Câmara Municipal

Tag: saude

Fernando exonera o 5º secretário de Saúde em menos de 2 anos e meio de governo

Domingos Matos, 15/08/2019 | 15:49

A menos de um mês de completar um ano no cargo, Jozimar Sales não é mais o secretário de Saúde de Itabuna. Ele foi exonerado pelo prefeito Fernando Gomes nesta quinta-feira (15), informa o Políticos do Sul da Bahia. A queda era esperada desde o início do ano, após Jozimar e o prefeito se desentenderem durante reunião no gabinete.

Ainda não está claro o que motivou a queda, mas ela ocorre em um período de forte turbulência na Saúde. Isso, porque o governo renovou o convênio com o Manoel Novaes para atendimento a crianças e adolescentes, mas tirou do hospital pediátrico os atendimentos de baixa e média complexidade.

Estes atendimentos passaram a ser oferecidos apenas pela UPA do Monte Cristo e pela Maternidade Esther Gomes (Maternidade da Mãe Pobre). A unidade pertence à família do prefeito Fernando Gomes e não possui estrutura para absorver o atendimento desviado do Hospital Manoel Novaes.

Jozimar Sales foi o quinto secretário de Saúde de Itabuna e pouco mais de dois anos e meio de gestão Fernando Gomes. O nome do substituto ainda não foi definido. (Com informações do Pimenta)

Jairo Araújo diz que Secretaria de Saúde de Itabuna planejou um genocídio contra a população 

Domingos Matos, 08/08/2019 | 08:11
Editado em 07/08/2019 | 23:48

Durante entrevista no Jornal Interativa News, na quarta-feira (7), o vereador Jairo Araújo, criticou duramente o Secretário de Saúde do município, Josimar Salles, a quem acusou de planejar um ‘genocídio contra a população’ de Itabuna. A declaração vem em meio a crise na pasta, diante da possibilidade da nova contratualização da Secretaria com o Hospital Manoel Novaes.

Jairo Araújo se mostrou pessimista quanto à gestão da Saúde e classificou como ‘extremamente dramática’ o que está acontecendo em Itabuna. “Eu tenho ficado perplexo diante de algumas questões que não entram na minha cabeça, como por exemplo, o São Lucas que tem um pronto-socorro, fechou. O CEMEPI que tinha um atendimento do SUS, fechou. E o Manoel Novaes tinha uma porta aberta para a população, fechou. Me parece que a solução do secretário é fechar tudo.” disse.

“O Hospital de Base que funcionava razoavelmente bem, praticamente não funciona. Como você pode ver na atenção básica, não existe uma licitação até hoje no governo em relação a medicamentos. Eu acho sinceramente que ele está implantando um genocídio planejado para a população, pois não vejo sentido no que está acontecendo.” afirmou.

O vereador já havia se manifestado em vídeo nas redes sociais, onde afirmava que a maternidade Ester Gomes tem ligação familiar com o governo municipal, colocando a vida de crianças de toda a região em risco. “É estranho a decisão de esvaziar o hospital Manoel Novaes e concentrar os recursos e atendimentos exatamente na maternidade, que tem ligação com a família do prefeito e cujo o filho foi diretor e candidato a deputado estadual na eleição passada.” criticou o vereador.

 

Vereadora Charliane Souza busca alternativas para saúde em Itabuna

Domingos Matos, 07/08/2019 | 12:31
Editado em 07/08/2019 | 12:53

Na manhã desta terça-feira (06), a vereadora Charliane Sousa esteve em audiência com o Venerável Mestre da Loja Maçônica Aerópago Itabunense, José Jones Santana, para tratar de diversas demandas do município, dentre elas, a situação da saúde. 

Segundo a vereadora, foram feitos encaminhamentos de diversas pautas, como suspensão do atendimento na pediatria do Manoel Novaes, que agora só atende os casos de emergência encaminhados e regulados.

O município não conseguirá absorver toda demanda, uma vez que a Maternidade da Mãe Pobre e a UPA não tem capacidade para realizar esses atendimentos devido à falta de estrutura e equipamentos, onde estarei buscando alternativas dentro e fora de nossa cidade. Está faltando transparência e sobram muitas dúvidas nessa medida", declarou Charliane. 

