODAPÉS dos dias 1º de maio e 24 de abril, respectivamente).

Imperdoável

cerraUma denúncia veiculada no www.conversaafiada.com.br de quarta 29 (Traíra: Cerra negociou com EUA sobre PCC e ignorou Itamaraty) revela a temerária e impatriótica ação do então Governador José Serra, em janeiro de 2007, que pode ser considerada, no mínimo, típica traição. Revelações vazadas através do Wikileaks dão conta de negociações entre Serra e a cerradiplomacia dos EEUU no Brasil pretendendo “ajuda” americana no combate ao PCC, no imediato da onda de atentados atribuídos à organização criminosa.

A recusa do então governador de admitir a participação do Itamaraty, ainda que recomendada pela diplomacia americana, dá a dimensão do ato de José Serra.

A mesma Wikileaks já denunciara as tratativas de Serra de entregar a Chevron a exploração do pré-sal caso se elegesse presidente em 2010.

Faltando estadista

O noticiário carrega na crise da Grécia. O povo nas ruas na luta inglória e infausta de enfrentar o sistema (leia-se financeiro), que atua de forma simples: empresta ao país, fica com o dinheiro para o pagamento dos juros e quejandos e ainda recebe de troco o patrimônio público através de privatizações. E a dívida continua... crescendo. Filme por demais conhecido dos rincões de cá.

Anda faltando por lá um Juscelino Kubitschek, que se negou a atender às imposições do FMI (entrega do petróleo, reforma cambial, não construir Brasília, estradas etc.) ou um Kirchner que simplesmente anunciou que somente pagaria 25% da dívida porque o resto era roubo.

A Argentina cresce por causa da iniciativa de Kirchner, como cresceu o Brasil de Juscelino.

Boff

Sustenta o teólogo que a crise do capitalismo menos está para conjuntural ou estrutural e mais para terminal. Para Marx, decorreria da contradição de socializar a participação na produção da riqueza e concentrar na distribuição. Detalhes no blog leonardoboff.worldpress.com (Crise Terminal do Capitalismo?).

Itabuna Cultura & Arte

A 14ª edição do eletrônico traz a informação de que foi encaminhada à Prefeitura uma proposta de solução para a manutenção do espaço denominado Sala Zélia Lessa.

Pérola

Por demais conhecido e popularizado o segundo movimento (adágio) do Concierto de Aranjuez, de Joaquim Rodrigo. Inclusive com interpretação cantada por Andrea Bocelli. O concerto rompe com uma tradição de peças do gênero: o instrumento (no caso, o violão) inicia o tema de abertura em vez da orquestra.

Aqui trazemos os dois outros movimentos, primeiro e terceiro, belos e vigorosos.

Destacamos, em nossa escolha instrumentista, John Williams, que temos como o melhor intérprete desta obra rodrigueana, dentre os que já ouvimos, ainda que Paco de Lucía, Narciso Yepes e Andrès Segóvia.

Cantinho do ABC da Noite

cabocoA queda de um avião transportando valores no interior da Bahia tornara-se o assunto do dia. Antes que a conversa alcançasse os conceitos éticos e morais que determinado cliente pretendia inserir, por conta dos milhões transportados e desaparecidos, encerrou o tema:

– O que cai do céu ou é castigo ou é milagre, Cabôco!

_________________

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 26/12/2010 | 10:58
Editado em 26/12/2010 | 12:48

Adylson MachadoQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Preocupações à vista I

Os incidentes envolvendo integrantes da Polícia Militar da Bahia deixam o cidadão que os remunera com a pulga atrás da orelha. Principalmente depois das declarações atribuídas ao representante classista, soldado Agnaldo Pinto (“PEC 300: opinião de Wagner desagrada PMS”, em www.pimenta.blog.br de 25 de novembro) considerando “que Wagner ‘desrespeitou os policiais’ e piorou o clima na polícia baiana”, o que nos parece ensaiar desafio à autoridade do Governador.

Invectivas contra Cel. Ivo Silva Santos, do Comando Regional, postas através da imprensa, como se não houvesse Corregedoria e caminhos outros, sinalizam mais que a existência de insatisfações.

