Tag: tve

Vítória e Jacuipense disputam nesta sexta o título do Baianão Sub-17

Domingos Matos, 22/11/2019 | 11:21

Vitória e Jacuipense disputam nesta sexta-feira (22) o jogo de volta que garante o título do Baianão Juvenil (sub- 17). A partida acontece às 19h15, no Estádio Manoel Barradas, o Barradão, e terá transmissão ao vivo da TVE e pelos canais oficiais da emissora no Facebook, Twitter, YouTube e Portal Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB).

Na última terça-feira (19), o Vitória jogou fora de casa e perdeu por 1x0 para o Jacuipense. Para levar o título de campeão, o rubro negro vai precisar de dois gols e conta com o apoio da torcida, jogando em casa. A vitória por um gol de diferença leva disputa para os pênaltis. Já o Jacuipense vai precisar apenas do empate para se consagrar campeão.

Essa é a primeira vez que o time chega à final da competição.

Os torcedores poderão interagir também por meio das redes sociais, utilizando a hashtag #IntermunicipalNaTVE ou enviar suas fotos e vídeos acompanhando os jogos para o número de Whatsapp (071) 9 9626 0307.

 

Mostra de cinema exibe filmes de Ipiaú e Ilhéus na TVE

Domingos Matos, 17/09/2019 | 15:37

A Mostra Voo de Cinema estreia na TVE partir desta quarta-feira (18). Os curtas selecionados serão exibidos todas as quartas-feiras, às 22h, até o dia 16 de outubro, e foram produzidos, nas cidades de Ipiaú e Ilhéus, pela Voo Audiovisual, uma das empresas mais atuantes do cenário cultural baiano, que desenvolve ações principalmente no interior do Estado. 

Quem abre a mostra é o filme ‘É proibido menino calçado entrar na escola’, da obra do escritor Euclides Neto. O curta tem cinco minutos de duração e apresenta uma história real sobre a evasão de alunos de uma escola, por conta de um pé descalço. Com roteiro e direção de Edson Bastos e Henrique Filho, o filme recebeu o Prêmio ABCV de melhor filme, no Festival V Minutos 2014.

Neste mesmo dia, logo em seguida, a emissora exibe ‘O Velho e os Três Meninos’. O filme também é baseado na obra de Euclides Neto e conta a história três meninos que entraram em uma mansão para roubá-la. Ao se depararem com uma diversidade de comida, brinquedos e objetos luxuosos da casa, os meninos entraram num clima de diversão e começaram a brincar. A casa não estava vazia e o velho ranzinza está escondido, aguardando o momento certo para tomar uma providência sobre a invasão.

Operando na produção cultural no Sul da Bahia há mais de cinco anos, a Voo Audiovisual acumula mais de 400 filmes exibidos, a maior parte deles, baianos. Os filmes da produtora já circularam pelos maiores festivais de cinema do Brasil, como o Festival de Triunfo, o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, Tiradentes, além de ter bastante inserção internacional no circuito de Festivais Europeus, como o Festival de Cannes.

Até o mês de outubro outras obras como ‘Joelma’, ‘O Filme de Carlinhos’, ‘Cine Éden’, ‘Véras’ e ‘A Fórmula’ serão exibidas na TVE e poderão ser acompanhados pelo Portal  da www.tve.ba.gov.br/tveoline.

 

TVE estreia série sobre bastidores do jornalismo

Domingos Matos, 06/09/2019 | 15:34

A série de ficção ‘Contracapa’ estreia neste sábado (7), às 22h, na TVE Bahia, e retrata os bastidores da construção da notícia, sob a ótica do jornalismo investigativo. A produção, de 13 episódios, terá dupla veiculação (dois episódios por dias de exibição) e propõe uma discussão sobre o tradicional trabalho jornalístico, suas peculiaridades, contradições e desafios.

Financiada pelo programa Brasil de Todas as Telas, da Agência Nacional de Cinema (Ancine), a série foi dirigida por Guto Pasko, Franco Verdoia e Andréia Kaláboa e acompanha o dia a dia dos jornalistas que se veem envolvidos nas grandes reportagens investigativas, ao mesmo tempo que precisam lidar com dilemas pessoais e um mercado em crise financeira e de credibilidade.

A produção, ambientada em sua grande parte na redação do jornal fictício Gazeta Brasileira em Curitiba, leva até o público o imprescindível aspecto humano, apresentando de forma íntima e restrita a rotina dos profissionais que trabalham na linha de frente, apurando informações, escrevendo matérias, editando reportagens, ao mesmo tempo em que buscam equilibrar suas convicções pessoais com a pressão advinda de agentes externos.

 

TVE exibe Belmonte e São José da Vitória no Intermunicipal

Domingos Matos, 09/08/2019 | 14:26

Neste domingo (11), às 15h, a TVE transmite ao vivo o jogo entre Belmonte e São José da Vitória pelo Campeonato Intermunicipal. É possível acompanhar ao vivo na Internet no Facebook, Twitter, YouTube e site www.tve.ba.gov.br/tveonline

Este ano, a competição contou com um aumento no número de times participantes em relação ao ano passado. São 67 seleções em busca do título.

