Tag: trecho

Rui autoriza ampliação do metrô até Cajazeiras/Águas Claras

Domingos Matos, 09/12/2019 | 17:39

O metrô de Salvador vai chegar ao bairro de Cajazeiras, passando por Águas Claras, na região onde será construída a nova rodoviária. A ordem de serviço para a construção do tramo 3 foi assinada pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (9), no estacionamento da estação de Pirajá. O novo tramo contará com duas estações: uma em Campinas de Pirajá e outra em Águas Claras/Cajazeiras, onde também será construído um terminal de integração. O trecho terá 5,5 quilômetros de extensão, implantado pelo lado esquerdo da Rodovia BR-324, no sentido Salvador/ Feira de Santana, começando no KM-622, em Pirajá, e seguindo até o KM-616 (viaduto de Águas Claras).

O governador Rui Costa destacou que Salvador está recebendo o maior investimento da história em obras de mobilidade urbana. "São mais de R$ 10 bilhões aplicados em obras de mobilidade. A estação de Águas Claras vai ficar junto à nova rodoviária, criando ali um novo vetor de desenvolvimento e um novo polo de geração de emprego tanto para o povo daquela região quanto para os moradores de Cajazeiras, Águas Claras, e Fazenda Grande, e também para a população do subúrbio ferroviário. Nós estamos estimando que cerca de dez mil empregos serão gerados com a obra, além dos que serão gerados no equipamento e à margem da via, na nova rodoviária e nas estações de metrô”.

Rui ainda revelou que o metrô será ampliado também em direção à Barra e ao Campo Grande. "Esse mês nós concluímos os estudos de topografia, sondagem em geologia daquela região do centro. Nós pretendemos ampliar o metrô para o centro também, chegando até o Campo Grande. Serão mais três estações, incluindo uma na Graça e outra na Barra. Agora será licitado o anteprojeto e ano que vem devemos licitar a obra".

 

Melhora no trânsito

O novo trecho até Cajazeiras vai custar mais de R$ 737 milhões e a previsão de conclusão é de 24 meses, reduzindo o número de veículos nas ruas e facilitando a vida de baianos e turistas. De acordo com o presidente da CCR metrô Bahia, Rodolfo González, a ampliação autorizada nesta segunda-feira e o projeto de ampliação até o Campo Grande mostram o sucesso da implantação do sistema metroviário em Salvador. "No mês de dezembro já estamos com a média de 400 mil usuários por dia. Na Black Friday nós tivemos 428 mil passageiros e isso vai aumentar com o novo trecho. Quem pegar o metrô em Cajazeiras vai estar na Lapa em 20 minutos e em uma hora estará no aeroporto internacional. Então será um trecho muito importante, especialmente pela localização da nova rodoviária, que vai proporcionar um fluxo importante de usuários, além de descongestionar a área do Iguatemi, que atualmente está lotada".

O secretário da Casa Civil, Bruno Dauster, disse que a tendência é que o número de passageiro cresça à medida que novas estações vão sendo inauguradas. "Com as duas alterações previstas, uma que está sendo autorizada agora, com ordem de serviço, outra em direção à Barra, até o Campo Grande, estaremos chegando a um volume de passageiros dia de 600 mil pessoas". 

 

Dívida da União

O governador Rui Costa destacou ainda que o governo federal deve à Bahia mais de R$ 500 milhões. "Só nas obras do metrô, que já está operando há mais de dois anos, o governo federal deve R$ 120 milhões. Das linhas Azul e Vermelha, a dívida soma R$ 260 milhões. Isso é muito ruim, porque tem contrato assinado e são obras que o Governo do Estado colocou o dinheiro para que não ficassem paradas. Se dependesse do governo federal, hoje a obra do metrô estaria parada. Ela só seguiu devido ao aporte adicional do Governo do Estado".

Comissão ajusta detalhes finais antes da entrega da nova ponte de Ilhéus

Domingos Matos, 04/12/2019 | 18:39

Os detalhes finais da maior obra da história de Ilhéus, a ponte, foram discutidos pela Comissão de Acompanhamento da Obra (CAO), na tarde de terça-feira (3), no salão nobre do Palácio Paranaguá. Engenheiros, técnicos, representantes da sociedade civil, instituições e governos estadual e municipal integram a comissão. Na última semana, o prefeito Mário Alexandre visitou o canteiro de obras, acompanhado do senador baiano Otto Alencar (PSD).

