Tag: positiva

Internas se emocionam em primeira sessão do Projeto Cinema Legal no Presídio de Itabuna

Domingos Matos, 17/10/2019 | 22:00

A primeira sessão do projeto Cinema Legal proporciocou uma tarde diferente para as internas custodiadas no Conjunto Penal de Itabuna (CPI). A exibição do filme “Extraordinário” (EUA-2017), divertiu e emocionou as expectadoras, numa experiência transformadora com a Sétima Arte. A partir dessa quinta-feira (17), a cada semana uma sessão diferente vai levar diversão, cultura e arte para o público novo que se forma a partir do projeto.

Idealizado pelo Setor Jurídico da empresa Socializa no CPI, o projeto Cinema Legal garante às reeducandas acesso ao direito ao lazer e à cultura, como forma de preparação à reintegração social das custodiadas.

Mais do que diversão, o projeto prevê um crescimento pessoal, por meio do acesso à arte e à cultura, conforme prevê a Lei de Execuções Penais, com a possibilidade de remição da pena, caso seja autorizada pelo Juízo da Vara de Execuções Penais a modalidade de resenhas a serem produzidas pelas cinéfilas.

A seleção dos filmes foi feita pelo próprio Setor Jurídico, e visa levar ao público-alvo sempre uma mensagem de crescimento pessoal, seja por meio dos exemplos de superação das personagens, seja por meio de mensagens positivas transmitidas pela obra em discussão.

Entre os benefícios elencados no projeto, a promoção da saúde mental das mulheres privadas de liberdade, minimizando os efeitos negativos do encarceramento. Os filmes seriam uma válvula de escape psicológica, mas, além disso, uma ferramenta para ajudar a cada uma a lidar diariamente com seus conflitos, encarando a realidade, mas projetando um futuro melhor, fora dos muros prisionais.

Ao longo do projeto, as projeções serão realizadas na área de lazer do pavilhão das internas, acompanhadas de estrutura semelhante. Entre os filmes relacionados inicialmente estão “À procura da Felicidade”, “Vencendo Gigantes”, “O Céu é de Verdade”, “Deus Não Está Morto”, “Um Sonho Possível” entre outros.

Escolas estaduais aplicam avaliação de Língua Portuguesa e Matemática nesta terça em toda a Bahia

Domingos Matos, 24/09/2019 | 07:31

As escolas da rede estadual de ensino irão aplicar provas de Língua Portuguesa e Matemática, desta terça-feira (24) até sexta (27), pelo Sistema de Avaliação Baiano de Educação (SABE) da Secretaria da Educação do Estrado (SEC). A prova SABE tem o objetivo de fortalecer o processo avaliativo nas unidades escolares, identificando indicadores pedagógicos que subsidiem a atuação da SEC e das escolas nos processos de aprendizagem dos estudantes. Nestas terça-feira (24), o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, acompanhará a aplicação das provas, às 7h30, no Colégio Estadual Ruth Pacheco, no bairro de Sussuarana, em Salvador.

Para o secretário, o SABE cria uma cultura de provas e promove uma maior tranquilidade aos estudantes para a realização de avaliações. "Esta é uma agenda muito positiva. É todo um processo de elaboração das provas, de aplicação e do resultado. Esta será a quinta prova do SABE, mas com avaliação externa, para ter uma maior imparcialidade, isenção e transparência. É um preparo para que os estudantes tenham a cultura, por exemplo, de responder provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), fazer simulados e concursos para a vida profissional. A rede está empenhada para que a ação seja bem-sucedida", afirmou.

A prova SABE baseia-se na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), que é a prova nacional que gera o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Neste ano, o SAEB ocorrerá do dia 21 de outubro a 1° de novembro.

 

Serviço:

O que: Escolas estaduais aplicam avaliação de Língua Portuguesa e Matemática

Quando: Terça e sexta-feira (24 e 27 de setembro)

Onde: Colégio Estadual Ruth Pacheco, às 7h30, Sussuarana.

Horário: 7h30

 

Amurc participa do 7º Seminário Regional Sul da Bahia

Domingos Matos, 10/09/2019 | 19:30
Editado em 10/09/2019 | 14:47

Para discutir juntamente com os municípios da região do sul do Estado da Bahia as melhores formas de possibilitar a implantação de iniciativas positivas para qualificar o acompanhamento e direito educacional de crianças e adolescentes, a AMURC participou, nesta segunda-feira, dia 09, do VII Seminário Regional Sul da Bahia: concretizando direitos da criança e do adolescente.

O evento aconteceu na FTC-Itabuna e reuniu representantes de entidades educacionais, coordenadores pedagógicos, professores da área infantil e funcionários públicos da educação para promover a mobilização da rede de proteção de crianças e adolescentes nos municípios e para participar da elaboração do plano com metodologia de elaboração específica, que tem caráter intersetorial.