Até dezembro, a TVE transmite um jogo por rodada, definido através de sorteio ao vivo no programa Cartão Verde.

No dia 30 de julho, a emissora anunciou a transmissão da partida entre Quijingue e Canudos porém, um novo sorteio foi realizado após a Federação Bahiana de Futebol indicar que não havia condições de transmissão no estádio do município. Este é o primeiro ano que a seleção Quijinguense disputa o campeonato.

Na internet, os torcedores poderão interagir por meio das redes sociais, utilizando a hashtag #IntermunicipalNaTVE ou enviar suas fotos e vídeos acompanhando os jogos para o número de Whatsapp (071) 9 9626 0307. Os vídeos serão exibidos ao longo da programação.

Ilhéus: Rui entrega estação de água e autoriza reforma de hospital e construção de vila gastronômica

Domingos Matos, 28/06/2019 | 16:48
Editado em 28/06/2019 | 16:50

No dia de comemoração pelos 485 anos de fundação da cidade de Ilhéus, o governador Rui Costa esteve no município nesta sexta-feira (28), para autorizar o início de novas obras, além de participar da inauguração de equipamentos de saúde.  Na oportunidade, Rui ainda inaugurou as obras de ampliação da Estação de Tratamento de Água (ETA) Pontal, que receberam um investimento de R$ 4 milhões.

“Neste dia importante para Ilhéus, estamos entregando e autorizando obras que vão beneficiar a população e que ajudam a impulsionar o potencial turístico da cidade, trazendo ainda mais insfraestrutura e ações nas áreas de abastecimento de água e de saúde”, afirmou o governador.

Com o serviço na estação de água, a capacidade operacional do equipamento aumentou em mais de 30%. A intervenção permite ampliar de 200 para 300 litros de água filtrada por segundo. Para isso, foi realizada a reforma dos filtros e construção de novos floculadores e decantadores para remoção de impurezas da água.

Vila Gastronômica

Na ocasião, Rui Costa autorizou o início das obras da Vila Gastronômica que será construída na localidade Banco da Vitória. Para esta iniciativa foram destinados R$ 800 mil. A ideia é promover a valorização da culinária regional, além de integrar agricultores e pescadores locais à cadeia produtiva do turismo. A implantação da Vila está sob responsabilidade da Secretaria de Turismo do Estado (Setur).

Ações de infraestrutura serão realizadas no entorno da Vila Gastronômica e o projeto conta com urbanização da área do povoado, incluindo 16 praças com bares e restaurantes. “Uma cidade como Ilhéus, que tem uma importante vocação turística, deve ter diversas atrações para visitação, e a gastronomia é uma forte aliada do turismo. Além disso, o projeto será fortalecido com paisagismo e novos equipamentos de lazer que tornarão o município ainda mais atrativo”, explicou Rui Costa.

Outra obra que dará suporte à implantação da Vila é a revitalização do acesso à localidade de Banco da Vitória, na BR-415. O serviço será coordenado pela Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), com um investimento de R$ 733 mil.

Saúde

O governador também autorizou o lançamento de edital para licitação de empresa especializada para a execução das obras de reforma e ampliação do Hospital Luís Viana Filho. A ação permitirá a implantação do Hospital Materno Infantil de Ilhéus no antigo equipamento. As obras contarão com recurso superior a R$ 22 milhões.

Rodovia BA-270

Também nesta sexta-feira, foi autorizado o início das obras de pavimentação na rodovia BA-270, no trecho do entroncamento da BR-101 com Camacan e Pau Brasil. O trecho de 28 quilômetros contará com investimento de R$ 6 milhões e beneficiará mais de 84 mil habitantes.

Inaugurações

O governador Rui Costa ainda participou da entrega da nova Unidade Básica de Saúde Dr. Almiro Vinhas e de um Posto de Saúde da Família da Avenida Esperança.

Na tarde desta sexta, o governador segue para cidade de Ipiaú, onde, a partir das 15h, participa do lançamento do sinal digital da TVE, emissora do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb). No município, Rui também vai inaugurar Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água.

Rui inaugura obras em Ilhéus e Ipiaú, nesta sexta

Domingos Matos, 27/06/2019 | 13:53

Nesta sexta-feira (dia 28), o governador Rui Costa visita os municípios de Ilhéus e Ipiaú. Primeiro, ele seguirá para Ilhéus, e às 10h30, participa da inauguração de unidades de saúde na avenida Princesa Isabel  e  em seguida na avenida Nova Esperança, onde  entrega a ampliação e melhorias da Estação de Tratamento de Água do Pontal e assina ordem de serviço para início das obras da Vila Gastronômica da localidade de Banco da Vitória, além de marcar presença nas comemorações dos 485 anos de fundação da cidade. 

Às 15h, Rui estará em Ipiaú para o lançamento do sinal digital da TVE, emissora do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb). No município, o governador também inaugura dois Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água das localidades de Córrego de Pedra, Cajueiro e Passa com jeito.

