Tag: salarios

Itacaré: prefeitura  realiza pagamento dos salários de janeiro

Domingos Matos, 01/02/2019 | 15:20

A Prefeitura de Itacaré encaminhou nesta sexta-feira (1º) o pagamento dos salários de todos os servidores, efetivos e contratados, referentes ao mês de janeiro. O objetivo da atual gestão, segundo informou o prefeito Antônio de Anízio, é continuar pagando os salários dos trabalhadores em dia, mesmo com as dificuldades financeiras enfrentadas pelos municípios brasileiros.

No total, serão cerca de três milhões de reais que circularão na cidade, aquecendo a economia local e fortalecendo o comércio do município. A proposta é continuar honrando com os pagamentos dos servidores, contratados e fornecedores, garantindo a credibilidade do governo e administrando os recursos públicos com responsabilidade, seriedade e compromisso com o povo de Itacaré.

De acordo com o prefeito, pagar os salários em dia, até o quinto dia útil, faz parte do seu compromisso de governar Itacaré com transparência, responsabilidade e planejamento, realizando os investimentos na cidade, respeitando e valorizando os direitos dos trabalhadores. Desde que assumiu a administração da cidade, a atual gestão vem cumprindo com o pagamento sempre em dia.

 

Concurso da prefeitura de Candeias oferece 189 vagas para atuar em hospital municipal; salários chegam a R$ 13 mil

Domingos Matos, 30/01/2019 | 16:15

Estão abertas até 18 de fevereiro as inscrições para concurso público que visa o preenchimento de 189 vagas da prefeitura de Candeias, cidade da região metropolitana de Salvador, para atuar no Hospital Municipal José Mário dos Santos. As oportunidades são para todos os níveis de escolaridade e têm salários que variam entre R$ 998 e R$ 13 mil.

As inscrições devem ser feitas pela Internet, no site do instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pelo certame.

O valor de inscrição será de R$ 35 para nível fundamental, R$ 45 para nível médio e R$ 60 para nível superior. O pagamento deverá ser feito até 19 de fevereiro.

 

O processo seletivo simplificado será constituído de duas etapas:

1ª Etapa: Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, aplicada a todas os cargos;

2ª Etapa: Análise de Títulos, de caráter classificatório, aplicada somente para os cargos de nível superior.

A aplicação da prova objetiva está prevista para o dia 17 de março e será realizada nas cidades de Candeias e Salvador no estado da Bahia. (Com informações do G1)

Servidores com os mais altos salários de Ilhéus estão na lista dos afastados por sentença judicial

Domingos Matos, 10/01/2019 | 08:31

Entre os 268 servidores afastados pela Prefeitura de Ilhéus, na segunda-feira (7), por força de sentença judicial proferida pelo juiz Alex Venicius, da 1ª Vara da Fazenda Pública, estão os detentores dos mais altos salários da folha de pagamento do município. Com o cumprimento da decisão judicial, a administração municipal economizará R$ 1.590.155,88 mensais, totalizando R$ 19 milhões por ano.

O prefeito Mário Alexandre lamenta a situação. “É um momento muito delicado da nossa gestão, termos de afastar pessoas conhecidas e até amigas que contribuíram durante anos com a cidade de Ilhéus”, enfatiza. A herança deixada por gestões anteriores, numa sequência de erros administrativos e jurídicos lesou os cofres públicos e produziu distorções salariais consideradas injustas por funcionários municipais e a população.

As disparidades entre funções e salários são evidentes na lista incluída no decreto de cumprimento da decisão judicial publicado no Diário Oficial do Município no último dia 7. Assistentes administrativos com salários entre R$7 e R$10 mil, guardas municipais recebendo de R$8 a R$10 mil, técnicos administrativos com remuneração de até R$13 mil, professores com salários acima de R$10 mil, odontólogo recebendo R$ 20 mil, entre outras distinções.