De acordo com o articulador e mobilizador da região da Bahia da Fundação ABRINQ, Nivaldo Santos, o seminário teve o intuito de proporcionar o intercâmbio entre os diversos departamentos municipais ligados a primeira Infância, e ainda, dar relevância às discussões em prol das crianças sujeitos de direitos. “Além disso, na oportunidade, refletimos sobre os desafios da educação da infância de acordo com suas demandas locais de cada município do território”, explicou Nivaldo.

Para o secretário executivo da AMURC, Luciano Veiga, o seminário foi importante por provocar os gestores para as ações de fortalecimento para a educação dos jovens. “A primeira infância é um período fundamental para o desenvolvimento emocional, mental e das habilidades motoras e sociais da criança. De maneira geral, entende-se que grande parte do potencial intelectual desenvolvido pela criança é a fase decisiva no desenvolvimento do ser humano”, destacou Luciano.

Já o assistente Técnico no Programa Prefeito Amigo da Criança da Fundação ABRINQ, Carlos de Medeiros Delcidio, abordou que o projeto de fortalecimento da estratégia ODS busca desenvolver ações voltadas a realidade de cada localidade, principalmente o que diz respeito aos desafios na educação infantil.

O líder de Educação da Fundação ABRINQ, Rafael Favaretto Krettelys, apresentou as razões da importância de se investir na primeira infância, destacando ainda “os deveres constitucionais e educacionais para o desenvolvimento de um plano para que se entenda qual a situação da primeira infância nos municípios e assim destacar os principais problemas para que se tenha uma metodologia adequada para se trabalhar nas diferentes políticas públicas.”

O seminário contou com a presença de representes dos municípios de Itabuna, Itajuípe, Mascote, Floresta Azul, Santa Cruz da Vitória, Coaraci, Ibicaraí, Santa Luzia, Camacã, São José da Vitória, Cordeiros e São Paulo.

 

 

Novos voos ligam Salvador a Teixeira de Freitas e a Maceió

Domingos Matos, 02/09/2019 | 18:49

Dois novos voos ligando Salvador a Teixeira de Freitas, no extremo sul baiano, e a Maceió entraram em operação nesta segunda-feira (2). O lançamento das frequências da Azul Linhas Aéreas foi comemorado com um receptivo especial, no Aeroporto Internacional de Salvador, aos primeiros passageiros. Os voos são resultado de acordo do Governo do Estado sobre o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

“A Bahia tem se empenhado em desenvolver cada vez mais a malha aérea. Essas novas rotas são muito importantes para nós. Sabemos que conectividade é fundamental para o desenvolvimento da economia, pois ajuda a promover a geração de empregos e fortalece o turismo. Para esse verão, devemos ter um incremento de mais de 30% no número de voos em relação ao ano passado”, explicou o titular da Secretaria de Turismo (Setur), Fausto Franco.

Segundo o gerente de aeroportos da Azul, Fernando Rabelo, as perspectivas para o futuro são positivas. “Esse acordo com o Governo do Estado foi fundamental e vai possibilitar que a empresa cresça cada vez mais aqui na Bahia. Nós vamos aumentar o número de voos para Porto Seguro e Ilhéus, por exemplo”, afirmou. 

Operado com a aeronave Embraer 195, com 118 assentos, o voo Salvador-Maceió será realizado de segunda a sábado, com saída da capital baiana às 14h10 e chegada na capital alagoana às 15h10. 

Já a rota Salvador-Teixeira de Freitas será operada às segundas e sextas, com o modelo ATR, que tem capacidade para embarcar até 70 passageiros. O voo sai de Teixeira de Freitas às 12h40 e chega a Salvador às 14h15. 

Negócios

Além de fortalecer o turismo, as distâncias encurtadas com as novas rotas ajudam a criar melhores oportunidades de negócios para a Bahia. “Eu faço em média três viagens para Maceió por mês e estava tendo que me deslocar para Brasília ou Recife e perdia um dia para ir e outro para voltar. Com essa nova rota, vou poder me deslocar facilmente e poderei fazer mais viagens”, revelou Olímpia Dominga, gerente de uma empresa francesa de TI que opera no Brasil. 

 

Incentivo

De acordo com o decreto 19.116, assinado pelo governador Rui Costa e publicado em 4 de julho deste ano no Diário Oficial do Estado (DOE), a alíquota mínima de ICMS sobre o querosene de aviação (QAV) será de 3%, a qual irão fazer jus as empresas que cumprirem critérios relativos à ampliação do número de assentos nos voos que operem em aeroportos baianos. Já a alíquota máxima cairá de 18% para 12%. O pacote também prevê alíquotas intermediárias. 

Novo filme começa a ser gravado em Itacaré no mês de outubro

Domingos Matos, 28/08/2019 | 09:32

Itacaré será cenário de mais uma grande produção cinematográfica. Trata-se do filme “As Verdades”, um longa metragem da Gullane Entretenimento em parceria com a Globo Filmes, sob a direção do renomado José Eduardo Belmonte. A produtora é uma das maiores em conteúdo audiovisual do Brasil.