Aulas na rede estadual de ensino começam nesta segunda-feira

Domingos Matos, 16/02/2018 | 15:00

O ano letivo na rede estadual de ensino começa nesta segunda-feira (19) para mais de 807 mil estudantes matriculados em 1.251 unidades escolares distribuídas nos 417 municípios da Bahia. Para marcar o início das aulas, a Secretaria da Educação do Estado realiza, na próxima quarta-feira (21), o Programa de Abertura do Ano Letivo - Aula Inaugural, a partir das 8h30, no auditório do Centro Educacional Carneiro Ribeiro - Escola Parque, no bairro da Caixa D´Água, em Salvador. O programa será transmitido, ao vivo, pela TVE Bahia (Canal 10.1).

A programação envolverá apresentações de experiências estudantis, em suas diversas linguagens, entrevistas e exibições de vídeos artísticos desenvolvidos pelos alunos das escolas estaduais. Entre as atrações estarão as apresentações da experiência do Projeto Smartcam – ‘Dispositivo de segurança para ultrapassagem’, premiado na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), e do Grupo Black Dance, do Colégio Estadual Professora Elisabeth Chaves Veloso. Também será feita uma entrevista com a estudante Fabíola Rocha Pereira, premiada melhor atriz no III Festival de Cinema Escolar de Alvorada (RS). Neste ano, o Programa de Abertura do Ano Letivo homenageará os criadores do trio elétrico Dodô & Osmar, com a participação especial dos irmãos Macedo.

Segundo o secretário Walter Pinheiro, o Programa de Abertura do Ano Letivo busca valorizar o protagonismo estudantil. “A realização do evento será toda conduzida todo por estudantes e professores, para que possamos mostrar todo o dinamismo das atividades desenvolvidas nas escolas estaduais, seja no campo das artes, da ciência, da tecnologia, do empreendedorismo, do esporte e do meio ambiente”. Ele acrescenta que, durante a Aula Inaugural, serão apresentadas algumas novidades no que se refere à Inovação e à Tecnologia para o fortalecimento do eixo pedagógico nas escolas.

Rui destaca futebol no interior ao anunciar transmissões pela TVE

Domingos Matos, 12/06/2017 | 17:19

Os baianos poderão acompanhar pela TV Educativa (TVE) as partidas dos campeonatos de futebol Intermunicipal, Série B do Campeonato Baiano, Campeonato Estadual Feminino, copas Governador do Estado e 2 de Julho e Campeonato Estadual Sub-20. A transmissão foi anunciada pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (12), na Arena Fonte Nova, em Salvador. 

Os jogos, realizados até dezembro, totalizam 30 partidas e mais de 60 horas de transmissão. Eles serão exibidos ao vivo no canal 10.1 e pelo portal da emissora (www.tve.ba.gov.br/tveonline). Para Rui, as transmissões mostram a força e a importância do esporte para a vida das pessoas. "O objetivo é que todo mundo possa se reconhecer na tela da TV pública, o baiano do Oeste, da Chapada Diamantina, do norte do estado, do Nordeste, enfim, a Bahia precisa se ver na tela da Bahia", afirmou. 

O governador destacou também a visibilidade dos atletas. "É da maior relevância que as nossa juventude ganhe visibilidade. Se uma TV comercial, eventualmente, não tem interesse de transmitir esses jogos, pela falta de patrocinadores, a TV pública dá visibilidade à nossa juventude e quem sabe podemos promover daí diversos craques que vão ajudar o futebol baiano a melhorar o seu desempenho no futebol nacional". 

No mesmo evento, o governador lançou o Projeto de Qualificação de Gestores de Ligas de Futebol, uma parceria entre a Federação Bahiana de Futebol e a Superintendência dos Desportos da Bahia (Sudesb), autarquia vinculada à Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

SEC disponibiliza conteúdos online voltados à preparação para o Enem

Domingos Matos, 26/04/2016 | 16:54

Na contagem regressiva para as inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir do dia 9 de maio, os estudantes da rede estadual têm um reforço a mais na preparação para as provas. A Secretaria da Educação do Estado da Bahia disponibiliza mais de 3,7 mil conteúdos digitais de todas as áreas de conhecimento, por meio do Ambiente Educacional Web, no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br). O espaço é uma ferramenta acessível para os estudantes, com um sistema de busca fácil e dinâmico.

Esses conteúdos digitais são produzidos e/ou catalogados por educadores da Rede Anísio Teixeira. O professor de Matemática, Samuel Oliveira de Jesus, é um desses colaboradores. “É um espaço diferenciado, multidisciplinar criado para que estudantes e professores possam acessar, compartilhar e construir conhecimentos por meio das Tecnologias da Informação e Comunicação. O Ambiente Educacional Web é um guia pedagógico que norteia estudante e professor”, considera.

Com acesso público e gratuito, o AEW conta, também, com sites temáticos, como a Rede Social Espaço Aberto e o Blog do Professor Web. Todas essas ferramentas atraem os estudantes para o Ambiente Educacional, como também por meio dos professores. “A divulgação dos conteúdos é feita pelos professores em sala de aula e por meio de panfletos, folderes. É importante que os estudantes conheçam um espaço rico em conteúdo, com informação e interatividade”, acrescenta Samuel.

Na palma da mão

O Ambiente Educacional Web também pode ser acessado de dispositivos móveis, como smartphones e tablets. Esta novidade contribui para que estudantes e professores ampliem as possibilidades de compartilhar conteúdos educacionais e conhecimentos por meio das novas tecnologias da informação e da comunicação. O Ambiente Educacional oferece acesso a softwares que auxiliam na produção de mídias e a sites temáticos das disciplinas e dos temas transversais.

