CMVI

Tag: ponte

Clínica Escola da Unime oferece atendimento odontológico em Itabuna

Domingos Matos, 13/06/2019 | 14:30

A Clínica Escola de Odontologia da Unime Itabuna oferece serviços odontológicos, como limpeza e remoção de tártaro, aplicação de flúor, extrações e restaurações, gratuitamente. Os interessados devem comparecer ao campus I da unidade de ensino, de segunda a sexta, das 8h30 às 11h30; 14h30 às 17h30 ou 19h às 21h, para efetuar a inscrição. É cobrada taxa única de R$ 25 (para casos de pacientes comprovadamente carentes não há cobrança da taxa).

Inaugurada em agosto de 2018, a Clínica Escola de Odontologia Unime já prestou aproximadamente 1,5 mil atendimentos, realizados por alunos matriculados em disciplinas clínicas e supervisionados por professores da instituição. “Além de muito importante e obrigatório para a formação dos alunos, os atendimentos são fundamentais para a comunidade que, muitas vezes, depende dessa oferta. Trata-se de um atendimento extremamente cuidadoso e feito com muito carinho por todos que fazem parte da clínica”, comenta Vagner Mendes, coordenador do curso de Odontologia.

Os atendimentos são voltados a crianças, jovens, adultos, idosos e pessoas com deficiência. Tratamento de canal (endodontia), radiografias periapicais, prótese fixa (ponte fixa), prótese total (dentadura), prótese parcial removível (Roach), biópsias em regiões da boca e implantes dentários também estão disponíveis na unidade.

Após a inscrição, os pacientes são chamados para atendimento de acordo com o número de vagas que surgem ao longo do ano. "Não há data limite para inscrição ou número de vagas. A renovação do atendimento é constante", justifica Mendes.

 

São João 2019: MP lança campanha de combate à guerra de espadas

Domingos Matos, 05/06/2019 | 16:19

Com o objetivo de alertar e conscientizar a população sobre os perigos da guerra de espadas que acontece durante as festas juninas, no interior da Bahia, o Ministério Público estadual lançou na segunda-feira (03), a campanha ‘A vida vem antes da tradição’. Por meio de peças gráficas, cartazes, banners de lona, outdoor, anúncios em jornais e redes sociais, o MP lembra aos cidadãos que fabricar, possuir ou soltar espadas é crime, cuja pena é de até seis anos de prisão. “Não podemos compactuar com uma tradição que afronta o direito à saúde e segurança pública, e que representa a prática de um crime. Precisamos de um esforço conjunto não só das instituições, pois essa luta deve ser enfrentada pela sociedade em geral”, destacou a procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado.  A campanha será trabalhada com mais ênfase nas cidades de Cruz das Almas, Senhor do Bonfim, Santo Antônio de Jesus, Sapeaçu, Muritiba, Cachoeira, Nazaré das Farinhas, Muniz Ferreira, São Felipe, São Felix, Castro Alves e Campo Formoso.

A chefe do MP baiano Ediene Lousado ressaltou que o direito individual não pode se sobrepor ao interesse social. “As pessoas não têm a devida compreensão dos riscos e consequências da guerra de espadas. O que devemos preservar do São João é a tradição das comidas típicas, da dança e da música”, afirmou. O promotor de Justiça Marcos Pontes, coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal (Caocrim) afirmou que o objetivo principal é conscientizar a comunidade e impedir que essa guerra de espadas continue. “Não podemos permitir que pessoas tenham sua vida ceifada e até mesmo quem não queira estar na guerra de espadas seja atingido e/ou tenha seu patrimônio dilapidado”, afirmou.