O filme intitulado “As Verdades” é um romance policial e está previsto para ser gravado na cidade no início do mês de outubro, com uma equipe de aproximadamente 50 pessoas. O longa-metragem “As Verdades” conta a história de um crime em um pequeno município do litoral da Bahia. É o primeiro caso de Josué, o delegado recém-chegado na cidade. A história é contada de pontos de vista diferentes, dos três personagens presentes no momento do crime.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, comemorou a escolha da cidade para ser cenário do filme e demonstrou sua satisfação quanto ao projeto. Ele garantiu que a Prefeitura apoiará no que for possível na logística do filme no município e acredita que será mais uma forma positiva de promover a cidade. Em reunião com o secretário de Comunicação, Ed Camargo,  os produtores  asseguraram que Itacaré possui um cenário perfeito para a trama e garantiram que no roteiro não há  conteúdo que possa afetar negativamente a imagem da cidade.

A Gullane Entretenimento acumula mais de 40 filmes e documentários, 20 séries para TV, 500 prêmios e nomeações na carteira, incluindo festivais no Brasil e internacionais como Cannes, Sundance, Berlim, Emmy, Oscar (5 nomeações oficiais para representar o Brasil), entre outros. Atualmente estão em fase de pré-produção e estiveram na cidade alguns dias para captação de imagens para as locações de filmagem e para obterem as devidas parcerias com a Prefeitura Municipal de Itacaré.

O longa-metragem “As Verdades” conta a história de um crime em um pequeno município do litoral da Bahia. É o primeiro caso de Josué, o delegado recém-chegado na cidade. A história é contada de pontos de vista diferentes, dos três personagens presentes no momento do crime. 

TCE-BA utiliza jogo educativo em escolas públicas para estimular conhecimento sobre Controle Social

Domingos Matos, 26/08/2019 | 17:32

Com o objetivo de fortalecer o controle social, informar e educar a população sobre a importância de fiscalizar os recursos públicos, o Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) desenvolveu o jogo educativo ‘Você Gestor’, do tipo Ludo, que transmite aos participantes informações sobre o funcionamento da Corte de Contas e também como eles podem agir para denunciar possíveis desvios ou irregularidades em obras realizadas com recursos públicos. A prática do jogo vem sendo aplicada semanalmente em escolas e universidades da rede pública de Salvador e se estenderá para as escolas no interior, com projeto de realização de um torneio entre as escolas, orientando, de forma lúdica, estudantes e professores sobre a missão do TCE. 

O ‘Você Gestor’ é uma das ações que integram o Projeto Educação é da Nossa Conta, em cumprimento ao Plano Nacional e Estadual de Educação, com o objetivo de zelar pela qualidade do gasto público educacional. O TCE-BA e a Secretaria da Educação do Estado (Sec) estão fazendo o intercâmbio de dados e conhecimentos na construção de uma agenda positiva, que transforme essa realidade. 

O jogo tem sido muito bem recebido pela comunidade estudantil e acadêmica, que considera a prática como uma forma de aprender brincando, levando aos professores e estudantes detalhes das atividades e desafios que envolvem a gestão pública. Os participantes se colocam no lugar do gestor público, nas áreas de Saúde, Educação, Segurança Pública, Infraestrutura, Assistência Social e Cultura. Nesta primeira etapa, foram confeccionados dois protótipos do jogo e a intenção é sua produção em maior escala e distribuição em escolas públicas e universidades.

Como se dá a gestão pública estadual? Como deve se comportar um gestor num processo que envolva licitações? Qual a definição de Lei de Diretrizes Orçamentárias e de Lei de Responsabilidade Fiscal? Estudantes do ensino médio do Bolívar Santana, Thales de Azevedo, do Colégio de Aplicação Anísio Teixeira, Sátiro Dias, e da Faculdade Baiana de Direito e do Curso de Ciências Contábeis da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) ficaram sabendo das respostas a essas e muitas outras questões relativas à administração pública enquanto jogavam o ‘Você Gestor’.

Durante a aplicação da prática no Colégio Estadual Bolivar Santana, no Centro Administrativo do Estado da Bahia (CAB), o estudante Davi Souza, de 14 anos, sempre teve como meta ser gestor da Secretaria de Segurança Pública. Jogando o Você Gestor, ele teve seu desejo satisfeito ao assumir simbolicamente o cargo de secretário de Segurança Pública, acumulando os 800 pontos necessários para cumprir duas missões: fazer a compra de coletes, munições e fardamento para as polícias Civil e Militar, além de implantar a Polícia Comunitária nos bairros da cidade.

“Foi uma experiência incrível. Enquanto jogava, eu fui o gestor da Segurança Pública e pude aprender sobre o controle social, sobre as auditorias e o trabalho feito pelo TCE para orientar os gestores públicos, ajudando a melhorar a qualidade de vida da população do nosso estado”, disse Davi. 