Hora do Enem

O Ministério da Educação (Mec) lançou recentemente a plataforma ‘Hora do Enem’ que também conta com diversos conteúdos exclusivos para o Enem, a exemplo de simulados e videoaulas. O estudante pode acessá-lo através de dispositivos móveis como tablets, smartphones ou computadores no link http://tvescola.mec.gov.br/tve/serie/hora-do-enem/.

Prefeitura de Ilhéus rebate denúncia de vereador

Domingos Matos, 25/04/2016 | 21:24
Editado em 25/04/2016 | 21:23

Gabinete do Prefeito

Nota de Esclarecimento

Em virtude da veiculação de matéria intitulada “Vereador Magal denuncia “Máfia dos Combustíveis” do governo Jabes ao MP”, o Governo do Município de Ilhéus vem a público protestar contra a leviandade do edil ao publicar afirmações genéricas que não condizem com a realidade e afirmar que:

  1. O serviço de abastecimento de combustível feito na frota de veículos disponibilizada para as atividades do governo é feito com rigoroso critério, através de cartões de despesas específicos para cada veículo, cujos dadossão rotineiramente enviados ao Sistema Integrado de Gestão e Auditoria (SIGA) e ao Tribunal de Contas dos Municípios;
  2. O dito vereador não é fiel à verdade ao insinuar que ônibus do transporte escolar parados por questão de manutenção estejam sendo abastecidos de forma irregular, fato que o mesmo não tem condições de provar;
  3. Com relação ao ônibus de placa NYY-8038, que o mesmo exemplificou com foto, que se encontrava parado, foi abastecido a partir de setembro de 2015, voltou para manutenção no dia 21.01.2016 e retornou às atividades a partir do dia 08 de março deste ano e teve seu último abastecimento no dia 23 de março último;
  4. Quanto ao veículo de placa NZN-2824, foi abastecido até o mês de abril de 2014, voltou ao serviço no dia 05 de setembro de 2015 e, logo em seguida, foi recolhido para serviço de manutenção;
  5. E em relação ao ônibus de placa NYY-7232, o mesmo foi abastecido até o dia 02 de dezembro de 2015, seguiu para manutenção e retornou ao serviço no dia 19 de abril de 2016.

Diante de tais esclarecimentos, ratificamos que as denúncias articuladas pelo edil são infundadas e que o Governo Municipal não teme qualquer ilação nesse sentido. Por outro lado, podemos afirmar que, apesar dos preços mais elevados dos combustíveis, a atual administração realiza despesa menor que a da gestão anterior, à qual estava vinculado o vereador dito denunciante. Somente para exemplificar, no último ano da gestão anterior, a despesa com combustível chegou à cifra de R$ 1.535.000,00, enquanto no ano passado, a despesa do atual governo nesse setor foi da ordem de R$ 1.276.708,88, ou seja, despesa muito menor considerando os atuais preços e o tamanho da frota de veículos.

Ilhéus, 22 de abril de 2016

Ah... nova Playboy chega às banca na próxima terça

Domingos Matos, 08/04/2016 | 16:38

De volta ao mercado após 40 anos sendo publicada pela editora Abril, a revista "Playboy" divulgou nesta sexta-feira (8) a primeira capa com Luana Piovani. A publicação chega às bancas na próxima terça, no mesmo dia em que haverá uma festa de lançamento em São Paulo.

Aos 39 anos, Piovani aceitou posar nua pela primeira vez pela mudança de conceito da revista. "Não sou obrigada a botar dedinho na boca e posar de quatro para fazer 'punheteiro' gozar. Sensualidade tem que ser natural", afirmou. 

"Quis fazer a nova Playboy para mostrar para todo mundo que a mulher bonita é bonita com o peito que ela tem, o corpo que ela tem", completou. Na foto de capa, feita em preto e branco, Piovani aparece cobrindo os seios. A única descrição desta primeira edição é o primeiro nome da atriz.

A sessão de fotos, feita pelo fotógrafo Christian Gaul, foi realizada em uma mansão no bairro de Santa Teresa, zona Central do Rio de Janeiro. 

Nova "Playboy"

A  "Playboy", que ficou quatro meses sem ser editada, passa a ser publicada pela PBB Editora. A primeira edição desta nova fase da revista terá uma entrevista com o jogador Neymar, que fala sobre assédio, Copa do Mundo, namoro e a relação com o pai. 

Veja mais detalhes AQUI no Uol.

Itacaré volta a figurar na telinha em programa da TVE

Domingos Matos, 01/12/2011 | 23:12
Editado em 01/12/2011 | 23:18

arvorismoOs atrativos de Itacaré mais uma vez serão apesentados por uma emissora de televisão. Uma equipe da TV Educativa (canal 2) gravou na quarta-feira, 30, na praia da Ribeira, matérias que serão veiculadas no programa Bahia de Todos os Cantos. As gravações devem ir ao ar na segunda quinzena de janeiro.

