Tag: atendimento

Biometria: TRE-BA reforça convocação de eleitores de Ibicaraí, Floresta Azul e Santa Cruz da Vitória

Domingos Matos, 09/10/2019 | 11:10

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), por meio da 29ª Zona Eleitoral, convoca eleitores dos municípios de Ibicaraí, Floresta Azul e Santa Cruz da Vitória para realizar o recadastramento biométrico. Apesar dos esforços de divulgação, a zona registra baixo comparecimento da população. Na região, mais de 12 mil títulos ainda podem ser cancelados, uma vez que, em Ibicaraí, mais de 7 mil eleitores ainda não atenderam à convocação da Justiça Eleitoral; já em Floresta Azul e Santa Cruz da Vitória, 3 mil e 2 mil eleitores, respectivamente, não realizaram a biometria. 

O Cartório Eleitoral de Ibicaraí possui, além do atendimento por demanda espontânea, 62 vagas que são ofertadas diariamente, por meio de agendamento. Os postos de atendimento de Floresta Azul e Santa Cruz da Vitória disponibilizam, para agendamento, 24 e 12 vagas por dia, respectivamente. 

O eleitor pode agendar o atendimento pelo site (agendamento.tre-ba.jus.br), telefone (0800 071 6505) ou whatsapp (71-3373-7223). Além disso, é possível buscar pelo atendimento espontâneo diretamente no posto, munido de documento de identificação com foto e comprovante de residência. 

 

Implicações 

O cidadão que não fizer a biometria terá o título cancelado e estará sujeito a uma série de implicações previstas pelo artigo de número 7 do Código Eleitoral (Lei nº 4.737, de 15 de julho de 1965). Entre os prejuízos estão: impossibilidade de obtenção de empréstimos em instituições públicas, dificuldade para tirar ou renovar o passaporte, não tomar posse em concurso público, ser impedido de renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo, entre outros.

Polícia investiga divulgação de fotomontagens com advogada Thatiana Poncino

Ministério Público também investiga o caso

Domingos Matos, 08/10/2019 | 15:51
Editado em 08/10/2019 | 16:28

A Polícia Civil instaurou um inquérito para tentar identificar os responsáveis por espalhar em páginas da internet e nas redes sociais fotomontagens com conteúdo de nudez atribuídas a uma advogada de Itabuna. O Ministério Público (MP) também investiga o caso.

Thatiana Poncino do Nascimento registrou um boletim de ocorrência na quarta-feira (2), embora afirme ser a segunda vez que sofra ataque cibernético. Ela conta já ter sido alvo do mesmo tipo de ação entre 2015 e 2016, época em que não procurou as autoridades por não acreditar que os possíveis criminosos pudessem ser descobertos e punidos.

"Na primeira vez, não tinha esperança de encontrar o responsável. Não tinha a investigação que se tem hoje. Eu também teria que reviver a situação. Mesmo não sendo eu, me senti como sendo aquela pessoa. Era vergonhoso pra mim", desabafou em entrevista ao programa "Encontro com Fátima Bernardes", na manhã de segunda-feira (6).

A advogada divulgou um texto no qual descreve como "constrangedora" a situação por que vem passando. "Situação que entristece, que machuca e que me faz refletir diariamente sobre a maldade humana! Mais uma vez estão circulando na internet fotos de mulheres anônimas nuas juntamente com fotos das minhas redes sociais", escreveu.

Ela explica que as imagens são as mesmas disseminadas anteriormente, e foram adulteradas a partir de fotos retiradas de seu perfil no aplicativo. "O responsável pela montagem cortou a cabeça de mulheres despidas e as enviou juntamente com fotos minhas aqui do Instagram, no intuito de induzir aqueles que as recebem a acreditar que sou eu nas imagens de nudez. Não, não sou eu nessas fotos! Nunca fotografei sem roupa, não pretendo e não vejo problema nenhum em quem gosta desses registros, só não é o meu caso. Eu convido você leitor, por um minuto, a se colocar em meu lugar, a se imaginar sendo vítima dessa conduta criminosa", afirma ela no texto.

A assessoria da Polícia Civil informou que a Deam (Delegacia Especial de Atendimento à Mulher) de Teixeira de Freitas instaurou um inquérito para apurar a denúncia de difamação por meios eletrônicos via redes sociais. "Após o registro, realizado na quarta-feira (2), a delegada Kátia Cielber Garcia já ouviu a vítima e recolheu arquivos digitais para serem analisados e complementarem as investigações, que tem o apoio do Grupo Especializado de Repressão aos Crimes por Meios Eletrônicos (GME)", diz no comunicado.