Recentemente teria um policial chutado uma imagem religiosa durante protesto na Governadoria. E não custa lembrar de fatos como a perseguição com tiroteio que resultou na morte de uma criança, em Salvador ou a agressão a uma líder do Assentamento D. Hélder Câmara, em Ilhéus.

O trabalho dos comandantes será exigido para contornar os problemas causados por alguns subordinados.

Preocupações à vista II

Algo no horizonte, onde esses fatos aparentam ser pontuais. Há pouco tempo, testemunhamos: restaurante local costumava fornecer, a pedido, quentinhas para policiais militares que faziam a ronda no quarteirão. No dia em que suspendeu, alertado de que alimentava velada forma de corrupção, ouviu de um deles que precisavam daquilo porque ganhavam pouco. Como retrucasse que o problema não era dele, foi surpreendido: – Quem mandou vocês votarem nesse governador?

Detalhe: isso ocorreu antes do primeiro turno. E gratuitamente foi vinculado o governo.

Tudo isso também pode ser saudade da cultura do chicote, atualmente retirada das ações governamentais. Como naquela história do cão que todo dia apanhava. No dia em que não foi surrado mordeu o dono.

Dilma sinaliza

dilmaAo compor a equipe ministerial a Presidente Dilma Rousseff parece ter ocupado alguns espaços que para ela são estratégicos. Um, muito significativo, traduz a perda do controle da Globo sobre o Ministério das Comunicações, ainda mantido através de Hélio Costa; a tomada do Ministério da Saúde do PMDB entregando-o a Alexandre Padilha reflete também a possibilidade de domínio sobre área estratégica.

Lula sinaliza

LulaAo admitir candidatar-se em 2014 temos que Lula prepara um golpe de mestre para assegurar a governabilidade para Dilma, que de imediato enfrentará problemas com um jeito diferente de governar e sem o carisma do antecessor.

O recado de Lula está dado a empresários, latifundiários, sistema financeiro, grandes grupos em geral que sejam contrários e imaginem retomar o poder com o desgaste que venham a impingir ao novo governo: não pensem que bater em Dilma assegurará o retorno do PSDB-DEM ao poder, porque estou pronto para retornar por mais oito anos.

Para quem detém quase 90% de aprovação não deixa de ser um senhor recado.

Novidade

O servidor buscou a DIREC de Itabuna onde pretendia registrar uma senha para acesso ao contracheque. Foi informado de que a determinação doravante é de que seria fornecida através do Banco do Brasil. Ainda que questionasse que a senha era para acesso ao contracheque foi-lhe reafirmado a mudança.

Que possa até significar uma facilidade, estranhou que uma relação eminentemente entre servidor e a máquina do Estado, mais precisamente Secretaria de Administração do Estado da Bahia, tenha sido transferida para o sistema bancário. Ou seja, ao banco uma delegação de função típica do aparelho estatal.

Não tarda o servidor receber o contracheque através do banco. Ou na agência, ou em casa; pagando módica tarifa. Se não já que tiver que pagar pelo fornecimento da senha!

José Alencar

alencar e lulaDe grande simbolismo se revestiria a descida da rampa do Palácio do Planalto de José Alencar ao lado de Lula. O coroamento de uma antes inimaginável aliança capital-trabalho com a presença ao vivo de um lutador pela vida na batalha que enfrenta contra o câncer.

E, certamente, seria o maior presente para Lula.

Que Deus o permita!

Coisas da Globo

A Globo desenvolveu um formato televisivo de alta qualidade, tornando-se referência. Suas novelas e minisséries marcam época, tornam-se espelho para outras emissoras. Recentemente levou ao ar capítulos de “As Cariocas”, inspirados na obra homônima de Sérgio Porto (única assinada pelo próprio Sérgio e não pelo antológico Stanislaw Ponte Preta), dirigidos por Daniel Filho.