O programa é exibido na TVE nas quartas-feiras, às 19h30min, e reapresentado aos sábados às 9h30min. Ele também é veiculado na TV Brasil. Os produtores explicam que o Bahia de Todos os Cantos visa divulgar os atrativos, histórias e costumes de cada região do estado. O escolhido para o programa de janeiro foi o Território Litoral Sul, com gravações entre os dias 22 e 30 de novembro, nos municípios regionais.

Nas matérias em Itacaré foram ouvidos praticantes de arvorismo, a secretária executiva do Instituto de Turismo de Itacaré (ITI), Cláudia Cruz, e o dono da Condurú Ecoturismo, Arnaldo Faustino dos Santos. "Foi uma grande oportunidade de divulgar as potencialidades de Itacaré para outras regiões da Bahia e até outros estados, uma vez que o programa será exibido também na TV Brasil", avaliou Cláudia.

Ela destacou a qualidade do público do programa e afirmou que o turismo e preservação podem caminhar juntos. "Apesentamos inúmeras opções de lazer possíveis de serem realizadas dentro de uma unidade de conservação de uso sustentável, respeitando todos os princípios das atividades turísticas em uma APA", observou.

DE RODAPÉS E DE ACHADOS

Domingos Matos, 24/07/2011 | 18:30
Editado em 24/07/2011 | 20:40

AdylsonQuando o tema se esgota em si mesmo, um rodapé pode definir tudo e ir um pouco além.  

Adylson Machado

                                                                              

Dendê no Haicai I

O projeto Dendê no Haicai, da Via Litterarum, coordenado por Gustavo Felicíssimo, tecnicamente aprovado no valor de R$ 70.000,00, depois de dois anos de tramitação, acaba abortado pela Fundação Pedro Calmon na sua etapa de finalização do processo. Motivo: na constituição societária da empresa, o sócio fundador da empresa, Agenor Gasparetto, constava como possuidor de cotas da mesma, ainda que sem função de direção.

Quem manda Gasparetto abrir editora, difundir literatura? Esqueceu o gaúcho que está Bahia!

Dendê no Haicai II

Mas, apesar disto, a Via Litterarum continuará seguindo seu curso, trazendo novos selos, para melhor atender ao mercado. São eles: Sertões, para novos autores e o nosso vasto interior; Jus Litterarum, para obras na área jurídica; AutoEditor, em que prevalecerá o desejo do autor em ter sua obra reconhecida; Caminhos, para os campos da espiritualidade e conexos.

E, seguramente, o Dendê no Haicai, em momento oportuno, deverá chegar ao público. Ainda que sem os auspícios do Governo da Bahia.

Estranha moralização

A legislação baiana veda a participação de servidores em projetos culturais, o que estende “aos parentes até segundo grau, bem como cônjuges e companheiros...” (Lei Estadual 9.431/2005, art. 14, IV e § 1º).

Ou seja, Jorge de Souza Araujo – e parentes, cônjuge ou companheira – premiado Brasil afora, nome referido e referenciado, está impossibilitado de participar de qualquer promoção com recursos públicos na Bahia por ser mestre, doutor e pós doutor ensinando em universidade estadual (UEFS).

Como a lei é de 2005, o governo petista dá a entender que servidor tem que “servir” e não entrar por essa coisa de escrever e pesquisar para concorrer a prêmios promovidos pelo Estado.

Ó glória!

Por essas e outras...

Mangabeira permanece com razão: “Pense num absurdo e na Bahia já há precedente”. A alegada moralidade como objetivo remete ao absurdo de entendermos que é incompatível a convivência da pratica da pesquisa intelectual com a de servidor da rede pública estadual.

Com o detalhe de ser objeto de uma insinuação nada sutil: os avaliadores de projetos não traduzem a ilibada autonomia, independência intelectual e honestidade, tampouco servidor público carece de motivação para pesquisar.

Para simplificar, considerando que a punição ultrapassa a pessoa do “delinqüente”: até nossos parentes, cônjuges e companheiros estão fadados ao anonimato pelo crime de o serem de um “abastado” servidor estadual.

Só mesmo rede e água de coco!

Nova arma no front

 “Um comprimido para disfunção erétil com sabor de menta e que se dissolve na boca acaba de ser lançado no mercado brasileiro”, em www.advivo.com.br (A nova pílula contra a impotência), de sexta 22.

Que alegria!

Bolo sem cereja

Para quem imagina que Ubaldo Dantas teria se afastado da política não custa observar outdoor subscrito pelo ilustre ex-prefeito para o aniversário de Itabuna: “Dias melhores virão”.

Que, certamente, não o são com Juçara, Azevedo, Geraldo Simões?

O recado está dado.

Caso a cúpula do PMDB não se entenda com GS – o que não vemos tão facilmente como alguns imaginam – Ubaldo pode contribuir para melar a dobradinha sonhada pelo PT local.

Dois pesos

Zé Elias, ex-jogador do Coríntians, foi recolhido ao xadrez, com direito à exposição de sua imagem, porque não honrou a pensão alimentícia que diz não poder pagar, diante da insuficiência de renda, depois que a Justiça lhe negou a redução. (Não esquecer que o Zé Elias não mais joga futebol e não se sabe de nenhum contrato milionário que o sustente).