O MP baiano, por sua vez, afirma que os fatos comunicados e documentos apresentados pela advogada Thatiana Poncino estão sendo analisados pelo Nucciber r (Núcleo de Crimes Cibernéticos) do órgão. As investigações, contudo, correm sob sigilo. "Segundo o promotor de Justiça Moacir Silva do Nascimento Júnior, coordenador do Núcleo de Crimes Cibernéticos (Nucciber) do Ministério Público do Estado da Bahia, estão sendo analisados os fatos comunicados e os documentos apresentados à Promotoria de Teixeira de Freitas pela advogada Thatiana Poncino no último dia 26 de setembro. Ele explicou que, nesse tipo de crime, as investigações correm em sigilo para não prejudicar o resultado das diligências e não causar outros danos às vítimas", afirma.

A Comissão da Mulher da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Itabuna - onde Thatiana atua na área criminal - emitiu nota em que diz repudiar a veiculação de conteúdo criminoso.

Leia AQUI a nota da OAB na íntegra.

Com informações do Universa.

Unisa está com inscrições abertas para Vestibular EaD​

Domingos Matos, 01/10/2019 | 00:07

O Polo Itabuna da Universidade Santo Amaro – Unisa está com inscrições abertas para o vestibular EaD 2019. São dezenas de opções, entre bacharelados, licenciaturas e tecnólogos, com mensalidades a partir de R$ 148.
As inscrições, gratuitas, podem ser realizadas no site da Unisa (www.unisa.br). As vagas são para ingresso no mês de outubro. O candidato pode escolher entre vestibular agendado, ingresso com a nota do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) ou redação online.
Entre os diferenciais do EaD da Unisa, está o atendimento ao candidato, localização do Polo Itabuna,infraestrutura, modernidade e inovação pedagógica, e a nota máxima do MEC, Conceito 5.
O Vestibular EaD Unisa será relizado na rua Almirante Barroso, 261, centro (Colégio Adventista). As inscrições podem ser realizadas em www.unisa.br, ou presencialmente no Polo. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (73) 2103-7945.

Homem é flagrado agredindo filho recém-nascido em Paulo Afonso

Domingos Matos, 24/09/2019 | 15:17

Micael Jacson Pereira da Silva foi preso por policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), de Paulo Afonso, na Bahia, na manhã desta terça-feira (24), por agredir o filho de apenas um mês de idade. A mãe do bebê também foi agredida pelo acusado.

Autuado em flagrante na unidade especializada, Micael está custodiado na Deam/Paulo Afonso e deverá ser encaminhado para audiência de custódia, na Vara Criminal, daquele município.

Enem abre inscrições para pessoas privadas de liberdade

Domingos Matos, 24/09/2019 | 08:09

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade e Jovens sob Medida Socioeducativa (Enem PPL) foram abertas nesta segunda-feira (23) e vão até o dia 4 de outubro. A inscrição deve ser feita pelo responsável pedagógico de cada unidade prisional ou socioeducativa. O prazo é válido também para participantes que precisam de atendimento especializado.

Para que estejam aptos a inscrever os participantes, os órgãos de administração prisional e socioeducativa devem firmar um termo de compromisso junto ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) até a próxima sexta-feira (27).

Na edição desse ano, além do público com baixa visão, que já era atendido pelo Enem PPL, o exame também atenderá pessoas com cegueira, visão monocular, surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, autismo, discalculia, deficiência física, deficiência auditiva, surdez e deficiência intelectual.

As provas serão aplicadas nos dias 10 e 11 de dezembro. Os participantes que já concluíram ou concluirão o ensino médio no ano letivo de 2019 vão poder utilizar o exame para acesso a universidades.

 

Quatro mortos em acidente eram da mesma família

Domingos Matos, 24/09/2019 | 07:01

As quatro vítimas do acidente envolvendo três carros na BA-530, na cidade de Camaçari, região metropolitana de Salvador, eram da mesma família. Até esta segunda-feira (23), três dos sete feridos na batida continuavam internados.

O acidente aconteceu na tarde de domingo (22). Uma das vítimas que está hospitalizada é a jovem Adriana Marques Dórea, de 23 anos. Ela estava no mesmo carro que os familiares que morreram.

Adriana está internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Geral de Camaçari (HGC). Ela passou por cirurgia em uma das pernas e a previsão é de que seja submetida a outro procedimento cirúrgico.

Depois de hospitalizada, Adriana fez exames para constatar uma possível gravidez. O G1 tentou contato com o HGC, para saber se há confirmação da gestação, mas não conseguiu falar.

Uma das vítimas que morreu é o marido de Adriana, com quem ela casou há três meses, Ronaldo Marques da Cruz, de 21 anos. Os outros três mortos são Sidney Souza Barreto Dantas, 26, a esposa dele, Sheila Silva Dantas, 23, e o filho do casal, o pequeno Suian Dantas de 6 anos.