A professora de Português do Colégio Estadual Raphael Serravale, na Pituba, Patrícia de Araújo Correia Teixeira, destacou o papel pedagógico do Você Gestor como elemento lúdico na aprendizagem. “Nada melhor do que a inovação para uma turma de alunos dispostos a aprender. E se eles podem aprender algo novo de forma divertida, melhor ainda. É um momento enriquecedor, no qual testemunhamos o interesse dos alunos por temas cidadãos e também presenciamos vários debates sobre a gestão pública e sobre o papel do Tribunal de Contas na vida das pessoas”, enfatizou. 

Como ferramenta pedagógica, o jogo ‘Você Gestor’ conta com três tipos de cartas que definem o seu algoritmo: Controle Externo, Controle Social e o "Diga Aí", quiz com perguntas e respostas sobre a história do Controle Externo na Bahia e no Brasil. Ganha o jogador que primeiro cumprir as duas missões que lhe forem designadas, sendo que cada uma delas vale 400 pontos.

 

“Aprender” — verbo que promove a autoimagem positiva

A LBV incentiva a autonomia, através de temáticas sociais e oficinas, nos seus atendidos do Vida Plena

Domingos Matos, 22/08/2019 | 23:03

Itabuna/BA — É comum que algumas limitações, para determinados afazeres e comportamentos, apareçam na terceira idade, assim como mudanças físicas e psicológicas; e essas modificações podem deturbar a imagem que o idoso tem de si mesmo. Dessa forma, é importante pontuar que a realização de atividades que promovam uma autoimagem positiva é fundamental para a motivação, uma melhor qualidade de vida e a satisfação pessoal dos idosos.

Diante disso, a Legião da Boa Vontade (LBV) procura, por meio de práticas pedagógicas — inspiradas na Pedagogia do Afeto e na Pedagogia do Cidadão Ecumênico, desenvolvida pelo educador Paiva Netto — e atividades educativas, incentivar a autoimagem, a autonomia e a criatividade dos seus atendidos como artesanato, dança, esportes e palestras educativas pertinentes à terceira idade.

Um exemplo desse trabalho é a realização do serviço de convivência Vida Plena, onde os idosos têm a oportunidade de vivenciarem a terceira idade de forma saudável e feliz, praticando esportes, participando de oficinas e adquirindo novos conhecimentos sobre variados assuntos.

As irmãs Marilene e Eliana Santos são atendidas por essa iniciativa da LBV e dessa forma, mantêm a mente ativa e sadia. “Eu me matriculei e convidei minha irmã para virmos juntas. A gente já vai dormir pensando em acordar mais cedo para chegar [na LBV] cedo. Cada vez que a gente [participa das atividades] é um aprendizado a mais”, relata Marilene Santos.

Nos encontros são discutidos temáticas sociais e pessoais, além da realização de oficinas lúdicas, como o artesanato que serve “como forma de incentivo e autoajuda para que eles possam fazer em casa, pois a maioria dos integrantes do grupo são idosos que moram sozinhos e vivem em extrema situação de vulnerabilidade”, explica a assistente social, Pádua Luana.

Para Eliana Santos, os encontros nos ensinaram muitas coisas importantes, inclusive o seu mais novo hobby que é o artesanato: “Aprendi a fazer muitas coisas bonitas, principalmente com o canudinho de papel [de revista]. Quando eu tenho um tempinho a noite, em casa, eu faço com materiais que eu comprei e alguns recicláveis, é muito bom para distrair a mente”, declarou.

 

Sobre o Vida Plena =D

Com idade igual ou superior a 60 anos, os idosos participam de atividades que colaboram no processo de envelhecimento saudável, no desenvolvimento da autonomia, socialização e fortalecimento dos vínculos familiares, interpessoais e intergeracionais; e na inserção sociocultural para o fortalecimento da cidadania.

Na LBV, os idosos participam de diversas atividades, como: artesanato, dança, esportes e palestras educativas pertinentes à terceira idade, além de receberem o atendimento necessário da equipe da Instituição.

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Em Itabuna, o Centro Comunitário de Assistência Social, da Legião da Boa Vontade, está localizado na Rua Gileno Amado, 135 — Caixa D’Água. Para outras informações, ligue: (73) 3212-6242.

Porto Seguro ganhará 12 novos voos da Latam

Domingos Matos, 15/08/2019 | 10:31

Segundo maior destino turístico da Bahia, o município de Porto Seguro, localizado na Costa do Descobrimento, no Extremo Sul do Estado, receberá 12 novos voos semanais da Latam neste segundo semestre. O anúncio das rotas que virão de São Paulo (6), Belo Horizonte (4) e Brasília (2) foi feito pelo secretário do Turismo do Estado, Fausto Franco, durante o Show Tour, evento que reúne até sexta-feira (16), no município, operadores, agentes e empresários do setor hoteleiro. 

Os voos fazem parte de um plano da companhia em ampliar em 30% a oferta de linhas no Estado e casa-se com o decreto editado pelo governador Rui Costa, que prevê incentivos para atrair até 161 novos voos para a Bahia.   