A edil frisou a importância de todos estarem unidos nessa causa, salientando que o Conselho Municipal de Saúde também já vem atuando junto ao Ministério Público e que já esteve em audiência com o Médico e Ex-Deputado Estadual, Heraldo Rocha, presidente do DEM em Salvador, que fará apelos junto ao Sindicato dos Médicos da Bahia - SINDIMED.

Rui inaugura 11ª Policlínica Regional de Saúde, em Vitória da Conquista

Domingos Matos, 01/08/2019 | 16:13

O governador Rui Costa inaugurou, nesta quinta-feira (1º), em Vitória da Conquista, a 11ª Policlínica Regional de Saúde da Bahia. Na chegada, Rui foi recepcionado pelos prefeitos da região, no desembarque do novo Aeroporto Glauber Rocha. A Policlínica atende aos municípios de Anagé, Barra da Choça, Belo Campo, Bom Jesus da Serra, Caatiba, Caetanos, Cândido Sales, Caraíbas, Condeúba, Cordeiros, Encruzilhada, Ibicui, Iguaí, Itambé, Itapetinga, Itarantin, Macarani, Maetinga, Maiquinique, Mirante, Nova Canãa, Piripá, Planalto, Poções, Presidente Jânio Quadros, Ribeirão do Largo, Tremendal e Vitória da Conquista.

“Aqui, as pessoas vão realizar seus exames e consultas com especialistas. São19 especialidades médicas e, basicamente, todos os exames que uma pessoa precisa fazer, a policlínica vai realizar. Com isso, estamos colocando em prática a saúde pública na qual acreditamos, que é a da prevenção e do diagnóstico precoce”, declarou o governador sobre o equipamento que recebeu em torno de R$ 22 milhões em investimentos e foi construída pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

A Policlínica localizada em Vitória da Conquista beneficiará 617.947 habitantes da região. Uma equipe de 97 funcionários vai trabalhar na realização de consultas e exames. Especialidades médicas como angiologia, neurologia, otorrinolaringologia, entre outras, e exames como ressonância magnética, tomografia computadorizada, holter e mapa serão disponibilizados a partir das 7h desta sexta-feira (2).

Durante a inauguração, o governador também assinou ordem de serviço que autoriza a licitação para as obras de ampliação da enfermaria do Hospital Geral de Vitória da Conquista, que ganhará 48 leitos, além da implantação de serviço de politrauma, com investimento de R$ 3.614 milhões.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, os novos leitos serão divididos em duas enfermarias. “Serão 24 leitos cirúrgicos e 24 leitos clínicos. Com isso, vamos desafogar as UTIs e aumentar o número de procedimentos realizados na cidade e região. Quando inaugurarmos o Centro de Trauma da região do sudoeste, em dezembro, teremos mais 75 leitos dedicados, exclusivamente, à ortopedia”, revelou o titular da Sesab.

Outras ações

Ainda na cidade, Rui Costa entregou quatro ambulâncias para as prefeituras de Macarani, Piripá, Vitória da Conquista e Poções; e aproveitou a oportunidade para visitar a Feira Cidadã, promovida pela Sesab, em parceria com as Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), que oferece, até esta sexta (2), serviços de saúde e cidadania à população. Completou a agenda do governador uma visita ao Centro Integrado de Educação Navarro de Brito.

Ministério da Saúde suspende parcerias para produção de medicamentos

Domingos Matos, 17/07/2019 | 12:31

O Ministério da Saúde informou ontem (16) que 19 parcerias de Desenvolvimento Produtivo (PDPs) estão em fase de suspensão. As parcerias foram firmadas para a produção de medicamentos como insulina, usada para diabetes, e pramipexol, usado no tratamento de doença de Parkinson. A etapa atual permite que os laboratórios públicos apresentem medidas para reestruturar o cronograma de ações e atividades.