Estiveram presentes no lançamento da campanha o procurador de Justiça Geder Rocha Gomes, coordenador do Centro de Apoio de Segurança Pública e Defesa Social (Ceosp), e os promotores de Justiça Rogério Queiroz, coordenador do Centro de Apoio Operacional da Saúde (Cesau); Adriano Marques, que atua na comarca de Cruz das Almas; e Joseane Nunes, que atua na comarca do Senhor do Bonfim; além do tenente-coronel Ubiracy Vieira, chefe do Comando de Operações da Polícia Militar (COPPM); o tenente-coronel Jadson Almeida, chefe de gabinete do Corpo de Bombeiros Militar; o tenente-coronel Marcelo Oliveira, chefe da Seção de Fiscalização de Produtos Controlados da 6ª Região Militar; o diretor do Departamento de Polícia Técnica (DPT) do interior, Jorge Borges dos Santos; diretor do Centro de Tratamento de Queimados do Hospital Geral do Estado, Marcos Barroso; e o conselheiro do Conselho Regional de Medicina da Bahia (Cremeb), Evandro Gouveia.  

 

Operação Cronos 2 já prendeu 199 suspeitos de homicídio e feminicídio

Domingos Matos, 28/05/2019 | 15:31

Policiais civis de 21 estados e do Distrito Federal participam, hoje (28), de mais uma Operação Cronos, deflagrada para combater os crimes de homicídio e feminicídio. Coordenada pelo Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil, a ação acontece de forma integrada e conta com o apoio do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Até o momento, 199 pessoas foram presas, sendo 177 por homicídios e 22 por feminicidios. Sete adolescentes foram apreendidos.

O objetivo da Operação Cronos 2 é cumprir mandados de prisão contra pessoas acusadas de feminicídio – ou seja, o homicídio de mulheres por violência doméstica ou discriminação de gênero – e homicídios.

No Rio de Janeiro, até as 10h, policiais civis já haviam prendido 40 pessoas. Em Santa Catarina, onde ao menos 128 agentes participam da ação, 16 mandados judiciais foram cumpridos até o mesmo horário.

O Distrito Federal conta com mais de 100 policiais civis cumprem parte dos mandados de prisão em aberto. A Polícia Civil não informou quantos mandados espera cumprir no Distrito Federal, mas mais detalhes da operação nacional serão apresentados as 11 horas, durante entrevista no Ministério da Justiça e Segurança Pública, em Brasília.

Em Goiás, os policiais prenderam até agora 82 pessoas e apreenderam dez armas de fogo. Estão sendo cumpridos mandados contra suspetios de crimes de homicídio, feminicídio e tráfico de drogas. Em todo o estado, são 315 policiais envolvidos e 144 viaturas mobilizadas.

No estado de São Paulo, cerca de 3.300 policiais e 1.300 viaturas estão empenhadas na operação. Mais de 1.500 mandados de prisão estão sendo cumpridos, além de 28 mandados de busca e apreensão. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP), mais detalhes e o balanço das ações serão passados ao término do trabalho policial.

Participarão da conversa com jornalistas o secretário-executivo do ministério, Luiz Pontel; o secretário-adjunto da Secretaria de Operações Integradas (Seopi), José Washington Luiz; o diretor de Operações Integradas da Seopi, Cesar Martinez e o presidente do Conselho de Chefes de Polícia Civil, Robson Cândido da Silva.

Primeira Fase

Deflagrada  em agosto de 2018, a primeira fase da Operação Cronos resultou na prisão de mais de 2,6 mil pessoas em todo o país. Além disso, foram apreendidos 341 adolescentes. Segundo o Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil divulgou à época, 42 pessoas foram presas por feminicídio; 404 por homicídio; 289 presos por crimes relacionados à Lei Maria da Penha; 640 foram autuadas em flagrante por posse ou porte irregular de arma de fogo, tráfico de drogas e outros crimes; e outras 1.252 pessoas foram detidas em decorrência de mandados de prisão expedidos por outros crimes.