De acordo com o relatório oficial emitido pela Comissão, a obra física chegou a fase afinal, mas até a conclusão total do equipamento, o grupo se ocupa em discutir as etapas que estão por vir, a exemplo da renovação das licenças ambientais; conclusão da terraplanagem e pavimentação do eixo sul, também a instalação dos últimos estais (cabos); aplicação das mãos francesas, além de balanceamentos sucessivos dos vãos norte e sul.

A Superintendência de Infraestrutura de Transportes (SIT/Seinfra), informou que o Governo do Estado está finalizando os processos de desapropriações dos últimos imóveis, e segue com medidas impeditivas contra as invasões. Destacou ainda que a OAS, construtora responsável pela obra, está aplicando as mãos francesas para logo em seguida entrar com os acabamentos finais.  

Outro ponto discutido foi sobre a liberação das rochas utilizadas na obra. Segundo a Defesa Civil já foram retiradas, ao todo, 24 caçambas de material distribuídos nos bairros São Domingos e São Miguel, no litoral norte de Ilhéus, que sofrem há anos com os efeitos da erosão marinha. Um decreto de emergência contemplou o bairro São Miguel, graças a um decreto de emergência emitido pelo Município.

Construída pelo Governo do Estado, a primeira estaiada da Bahia tem 533 metros de comprimento por 25,30 metros de largura, numa ligação que aumentará a fluidez do tráfego entre o centro urbano de Ilhéus, à zona sul da cidade, no trecho entre a Praia do Cristo e o Morro de Pernambuco, passando sobre a Baía do Pontal. A ponte recebe um acesso viário com cerca de 2,7 quilômetros, que também está em execução.

A ponte terá quatro pistas de rolamento para veículos, uma ciclovia e faixa para pedestre, além de um desenho urbanístico no entorno, uma parceria com a Prefeitura. O novo cartão postal de Ilhéus já faz parte do cenário pitoresco contemplado de vários pontos da cidade. A ponte reúne investimentos de mais de R$95 milhões do Governo do Estado, que prevê inaugurá-la em 29 de fevereiro de 2020.

Mário Alexandre destaca que a nova ponte requalifica e valoriza as orlas do município. Para ele, uma conquista que é celebrada dia após dia. “Trará um padrão de mobilidade urbana, visando garantir mais acessibilidade e fortalecer o turismo na região. Para isso, promovemos uma verdadeira transformação com melhorias nos bairros, na iluminação, na requalificação asfáltica com sinalização e no ordenamento dos pontos de ônibus”.

Canoagem da Bahia conquista cinco medalhas no Desafio Brasileiro em Tocantins

Domingos Matos, 03/12/2019 | 10:16

A equipe baiana da Associação Cacaueira de Canoagem conquistou cinco medalhas no 1° Desafio Brasileiro de Canoagem de Velocidade do Lago Azul, na cidade de Araguaína, região norte do Tocantins. A competição aconteceu entre os dias 29 de novembro e 1º de dezembro e reuniu quatro atletas baianos.

Foram duas medalhas de ouro. Na prova C1 500 metros, Lucina Costa chegou em primeiro lugar. Além do ouro, a atleta baiana ainda conquistou medalha de prata na prova open 5.000 metros.

Na prova do C1 500 metros masculino, o pódio foi todo formado por atletas baianos. A medalha de ouro ficou com Milton Luz, seguido por Sávio Santana, em segundo, e  Evandilson Avelar, com o bronze.

A competição foi realizada pela Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), com pistas de 500 metros e 5 mil metros, no trecho entre a Via Lago e a Usina Hidrelétrica de Corujão.