Em que pese a qualidade questionável de alguns momentos – “A Desinibida do Grajaú” já encontrou melhor resultado em outro instante global – fomos surpreendido com o inusitado trazido ao ar justamente no último capítulo (“A Traída da Barra”) por um detalhe particular: desafiar a nossa capacidade de tolerância a aceitar Angélica e Luciano Huck como atriz e ator. Foi de lascar!

Desse jeito o padrão Xuxa vai ocupar a programação. Aí é decadência total, digo, global!

Da Globo para O Globo I

“A Polícia Federal concluiu que não houve grampo ilegal nos telefones do então Presidente do STF, Gilmar Mendes, no episódio em que foi divulgado diálogo com o Senador Demóstenes Torres (DEM-GO). – Ilmar Franco – O Globo de 25.12.2010.”

O material acima foi pinçado de http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif neste 25 de dezembro – “A Farsa do Grampo sem Áudio: Um Crime Impune”. Encerra uma camuflagem para a realidade que pode ser expressa simplesmente: NÃO HOUVE GRAMPO. Mas como O Globo integra o PiG (Partido da imprensa Golpista, para Paulo Henrique Amorim)  o texto esconde a verdade e a armação então cometida.

O alegado grampo, sem áudio, denunciado pela Veja, levou o Ministro Gilmar Mendes – na franciscana fase de conceder habeas corpus a Daniel Dantas – a “chamar às falas” o Presidente da República, numa postura desrespeitosa e anti-republicana, alimentando uma farsa que visava desconstituir a atuação do Delegado Protógenes Queiroz e do Juiz Fausto de Sanctis, justamente as autoridades encarregadas de apurar os crimes de Daniel Dantas.

Da Globo para O Globo II

Onde está a mentira? A nota de O Globo diz “que não houve grampo ilegal”. Presumir-se-ia que tenha sido legal. Por este viés, como somente o próprio Supremo Tribunal Federal poderia autorizar o grampo nas suas instalações ou escuta de qualquer de seus integrantes ou foi por ele concedido ou não existiu. Portanto, a nota de O Globo encobre uma verdade desviando o sentido.

O porquê de todo esse rodapé: a nefanda postura do arrogante Ministro Gilmar Mendes não dará em nada e teremos que suportá-lo até que alcance a compulsória. E nos faz cada dia mais defensor de um mandato temporário para Ministros e Desembargadores.

Ah! outro objetivo: não esquecer o que esta gente faz de errado, se apresentando como paradigma da moralidade. Lá e cá. No fundo, sepulcros caiados!

Quando a razão padece

congressoAtribui-se a Afonso Arinos de Melo Franco haver dito que ao legislador federal bastava votar o orçamento da Nação para haver cumprido com seu dever parlamentar, tamanha a importância que lhe atribuía o grande mineiro. Na quarta 22, o Orçamento da República, superando 2 trilhões de reais, foi aprovado com o Congresso vazio, simbolicamente. O Deputado Fernando Chiarelli (PDT-SP) denunciou a ausência de quorum e pedira que a sessão não tivesse continuidade.

Regimentalmente não encontrou apoio, mas a moralidade e a Ética cobriram-no de razão

E querem acabar com a Voz do Brasil

Ginaldo “Tonelada” dos Santos, sergipano de Maruim, dedicado funcionário da Pousada Copacabana ali na saída de Ilhéus para Olivença. Pouca conversa, tipo que só entra onde é chamado. Sempre foi eleitor de Geraldo Simões. No entanto tomara uma atitude neste 2010 e a expressou para um amigo nosso. – Não vou votar em Geraldo – disse ao surpreso amigo. Indagado da razão por que tomava aquela postura já que dizia gostar do político itabunense soltou a sua sinceridade: – Não “vejo” ele na Voz do Brasil. Ou seja, nunca ouviu qualquer fala de Geraldo no radiofônico oficial. Isso para sua leitura denotava ineficiência.

“Tonelada” é desses milhões de brasileiros que sabem da existência de uma lei muito antes de advogados e juristas, ouvido colado no rádio. Que acompanham a atuação de deputados e senadores, conforme sejam citados ou “discursem” no rádio. Que valorizam e respeitam o Poder Legislativo como instituição.