Concursados - A mesma sentença, no entanto, também obrigou o Município a nomear os candidatos aprovados no concurso público realizado em 2016. Com a convocação, serão preenchidas 196 novas vagas em níveis médio e superior, para trabalhar nas secretarias municipais de Administração, Educação, Desenvolvimento Social, Saúde, Agricultura e Pesca, Fazenda, Infraestrutura, Transporte e Trânsito, Turismo, Cultura, Planejamento e Desenvolvimento Sustentável.

O prefeito Mário Alexandre destaca que o afastamento dos 268 servidores não estáveis, em um universo de 3.317 funcionários efetivos, não coloca em risco a continuidade do serviço público. “Estamos consternados com a obrigatoriedade de cumprimento da decisão judicial, e ainda vamos fazer o que for possível para ajudar esses servidores não estáveis, mas os concursados que se encontravam ansiosos para serem nomeados chegam com todo o gás e motivados para prestar um bom serviço à cidade”, diz ele.

O chefe do Executivo ilheense destaca também os esforços da administração municipal para beneficiar os servidores não estáveis com o Programa de Desligamento Voluntário (PDV), que oferece o benefício do pagamento de 35% da média salarial do servidor nos últimos 12 meses, durante 20 anos. Segundo dados do Departamento de Recursos Humanos do município, até o momento já foram autorizadas 400 concessões de indenização. Os servidores que aderiram ao PDV e foram incluídos na lista do cumprimento da decisão judicial podem se aposentar com o benefício, assim que seus processos forem concluídos e receberem a carta de deferimento do INSS.

Concurso da Ufba vai contratar quase 100 professores;salários podem chegar a mais de R$ 9 mil

Domingos Matos, 28/12/2018 | 16:16

Um concurso público vai contratar 98 professores – auxiliar, assistente e adjunto- para os campi de Vitória da Conquista, Camaçari e Salvador da Universidade Federal da Bahia (Ufba). As inscrições estão abertas até o dia 04 de fevereiro, custam entre R$ 150 a R$ 200 e podem ser feitas pela internet, na página de concurso da Ufba.

O prazo para os candidatos que querem solicitar a isenção do pagamento é até o dia 4 de janeiro. Vale lembrar que para ter direito a esse benefício, é precisar estar inscrito no Cadastro Único.

A depender da carga horária e titulação do profissional, a remuneração pode chegar até R$ 9.585,67. Os candidatos inscritos serão submetidos a provas teórico-prática ou escrita, com peso três e de caráter eliminatório e classificatório; didática, com peso três e de caráter classificatório; de títulos, com peso dois e de caráter classificatório; defesa de Memorial, com peso dois e de caráter classificatório.

As datas do concurso, que será realizado na Ufba, ainda não foram divulgadas, mas a previsão é de que o certame aconteça até 21 de junho de 2019.

Servidores municipais ilheenses enfrentam problemas para receber salários na Caixa

Domingos Matos, 07/07/2016 | 11:08
Editado em 08/07/2016 | 09:58

Os servidores municipais ilheenses estão enfrentando problemas para receber o salário de junho nas agências da Caixa, novo agente financeiro responável pelos repasses aos aos trabalhadores. O município afirma, por meio de Nota de Esclarecimento, que já enviou os valores para o banco, que se comprometeu em regularizar a situação ainda hoje.

Leia.

Nota de Esclarecimento

Em virtude de problemas ocorridos no sistema da Caixa Econômica Federal com relação à disponibilização dos valores correspondente aos salários dos servidores municipais, a Secretaria Municipal de Fazenda (Sefaz) esclarece que:

1-   Transferiu, nesta quarta-feira, dia 6, os valores integrais dos salários dos servidores e os documentos necessários ao processo de efetivação do pagamento da folha de pessoal à Caixa Econômica Federal, agente bancário que passa a ser responsável pelos depósitos nas contas individuais.

2-   Devido a problemas técnicos enfrentados pelo próprio banco, os depósitos não foram feitos em sua integralidade até o momento. No entanto, a Gerência da Caixa assegurou que uma equipe trabalha para que as transferências sejam feitas por lote, sendo pago um a cada hora. Dessa forma, há garantias de que até o fim do dia os valores estarão disponíveis a todos os trabalhadores.