Franco considerou o evento um sucesso, pois as rodadas de negócio foram positivas para representantes do trade do Estado e do Brasil, “mostrando a força do nosso turismo e o protagonismo da Costa do Descobrimento nesse segmento”. 

O secretário  acrescentou ainda que os índices de ocupação da rede hoteleira estão acima da média para a época do ano. “Isso é resultado de um modelo de captação e investimento do governo do Estado que estão dando certo”, concluiu o secretário. 

Sobre o Show Tour - Com o tema “Estratégia Multicanal no Turismo”, a Feira acontece simultaneamente no hotel Solar do Imperador e no Portal Beach, em Porto Seguro, com uma extensa programação que conta com palestras, exposições, eventos técnicos, Famtour, capacitações e rodadas de negócios.

Participaram da abertura do evento,  a prefeita de Porto Seguro, Claudia Oliveira, os diretores da Azul, Marcelo Bento, da CVC, Claiton Armelin, da Decolar.com Renata Bufarat, o vice presidente da Abav-ba, Jorge Pinto e o presidente da ABIH - BA , Glicério Lemos.

É falsa mensagem sobre fechamento de 4 indústrias na Bahia

A

Domingos Matos, 12/08/2019 | 12:05
Editado em 12/08/2019 | 14:51

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia (SDE) esclarece que o áudio que circula na internet, nos grupos de Whatsapp, sobre suposto “fechamento das fábricas da Ford, Boticário, Nestlé e Avon na Bahia” não passa de notícia falsa.

Primeiro ponto, o teor alarmista do conteúdo do áudio é típico das chamadas fake news. Analisando apenas um dos itens já é possível apurar a falta de veracidade: somando o número de empregos gerados, as quatro empresas geram 11,9 mil empregos e não “42 mil” como diz a mensagem.

Além disso, não é real que o Governo do Estado “aumentou os impostos” e, com isso, teria motivado o “fechamento das fábricas”. Na verdade, o governo possui uma política de incentivo fiscal que pode chegar até a 100% de isenção, a depender do ramo de produção. 

Além disso, a Bahia está entre os três estados que ganharam ritmo de produção no acumulado do segundo trimestre de 2019, tendo uma variação positiva de 4%, passando de -3,4%, nos três meses anteriores, para 0,6%, enquanto o país apresentou queda de 1,0% (dados recentes do IBGE). Este resultado mostra o empenho do governo baiano em atrair novos investimentos e incentivar a ampliação daqueles que já estão operando. 

Apesar do contexto de contínua queda na produção industrial nacional, a Bahia segue crescendo economicamente e deverá ter a instalação de 224 novos empreendimentos, com aporte financeiro de R$ 13,5 bilhões e a previsão de gerar 20,6 mil empregos diretos, até dezembro de 2021.

A perspectiva de recuperação é demonstrada ainda nos números positivos do primeiro semestre deste ano: Os 31 empreendimentos implantados foram responsáveis pelo investimento de R$ 2,5 bilhões e a geração de 5,4 mil empregos diretos. Destas novas fábricas, 80% estão nas cidades do interior do estado. 

A estratégia, bem sucedida, de atração de investimentos do governo baiano é comprovada nos 54 protocolos de intenções assinados no início desse ano, com previsão de R$ 3,6 bilhões em investimentos e possibilidade de mais gerar 4,8 mil empregos diretos. Os dados são fruto de acompanhamento da SDE junto às empresas incentivadas pelo Estado.

Detalhamento da atual situação ATIVA de produção das fábricas mencionadas no áudio fake:  

Boticário (Camaçari)

Investiu na fábrica R$ 549,2 milhões e gera atualmente 628 empregos diretos. No Centro de Distribuição investiu R$ 241 milhões e gera 197 empregos.

Nestlé (Itabuna e Feira de Santana)

Na planta de Itabuna: fez investimento de R$ 30,9 milhões e gera 217 empregos diretos. Na fábrica de Feira de Santana, até 2017, investiu R$ 169,3 milhões e, em 2018, fez novo investimento de R$ 19,8 milhões em aplicação. Atualmente gera 598 empregos diretos.

Ford (Camaçari)

Gera 10 mil empregos, sendo 7 mil diretos e 3 mil terceirizados e já investiu mais de R$ 800 milhões na Bahia. 

A empresa assegurou ao Governo do Estado que o fechamento da fábrica, em São Paulo, não afetará a unidade baiana. A planta da fábrica no Polo de Camaçari, segundo a própria empresa, é de grande eficiência para a marca. 

Avon (Simões Filho)

Em atuação na Bahia desde 2002, a Avon investiu R$ 300 milhões no Centro de Distribuição e gera cerca de 300 empregos diretos.