Já a turma do Ministério dos Transportes – acusada de desvio de milhões dos cofres públicos – alvo da limpeza promovida por Dilma, anda flanando em céu de brigadeiro.

Estilos confluentes

Há uma insistência da grande mídia em sinalizar para um rompimento entre Dilma e Lula, partindo da premissa (que enxergam) de que os estilos são diferentes e que a Presidente combate a corrupção enquanto o ex dizia não saber de nada ou mesmo que não existia.

Engana-se, no entanto, quem assim imagina. Até porque o voo da criatura seria curto sem apoio do criador. Não fora o fato, concreto, de que a circunstâncias que alimentam o primeiro governo Dilma são inteiramente distintas do de Lula. Se o ex-metalúrgico não fizesse as concessões que fez – amparadas na Carta aos Brasileiros – não teria sido eleito, tampouco governado. Sabiamente aceitou dar dedos para não perder anéis e conquistou a maioria da Nação.

O que não querem perceber é a sintonia de uma ação que simplesmente deixa a oposição acuada para o projeto 2014: reeleição de Dilma ou retorno de Lula.

Os estilos, estrategicamente, confluem para o objetivo comum: continuidade de um projeto de poder que, criticado ou não, entendem ser propulsor do futuro para o Brasil.

Escândalo alcança o PCdoB

A denúncia da ÉPOCA (“Agência Nacional da Propina”), ainda que amparada em revista de tradição contra o governo e em perícia de Ricardo Molina para um vídeo que a prova, pode abrir outra frente de faxina para Dilma Rousseff.

O detalhe, até que esclarecimentos ocorram, insere um partido que parecia estar à margem de tais quejandos; o PCdoB.

Detalhes em www.advivo.com.br de sábado 23 (“Inquérito da PF sobre a Agência Nacional de Petróleo”).

Aula

Aderbal Duarte no Aprovado da TVE de sábado 23, falando sobre João Gilberto – objeto de sua pesquisa há trinta anos. E Jackson Costa mostrando o que temos e não conhecemos: um excelente instrumentista, não fora o compositor e arranjador que é.

Indignação

A mobilização nas ruas européias, da Grécia a Espanha, da Irlanda a França traduzem a reação das massas excluídas, humilhadas e jogadas às traças por um sistema cruel e desumano, onde a concentração da riqueza é a tônica, ainda que ao custo da miséria, para privilegiar elites e ricos, sejam pessoas ou países.

No entanto, ainda têm forças esses excluídos... para protestar. Pelo menos, alguma ração diária os alimenta.

Indignação só não basta

fomeEnquanto bilhões de dólares são gastos em guerras cada vez mais incentivadas alguns milhões que poderiam salvar milhares de crianças não acorrem. E ainda chamam a isso de Civilização.

Esse genocídio tem responsável: as nações ricas que exploraram e exploram o continente africano.

Eis o estado em que se encontram 780 mil crianças na Somália (foto), que somadas às da Etiópia e Quênia alcançam 2,3 milhões.

Surpresa?

bessinhaQuem votou em Dilma nem mesmo imaginou a postura ética que gera insatisfações em vários escalões da política nos coroados partidos da base. A varredura que faz a Presidente no PR “dos Transportes” pode alcançar qualquer partido que não se comporte com a dignidade que o exercício do cargo exija.

Não temos em nossa lembrança uma vassourada na dimensão que ocorre no Ministério dos Transportes. Dilma Rousseff põe a nu a dimensão e a sanha de certos partidos quando ocupam o poder. Já eram 13 na terça – número cabalístico – os nomes alcançados pela caneta presidencial. Não é algo de pouca monta, mormente se atentarmos para as funções exercidas.

Que o povo compreenda e contribua para que a Presidente avance na limpeza que o país espera e tanto exige.

E as empreiteiras?

E se Dilma, na cátedra da Presidência, resolver avançar sobre as empreiteiras financiadoras da corrupção/ Conseguirá? Ou não o fará?

Pode estar sinalizando que pode fazê-lo, esperando, de forma pedagógica, que percebam as insinuações.

Afirmações

eduardoO PT define a impossibilidade – a não ser com anuência da Executiva Estadual – de alianças com o PMDB, o PSDB e o DEM, colocando-os todos no mesmo saco. Observados os fatos sob esse prisma coberto de razão estaria Eduardo Anunciação ao afirmar a inexistência de tratativas entre Geraldo Simões e Fernando Gomes com vistas a 2012.

O destacado colunista político também duvida da participação de Raimundo Vieira como intermediador entre GS e FG, a ponto de taxativamente expressar, em POLÍTICA, GENTE, PODER, no Diário Bahia de quarta 20: “só existe na imaginação de Raimundo Vieira”.

Não queremos crer que Eduardo não esteja suficiente informado.

Contra-afirmações...

Estabelece o colunista uma vertente distorcida do que está acontecendo, ao imaginar que a atuação de Raimundo Vieira se encontraria no plano de sua densidade político-eleitoral. É o que se pode deduzir do seguinte texto, publicado naquela oportunidade: “Isso é encenação, fantasia, ilusão...” “Fernando Gomes, principalmente e especialmente Fernando Gomes, com representação democrática, sem mandato, PMDB, depois Geraldo Simões, com representação democrática, deputado federal, com mandato, PT, têm compreensão suficiente, lucidez, sabe que eleitoralmente-politicamente Raimundo Vieira em nada contribui, não multiplica, não soma, não une”.