Atualização (08.07): A prefeitura informou que, ainda ontem à tarde a Caixa comunicou que havia solucionado os problemas em seu sistema e que as transferências dos valores haviam sido concluídas.

Diretores da Emasa fizeram clubinho da autoconsignação com antecipações de salários

Domingos Matos, 04/07/2016 | 18:51
Editado em 04/07/2016 | 18:52

Clubinho de autoconsignação. Sem juros. Sem cobranças. Um negócio da China, do tempo em que na China o deus-mercado não cobrava sua parte em juros e correção monetária. Assim poderia ser descrito o que o Ministério Público investiga como "antecipação de salários, no período compreendido entre janeiro de 2013 e junho de 2016", e cujos processos de pagamentos foram alvo de mandado de busca e apreensão na última quinta-feira (30), na sede da Emasa.

Funcionava assim: os diretores pediam para "o próprio si" vultosos adiantamentos de salários, que depois diluíam em suaves prestações, refinanciáveis a perder de vista, sem juros, sem consulta ao SPC e Serasa, enfim, sem prestar contas a ninguém. 

Uma frase atribuída ao promotor Inocêncio Oliveira por quem participou de uma das audiências resume a patranha: "A presidente Dilma caiu por muito menos que isso". Ou seja, é um crime de responsabilidade, um atentado ao serviço público e ao dinheiro do povo.

Diretor preso

O processo que investiga esse e outros crimes corre em segredo de justiça na 2ª Vara Crime de Itabuna. Já levou para a cadeia, em prisões preventivas, o ex-diretor de Planejamento e Expansão, José Antônio dos Santos, e o chefe do Serviço de Combate a Vazamentos, Pedro Barreto. Ambos foram transferidos para o Conjunto Penal de Itabuna no dia 30.

Segundo o blog apurou, mais duas pessoas ligadas à cúpula da Empresa Municipal de Águas e Saneamento devem ter sua prisão preventiva decretada nos próximos dias.

STF acerta com a Câmara aumento de salários do Judiciário

Domingos Matos, 27/04/2016 | 11:44
Editado em 27/04/2016 | 11:48

Depois do dia 17, das 300 delações, do salvo-conduto a Eduardo Cunha, da confirmação de Fernando Baiano e desse acerto à vista... o blogueiro se recusa a dizer algo sobre essa foto.

Sintesi protesta contra atrasos de salários na Santa casa

Domingos Matos, 09/09/2011 | 10:54
Editado em 09/09/2011 | 10:57

Funcionários dos três hospitais (Calixto Midlej Filho, São Lucas e Manoel Novaes) administrados pela Santa Casa de Itabuna fizeram protesto, na porta do Calixto, ao meio-dia de quinta-feira (8), contra o constante atraso no pagamento dos salários.

A manifestação foi organizada pelo sindicato que congrega o pessoal da saúde. Em obediência à legislação trabalhista, o sindicato optou pelo protesto somente após o quinto dia útil do mês subseqüente ao do vencimento do prazo para o pagamento dos salários de agosto.

O atraso, segundo o sindicato, já virou rotina e a continuar assim os trabalhadores não descartam uma paralisação das atividades.

Hoje, a Santa Casa, segundo o sindicato dos trabalhadores, recebe cerca de R$ 3 milhões por mês do SUS.

“Em vez de pagar aos funcionários, a Santa Casa paga, primeiro, aos fornecedores. A segunda prioridade deles é o investimento em obras e melhorias nos hospitais. O trabalhador fica por último”, acusa o diretor do sindicato, João Evangelista.

Adusc denuncia congelamento de salários imposto por Wagner

Domingos Matos, 17/03/2011 | 11:13
Editado em 17/03/2011 | 11:19

A Associação dos Docentes da Uesc divulgou carta aberta à comunidade denunciando o congelamento de salários dos professores universitários até 2015, imposto de forma unilateral e desconsiderando os canais de negociação do governo com as entidades representativas da categoria.

O congelamento foi imposto por meio de decreto do governador, no pacote de maldades - digo, austeridade - orçamentárias baixado pelo Galego logo após a segunda posse.