 

Resultados:

C1 500 mts feminino -

1° lugar  Luciana Costa

 

Open 5000 mts feminino:

2° lugar Luciana Costa

 

C1 500 masculino:

1°lugar  Milton Luz

2° lugar Sávio Santana

3° lugar Evandilson Avelar

 

Open 5000 mts masculino:

4° lugar Milton Luz

5° lugar Sávio Santana

 

Governo inicia obras da Vila Gastronômica do Banco da Vitória, em Ilhéus

Domingos Matos, 27/11/2019 | 21:34
Editado em 27/11/2019 | 20:37

As obras de implantação da Vila Gastronômica do Banco da Vitória, em Ilhéus, já começaram. A iniciativa vai valorizar o turismo gastronômico na região, oferecendo melhor infraestrutura aos visitantes da Costa do Cacau. Com investimento de R$ 800 mil, o projeto prevê urbanização, pavimentação e construção de estacionamentos, além de projetos de sinalização e iluminação, dentre outros.

“A vila será construída ao longo de 800 metros da rodovia BR-415, entre Itabuna e Ilhéus, e deve se tornar um novo atrativo para a zona turística, que conta com belas praias, imponente conjunto arquitetônico e a marcante história dos tempos áureos da cacauicultura, conhecida de perto em visitas às fazendas da Estrada do Chocolate (trecho da BA-262, entre Ilhéus a Uruçuca)”, explicou o chefe de Gabinete da Secretaria do Turismo da Bahia (Setur), Benedito Braga, durante visita à região, nesta terça-feira (26).

Na oportunidade, Braga reuniu-se com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre de Sousa, e com a comunidade e foi informado sobre a valorização dos imóveis do entorno da obra. “Moradores locais estão muito animados com a obra para valorização do polo gastronômico do Banco da Vitória, oferecendo boa estrutura para turistas e baianos”, pontuou Braga.

A implantação da Vila Gastronômica do Banco da Vitória é fruto de emendas parlamentares da senadora Lídice da Mata, que resultaram na celebração de convênio entre o Ministério do Turismo e a Setur. As obras estão sob a responsabilidade da Superintendência de Infraestrutura e Transportes da Bahia (SIT), vinculada à Secretaria de Infraestrutura de Transporte, Energia e Comunicação (Seinfra). Já o projeto executivo das intervenções foi fornecido pela Prefeitura Municipal de Ilhéus.

 

Mais de uma tonelada de carne irregular é apreendida na Bahia

Domingos Matos, 21/11/2019 | 14:35

Uma tonelada e trezentos e quarenta quilos de carne bovina transportada de forma irregular foi apreendida essa semana, por equipes do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), durante a Operação Braço Forte. O flagrante aconteceu na última terça-feira (19), na BA 535, trecho conhecido como Via Parafuso, em Camaçari.

Um caminhão-baú amarelo, de placa NZW 4827, transitava de forma suspeita pela via e alertou os policiais. Ao realizarem a abordagem, os PMs perceberam que o veículo transportava a carne fora dos padrões de higiene sanitária e acionaram a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB).

Felipe Renato Campos de Oliveira, 24 anos, condutor do veículo, e Luiz Paulo Santos Borges de Oliveira, 34, foram capturados em flagrante e encaminhados à 18ª Delegacia Territorial (DT/ Camaçari) e devem seguir para audiência de custódia. A carne será entregue para a ADAB.

 

 

Mulher transportava 100 kg de maconha em ônibus

Domingos Matos, 18/11/2019 | 18:41
Editado em 18/11/2019 | 17:18

A Polícia Rodoviária Federal prendeu na noite de domingo (17) uma mulher que transportava 100 Kg de maconha em um ônibus, interceptado num trecho da BR-116, em Jequié, no sudoeste da Bahia. A suspeita de 34 anos não teve o nome divulgado pela PRF.

A acusada viajava em um ônibus que partiu de São Paulo (SP) com destino Arapiraca (AL). O flagrante ocorreu durante fiscalização da Operação Proclamação da República, na altura do KM 677. Os 183 tabletes da maconha estavam distribuídas em duas malas, no compartimento de bagagens

Ao ser interrogada pelos policiais, a mulher relatou que receberia R$ 6 mil para transportar a maconha da região do Brás, em São Paulo, onde recebeu o material, até Aracaju.

Ela foi presa em flagrante e levada para a Delegacia de Jequié. Os tabletes de maconha foram apreendidos e levados para a polícia.