Conjunto Penal de Itabuna implanta projeto Um Toque à Liberdade, com aulas de música

Domingos Matos, 05/08/2019 | 20:25

O Conjunto Penal de Itabuna implantou, na manhã de segunda-feira (5), o projeto de educação musical “Um Toque à Liberdade”. A escola de música vai oferecer aos internos reeducandos uma oportunidade de ressocialização através da arte, por meio da música.

O projeto é uma realização da empresa Socializa – Soluções em Gestão, que operacionaliza o Conjunto Penal, em regime de cogestão com o Governo do Estado. Será inicialmente voltado para a educação musical através das aulas de violão. O olhar terapêutico ficará a cargo da equipe multidisciplinar do Centro de Educação e Ressocialização, idealizadora do projeto.

“Tenho certeza que cada um dos senhores terá uma mudança positiva, porque a música faz isso, transforma as pessoas, como comprovam pessoas do povo ou grandes pensadores”, destacou o diretor do CPI, major PM Adriano Valério Jácome da Silva.

Ele chamou a intenção ainda para o fato de que esse conhecimento que será passado a cada um dos reeducandos poderá se transformar, no futuro, numa ferramenta para a sua reinserção social. “Sabemos que a música também pode ser uma fonte de renda, o que pode significar uma transformação na vida de cada um dos senhores”.

Na mesma linha discursaram os representantes da Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção Itabuna (OAB-Itabuna), Moisés Figueiredo de Carvalho, e da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), o cantor e compositor Jan Costa. Outra instituição presente foi a Defensoria Pública, por meio do assessor-administrativo Weldo Paixão.   

Ainda participaram do evento o diretor-adjunto do CPI, Bernardo Cerqueira Dutra, os gerentes da Socializa Yuri Damasceno (Operacional) e João Sobral (Administrativo), o instrutor Francenildo Dantas (colaborador da própria empresa e músico habilitado), bem como colaboradores representantes do Corpo Técnico da instituição e dos demais setores.

Após a cerimônia, todos puderam conhecer as instalações da Sala de Música, espaço que receberá inicialmente os 12 alunos inscritos.

Pessoas com deficiência ganham oportunidade de trabalho na Rede SAC

Domingos Matos, 05/08/2019 | 19:23

Trinta pessoas com deficiência que vão ter a oportunidade de trabalhar na Rede SAC. O contrato foi assinado na sede da Secretaria da Administração do Estado (Saeb), com a presença do secretário da pasta, Edelvino Góes, e da presidente da Associação Baiana de Deficientes Físicos (ABADEF), Luiza Câmera. Inicialmente, 27 beneficiados vão atuar na recepção em postos SAC de Salvador e outros três na unidade de Lauro de Freitas.

Os trabalhadores vão passar pelo treinamento Modelo SAC de Atendimento e pela capacitação técnica sobre a unidade para a qual prestarão serviço. "As necessidades básicas do ser humano são saúde, educação, trabalho e acessibilidade. E essa parceria traduz e reflete em nosso compromisso de inclusão social como um todo e nossa busca constante de termos os mesmos direitos como qualquer outro indivíduo", ressaltou a presidente da ABADEF.

A parceria entre a Saeb e a associação já havia acontecido entre 2008 e 2016. Edelvino Góes relembrou este momento e reforçou a relevância de atuar na rede SAC. "À época, as observações que nós recebemos foram todas positivas a respeito do trabalho deles. Estamos devolvendo a eles uma oportunidade de realizar esse trabalho no SAC, que é uma instituição que simboliza a eficiência no serviço público", pontuou.

Também presente ao ato, o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Davidson Magalhães, enalteceu a preocupação do Governo do Estado em adotar políticas públicas concretas no universo dos direitos humanos e justiça social.

 

Rede SAC

A Rede SAC possui 71 unidades de atendimento, sendo 37 Postos (na capital, região metropolitana e interior) e 31 Pontos SAC. Além disso, operam três rotas do SAC Móvel, unidades itinerantes que percorrem localidades que não possuem SAC. Para outras informações sobre serviços prestados, horários de atendimento e endereços, a Saeb disponibiliza os aplicativos SAC Mobile e SAC Digital, e os portais SAC e SAC Digital.

 

Seminário marca o fomento ao empreendedorismo entre jovens itabunenses

Domingos Matos, 05/08/2019 | 17:18

Jovens itabunenses lotaram o auditório da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACI, no último sábado (3), em busca de conhecimento e informações para empreender ou aprimorar o próprio negócio. Para o presidente Sérgio Velanes, o seminário foi um marco para a Associação, que tem como um dos pilares o fomento ao empreendedorismo. “A Associação tem investido na capacitação de empreendedores através do Empreender, pois entende que o acaso só beneficia a quem se prepara”, declarou.

O evento foi marcado por grande interação entre os empreendedores, palestrantes e empresários convidados, que levaram dicas de sucesso. Dentre os temáticas, a psicóloga Priscila Nascimento falou sobre as ferramentas para desenvolver a inteligência emocional – auto valorização, auto estima, empatia, auto confiança e auto conhecimento. "A inteligência emocional é um conceito bastante utilizado na atualidade e diz respeito sobre saber equilibrar as emoções no ambiente pessoal e de trabalho", destacou.