Durante a primeira fase, foram apreendidas 146 armas de fogo e aproximadamente 383 quilos de entorpecentes, como maconha, cocaína e crack. Mais de 7,8 mil policiais civis de todo o país participaram das ações. (Com informações da Agência Brasil)

Secretário anuncia na Câmara de Itabuna ações na Bananeira, após ouvir vereadores e moradores

Domingos Matos, 28/05/2019 | 14:36
Editado em 28/05/2019 | 18:34

O secretário de Administração de Itabuna, Dinaílson Oliveira, afirmou na tarde de segunda-feira, dia 27, que na próxima semana instalará gabinete itinerante na Bananeira para atender a comunidade, formada por cerca de quatrocentas famílias. “Só sairemos de lá depois que tiver uma melhora significativa”, declarou, durante a Sessão Especial da Câmara de Itabuna, que discutiu a questão que envolve os moradores daquela localidade, a Prefeitura e o Aeródromo Tertuliano Guedes de Pinho.

Para um plenário lotado, o secretário prometeu obras de terraplanagem, iluminação e pavimentação asfáltica. Dinaílson Oliveira reconheceu a falta de diálogo com a população da Bananeira durante a reativação do Aeroporto Tertuliano Guedes de Pinho. “Se erramos, estou pedindo desculpas”. Os moradores reclamam de restrição na mobilidade por terem sido impedidos de transitar a pé pela pista.

Em nome da comunidade, Robson Laranjeira também reivindicou intervenções na área de Saúde, como a presença de agentes comunitários e do SAMU, transporte escolar gratuito, saneamento básico, pavimentação. No âmbito da mobilidade, solicitou reforma de uma ponte que dá acesso ao bairro Lomanto e permissão para travessia pela pista “com supervisão e monitoramento em horários programados”.

Nesse sentido, o secretário de Segurança, Transporte e Trânsito, Coronel Gilberto Santana, explicou que, após a autorização da Agência Nacional de Aviação Civil-ANAC, o entorno do aeroporto itabunense, que inclui parte da Bananeira, passou a ser considerado área de segurança. Coronel Santana ainda ressaltou que é crime expor aeronave a perigo ou dificultar a navegação aérea.

A Sessão Especial, que foi proposta pelo vereador Jairo Araújo, com apoio de Ronaldão, contou com a presença da Defensora Pública Elen Sallaberry Pinto; da advogada Aline Gomes, representante da OAB de Itabuna; de Joselito Oliveira Filho, representando o procurador do município, Luiz Carlos Guarnieri, e do ex-vereador Glebão.
 

Rui cobra do Governo Federal apoio para PPPs e concessões nos Estados

Domingos Matos, 28/05/2019 | 13:37
Editado em 28/05/2019 | 16:01

O governador Rui Costa participou, na manhã desta terça-feira (28), em São Paulo, de um fórum sobre Parceria Público-Privada (PPP) e concessões, promovido pela revista Exame, com a participação de 11 governadores do Brasil. Rui salientou que a Bahia é exemplo de PPPs bem sucedidas, citando o metrô, hospitais do Subúrbio e Couto Maia, diagnóstico por imagem, Fonte Nova, entre outros.

O governador deixou claro que o Estado da Bahia continuará neste caminho, buscando novos investimentos privados. Ainda na mesa de debate, Rui voltou a citar o VLT do subúrbio e a ponte Salvador/Itaparica como projetos que despertam a atenção da iniciativa privada. "É importante destacar, no entanto, que os desafios enfrentados pelos Estados para alcançar esses resultados passam, principalmente, por ofertar fundos garantidores para atrair mais investimentos. Penso que o Governo Federal deve apoiar os Estados nesses projetos", ressaltou.

Em São Paulo, Rui Costa apresenta experiências em PPPs na Bahia

Domingos Matos, 27/05/2019 | 18:31

O desempenho da Bahia em Parcerias Público Privadas, as chamadas PPPs, será apresentado pelo Governador Rui Costa nesta terça-feira (28), em São Paulo. O chefe do executivo baiano é um dos convidados da terceira edição do Fórum PPPs e Concessões, realizado anualmente pela revista EXAME. Na mesa de debate com Rui estarão os governadores Ratinho Jr. (Paraná), Wellington Dias (Piauí) e Eduardo Leite (Rio Grande do Sul).

Participam do evento especialistas, empresários e governadores de outros nove estados: São Paulo, Minas Gerais, Amazonas, Pará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Espirito Santo e Alagoas.