 

Inaugurada 14ª Policlínica Regional de Saúde em Senhor do Bonfim

Domingos Matos, 11/11/2019 | 16:41

A décima quarta Policlínica Regional de Saúde foi entregue à população pelo governador Rui Costa, nesta segunda-feira (11), em Senhor do Bonfim, no norte do estado. Com um investimento de R$ 23 milhões, a unidade dará assistência a 11 municípios da região que formam o Consórcio Interfederativo de Saúde: Andorinha, Antônio Gonçalves, Campo Formoso, Cansanção, Filadélfia, Itiúba, Jaguarari, Nordestina, Ponto Novo, Queimadas e Senhor do Bonfim.

“Esta é mais uma unidade de saúde na Bahia planejada e construída num modelo integrado. O Governo do Estado construiu a policlínica e o custeio com a manutenção será dividido entre o Estado e as cidades que fazem parte do consórcio, sendo que cada município pagará de forma proporcional a sua população”, explicou o governador.

A Policlínica de Senhor do Bonfim já começa a funcionar a partir desta terça-feira (12), oferecendo atendimento gratuito para cerca de 350 mil moradores da região. A unidade conta com uma equipe formada por 67 profissionais, incluindo médicos, enfermeiros, psicólogo, farmacêutico, nutricionista, ouvidor, assessores técnicos, assistente social, técnicos em enfermagem, técnicos em radiologia e assistentes administrativos. Ônibus equipados com ar condicionado e internet wi-fi realizarão o transporte dos pacientes que moram nos municípios vizinhos.

A unidade oferece consultas em especialidades como angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. Também serão realizados exames como ressonância magnética (com e sem contraste), tomografia (com e sem contraste), mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, ergometria, mapa, holter, eletroencefalograma, raio-X, eletrocardiograma, endoscopia, colonoscopia, nasolaringoscopia, colposcopia, histeroscopia, cistoscopia, entre outros, ligados às especialidades de oftalmologia.

Na ocasião, o governador recebeu o título de Cidadão Bonfinense, entregue pela Câmara Municipal e entregou nove ambulâncias e um aparelho de ultrassom para municípios da região, totalizando um investimento de R$ 960 mil.

Policlínicas Regionais
Treze Policlínicas Regionais de Saúde já estão em funcionamento na Bahia. As unidades oferecem atendimentos a cidadãos das regiões de Guanambi, Jequié, Irecê, Alagoinhas, Feira de Santana, Valença, Santo Antônio de Jesus, Teixeira de Freitas, Paulo Afonso, Juazeiro, Vitória da Conquista e Jacobina e Itabuna. Ao todo, mais de sete milhões de baianos, em 279 municípios, já são contemplados pelas unidades. Além das que já estão em funcionamento e da entrega em Senhor do Bonfim, outras cinco policlínicas estão em construção nos municípios de Salvador (duas unidades), Barreiras, São Francisco do Conde e Simões Filho.
 

Infraestrutura
Ainda em Senhor do Bonfim, o governador autorizou a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) a publicar o edital de licitação para a construção do Aerodrómo de Senhor do Bonfim, que contempla a construção da pista de pouso e decolagem, taxiway e pátio de estacionamento de aeronaves. Com investimento de mais de R$ 19 milhões, a obra terá uma configuração e infraestrutura básica, capaz de atender a operação de aeronaves típicas da aviação geral regional em atividade no país.

Rui também inaugurou obras de pavimentação na BA-131, na rotatória e no trecho que dá acesso à Policlínica. Também foram inaugurados quatro quilômetros de pavimentação com capa selante no trecho que dá acesso à BR-407, no povoado de Umburanas. Um investimento de R$ 2,3 milhões.
 

Outras ações

Rui Costa ainda autorizou um convênio no Âmbito do Projeto Pró-Semiárido com a Central das Associações da Agricultura Familiar do Território do Piemonte Norte do Itapicuru (CAAFTIPNI), para implantação do Empório da Agricultura Familiar, e outros dois convênios no Âmbito do Projeto Bahia Produtiva com a Associações dos Camponeses e Camponesas do Projeto de Assentamento Jiboia.

Na área de abastecimento, foi autorizada a implantação de um Sistema de Abastecimento de Água para abastecer o povoado de Picada. As obras irão receber um investimento de R$ 287 mil.

Também na oportunidade, o governador anunciou a implantação do sinal de telefonia celular da operadora Claro nas localidades de Tijuacu, Missão do Sahy e Quicé, através do Programa Fala Bahia.