Segundo a pasta, as parcerias estão em fase de suspensão, entre outros motivos, por falta de avanços esperados; por falta de investimento na estrutura; por desacordo com o cronograma; por solicitação de saída do parceiro privado; pelo não enquadramento de um projeto como PDP; por decisão judicial; e, por recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU) e Controladoria-Geral da União (CGU).

Esse tipo de parceria tem quatro fases. A primeira é a proposta para avaliação; a segunda é o desenvolvimento do projeto, com elaboração dos contratos entre parceiros, treinamento, desenvolvimento da estrutura e qualificação dos processos de trabalho; a terceira é a transferência efetiva de tecnologia e início da aquisição do Ministério da Saúde; e, a quarta, a verificação da internalização da tecnologia.

De acordo com a lista divulgada pelo ministério, cinco parcerias estavam na terceira fase. As demais estavam na segunda fase ou anterior.

O Ministério da Saúde garante, em nota, que a população não será afetada. "Para garantir o abastecimento da rede, o Ministério da Saúde vem realizando compras desses produtos por outros meios previstos na legislação. A medida, portanto, não afeta o atendimento à população. A maior parcela das PDPs em fase de suspensão sequer chegou a fase de fornecimento do produto", diz a nota.

A PDP é uma parceria que prevê transferência de tecnologia de um laboratório privado para um público, com o objetivo de fabricar um determinado produto em território nacional. O Ministério da Saúde coordena o processo e utiliza seu poder de compra para apoiar a produção nacional de produtos considerados estratégicos para o Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente, segundo o Ministério da Saúde, 87 parcerias estão vigentes.

Segundo o presidente da Associação dos Laboratórios Farmacêuticos Oficiais do Brasil, Ronaldo Ferreira Dias, os laboratórios irão recorrer da medida tanto administrativamente quanto judicialmente. "A decisão foi tomada de forma unilateral, mesmo havendo diversos canais para estabelecer diálogo ou se fazer possíveis ponderações. Não houve diálogos prévios", disse, acrescentando que "é quebra de contrato, quebra da confiança que o Brasil tem, inclusive no exterior".

De acordo com Dias, as empresas já realizaram investimentos, inclusive em infraestrutura para produzir esses medicamentos. Parte desses recursos, segundo ele, vêm de fontes públicas. "Tranquilamente chega na casa dos bilhões", disse. (Com informações da Agência Brasil)

Veja a lista divulgada pelo Ministério da Saúde:

Adalimumabe 

Etanercepte 

Everolimo 

Gosserrelina 

Infliximabe 

Insulina (NPH e Regular) 

Leuprorrelina 

Rituximabe 

Sofosbuvir 

Trastuzumabe 

Cabergolina 

Pramipexol 

Sevelâmer

Vacina Tetraviral 

Alfataliglicerase 

Bevacizumabe

Profissionais do Mais Médicos reforçam atendimento à Saúde em Ilhéus

Domingos Matos, 17/07/2019 | 11:23

Esta semana Ilhéus recebeu mais três dos quatro profissionais do Programa Mais Médicos mantidos pelo Ministério da Saúde do Governo Federal. A informação é da Secretaria de Saúde do Município (Sesau), após adesão à nova fase da iniciativa. Eles, assim como os três clínicos já atuantes na cidade vão reforçar o atendimento na rede básica de saúde.

Segundo a secretaria, parte dos médicos selecionados já começam a se apresentar nas unidades para iniciar os trabalhos. Também serão beneficiados os moradores das localidades rurais do Banco do Pedro, Banco Central e Santo Antônio. Já as unidades do Teotônio Vilela I, Ilhéus II, Estratégia de Saúde da Família (ESF) do Nossa Senhora da Vitória II e Couto mantem o atendimento.   

Conforme informações da diretora da Atenção Básica, Jailma Nascimento, esta ação segue orientação do prefeito Mário Alexandre, para que o município se empenhe em atender às demandas da população. “Estamos aguardando os prazos e a parte burocrática do programa, para receber mais um profissional médico”, informou Jailma. 