Entre os participantes, a interação foi muito grande sobre o tema da Inteligência Emocional, principalmente no que diz respeito a empatia no atendimento. Para a fisioterapeuta Elis Baracho, integrante do grupo de Mulheres Empreendedoras, a temática atualizada fez refletir sobre “a importância de colocar em prática características de Inteligência Emocional, que influenciam positivamente no atendimento ao cliente”.

Já na palestra do empresário Franklin Bastos, o tema de finanças chamou a atenção dos participantes já que se trata de uma temática que “a maioria das pessoas não dominam e têm dificuldades de separar as finanças pessoais das específicas de trabalho, o que tem levado muitas empresas à falência”. Ainda sobre a temática, o empresário Marcel Ribeiro das Lojas Buriti, compartilhou seus conhecimentos sobre a área financeira.

O jovem Osvaldo Nascimento, que trabalha no setor de atendimento da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, elogiou a iniciativa do seminário, que contribuiu para ampliar os seus conhecimentos e futuramente retornar com os projetos da área de comunicação. “Que bom que a Associação está promovendo eventos como esse para estimular os empreendedorismo entre os jovens com conteúdos tão importantes”.

Participação e parceria

O empresário José Raimundo também participou do seminário e destacou a importância de eventos como esse para fortalecer o comércio. No final do encontro, o empresário Nelsinho Báfica, da KMS falou sobre as estratégias específicas para melhor utilizar as redes sociais como impulsionadores de vendas do próprio negócio. Foram apresentadas situações sobre página pessoal e profissional nas redes sociais, dicas de empulsionamentos em publicações e anúncios de produtos e serviços das empresas nas redes sociais.

Como fruto do evento, será realizada uma reunião nesta quinta-feira (8), às 19 horas, na sede da entidade, para a formação do núcleo de jovens empreendedores do programa Empreender da Associação, que conta com a parceria do Sebrae de Itabuna.

Governo do Estado firma acordo que reestrutura salários de 18 mil servidores

Domingos Matos, 03/08/2019 | 15:05

Uma reunião entre o governador Rui Costa e entidades sindicais que representam o funcionalismo público estadual marcou, na tarde desta sexta-feira (2), a assinatura de acordo para reestruturação da tabela de vencimentos dos auxiliares e técnicos administrativos de diversos órgãos estaduais que têm vencimentos básicos abaixo do salário mínimo. O encontro ocorreu na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. 

“Apesar de todas as dificuldades do cenário econômico que os estados estão enfrentando e a partir de um diálogo franco, aberto com as representações sindicais, conseguimos atender a um importante pleito. Estamos encaminhando o projeto de lei para a Assembleia Legislativa”, declarou o secretário da Administração, Edelvino Góes. 

A reestruturação da tabela de vencimento vai abranger pouco mais de 18 mil servidores, entre ativos, aposentados e contratados sob o Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), que cumprem carga horária de 40 horas semanais. Isso representa uma despesa de R$ 50,4 milhões para os cofres públicos em 2019 e R$ 110,3 milhões em 2020. A medida significa um ganho salarial médio de 20,99% e 19,35% para auxiliares e técnicos administrativos, respectivamente.

O acordo foi firmado pelo governo estadual com a Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia (Fetrab), a Associação dos Funcionários Públicos do Estado da Bahia (Afpeb), o Sindicato dos Servidores da Fazenda do Estado da Bahia (Sindsefaz), o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado da Bahia (Sindsaúde), o Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado da Bahia (Sinspeb) e o Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindipoc).

“Para os servidores públicos, este é um momento importante de retomada de negociações. Esse acordo aponta para um caminho de soluções e diminuições das dificuldades. É um projeto que melhora substancialmente a remuneração dos que ganham menos, e a sensibilidade do governo neste aspecto é muito positiva. Estamos muito satisfeitos e esperamos que o governo continue com a negociação de outras pautas”, afirmou o presidente da Fetrab, Joaquim Amaral Filho.

A secretária de Relações Institucionais, Cibele Carvalho, e outros membros da equipe de governo também participaram da reunião. 

Fotos: Fernando Vivas/GOVBA

Projetos sociais de parques eólicos transformam vidas no semiárido baiano

Domingos Matos, 30/07/2019 | 10:18

Quando os parques eólicos se instalam, levam junto mudanças para determinada região. Na Bahia, os 156 parques eólicos em operação, atraídos pelo Governo do Estado através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), além de fortalecer a economia do semiárido e torná-la mais dinâmica, investem também em desenvolvimento social, beneficiando direta e indiretamente as comunidades locais. Os projetos sociais vão do empoderamento de artesãs à criação de hortas comunitárias.