Rui desembarcou na capital paulista nesta segunda (27) e concedeu entrevista à Record News. A conversa com o governador baiano será exibida pelo canal na quarta-feira (29), às 22h. Além destes compromissos, Rui ainda participa de outras reuniões e entrevistas na cidade. 

A Bahia se tornou referência nacional em PPPs após experiências bem sucedidas como o metrô de Salvador/Lauro de Freitas, Arena Fonte Nova, dois grandes hospitais (Subúrbio e Couto Maia) e exames de diagnóstico por imagem. Outros projetos a serem executados no estado também neste modelo são o VLT do Subúrbio, Ponte Salvador-Itaparica e a ampliação da Linha 1 do metrô em Salvador.

 

Vice-governador João Leão visita obras de ampliação do Shopping Jequitibá

Domingos Matos, 24/05/2019 | 17:07

O vice governador e secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, Joao Leão, visitou na manhã de hoje as obras de ampliação do Shopping Jequitibá, em Itabuna. Ele foi recebido pelo diretor Manoel Chaves Neto e percorreu as novas instalações, que incluirão empreendimentos   nas áreas de varejo, lazer e serviços, como a rede de papelaria e material de escritório Kalunga, a Smart Fit academias inteligentes, a Med Plaza, um centro médico integrado com todas as especialidades; os cinemas Cinemark; maior exibidor de filmes do país, Casas Bahia principal empresa de varejo do Brasil , e o restaurantes Burguer King.

Manoel Chaves  Neto revelou que as obras de ampliação estarão concluídas em julho, mês de aniversário da cidade. Já o cinema será  inaugurado até o final do ano. De acordo com Neto, “a expectativa é muito grande, já que a ampliação oferece um mix de lojas e serviços capaz de atender consumidores de toda a região”. Segundo ele, o processo de renovação é permanente. Em 2020, o shopping completa 20 anos e entre os novos projetos está a atração de novos empreendimentos que incluem a instalação de   uma faculdade, um centro médico e um hotel e um hotel.

O vice-governador Joao Leão afirmou que “”esse é um shopping diferenciado, que valoriza a chamada região metropolitana de Itabuna e Ilhéus, com uma estrutura digna das capitais, como um vetor nesse processo de retomada de desenvolvimento econômico, numa região em que a presença do Governo do Estado é muito forte, com obras como a Barragem do Rio Colônia, a nova ponte Ilhéus-Pontal, o Hospital Costa do  Cacau, a Policlínica Regional em Itabuna e o início da implantação  do Porto Sul”.

Para o  secretário de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, Jorge Vasconcelos, “a ampliação do shopping vai alavancar a economia, com empreendimentos que vão gerar emprego e renda no município”.

Comitiva de Rui está na China para tratar sobre investimentos do projeto Fiol

Domingos Matos, 15/05/2019 | 10:31

O governador da Bahia, Rui Costa e a comitiva baiana formada de secretários estão em Pequim, na China desde segunda-feira (13) para tratar sobre grandes investimentos para o Estado. A missão baiana em terras chinesas continuou na terça-feira (14), com dois encontros com empresas interessadas no projeto da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol) e na ponte Salvador-Itaparica. Os compromissos no país asiático seguem até a próxima quarta-feira (15), na cidade de Shenzen.

Na segunda-feira (13), Rui assinou um memorando de entendimento entre o Governo e a empresa chinesa Easteel, que pretende investir U$ 7 bilhões na implantação de um projeto de desenvolvimento integrado que deve gerar mais de 30 mil empregos diretos na Bahia. "Vamos trabalhar de forma firme, dedicada e determinada para que esse projeto marque a história da economia baiana e das relações do Brasil com a China", disse o governador.

Fazem parte do projeto, a construção de um parque industrial integrado, composto por siderúrgica, usina de energia e diversas unidades fabris, uma fábrica de cimento capaz de produzir anualmente 5 milhões de toneladas. Compõem o planejamento, a revitalização do Porto de Aratu, com aplicação de sua capacidade de movimentação, e a construção de uma cidade inteligente nas proximidades do parque industrial, para trabalhadores da empresa e seus familiares.