Prefeitura de Itacaré conclui mais uma etapa da pavimentação da Marambaia

Domingos Matos, 06/11/2019 | 14:00

A Prefeitura de Itacaré concluiu esta semana mais uma etapa das obras de pavimentação de ruas no bairro da Marambaia, no quilômetro 06. Dessa vez foi finalizado o trecho que vai da estação elevatória da Embasa até a praça principal. Também foi feita a pavimentação de algumas ruas transversais, deixando o bairro ainda mais bonito.

De acordo com o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, os serviços vão continuar, beneficiando cada vez mais ruas e deixando mais bonita a entrada da cidade. As obras estão sendo feitas com recursos próprios da Prefeitura. Em breve novas ruas e transversais do bairro da Marambaia serão pavimentadas. Também será feito o serviço de ajardinamento de todo o local.

Além desses trechos pavimentados, a Prefeitura de Itacaré também realizou a pavimentação de todo o entorno da praça principal, transformando o espaço em um novo ponto de encontro, lazer e entretenimento. Na semana passada também foi feita a recuperação do piso da quadra esportiva. E esta semana a comunidade, com o apoio da Prefeitura, estará realizando a pintura da quadra.

Para os comerciantes e moradores, as obras foram muito importantes para o bairro, pois não somente valorizou os imóveis, como também deixou o local ainda mais bonito, garantindo opções de lazer e oferecendo mais dignidade para o povo. Os comerciantes informaram que novos pontos comerciais surgiram com a chegada da pavimentação, as residências foram reformadas e o bairro agora está de cara nova, muito melhor e mais bonito.

Companhia área passa a operar em Salvador com vôos internacionais de ultra baixo custo

Domingos Matos, 24/09/2019 | 17:37

O governador Rui Costa acompanhou, na manhã desta terça-feira (24), a apresentação da companhia aérea JetSmart, que passa a operar voos internacionais em Salvador a partir de 27 de dezembro com destino a Santiago, no Chile. As passagens estarão disponíveis para compra no site da empresa ainda nesta terça-feira. Com a inserção no mercado nacional, o Brasil passa a ser o quarto destino internacional da companhia sul-americana.

“Além de ser um novo vôo que permite esse intercâmbio entre a Bahia e o Chile, me entusiasma ser uma companhia de baixo custo, que vai possibilitar que novos passageiros possam voar, a preços mais baixos que de trechos domésticos, e isso vai aumentar muito o número de passageiros e viabilizar uma melhora no turismo, aquecer a economia”, afirmou o governador Rui Costa.

A JetSmart oferece tarifas consideradas de ultra baixo custo. A companhia também vai realizar voos em Foz do Iguaçu, a partir de 5 de janeiro, e São Paulo com início da operação prevista para 20 de março. As viagens com partidas e chegadas em Salvador e São Paulo terão custo, incluindo tarifas, a partir de R$ 299 e de Foz do Iguaçu os valores começam em R$ 269, já com as taxas.  Os valores são válidos para cada trecho.

A apresentação da companhia foi realizada pelo CEO e fundador da JetSmart, Estuardo Ortiz. “No modelo de ultra baixo custo o passageiro paga apenas pelo serviço que ele de fato consome. Muitas vezes se confunde o baixo custo com baixa qualidade, o que não é verdade. Nossas aeronaves são novas, com recursos tecnológicos que permitem o menor consumo de combustível, além de fatores como conforto na distancia entre as poltronas”, conta.

A expectativa da empresa é transportar 33.000 passageiros anualmente para a capital baiana. Salvador contará com três frequências semanais, às terças, sextas e aos domingos durante o verão e duas no resto do ano. Para São Paulo e Foz do Iguaçu a expectativa é transportar 30 mil passageiros anualmente com dois voos semanais.

O serviço aéreo oferecido pela companhia conta com seis Airbus A320neo e os passageiros poderão realizar voos diretos, sem escalas, a partir de Santiago com destino às três cidades brasileiras. As aeronaves têm capacidade de transportar cerca de 190 passageiros.