Desmentindo muita gente por aí que afirma não existir audiência para “A Voz do Brasil”.

Paranóia I

Ubaldo, o Paranóico – de Henfil – faria a festa com o incidente ocorrido com a Oi, materializado no incêndio que atingiu suas instalações, que cheira à armação e a prejuízo para o erário. Considerando o que representa o sistema de telefonia e sinais elétricos para a sociedade moderna, entrelaçado desde o agora simples e primitivo telefonar à gama de atividades que hoje lhe são tributárias (pagamentos, consultas, compras etc.) não se pode imaginar que mínimos detalhes envolvendo a segurança do sistema não se façam presentes. Tampouco que não haja um sistema de reserva que possa ser acionado imediata e concomitantemente.

Por causa disso, sei não! Ubaldo, o Paranóico, pode ter razão!

Paranóia II

PS.: Havíamos escrito o rodapé quando nos deparamos, nesta sexta 24, com “Jereissat e a BrOI devem $ 640 ao Louro” em http://www.conversaafiada.com.br/ e que os prejuízos montam a 400 milhões.

De imediato nos lembramos de que a junção das duas empresas tem aporte de recursos do BNDES, amparado em estórias cabulosas, o que inclui precipitada anuência do Governo Federal, sem falar-se que em alguma “moita” do processo está escondido Daniel Dantas.

Por causa disso, Ubaldo, o Paranóico, tem razão!

Idéias que não justificam o nome

Não pode ser considerado fruto da racionalidade humana a iniciativa da administração do Shoping Jequitibá de iniciar a ampliação de suas instalações no imediato das compras de Natal. Não porque não devesse fazê-la, mas por iniciá-la com a restrição do espaço oferecido para estacionamento.

Mais está para afastar o consumidor que para atrair. Ou alimentar a atividade médico-psiquiátrica e laboratórios a ela afins tanto o estressamento a que expõe a vítima consumidora.

O que justifica o internamento da mente fulgurante que idealizou o início das obras para esse instante.

Orestes Quércia

orestesCerto que em necrológio de políticos não cabe lembrar toda a sua história. Mais por compaixão para com a dor dos que ficam e usufruirão sua herança material. Mas, não dá para esquecer tudo, mormente diante de um proeminente exemplo de política patrimonialista.

Justifica um sussurrado eppur si muove, como se atribui a Galileu Galilei quando saía do Tribunal do Santo Ofício onde negara sua teoria helioocêntrica para salvar o próprio lombo da prisão, circunstância bem melhor que a de Giordano Bruno, assado na fogueira da Inquisição.

Não custa sussurrar: não foi só isso, não é bem assim!

Idéias que não justificam o nome

A Paulino Vieira, quarta 22, às 19h25min tinha seu último quarteirão de acesso à Otávio Mangabeira fechado. Tomado de mesas e cadeiras de plástico, instrumentista, teimoso repertório e esperança de interpretação, como sói ocorrer nestas noites grapiúnas de música ao vivo.

A engenharia de tráfego do Município, como não havia impedimento de acesso a partir da Olinto Leone, alimentava a piração de induzir o motorista a buscar a Camacã e fazê-lo manobrar para refazer o trajeto pela Cinqüentenário caótica.

Não dá para entender.

Reforma administrativa

Diante de tantos percalços, a reforma administrativa que dizem estar em andamento na Prefeitura – não se ouve do próprio Prefeito qualquer menção a ela – além de tardia não parece fadada a convencer. Mais ensaia “freio de arrumação” em veículo lotado e mal dirigido, onde peças serão trocadas para manter o status quo.

É aguardar para ver. E comentar!

____________________

Cantinho do ABC DA NOITE

cabocoAparentando amalucado, olhar rútilo e sibilino, circulava no passeio em frente ao ABC da Noite, para cima e para baixo, tornando em quilômetros o traçado de quatro metros naquele trecho do Beco do Fuxico. Gesticulando e balbuciando, olhando para um lado e para outro, dava idéia de que buscava algo ou esperava alguém que não chegava apesar da hora marcada. Voltou a olhar para o boteco. Fixou-se na placa. Riu. A essa altura observado por todos os freqüentadores do ABC, despertados pelo estranho comportamento. Voltou a olhar para a placa, gargalhou e desandou fala:

– ABC da Noite... e me chamam de doido!