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre fez um destaque na última semana sobre a missão internacional do governador, que começou em Washington, na capital norte-americana. “Teremos, em breve, a instalação da empresa Forever Oceans, ou seja, um investimento de sessenta milhões de dólares na criação de peixes na costa de Ilhéus. Já a Fiol é um grande sonho para os ilheenses. Não tenho dúvidas que o crescimento regional passará pelos trilhos do desenvolvimento ”, salientou.

A Fiol - A Ferrovia de Integração Oeste-Leste tem extensão de 1.527 quilômetros, entre Ilhéus e Figueirópolis (TO). O objetivo do empreendimento é especificamente viabilizar o escoamento da produção de minério de ferro produzido na região. Importante corredor de escoamento de minério do sul do estado da Bahia (Caetité e Tanhaçu) e de grãos do oeste baiano, indo ao encontro do objetivo de integração das malhas ferroviárias e melhora das condições logísticas do país.

 

Semianel rodoviário de Itabuna vai passar por restauração

Obra vai contribuir para a redução de congestionamentos no centro urbano de Itabuna

Domingos Matos, 09/05/2019 | 13:25
Editado em 09/05/2019 | 13:45

O aviso de licitação para a restauração do semianel rodoviário de Itabuna, que liga a BR-101 a BR-415, foi publicado no Diário Oficial do Estado (D.O.E.) desta quinta-feira (09). A obra  será realizada pela Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) em cerca de 7 km da via. A abertura dos envelopes com as propostas está prevista para 11 de junho.

O investimento é de aproximadamente R$ 8 milhões.  O serviço vai beneficiar 190 mil moradores de Buerarema, Ilhéus, Itajuípe e Itapé, além de Itabuna. “A restauração do semianel facilitará o escoamento do fluxo de veículos para que vem da BR-101 em direção a Ilhéus.

Os automóveis, principalmente os de grande porte, que fazem esse trajeto não precisarão mais passar pelo centro urbano de Itabuna. Assim, melhorando a qualidade de vida da população local com a redução de congestionamentos na região”, destaca o superintendente de Infraestrutura e Transporte do Estado da Bahia, Saulo Pontes.

Começa instalação dos cabos de sustentação da ponte do Pontal

Domingos Matos, 07/05/2019 | 12:41

Foi iniciada a instalação dos cabos de sustentação (estais) da nova ponte Ilhéus-Pontal, obra realizada pelo Governo da Bahia. Esta ponte estaiada é a primeira deste tipo a ser construída no Estado. A mesma é constituída de um mastro principal de onde partem cabos (estais) que sustentam os tabuleiros sobre o canal de navegação.

Ao todo, serão implantados 46 cabos sobre os dois vãos principais. Com 533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura, o projeto inclui passeio, canteiro central, uma ciclovia e pista dupla nos dois sentidos, além de um acesso viário ao Centro e Litoral Sul, com cerca de 2,7 quilômetros, que também está em execução.

Além de se tornar um novo cartão-postal, a ponte vai beneficiar cerca de 511 mil moradores de Ilhéus, Itabuna, Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca. 

Adroaldo lança novo livro, O Labirinto dos Bárbaros

Domingos Matos, 23/01/2019 | 00:00

Centenas de pessoas compareceram à Fundação Cultural Cabana da Ponte para o lançamento do romance "O Labirinto dos Bárbaros - sobre o ciúme e outros bastardos triunfantes", de Adroaldo Almeida, publicado pela Editora Trevo, de São Paulo.

Amigos, políticos, jornalistas, educadores e artistas, como a cineasta Betse di Paula (irmã do ator Marcos Palmeira), o escritor Adylson Machado, o  escultor Gleisson Rocha, o pintor Vade Amaral, entre outros prestiagaram o evento.