Conferência Estadual de Saúde reúne 2 mil pessoas e discute políticas públicas do setor 

Domingos Matos, 08/07/2019 | 13:09

A abertura oficial da 10ª Conferência Estadual de Saúde foi realizada na manhã desta segunda-feira (8) para um público de cerca de duas mil pessoas. No evento que segue até a próxima quarta-feira (10) estão reunidos usuários do Sistema Único de Saúde, trabalhadores e gestores da área de saúde.  

A conferência é realizada pelo Conselho Estadual de Saúde e tem apoio do Governo do Estado por meio da Secretaria da Saúde. “Essa conferência é a consolidação do apoio da gestão estadual ao sistema de saúde. Este é o segundo evento realizado na nossa gestão e tem a participação de representantes de todos os 417 municípios que estão aqui com mais de mil delegados de saúde das suas regiões. A intenção é trazer mais informações e propostas para ampliarmos e consolidarmos o sistema de saúde em todo o estado”, explica o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas.

A conferência magna, na abertura do evento, discutiu o tema ‘Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS’, que teve coordenação do professor da Universidade Federal da Bahia, Jairnilson Paim. O presidente do Conselho Estadual de Saúde, Ricardo Mendonça, explica que a partir das discussões realizadas no evento sairão as 21 diretrizes que serão encaminhados ao Conselho Nacional. “A Conferência é uma ferramenta do Sistema Único de Saúde com participação do controle social onde se discute a política estadual e nacional de saúde.  Ao final, o relatório da etapa estadual e as 21 diretrizes do Estado da Bahia serão encaminhadas para a Política Nacional de Saúde”. 

A abertura teve a participação do médico Drauzio Varella, convidado para falar sobre Saúde Pública. Ele ponderou que eventos como a conferência ajudam na elaboração das políticas de saúde. “O Brasil não tem política de saúde porque a cada 10 meses o ministro da pasta é trocado. Com essa mudança os estados ficam perdidos no que se refere à política nacional de saúde. A Bahia tem a felicidade ter o mesmo secretário de saúde há cinco anos e isso resulta num trabalho consistente. É muito importante trazer as pessoas pra perto e definir quais são as diretrizes. Quem vai aplicar as políticas de saúde não é o secretário, mas os profissionais que estão na ponta. Ter eventos voltados para definir esse alinhamento é fundamental”. 

 

UFSB forma 1ª turma de especialistas em Saúde Coletiva

Domingos Matos, 15/06/2019 | 23:24

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) realizou, entre os dias 13 e 15, em Porto Seguro, o II Simpósio de Saúde Coletiva do Sul da Bahia, com o tema “Educação e Saúde: Interfaces e Desafios na Formação Interdisciplinar em Saúde”. O evento é uma parceria do Programa de Mestrado em Saúde da Família (PROFSAÚDE) e do Programa de Especialização em Saúde Coletiva (PPGESC).

Além de diversas atividades, como palestras, oficinas e mini cursos, o evento proporcionou oportunidade para a apresentação das dissertações de mestrado de vários profissionais médicos, que passam a ter o titulo de Mestre em Saúde da Família.

Com isso, será beneficiada a sociedade baiana e, em especial, a região sul da Bahia, que ganha com novos profissionais capacitados, com foco na atenção integral e humanizada de pessoas assistidas pelo SUS e nas demandas de saúde, onde o foco é a família.

Outro momento que mereceu destaque no evento foi a finalização e apresentação de resultados de pesquisas do Curso de Especialização em Saúde Coletiva, com ênfase na formação de Sanitaristas.

Diversos profissionais da saúde e da educação concluíram pesquisas com foco nas mais variadas nuances de agravos que incidem na saúde das pessoas. Sempre com o viés do olhar pelo coletivo, estes profissionais já neste segundo semestre de 2019, estão aptos ao mercado de trabalho e em muito poderão contribuir na melhoria dos índices da saúde.