Os corpos das vítimas estão no Instituto Médico Legal (IML) e não há previsão de liberação para os sepultamentos.

Um homem, que estava em outro veículo, também está internado no HGC. Ele foi identificado como Paulo Roberto Ferreira de Almeida e o estado de saúde dele não foi divulgado. Paulo Roberto estava no carro com Bárbara Bruna Sampaio Dantas, que é a terceira vítima internada.

Bárbara Bruna tem o estado mais grave e precisou ser levada, com ajuda do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (GRAER), para o Hospital do Subúrbio, em Salvador. Ela tem um quadro de hemorragia interna na região do abdômen e também passou por cirurgia.

 

Resgate

Antes das equipes da Polícia Militar, da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), do Graer e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegarem ao local, as vítimas foram socorridas por populares.

Uma dessas pessoas foi o servidor público Maurício Paulo, que conseguiu tirar parte dos feridos de dentro dos veículos.

“É uma dor muito grande a gente pensa logo nos familiares, na dor que é viver uma situação daquela, o desespero. A gente estava tentando socorrer a pessoa que estava ali para evitar que viesse a pegar fogo no outro carro”, disse Maurício.

Testemunhas contaram que o motorista de um dos carros, onde estavam as quatro vítimas que morreram, perdeu o controle da direção, bateu com outro veículo que passava no sentido contrário e, depois, ainda bateu em uma picape.

Com a batida, dois carros começaram a pegar fogo, mas as chamas foram controladas por agentes do Corpo de Bombeiros enviados ao local. Um vídeo gravado com um celular mostra alguns veículos envolvidos no acidente.(Com informações do G1)

 

Feira de Saúde beneficia 714 internos e internas do Conjunto Penal de Itabuna

Domingos Matos, 23/09/2019 | 22:33
Editado em 23/09/2019 | 22:47

O Conjunto Penal de Itabuna (CPI) realizou, nessa segunda-feira (23), durante todo o dia, sua IV Feira de Saúde. Entre outros, foram oferecidos atendimentos médicos, avaliação nutricional, atendimentos em fisioterapia, exames de eletrocardiograma, testes rápidos para ISTs e atendimentos odontológicos. Ao todo foram 714 beneficiados na quarta edição da Feira de Saúde do Conjunto Penal de Itabuna, contando atendimentos (505) e público das palestras (209).

Os internos foram beneficiados ainda com serviços de aferição de pressão arterial, glicemia capilar e exames preventivos (citologia) para internas e até acupuntura auricular. Após as consultas com os médicos, todos internos para os quais foram prescritos medicamentos receberam as dosagens para garantir o tratamento preconizado.

A abertura teve a participação do cantor David Nascimento, que foi semifinalista do programa The Voice Brasil, da Rede Globo, em 2017, e uma apresentação de reeducandos que participam do projeto “Um Toque à Liberdade”, que tem aulas de violão há cerca de um mês. Participaram, ainda estudantes de Enfermagem, Nutrição e Odontologia de duas instituições de ensino superior da cidade.

O diretor do CPI, major PM Adriano Valério Jácome da Silva afirmou que embora esses serviços sejam prestados cotidianamente, na modalidade de mutirão o serviço concentrado permite um maior alcance. “Garante, também, que o paciente tenha um atendimento completo, que pode ir da palestra educativa até a sessão de acupuntura, passando por psicólogo, fisioterapeuta, nutricionistas, médicos de diversas especialidades, salão de beleza. Um atendimento holístico”.

Inovação

A edição deste ano inovou no momento cultural, com a participação de um artista conhecido nacionalmente, mas também na prestação de serviços. Foram acrescentados, em relação a edições anteriores, exames de eletrocardiograma (13 exames), acupuntura auricular (20 aplicações) e atendimentos em Serviço Social, essenciais para a realização de consultas e exames específicos, a serem realizados posteriormente, a partir da prescrição médica. Também acrescentados serviços do corpo jurídico.

A Feira de Saúde teve parceria da Prefeitura de Itabuna, Governo do Estado, Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Unime, FTC, UESC. A realização foi do Governo do Estado, por meio da empresa cogestora do Conjunto Penal de Itabuna, Socializa – Soluções em Gestão. A coordenação ficou a cargo do enfermeiro Diego Matos, responsável técnico pelo Posto de Saúde Prisional, e da coordenadora do Corpo Técnico do CPI, Genice Lacerda.