Uma apresentação musical de Magilson Alencar, Juacy Gusmão, Amauri Amorim e Eduardo Duarte completou a sessão cultural da noite.

A obra é o primeiro volume de uma trilogia que tratará, além do ciúme, da paixão e do amor, que serão lançados na sequência. O lançamento também foi umsucesso de vendas, com 92 livros autografados pelo escritor. Agora, o livro será levado a diversas cidades, numa estratégia de divulgação que começará visitando municípios regionais.

Acidente entre carreta e ônibus que levava pacientes para consultas deixa feridos na BR-101

Domingos Matos, 17/01/2019 | 12:05

Vinte e três pessoas ficaram feridas durante uma colisão entre um ônibus da Secretaria de saúde de Laje e uma carreta, na madrugada desta quinta-feira (17), na BR-101, em Laje, a cerca de 235 km de Salvador.

De acordo com a polícia, o acidente aconteceu por volta de 1h desta quinta, quando os veículos colidiram próximo ao entroncamento da cidade. Com o impacto, o ônibus despencou de uma ponte e caiu no matagal. A polícia não soube informar a causa do acidente.

Vinte nove pessoas estavam no veículo na hora do acidente. Os passageiros seguiam para consultas médicas em Salvador.

Dois dos feridos foram levados para o Hospital Regional de Laje, enquanto os outros 21 feridos foram encaminhados para uma unidade hospitalar de Santo Antônio de Jesus, no recôncavo baiano.

A polícia informou também que o motorista da carreta fugiu do local. (Com informações do G1)

Em mau estado de conservação, ponte que liga bairros de Itabuna preocupa moradores

Domingos Matos, 11/01/2019 | 12:01

A falta de estrutura e o mau estado de conservação da ponte Itamaracá, que liga o distrito de mesmo nome ao bairro Ferradas, em Itabuna, no sul da Bahia, preocupa moradores que precisam fazer a travessia no local.

O equipamento está sem proteção nas laterais e tem alguns buracos durante a extensão. Além disso, partes de ferros que fazem parte da estrutura da ponte estão expostos.

A ponte tem trânsito diário de pedestres e veículos, incluindo ônibus e caminhões de carga. Em alguns momentos, passageiros dos coletivos preferem descer do transporte, para não correr riscos na estrutura.

“Melhor descer do que causar um acidente, não é? Prefiro, porque a situação não está boa não. A situação tá feia. O motorista manda a gente descer, porque ele está correndo risco daqui e a gente também", pontuou a diarista Josefa Isaías.

Por meio de nota, a Prefeitura de Itabuna informou que a estrutura da ponte não oferece riscos e que não é preciso construir uma nova. Sobre os buracos e falta de proteção nas laterais, a prefeitura disse ainda que, a partir da próxima semana, uma equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano fará manutenção e construção das laterais da ponte. (Com informações do G1)

Estudantes de Itororó criam cercas sustentáveis com garrafa PET

Domingos Matos, 10/01/2019 | 14:01

Donos de residências e propriedades rurais no município de Itororó (a 424 km de Salvador) estão sendo estimulados a utilizar cercamento sustentável, feito a partir de garrafas PET. A iniciativa é dos estudantes dos cursos técnicos de Zootecnia e de Meio Ambiente do Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Meio Sudoeste da Bahia, que protagonizam o projeto “Ecoestacas: promovendo propriedades sustentáveis”.

O projeto ganhou o terceiro lugar na 7ª edição da Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia (FECIBA), em 2018, e em março deste ano vai representar a Bahia na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (FEBRACE), em São Paulo. O objetivo é reduzir os custos da confecção de cercas; aumentar a longevidade das mesmas; e reduzir o lixo tóxico com o uso das garrafas de plástico.

As estudantes Nathalia Molgão, 18, do curso de Zootecnia, e Luciana Silva, 20, responsáveis pelo desenvolvimento do projeto, contam que o trabalho foi inspirado em um vídeo que assistiu no youtube. “Pensamos em uma ação voltada à redução do lixo tóxico produzido em abundância, no caso as garrafas PET, que são descartadas no meio ambiente de forma inadequada, prejudicando, por exemplo, a vida marinha. Usando essas garrafas no revestimento do madeiramento, as cercas terão mais durabilidade, já que elas levam um século para decompor”, explica Nathalia.