Esta é a primeira turma de Especialistas em Saúde Coletiva, e foram formados nos três campi da UFSB - em Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

Na foto (topo), os novos Especialistas em Saúde Coletiva, de Itabuna, e seus professores professor doutor Antônio José Cardoso, e professora doutora Gabriela Andrade Silva, no evento em Porto Seguro

 

Salobrinho recebe Mutirão Social e Saúde neste sábado

Domingos Matos, 13/06/2019 | 09:16

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SDS) da Prefeitura de Ilhéus e o Centro de Referência e Assistência Social (CRAS-Oeste) promovem mais um Mutirão Social e Saúde, neste sábado (15), no bairro Salobrinho. A ação ocorre na Instituição Fé e Alegria, antigo Criarte, localizada no Loteamento Santa Cruz, 105, Salobrinho. O atendimento será realizado das 8 às 13 horas.

Serão ofertados serviços como o Cadastro Único, Bolsa Família, Mapa do Peso, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e Cartão do Idoso. Ainda haverá emissão de certidão de nascimento e casamento. A ação inclui também o atendimento do CRAS com a participação de assistentes sociais e grupos de crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

O Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) e o Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) também farão palestras de educação e conscientização no local. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) oferecerá atendimento de consulta em Cardiologia, Pneumologia, Geriatria e Neurologia.

De acordo com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre “é de fundamental importância a realização dos mutirões sociais nos bairros, distritos e localidades para humanização e aproximação da gestão pública com as comunidades, melhorando os serviços e cuidando melhor do povo ilheense”, frisou.

Para tirar dúvidas e saber mais informações, o cidadão pode ligar para o CRAS Oeste, através do telefone: (73) 3689-1677. O endereço da unidade é na Rua Duque de Caxias, 154.

Bahia apresenta avanços da saúde pública em Fórum da Exame

Domingos Matos, 13/06/2019 | 08:09

Inovações em gestão e tecnologia aplicada na saúde pública deram destaque ao Governo da Bahia no Fórum Exame Saúde que aconteceu na quarta-feira (12), em São Paulo. O secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, foi o único gestor público convidado ao lado do secretário de Saúde de São Paulo, José Henrique Germann.

"Com mais de R$ 20 bilhões aplicados em obras, equipamentos e recursos humanos na área da saúde nos últimos quatro anos, a Bahia se tornou referência nacional em inovação e gestão em saúde. Além de avançar na gestão informatizada de leitos, prontuário eletrônico, central de regulação e telemedicina, a Bahia também inovou em modelos de gestão como as PPP e consórcios de saúde", afirma Vilas-Boas.

Executivos, pesquisadores e profissionais de comunicação se surpreenderam com o volume de investimento já realizado e as iniciativas em curso, como a implantação de 50 salas de telemedicina e a construção da Central Integrada de Comando e Controle da Saúde do Estado da Bahia, que abrigará a nova Central Estadual de Regulação e será responsável por monitorar e acompanhar os indicadores das unidades em tempo real.

O Secretário ainda apontou desafios do setor. "A partir de 2020, o Sistema Único de Saúde (SUS) pode entrar em colapso se não for revisto o sistema de financiamento. Estados e municípios já estão no limite ou acima da capacidade de investimento na saúde e a atual legislação impõe reduções ano após ano por parte do orçamento federal", ressalta.

Com as revoluções demográficas, epidemiológicas e tecnológicas, a população passou a ter uma maior expectativa de vida e nesse cenário, a redução progressiva de recursos federais aplicados na saúde vai na contramão das três décadas de conquista da sociedade com o SUS.

 

Projeto Santa Casa Nos Bairros leva instituição a seis premiações no Benchmarking Saúde

Domingos Matos, 10/06/2019 | 17:08
Editado em 10/06/2019 | 18:10

Em nove anos de evento a Santa Casa de Itabuna foi premiada por seis vezes, e a cada ano assume o compromisso e a missão de servir com excelência a experiência do cuidar.

Um dos destaques deste 2019 é o “Projeto Santa Casa nos Bairros”, uma iniciativa do então provedor, Eric Júnior, lançado em fevereiro de 2018, que mobiliza todo mês médicos voluntários e colaboradores da instituição de diversos setores para o atendimento de saúde gratuito nas comunidades carentes de Itabuna. “Somos a maior Santa Casa do interior do Norte e Nordeste do país, segunda maior empregadora de Itabuna que atende cerca de 3 milhões de pessoas distribuídos em 123 municípios pactuados, e sermos reconhecidos e premiados na capital do Estado só nos encoraja a continuar”, destaca. 