Na edição de fim de semana do Diário Bahia Eduardo volta ao tema, debruçado e preocupado, para afirmar que “Isso é desinformação... esse encontro não aconteceu”.

...Por acontecer

Ainda, caro Eduardo, ainda. E pode mesmo nunca ocorrer. No entanto já aconteceram os contatos entre Geraldo Simões e Fernando Gomes, através de Raimundo Vieira. Isso é tão verdadeiro como acreditar em Deus para o crente.

Por outro lado, ninguém comenta que Raimundo Vieira seja apoio eleitoral para quaisquer dos políticos. Mas, como intermediário Raimundo é peça concreta e atualmente o único caminho que une os dois inimigos, já não tão “inimigos” assim.

Se alguém admite ou não que se materialize a união de jacaré com cobra d’água – isso em passado não tão distante – comece a mudar de pensamento. Só não se materializará se a cúpula do PMDB não deixar. E isso é possível. Basta que Gedel perceba – e certamente já o percebeu – que a união GS-FG fortalece Geraldo e não ele, que esperava encontrar mais apoio de seu coordenador regional na campanha de 2010.

Ou seja, a estranha unidade política beneficia mesmo somente aos dois protagonistas. Fernando encontrando o sonhado apoio do Estado para a implantação de equipamentos públicos em seu loteamento; Geraldo, buscando consolidar a candidatura de Juçara. Caminho para que ele permaneça nos limites federais, como deputado.

Eis a análise fria do momento.

Sofre o observador

Para Eduardo, com sua experiência, não custa compreender que briga mesmo fica para o andar de baixo, que se engalfinha na defesa de seus líderes/ídolos enquanto estes se esfalfam em jantares e brindes na cobertura.

Caso o Governador Wagner, em visita que fará a Itabuna, sinalize com a possibilidade de conclusão do teatro e centro de convenções e Gedel não concorde com as tratativas de Geraldo-Fernando não seria absurdo imaginar que FG deixe o PMDB. A filiação partidária é possível até um ano antes de eleições.

Quando em jogo interesses e não o idealismo tudo é possível.

E “o futuro a Deus pertence”.

Até despacho em encruzilhada

Geraldo luta para dar uma volta por cima diante na atual situação, buscando fazer com que o governo do Estado “aceite” seu projeto eleitoral.

Para ver consolidado o nome de Juçara Geraldo “acende vela até para o Diabo”, como já o disse em círculos fechados. E, obviamente, se o Diabo não é tão feio como se pensa, Fernando não é o Gramulhão.

Afinal, perder ele não quer. Em todos os sentidos.

Brasileiros mundo a fora

Uma correção se impõe: John Williams não executou Heitor Villa-Lobos e seu Estudo Para Violão n  1, na edição passada, e sim “Prelúdio nº 1.

Disponibilizamos nesta edição o famoso “Estudo”, com Narciso Yepes, que com ele inicia um recital no Teatro Real de Madrid, em 1979.

Zé Rodrix

O solo aqui revelado traduz, mais que o tradicional sucesso, a introspecção do canto, de quem cantou. E como nos faz falta! E se acontece com Elis Regina sonhando na cadeira de balanço!

Os que só pensam ter uma casa na praia dificilmente entenderão o verso e a canção.

Cantinho do ABC da Noite

cabocoClássicas são as observações de Cabôco Alencar e a denominação circunstancial que a elas oferta, como a que fez definindo o cliente rarefeito no ambiente, que acabava de entrar:

– Esse está igual a paletó de maçonaria. Só circula na rua em dia enterro de maçom.

_________________

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

Ethos de uma despedida

Domingos Matos, 12/12/2010 | 11:31
Editado em 12/12/2010 | 11:34

Adylson Machado

Adylson MachadoDia desses, em televisivo popular, à pergunta do animador, de quem era o mais bonito, nos surpreendemos com o conceito estético de parcela da juventude feminina afirmando o global Luciano Huck como “lindo”. Aprendemos que beleza muito tem de subjetivo, mas, diante da dose, invocamos o Lingote, do Chico Anísio Show anos 70, pausado olhar na câmera: “o que eu tô fazendo nesse disco?”

Arthur da Távola disse certa vez, a Leda Nagle, no Sem Censura (TVE-RJ), que os valores se encontravam sob novas conceituações, para pior, pautadas em inversões que sacrificavam a Ética em benefício do material, o ter se sobrepondo ao ser. Acrescentaríamos: o sonho do ter e do ser igual a.

Abrindo parêntese ao texto, isso nos fortalece na defesa de a sociedade manifestar-se sobre a qualidade do conteúdo televiso, pugnando pelo que deseje e entenda melhor para lhe chegar ao recôndito do lar, agindo como titular do direito sobre o que assistir (que não se efetiva com o lugar comum do “se não gosta desligue ou mude de canal”), destinatária que é de uma prestação de serviço estatal que se expressa através de concessões públicas.