A partir da operação no Brasil, a JetSmart passa a operar nove rotas internacionais, somadas às seis já existentes. Até então, a companhia operava as rotas: Santiago-Buenos Aires, Santiago-Lima, Santiago-Trujiillo, Santiago-Arequipa, Antofagasta-Lima e Concepción-Lima.

 

250 mil maços de cigarros contrabandeados, avaliados em mais de R$1 milhão, são apreendidos na Bahia

Domingos Matos, 24/09/2019 | 15:32

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu um caminhão do tipo graneleiro carregado com centenas de caixas de cigarros de origem clandestina na manhã desta terça-feira (24), no Km 277 da BR 116, trecho do município baiano de Tucano.

Durante ações de fiscalização e combate ao crime, os policiais abordaram o conjunto carreta (cavalo trator + semi-reboque) que transitava pela BR 116, conduzido por um homem de xxx anos.

No momento da abordagem, o motorista apresentou certo nervosismo e contradições na entrevista, o que levou a equipe a aprofundar a vistoria na carreta. Ele informou que transportava móveis, porém apresentou notas fiscais diversas.

Ao vistoriar o compartimento de carga, os PRFs encontraram cerca de 250 mil maços de cigarros paraguaios. A mercadoria, avaliada em mais de um milhão de reais, era transportada de forma oculta, encoberta por uma carga de móveis.

O condutor foi preso em flagrante e encaminhado à Polícia Judiciária local para formalização dos procedimentos cabíveis. O crime de contrabando prevê pena de dois a cinco anos de prisão.

Recentemente, foi sancionada a Lei 13.804, de 10/01/2019, segundo a qual o condutor que se utilize de veículo para a prática do crime de receptação, descaminho, contrabando, condenado por um desses crimes em decisão judicial transitada em julgado, terá cassado seu documento de habilitação ou será proibido de obter a habilitação para dirigir veículo automotor pelo prazo de cinco anos.

Os números positivos das apreensões realizadas pela PRF na Bahia são um reflexo da estratégia da instituição em investir em tecnologia, integração com as forças policiais e capacitação profissional no combate ao contrabando e descaminho.

 

Dois homens morrem após caminhão capotar na Bahia; veículo ficou destruído e carga espalhada por rodovia

Domingos Matos, 24/09/2019 | 14:39

Dois homens morreram na manhã desta terça-feira (24), em um acidente na BR-101, trecho da cidade de Itapebi, no sul da Bahia. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhão onde as vítimas estavam capotou no km 674,5 da rodovia, no trecho conhecido como Curva da Pedreira.

A PRF não tem detalhes das causas do acidente. Equipes do órgão e do Samu estiveram no local, mas as vítimas já foram encontradas sem vida. Elas foram identificadas como Joel Luiz Helmer, de 62 anos e Darcy Raasch, que não teve a idade divulgada. Um dos homens era o dono do caminhão e o outro dirigia o veículo de carga.

Com o impacto do capotamento, a cabine do caminhão ficou destruída e os homens presos às ferragens. A carga transportada, caixas com legumes, ficou espalhada pela rodovia e ocupou uma das faixas. Como a via não é dupla, quem passou pelo local precisou ficar atento ao desviar do local do acidente. (Com informações do G1)

 

PRF apreende 200 mil maços de cigarros clandestinos escondidos em pacotes de biscoitos; uma pessoa é presa

Domingos Matos, 20/09/2019 | 16:40

A PRF apreendeu um caminhão baú carregado com centenas de caixas de cigarros de origem clandestina na noite de ontem (19), no Km 170 da BR-110, trecho do município baiano de Ribeira do Pombal.

Durante ações de fiscalização e combate ao crime, os policiais abordaram o caminhão Mercedes Benz/L1620 com placas da Bahia que transitava pela BR 110 e, ao vistoriar o compartimento de carga, encontraram cerca de 200 mil maços de cigarros paraguaios.

A mercadoria, avaliada em mais de um milhão de reais, era transportada de forma oculta, encoberta por uma carga de biscoitos.

No momento da abordagem, o condutor apresentou certo nervosismo e contradições na entrevista, o que levou a equipe a aprofundar a vistoria no veículo.

O motorista, um homem de 54 anos, foi preso em flagrante e encaminhado à Polícia Judiciária local para os procedimentos cabíveis.