O Benchmarking é um evento que reúne os maiores empresários da saúde da Bahia, é uma referência para o país. A eleição é feita por voto direto de empresários, executivos e demais atores da saúde suplementar baiana, em um mercado que movimenta, todos os anos, mais de R$6 bilhões. Vence, no ano de referência, quem foi mais inovador, competente em práticas de gestão e que se dispôs a divulgar suas estratégias para o mercado – o verdadeiro benchmarking. O projeto Santa Casa nos Bairros foi destaque na premiação, levando Troféu Prata.

 

Secretário Fábio Vilas-Boas destaca avanços na saúde no Sul da Bahia

Domingos Matos, 03/06/2019 | 12:40
Editado em 03/06/2019 | 12:40

As comemorações dos 485 anos de fundação e 138 de elevação de Ilhéus à categoria de cidade foram iniciadas com a inauguração da Unidade Básica de Saúde Sarah Kubitschek. A UBS oferecerá à população consultas com médico clínico, ginecologista, pediatra, odontólogo e agentes comunitários de saúde, além de atendimento de enfermagem, teste do pezinho e vacinação, serão disponibilizados também consultas pediátricas, de enfermagem com triagem pré-natal, planejamento familiar, e descentralização do Programa de Tuberculose e Hanseníase.

As obras incluíram a construção de uma área que interliga os dois prédios, onde funcionará uma recepção. Foram instalados também sanitários para funcionários e pessoas com deficiências, sala para farmácia, além da reforma dos prédios de acordo com as novas exigências do Ministério da Saúde, como a quantidade ideal de consultórios, metragem das salas de atendimento, equipamentos de acessibilidade, entre outros itens obrigatórios. A unidade atenderá à população do Malhado, Parque Infantil e de dezesseis bairros da zona norte de Ilhéus.

A inauguração contou com a presença do secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, que destacou investimentos do Governo do Estado, como o Hospital Regional da Costa do Cacau, que atende cerca de 100 municípios, para procedimentos de urgência e emergência. O HRCC é referência em traumatologia, ortopedia de média e alta complexidade, neurologia e neurocirurgia, cardiologia e cirurgia cardíaca, além de cirurgia de urgência, além de um Centro de Diagnóstico por Imagem, que contempla os serviços de raio-X, tomografia e ressonância magnética.

Vilas-Boas também citou a Policlínica Regional de Itabuna, com obras em fase de conclusão, que vai atender 31 municípios do Sul da Bahia. A unidade de saúde oferecerá uma série de especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia.

Itabuna: Colégio General Osório realiza projeto Educação Física e Saúde

Domingos Matos, 27/05/2019 | 14:29

Será realizado nesta terça-feira (28),  no Colégio Estadual General Osório, em Itabuna, o projeto interdisciplinar " Educação Física e Saúde: Novas perspectivas sobre a dependência química e física." O projeto culminará com uma sala ambiente com exposição do trabalho final realizado pelos estudantes do ensino médio. A sala funcionará com seminário, teste sensorial, exibição de documentários, gráficos, cartazes, dentre outros, envolvendo todas as turmas do colégio.

O evento, que acontece das  8 às 11 horas  e das 14 às 17 horas, é aberto à comunidade e faz parte   da filosofia  de uma escola com compromisso e responsabilidade social.

O projeto idealizado pela professora de Educação Física Mayllena Carvalho, surgiu como meio de promoção de hábitos saudáveis através da atividade física, buscando uma reflexão sobre o uso de drogas e anabolizantes no organismo. Além da Educação Física, são abordadas as disciplinas  Biologia, Química, Matemática e História.
 

Prefeitos assinam contratos para Policlínica Regional de Saúde de Itabuna

Domingos Matos, 22/05/2019 | 11:59
Editado em 22/05/2019 | 13:14

Os prefeitos associados a  Amurc - Associação dos Municípios da Região Cacaueira da Bahia - participaram de uma reunião, nesta terça-feira, 21, na sede da entidade, promovida pelo Consórcio Público Interfederativo de Saúde e o coordenador dos Consórcios de Saúde da Bahia, Nelson Portela, para aprovação do estatuto, protocolo de intenções e contrato de programa e de rateio da Policlínica Regional de Saúde, que vai funcionar em Itabuna.