Os complexos eólicos já investiram R$ 15,4 bilhões, em 20 municípios, e geraram mais de 28 mil empregos diretos na fase de construção, de acordo com o Informe Executivo de Energias Renováveis do mês de julho, publicado pela SDE. “A consolidação da energia gerada pelos ventos no estado é sem dúvida um grande orgulho para todos os baianos. O vento que gera energia limpa, alimenta esperanças e sonhos, transforma vidas e proporciona renda e empregos para população”, afirma João Leão, vice-governador e secretário da pasta.

A Enel Green Power é uma das empresas que investem em ações de desenvolvimento social. Em Morro do Chapéu, a empresa apoia a comunidade Queimada Nova, que fica no entorno da planta eólica. Através do “Empodera Morro”, as mulheres aprenderam a utilizar a matéria prima local, tapioca e leite de coco, para fabricar diversas receitas de biscoitos. Elas receberam todos os insumos necessários para iniciar a produção e a venda dos produtos possibilitou a compra de um forno.

“Mudou a vida de muitas mulheres, aprendemos muitas coisas boas, hoje nós podemos chegar para um filho nosso e falar: eu sei a receita de um biscoito. Então é uma coisa muito importante. É muito forte. Hoje lugar de mulher é onde ela quiser”, afirma emocionada Faraildes Queiroz, moradora da comunidade.

“Quando a gente chegou em Morro do Chapéu, mapeamos diversas iniciativas que tivessem a ver com a criação de valor compartilhado. E o “Empodera Morro” trouxe esse projeto, que tem tudo a ver com os valores da Enel, de empoderamento da mulher e apoio à diversidade”, explica Deise Damasceno, especialista em Sustentabilidade da Enel. Em 2018, o grupo destinou cerca de R$ 51 milhões em investimentos sociais externos.

No município de Umburanas, o sonho da comunidade de Rodoleiro, de ter uma horta comunitária, foi realizado pela ENGIE. “A energia eólica trouxe para nosso povoado uma sede para associação de moradores, possibilitou a implantação de uma horta, sonho de toda uma vida e que nos proporciona uma alimentação saudável, além de ter empregado muitas pessoas”, afirma o morador Robeilton Joaquim da Silva.

Já os moradores da comunidade de Barriguda do Lima, no mesmo município, foram beneficiados com o Projeto de Educação de Jovens e Adultos. “Muitos moradores que não tinham oportunidade de emprego e passaram a ter com a chegada do parque eólico, além disso, falar do projeto de alfabetização é uma honra muito grande porque eu não sabia ler e hoje sei ler e escrever”, conta Aurelina Almeida Cunha.

“A ENGIE investe em projetos sociais porque entende o importante papel que exerce nas comunidades que cercam seus empreendimentos. Atuar com responsabilidade social não é uma obrigação, mas sim parte do nosso DNA e da cultura da empresa. Projetos como o AJA e as hortas mandalas são bons exemplos de como podemos impactar positivamente na qualidade de vida das pessoas, contribuindo para um presente e um futuro melhor. Essa postura é amplamente reconhecida pelo mercado, que nos aponta como uma empresa transparente e de forte caráter social”, afirma Eduardo Sattamini, diretor-presidente da ENGIE Brasil Energia.

A ENGIE investiu em 2018, R$ 17,3 milhões em áreas de educação, saúde, infraestrutura (pavimentação), esporte e lazer, geração de renda, planos diretores e planos de gerenciamento de resíduos sólidos.

Veja dos dados de Eólica: https://bit.ly/2SNxEdd

E os números de Solar: https://bit.ly/2ZiOao3

Julho das Pretas no Banco da Vitória

Domingos Matos, 25/07/2019 | 09:59

A Associação Mantenedora do Terreiro Ilê Axé Odé Omopondá Aladê Ijexá – AMATA, na pessoa de mãe Darabi, conhecida como atriz Alba Cristina Soares, convida todos para participarem do Julho das Pretas que acontecerá no dia 27.07.2019 das 15h00min às 21h30min no Ginásio de Esporte do Banco da Vitória.

O Julho das Pretas é uma estratégia de incidência política desenvolvida a partir de uma agenda conjunta e propositiva com movimentos de mulheres negras da Bahia, região Nordeste, e mais alguns estados do país, voltada para o fortalecimento das organizações de mulheres negras. Idealizado em 2013, pelo Odara – Instituto da Mulher Negra, o Julho das Pretas celebra o 25 de Julho, Dia Internacional da Mulher Negra Afro Latina-americana e Caribenha, e o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra.

As mulheres negras do Sul da Bahia se conectaram com essa agenda e durante o mês de julho desenvolveram várias atividades nas escolas públicas, terreiros, coletivos e nas comunidades populares da região para juntas construímos os caminhos de liberdade contra o racismo, o sexismo, a violência policial, o feminicídio, o encarceramento em massa e as diversas formas de terrorismo do Estado.

Para fechar a agenda local, no dia 27.haverá uma reunião, no Banco da Vitória, numa programação que reúne roda de conversa, cine-debate e intervenção cultural com as arteativistas da região. Veja a programação:

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.