Recentemente foi sancionada a Lei 13.804, de 10/01/2019, segundo a qual o condutor que se utilize de veículo para a prática do crime de receptação, descaminho, contrabando, condenado por um desses crimes em decisão judicial transitada em julgado, terá cassado seu documento de habilitação ou será proibido de obter a habilitação para dirigir veículo automotor pelo prazo de 5 (cinco) anos.

Em 2019 a PRF na Bahia já apreendeu cerca de 3,4 milhões de maços de cigarro, cujo montante do produto é avaliado em mais de 15 milhões de reais. Estes números já superam a quantidade do ano passado (2018), quando foram apreendidos 1.150.000 maços.

 

Obras nos rios Ipitanga e Joanes avançam e população é atendida pelo Projeto Técnico Social 

Domingos Matos, 20/09/2019 | 13:24

Uma obra com concepção inovadora e que promete diminuir significativamente os alagamentos em Lauro de Freitas e alguns bairros de Salvador, melhorando a vida de 157 mil pessoas. É isso que o Governo do Estado vem realizando, através da CONDER, com o projeto de Macrodrenagem do Joanes-Ipitanga.

Enquanto as obras avançam, com investimento da ordem de R$170 milhões de recurso do PAC II, do Governo Federal, as comunidades do entorno são acompanhadas pela equipe social da CONDER e do Consórcio Ipitanga. Além de acompanhar as obras através de comissões, as famílias têm realizado cursos profissionalizantes e atividades culturais e de educação ambiental para garantir o desenvolvimento comunitário. 

A macrodrenagem vai evitar as enchentes, que prejudicam os moradores do entorno dos rios em época de chuva. A ideia é reter a água em 6 reservatórios com capacidade de quase 1,5 milhão de metro cúbicos, dando vazão à água de forma controlada e paulatina sem causar alagamentos.

“Já tenho muito tempo trabalhando em obras civis, de esgotamento e de drenagem. Nunca tinha participado de um projeto dessa envergadura e com esse conceito de acumulação. É uma coisa nova e que pelo que se vê em outros lugares e países, realmente funciona”, comenta Jorge Lima, coordenador das obras de macrodrenagem da CONDER. 

Os reservatórios, com solo permeável, além de cumprirem a função de drenagem, também serão espaços de convívio e lazer para a população. Nas cotas mais altas e menos sujeitas aos alagamentos temporários, serão instalados equipamentos como quadras, ciclovia e pistas de patinação, entre outros. 

No segundo trecho da intervenção, a partir da segunda ponte da Estrada do Coco, vai haver desassoreamento da calha do Joanes-Ipitanga, para garantir que as águas cheguem ao mar sem obstáculos. Em paralelo, serão construídos 9 canais que ajudarão os córregos afluentes a drenarem de forma mais eficiente as águas da chuva para os reservatórios.

A entrega de 3 reservatórios e 3 canais está prevista para o início de 2020. “Quando todo o sistema estiver funcionando, teremos mais controle das águas das chuvas que atingem as áreas mais densamente povoadas. Então os alagamentos devem reduzir significativamente”, avalia Jorge Lima.

Ele também pontua que para cumprir a contento sua função a intervenção precisa que a calha esteja sempre desobstruída, com atenção especial a algumas pontes e adutoras da Embasa que podem barrar o fluxo de água. Por isso, a parceria com a prefeitura de Lauro de Freitas é fundamental, já que o poder público municipal será o responsável pela manutenção, após a entrega da obra.

Movimento “Vem Porto Sul” marcha nesta sexta em Ilhéus

Domingos Matos, 19/09/2019 | 12:36

O Comitê de Entidades Sociais em Defesa de Ilhéus (COESO), com apoio da Prefeitura e da Bahia Mineração (Bamin) realiza nesta sexta-feira (20) um ato na cidade a favor do Porto Sul. O movimento marcado para às 9h, no Largo do Tamarineiro, bairro Malhado, reúne moradores, entidades sociais e representantes do poder público municipal, e visa mostrar a importância do complexo para o desenvolvimento econômico e social de todo o sul da Bahia.

Segundo levantamento realizado pelo Governo do Estado, serão gerados com o porto 2.500 empregos diretos, 7.500 indiretos durante a obra, mais 900 diretos na operação. Cerca de 60% da mão de obra contratada será de moradores da região. “A marcha é em prol da geração de renda e emprego, por meio desse projeto de grande credibilidade”, afirma Jerbson Moraes, secretário de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo.