O presidente da Amurc e prefeito de Firmino Alves, Lero Cunha, destacou que a Policlínica é de grande importância para a população da região, que se deslocam de forma contínua para a cidade de Itabuna, em busca dos serviços de saúde. “A Policlínica vem para folgar os hospitais, para acolher a população da nossa região, atendendo as demandas dos municípios com saúde de qualidade”.

Na reunião, o presidente do Consórcio de Saúde e prefeito de Almadina, Milton Cerqueira, fez um chamamento para uma maior participação dos prefeitos na gestão do consórcio e do equipamento de saúde. “É muito importante que todos os prefeitos possam estar unidos, pois a policlínica é um equipamento novo para nossa região, e que vai trazer muitos benefícios, o bem comum para a nossa comunidade e a nossa região”.

O Consórcio vai coordenar as atividades da Policlínica Regional de Saúde de Itabuna e vai atender os municípios consorciados: Almadina, Arataca, Barro Preto, Buerarema, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Firmino Alves, Floresta Azul, Gongogi, Ibicaraí, Ibirapitanga, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itajú do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Itororó, Jussari, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Potiraguá, Santa Cruz da Vitória, Santa Luzia, São José da Vitória, Una, e Aurelino Leal.

A população destas localidades terá acesso a uma variedade de especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. Diversos exames também serão oferecidos, com destaque para os seguintes: ressonância magnética, tomografia, mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, ergometria, mapa, holter, eletroencefalograma, entre outros.

Trajeto

Paralelo a reunião dos prefeitos, os secretários vinculados ao Fórum Regional de Saúde dos Municípios associados a Amurc também se reuniram para definir o roteiro do ônibus que levará os pacientes das cidades circunvizinhas até a policlínica. Os secretários municipais de saúde atuarão em conjunto com a gestão da policlínica, para analisar atendimento, cotas de exames, consultas e procedimentos de cada município consorciado.

Equipe da Saúde inicia levantamento do índice de infestação por Aedes Aegypti em Itabuna

Domingos Matos, 15/05/2019 | 11:15

A Prefeitura Municipal de Itabuna, através da equipe de Combate as Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, deu início ao segundo Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa) deste ano de 2019, que tem como finalidade apresentar de maneira rápida os índices de infestações na cidade. O coordenador de Endemias da Secretaria de Saúde de Itabuna, Roberto Góes, explica que os trabalhos tiveram início na segunda-feira (13) e seguirão até esta quinta-feira (16).

“Após o trabalho de campo o material recolhido é encaminhado para o laboratório do município que analisará a positividade das larvas para o Aaedes Aedypti. O resultado é imediato. Acredito que na sexta-feira (17) já teremos o resultado final deste segundo LIRAa 2019”, informa Roberto Góes, explicando que no ano são realizados quatro levantamentos, cada um num intervalo de três meses.

Ao todo 180 agentes estão no campo nas visitas domiciliares nos 61 bairros de Itabuna, coletando amostras. De acordo com Roberto Góes, o primeiro LIRAa foi realizado em fevereiro, quando foi detectado um índice de infestação predial de 8,3%. “Este é ainda um índice de risco de epidemia, mas apresenta-se uma situação bem melhor do que quando o Governo Fernando Gomes assumiu a Prefeitura em 2017. Recebemos o município com 26% de infestação predial”, relembra.

De acordo com o Ministério da Saúde, de 0 a 1% o índice é tolerável. De 1% a 3.8% a situação é de alerta, e de 3.9% em diante apresenta-se alto risco de epidemia. “É preciso que a população tenha consciência da importância da sua colaboração no controle e combate ao mosquito. O Aedes Aegypti está dentro de casa ou no quintal e pode ser eliminado com gestos simples, como por exemplo, evitar água parada”, encerra.

 

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.