Mais intrigou. Repetiu a faina e novamente sorriu, com ar vitorioso de quem anuncia um axioma:

– ABC da Noite. Cabôco só abre de dia... e o doido sou eu!

A turma entendeu o recado e pediu mais uma a Cabôco Alencar. Antes que a noite chegasse.

(Delicie-se com o Cabôco Alencar lendo O ABC DO CABÔCO – Via Litterarum).

Depois de tudo

Rir pra não chorar!traços

traçasAdylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

Justiça Eleitoral tem atividades suspensas por risco de desabamento de prédio

Domingos Matos, 15/12/2010 | 13:02
Editado em 15/12/2010 | 13:17

O prédio que abriga as duas varas da Justiça Eleitoral de Itabuna está, mais uma vez, sob risco de desabamento. O sobrado foi desocupado pelos funcionários da Justiça Eleitoral, seguindo determinação dos dois juízes responsáveis pelas 27ª e 28ª varas, que publicaram portarias determinando a suspensão dos serviços cartorários.

O curioso é que, apesar de isolados em seu interior, a área externa do prédio não teve o perímetro de segurança demarcad pelas autoridades, o que pode, em caso de desabamento, atingir a pedestres ou mesmo a eleitores que se aproximem da parede para ler o que diz o aviso afixado na fachada.

Um desses desavisados eleitores que buscaram serviço de uma das varas, na manhã de hoje, reclamou do desleixo com os outros, ao contrário do cuidado apenas com os serventuários.

"Essa marquise está condenada há anos e ninguém faz nada. Agora que isolaram o interior do prédio, podiam pensar nos passantes e isolar também uma boa área nas proximidades para que ninguém se machuque, caso o imóvel venha a cair, como temem os juízes", disse o homem, que não forneceu identificação.

Resta saber quem deveria tomar essa decisão: se a prefeitura, dona do imóvel, os Bombeiros, que fazem esse tipo de avaliação, ou o CREA, que tem engenheiros especializados nesse tipo de situação.

Por enquanto, cabe aos transeuntes evitarem a passagem pelo passeio do mosntrengo, que fica na praça Olinto Leone, ao lado do Banco do Brasil, um dos lugares mais movimentados da cidade.

PC do B terá candidato em 2012 – por que duvidamos disso

Domingos Matos, 18/11/2010 | 10:35
Editado em 18/11/2010 | 10:47

domingos

Domingos Matos | redacao@otrombone.com.br

Temos por princípio reconhecer a legitimidade de qualquer partido lançar-se em candidaturas próprias em qualquer eleição. Por isso, não vemos como absurdo o anúncio de que o Partido Comunista do Brasil vá lançar candidato à prefeitura de Itabuna no próximo pleito, em 2012. Apenas ‘não acreditamos’ que isso vá ocorrer.

Esse ceticismo, um mês após o primeiro turno das eleições gerais na Bahia, em que saiu consagrado com uma ‘vitória moral’ o vereador Wenceslau Júnior, que concorria a uma cadeira na Assembleia Legislativa pelo PC do B, até poderia soar como algo totalmente irreal, uma vez que além da legitimidade institucional, há o invejável patrimônio de mais de 30 mil votos acumulado pelo edil nessa disputa (embora em Itabuna tenha alcançado apenas 13.676 votos). Mesmo assim, não acreditamos.

Os motivos básicos de nossa desconfiança são aqueles que todos já conhecemos; não trazemos novidades, nem inventamos a roda. Em Itabuna, PC do B é aquele partido que ainda vive uma espécie de crise existencial, que sabe de sua importância como fiel da balança mas, também, reconhece que não consegue ir tão além de seus próprios redutos, quais sejam os movimentos sociais ligados aos trabalhadores. Uma liderança que não ultrapassa muito os limites de sua própria casa. No máximo, chega ao passeio, mas não alcança a rua, se é que me entendem.