É que, assim entendemos, não lhe cabe o papel de passivo receptador do conteúdo, mero partícipe do “diálogo do monólogo”, como o disse Mac Luhann em relação à televisão. Mas de tornar-se ativo ator de sua realidade, receptor não do pensamento/determinação do emissor, mas da repercussão de necessidades que se lhe impõe e carece. Nesse diapasão, a defesa da cultura local, dos valores da família, da Moral e do civismo, da efetiva contribuição à educação como conteúdo e não à desculpa da existência de programas educacionais específicos em horários nada alcançáveis para o público em geral.

Fechado o parêntesis e retomando o pretendido, na CartaCapital n. 625, de 8 de dezembro, dois textos, de autores diversos, confluem para conclusões  sobre aquele novo prisma, compreendidas em proposições finais distintas. Mino Carta textua (p. 20) em torno do estado de coisas em que se encontra um mundo que justificaria um Mario Monicelli suicidar-se. Bruno Huberman e Ricardo Carvalho (p. 38) sobre o presidente da CBF em “O mundo descobre Ricardo Teixeira”.

No primeiro, a reflexão em torno do autor de uma obra bissexta pela qualidade, que escamoteou o Homem pelo viés do riso e soube, como poucos, textuar na celulose a alma humana sob mordaz abordagem e desistiu de um mundo quando sentiu que não mais poderia contribuir para modificá-lo.

Para os segundos, o trato em torno de matéria da BBC, que vincula o presidente da CBF a uma milionária rede de corrupção, beneficiando-se como membro da entidade maior do futebol, a FIFA, também envolvida em denúncias de desvios e escusos expressares, que absolve a si mesma e aos seus, como se fôssemos todos cegos, surdos, mudos e idiotas.

As matérias possibilitam reflexão dentro da vala comum da degradação dos valores, canhestro ethos contemporâneo, amparado no sentido abjeto de que o dinheiro, não importa a origem, arquiteta o caráter e faz esquecer o mal causado, como quando, em tempos de antanho, se violada a honra feminina, em sendo autor filho de coronel, à vítima só restava a prostituição, se não escondesse a vergonha no claustro de um convento, enquanto a amargura paterna calava-se indenizada com a meágua para cobrir o resto da prole.

No particular de Monicelli – e a filmografia que o torna grandioso ao lado de ícones como Ford, Bergman, Renoir – resistiu com olhar crítico, sensível e sutil, à degradação com que via o mundo que o remetia a certo pessimismo, ainda que otimista quanto à utopia de vê-lo melhor. Sucumbiu, certamente, ao não mais sentir-se útil à esperança. 

Teixeira faz parte do sistema que nega esperança aos que sonham com um mundo melhor e assim encontramo-lo bajulado por dirigentes esportivos (querendo espaço e oportunidades), paparicado por governantes, premiado com escusos contratos, coroado e endeusado pela mídia.

E ficamos, com nossos botões, lembrando do torcedor: aquele banguela, esfarrapado no dia a dia, esgoelando-se em defesa dos seus times de coração em estádios e botecos, defendendo a Seleção – a sua Pátria de chuteiras – única referência cívica que o faz balbuciar o Hino Nacional, tendo Ricardo Teixeira como presidente da CBF e através dela faturando milhões e ainda que investigado por uma CPI e denunciado pelo Ministério Público encontra no Poder Judiciário resistência em puni-lo.

Quanto a Mario Monicelli, o diretor que nos fez refletir pelo riso, suicida talvez por se desencantar com o mundo, que não é mais o mesmo, tendendo cada vez para o pior, dos novos paradigmas da beleza à inversões dos valores vários, seu gesto derradeiro não deixa de ser um libelo, um calado suicídio da Humanidade.

O quixotesco Monicelli, de “O Incrível Exercito de Brancaleone” – relendo versos de “Os Cavaleiros de Granada” de Cervantes, que saíram em louca disparada, em alta madrugada, brandindo lança e espada. Para quê? Para nada! – desistiu do mundo, no dia 29 de novembro, aos 95 anos.

Com riqueza de seu talento gostaria de tê-lo visto deixar, por escrito em celulose, o novo ethos de uma despedida hilária, inspirado do Lingote: “o que eu tô fazendo nesse disco?”

Adylson Machado é escritor, professor e advogado, autor de "Amendoeiras de outono" e " O ABC do Cabôco", editados pela Via Litterarum

Governo Wagner lança TV Anísio Teixeira

Domingos Matos, 24/05/2010 | 11:50
Editado em 02/05/2010 | 19:10

Com uma programação direcionada aos alunos e professores da rede pública estadual, foi lançada, na noite de quinta-feira (29), a TV Anísio Teixeira. A iniciativa da Secretaria de Educação da Bahia, por meio do Instituto Anísio Teixeira (IAT) e em parceria com a Secretaria de Cultura, consiste na produção e veiculação de 545 peças audiovisuais voltadas para a educação.

O conteúdo vai ser transmitido via satélite para 600 escolas e 100 instituições, exibido na programação da TVE a partir desta sexta-feira e disponibilizado pela internet, por meio do portal da educação. Além disso, serão distribuídos DVDs e pendrives com os programas, para exibição nas salas de aula a qualquer momento.

 

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.