Na última semana, o prefeito Mário Alexandre concedeu entrevista especial à TV Santa Cruz, emissora afiliada à Rede Globo. A matéria propunha falar sobre os temas em torno do Porto Sul. Na ocasião, o gestor municipal falou da importância do projeto para a economia baiana, regional e ilheense. “São quase dez bilhões em investimentos, e isso gera uma expectativa na cidade”, disse à repórter.  

Com investimentos de R$2,5 bilhões, o complexo Porto Sul localizado no distrito de Aritaguá, na zona norte de Ilhéus é capitaneado pelo Governo do Estado e pela Bahia Mineração (Bamin). Em maio desse ano, governo e companhia assinaram o termo de unificação dos terminais do Porto Sul e a constituição da SPE. A assinatura do termo permite o início do processo de desapropriações necessário à implantação do Porto.

 

Programas ambientais – Enquanto as tratativas avançam para a implantação do equipamento, estão sendo realizados os atos preparatórios, a exemplo de desapropriações, capacitações de mão de obra local, além da implantação dos programas ambientais a serem executados, com resgate de fauna e flora.  A obra efetiva do equipamento está prevista para começar ainda em 2019.

O programa já qualificou mais de 1,3 mil trabalhadores e este ano já promoveu duas etapas em Ilhéus com 180 trabalhadores qualificados em funções que serão demandadas na construção do Porto Sul. Com a instalação, o Porto Sul pretende colocar a Bahia como terceiro produtor de minério de ferro do País, segundo estimativa da Bamin.

O equipamento assegura ainda a exportação do minério de ferro oriundo da mina Pedra de Ferro, localizada no município de Caetité. A obra englobaria a construção de um porto público e de um terminal privativo ligados à mina pela Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), que, segundo o Governo Federal, deve ser licitada no primeiro semestre de 2020, no trecho Ilhéus-Caetité.

 

Bebê e tia-avó atropeladas por caçamba são enterradas sob forte comoção

Domingos Matos, 12/09/2019 | 20:12
Editado em 12/09/2019 | 20:25

A bebê de nove meses e a tia-avó que foram atropeladas por uma caçamba foram enterradas, por volta das 16h, nesta quinta-feira (12), no Cemitério da Vitória, em Ilhéus, sul da Bahia. Familiares e amigos estavam muito abalados no velório, que aconteceu pela manhã.

O acidente aconteceu na quarta-feira (11), na Avenida Itabuna. A mulher, identificada como Solange Santana Bispo, e a bebê, Helena Andrade, morreram na hora.

"Estragaram a vida da minha família. Foram duas pessoas e a gente não sabe nem o que falar porque minha força está dentro do caixão, ela era meu tudo. Ela me ensinou tudo na vida, só não me ensinou a viver sem ela", disse a filha de Solange, Renata Santana.

Manoel Laurentino, amigo da família, contou que estava com as vítimas minutos antes do acidente. "Vinte minutos antes eu estava brincando com Helena e ela dando risada. Aí, nos 10 minutos que eu saí, um cara falou assim: 'corre lá que um carro bateu lá, vê a placa pra mim'. Foi quando cheguei e deparei com as duas mortas nessa esquina que é muito perigosa", relatou Manoel.

Conforme o delegado André Aragão, coordenador da Polícia Civil da região, o motorista do veículo foi levado à delegacia para prestar esclarecimentos. O homem foi ouvido e liberado. Não há informações sobre a causa do acidente.

"É muita dor, muito sofrimento, tiraram o melhor que eu tinha. Minha vida, minha felicidade, minha alegria, não tenho mais minha menininha, meu raio de sol, minha florzinha", lamentou a avó materna de Helena, Simone Azevedo.

Moradores da região contaram que a Avenida Itabuna é um local muito perigoso e ocorre vários acidentes no trecho onde Solange e Helena estavam.

Em nota, a Empresa Caminhão Caçamba, onde o motorista trabalha, informou que presta apoio e solidariedade para a família das vítimas e do motorista, que está abalado. (Com informações do G1)

 

 

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.