Acrescentamos outro ingrediente: a maturidade política que o partido já alcançou será maior que a vontade juvenil de querer alçar voos de Ícaro. Não quer (ou não deveria querer) repetir 1996. Todos lembram, foi quando, com uma candidatura sem chances, o PC do B acabou por garantir a eleição de Fernando Gomes, na medida em que seus seguidores, que votariam em Renato Costa, pela afinidade com as esquerdas, desviaram esses votos para Davidson Magalhães. Esse protagonismo coadjuvante garantiu a Davidson pecha de candidato-laranja por algum tempo – uma ‘homenagem’ de Manuel Leal.

Como saber se aquele episódio contribuiu para o amadurecimento político do PC do B? Não temos essa garantia, uma vez que sempre baixa um espírito de Ícaro nos seus comandantes... Mas, com certeza, aprendeu-se algo com a repetição do roteiro de 96 em 2004, ali já com os papeis invertidos – foi a candidatura de Renato Costa quem ganhou o prêmio Laranja de Ouro.  O mesmo veneno de 96 foi oferecido aos comunistas, apenas trocaram os cálices: Geraldo Simões tinha como companheira de chapa Conceição Benigno (PC do B), mulher de Davidson Magalhães.

A coisa é simples: esquerda só ganha, aqui, se estiver bem fechadinha. Uma candidatura posta em momento errado pode dar nova vitória à direita, que dessa vez tende a ser representada pelos algozes de GS & Cia em 2004: Fernando Gomes e Capitão Azevedo. Deverá ser uma disputa interessante, Geraldo x Fernando x Azevedo. Ao PC do B, caberá decidir quem quer ver no Centro Administrativo Firmino Alves.

É um papel importante, o de melhor ator coadjuvante. Numa analogia com o Oscar, o “prêmio máximo”* do cinema mundial, um reconhecimento que não deve em nada ao do ator principal.  Mas, como diz o ditado, é cada um na sua, e a amizade continua. Se a ideia da candidatura própria ganhar corpo, a legitimidade do PC do B é sagrada. As conseqüências disso é que devem ser bem avaliadas enquanto há tempo.

Um devaneio: quem sabe 2016 não seja um número mais adequado a essas pretensões emancipatórias?  De nossa parte, vemos o pós-Copa e o pós-Olimpíadas como o melhor cenário para a afirmação definitiva do PC do B, com apoio do Ministério dos Esportes...

------

* Um dos pretendentes do PC do B à prefeitura, Luís Sena, cinéfilo de carteirinha, entenderá as aspas, assim também como todos os que gostam de cinema.

Domingos Matos é repórter e editor d'O Trombone

Resistirá até o Natal?

Domingos Matos, 18/09/2010 | 14:35
Editado em 18/09/2010 | 22:46

As duas calçadas da revitalizada avenida do Cinquentenário, que deveriam ser as vitrines da milionária obra do centenário de Itabuna, não dão mostras de que vão resistir seis meses. Aliás, a grande torcida é para que resistam até o período natalino, quando o comércio esperar faturar alto, depois de ter amargado, em 2009, vendas baixas devido à crise financeira internacional - não foi diferente esse ano, no período junino, com as obras na principal artéria comercial da cidade.

Mas, a julgar pelo estado em que os passeios das lojas se encontram, em alguns trechos, não dá, sequer, para ter esperanças de que as pedrinhas neo-portuguesas resistam até o Dia das Crianças, outra importante data para o comércio. Por coincidência, é para quando a Caixa promete fazer o repasse do financiamento da obra - após o período eleitoral e se o projeto for totalmente aprovado.

Veja, abaixo, alguns exemplos do que está ocorrendo com o piso, que tem base de areia e nenhuma impermeabilização. Com a fuga da areia da base, apenas com as chuvinhas de inverno, as pedras estão cedendo em vários pontos. Não é bom nem pensar em como ficará aquilo com as chuvas de verão.

As fotos são do repórter fotográfico Jorge Bittencourt

pisopiso 2

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.