O projeto foi aplicado, inicialmente, na área verde do CETEP e, atualmente, na Fazenda Cabana da Ponte, de propriedade do ator Marcos Palmeira. A professora orientadora, Thayane Gonçalves, conta que a aluna Luciana Silva está atuando no local, contribuindo para o cercamento. “Além de retirar as garrafas PET do ecossistema, o projeto ajuda os agricultores do nosso município – que vivem, essencialmente, da pecuária – a manterem suas propriedades rurais de forma sustentável, evitando um grande derrubamento de madeiras por conta da prática comum de cercamento”.

A ideia do projeto “Ecoestaca” não é nova, ressalta a educadora, mas não há muitas pesquisas sobre o tema, como confecção do revestimento da cerca com garrafa PET e a sua durabilidade. “O trabalho foi iniciado com pesquisas sobre o experimento e, a partir daí, as alunas partiram para a prática, oportunizando os agricultores rurais a executarem uma ação sustentável. Além disso, a junção da teoria com a prática empolga os estudantes, melhorando o seu processo de ensino e aprendizagem”.  

Virada de ano em Ilhéus tem festa, praias lotadas e  rede hoteleira com quase 100% de ocupação

Domingos Matos, 03/01/2019 | 09:01
Editado em 04/01/2019 | 10:30

Ilhéus teve um dos mais movimentados réveillons e inicio de verão  dos últimos anos. A festa popular foi realizada com o patrocínio do Governo da Bahia, através da Bahiatursa, em parceria com a Prefeitura de Ilhéus. De norte a sul, o litoral da cidade foi  ocupado por nativos e turistas que escolheram a cidade para viver a passagem de ano.  No centro histórico, que preserva as marcas da cultura secular, aconteceu a festa de Reveillon, no palco montado na Avenida Soares Lopes, ao lado da majestosa Catedral de São Sebastião, onde milhares de pessoas festejaram a chegada de 2019.

O público cantou e dançou ao som da banda Top Gan, da dupla Rafa & Pipo Marques e da banda Dois Amores. O comando da virada ficou por  conta da dupla de Salvador, Rafa & Pipo Marques, formada pelos filhos do cantor Bel Marques, que embalou  a esperança da multidão que lotou a avenida.

A estrutura contou com um efetivo de cerca de 85 homens da 68ª Companhia Independente da Polícia Militar, que contribuiu e assegurou o clima de tranquilidade da festa, além do reforço da Guarda Civil Municipal (GCM) e de agentes da Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade do município (Sutram). O policiamento foi garantido após o término do evento, por volta das 4 horas da madrugada. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) disponibilizou duas unidades móveis de emergência, mas nenhuma ocorrência grave foi registrada.

Praias e hotéis lotados

A temporada de verão nessa primeira semana do Ano Novo registra grande movimento nas principais praias da cidade e quase 100 por cento de ocupação na rede hoteleira. A expectativa é de que o fluxo turístico seja superior que no ano passado, considerando também os visitantes que chegam a Ilhéus através dos cruzeiros marítimos.

As praias do Sul e do Norte, e a do Cristo, no centro da cidade – onde está sendo construída a primeira ponte estaiada da Bahia – obra do governo estadual, são as mais procuradas pelos banhistas. Vale lembrar que Ilhéus possui o mais extenso litoral da Bahia, com cerca de 90 quilômetros de beleza exuberante e convite à descontração, descanso e alegria.

No centro histórico, os visitantes podem apreciar monumentos arquitetônicos como o Palácio Paranaguá, Teatro Municipal, Bar Vesúvio, Casa de Cultura Jorge Amado, Espaço Bataclan, Igreja Matriz de São Jorge, Catedral de São Sebastião, entre outros atrativos turísticos. 

 

 

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.