Clique AQUI  leia a carta.

Santa Casa: salários dos trabalhadores já estão nas contas

Domingos Matos, 21/01/2011 | 21:12
Editado em 21/01/2011 | 22:49

Foi uma sexta-feira de boas notícias para os funcionários da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. Primeiro foi a suspensão da greve (nota abaixo) pelo acordo firmado com a provedoria - acreditem ou não, trabalhador não "adora greve", apenas a utiliza como recurso de luta.

E, agora à noite, a mais alvissareira de todas: o salário de dezembro, pelo qual os trabalhadores brigavam, acaba de ser depositado em suas contas bancárias. A previsão dada inicialmente para o pagamento que ocorreu hoje foi a próxima quarta-feira (26).

Essa possibilidade já existia, mas não foi divulgada oficialmente por sindicato e provedoria porque não havia certeza de que se concretizaria. Mas deu tudo certo e a greve está, definitivamente, cancelada.

O Sintesi já tratou de informar a seus associados, que também se utilizam da propaganda boca-a-boca para espalhar a boa nova. Enfim, ganhou também a comunidade regional, que não será privada dos serviços altamente relevantes prestados pela entidade.

Estagiários do CIEE estão há cinco meses sem salários em Ilhéus

Domingos Matos, 20/09/2010 | 13:01
Editado em 20/09/2010 | 13:21

Estagiários de Pedagogia que atuam na Secretaria da Educação de Ilhéus, contratados por meio de convênio com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), reclamam que trabalham há cinco meses mas nesse período nunca viram a cor do "faz-me rir". A turma, que atua no AC (Atividade Complementar) das escolas, auxiliando coordenadores pedagógicos, diz que não sabe a quem apelar.

Quando procuram a secretaria, a resposta é em forma de conselhos: "Dizem que devemos resistir, ter compromisso com a educação". No CIEE, mais pedidos de paciência. "A cada vez dizem que estão em reunião constante com a prefeitura e que o assunto será resolvido".

Já na prefeitura, com o secretário de Finanças, a explicação é técnica: "o dinheiro foi bloqueado para pagamentos de precatórios, mas será resolvido após o desbloqueio".

O problema é que os estagiários já estão no sacrifício, sem dinheiro até para o transporte. "Querem que tenhamos paciência e falam até em compromisso com a educação. Mas, cadê o compromisso deles?", questiona um dos sofredores.

Sindserv diz que por salários, denúncia e greve não estão descartadas

Domingos Matos, 03/08/2010 | 14:22
Editado em 03/08/2010 | 14:28

Não foi bem recebida pela presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Karla Lúcia, a informação do secretário da Saúde, Antônio Vieira, de que os salários de sua pasta não têm previsão de data para serem quitados.

"Estamos averiguando, pois não concordamos e repudiamos o descaso e a falta de planejamento da prefeitura, que mais uma vez compromete os salários dos servidores. O Sindserv tomará todas as medidas necessárias, de denúncia ao Ministério Público à deflagração de uma greve", alerta Karla Lúcia.

Na semana passada, ela dizia que a prefeitura desmentia boatos de que os festejos do centenário tivessem afetado o cronograma de pagamento dos salários.

Apesar de esperar uma definição sobre o assunto, devido ao prazo legal que ainda não foi expirado, a sindicalista diz que a situação é preocupante porque quem passou a informação foi um gestor, vice-prefeito e secretário municipal da Saúde.

Salários do Hospital de Base ainda não foram pagos

Domingos Matos, 24/05/2010 | 11:50
Editado em 12/04/2010 | 08:32

Hoje, dia 12, a prefeitura ainda não fez o pagamento dos salários de março no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães. A parcela que venceria no dia 5 ainda não foi honrada, apesar de um Termo de Ajustamento de Conduta firmado com o Ministério Público.

A despeito disso, o hospital estaria, segundo denuncia o programa 'Bom dia, Bahia', da Rádio Nacional, comprando câmeras de videomonitoramento, para vigiar diversas dependências. O clima é de revolta, entre os funcionários.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.