Participaram ainda o diretor-adjunto Bernardo Cerqueira Dutra, o coordenador de Segurança, Fábio Vivas, e os gerentes da Socializa, Yuri Damasceno e João Sobral. O evento envolveu todos os setores da unidade. (clique sobre as fotos para ampliá-las)

Rede FTC oferece mais de 10 mil atendimentos gratuitos durante Semana de Responsabilidade Social

Domingos Matos, 23/09/2019 | 17:32

Entre os dias 21 e 28 de setembro, todas as unidades da Rede FTC oferecem serviços gratuitos nas áreas de saúde, empregabilidade, assessoria jurídica e sustentabilidade. O conjunto de ações acontece em adesão à Semana de Responsabilidade Social, campanha realizada em todo país pela Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (ABMES).

Em Itabuna, os serviços começam na segunda-feira (23), quando os cursos de Psicologia, Sistemas de Informação, Enfermagem e Nutrição estarão desenvolvendo oficinas, workshops e cursos no campus 1 da FTC Itabuna e em escolas da rede pública municipal. Até a sexta-feira (27), as atividades estarão focadas na promoção da educação para a saúde, na qualificação para o mercado de trabalho, inclusive com orientação vocacional.

A Semana de Responsabilidade Social da FTC Itabuna terá sua culminância no sábado (28), quando, juntamente com mais de 30 parceiros, estudantes, professores e colaboradores da Faculdade ofertarão mais de 50 serviços, como atendimento jurídico, serviços de saúde, atividades de recreação para as crianças e minicursos. Também, serão ofertados serviços de corte de cabelo, além de Feira de Adoção de Cães e Gatos, realizada pelo curso de Medicina Veterinária em parceria com ONGs que atuam na defesa e proteção dos animais.

As ações sociais da Rede FTC se estendem a todas as unidades do grupo educacional, localizadas em outras seis cidades da Bahia, Petrolina e São Paulo. Juntas, as unidades devem oferecer cerca de 10 mil atendimentos gratuitos à população. “As ações pontuais desenvolvidas no bojo da Semana de Responsabilidade Social só reforçam o compromisso perene da Rede FTC com a prestação de serviços às comunidades e com a formação humanística e ética dos nossos alunos. Durante todo o ano, o cidadão pode contar com a nossa estrutura para receber esses e outros serviços, gratuitamente”, destaca o Presidente da Rede FTC, William Oliveira.  

Aprovados em seleção da saúde iniciam jornada de trabalho na próxima segunda

Domingos Matos, 20/09/2019 | 09:10
Editado em 19/09/2019 | 21:57

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) contratou 76 profissionais para atuar na cobertura da atenção primária do município, conforme estabelecido na Lei Municipal nº 3634/2012. Os profissionais irão atuar na rede municipal de saúde, no período de um ano e iniciam a jornada de trabalho a partir da próxima segunda-feira (23). A homologação do resultado foi publicada no Diário Oficial do Município, edição de 16 de setembro de 2019.

A coordenadora da Atenção Básica de Ilhéus, Jailma Lima explica que o foco principal para atuação é a área de Estratégia de Saúde da Família dentro da atenção básica. O objetivo da equipe é ampliar o atendimento prestado à população e promover ações e medidas preventivas de saúde. Os profissionais serão lotados nas 23 Estratégias de Saúde da Família (ESF) do município, distribuídas nas zonas norte, sul, oeste e nos distritos.

“Estamos em um processo de territorialização e para que esse processo ocorra precisamos do profissional atuando na unidade de saúde. A gestão do prefeito Mário Alexandre tem se empenhado no intuito de reorganizar a saúde, dando condições de atendimento tanto para o profissional quanto para o usuário. Entendemos que os usuários precisam ser assistidos com integridade, observando a sua individualidade. É um novo momento na atenção básica no município de Ilhéus”, enfatizou.

Os profissionais selecionados já assinaram o contrato e estão aptos para exercer as suas funções. As pessoas que não compareceram à reunião de encaminhamento, devem apresentar justificativa, ou do contrário o não comparecimento será entendido como falta. No total foram contratados 76 profissionais: médicos clínicos gerais (16); médicos pediatras (5); médicos ginecologistas (2); médicos psiquiatras (2); técnicos de enfermagem (24) e enfermeiros (27).

Os profissionais são encaminhados por meio dos Programas de Agentes Comunitários de Saúde (PACS) e das Estratégias de Saúde da Família (ESF).

Zona Norte, PACS Sarah Kubitschek, ESF Iguape, ESF Alto do Coqueiro, CSU, PACS Iguape, Avenida Esperança, Basílio, Centro, Princesa Isabel,, ESF Conquista, Sul, Couto, Nossa Senhora da Vitória, Nelson Costa, Ilhéus II, PACS Urbis, Oeste, Teotônio Vilela, PACS Banco da Vitória, Salobrinho, Rural, Sambaituba, Banco Central, Banco do Pedro, Castelo Novo, Inema/Pimenteira, Juerana e Lagoa Encantada.

 

Após audiência pública, Charliane encaminha auditoria para o Ministério da Saúde

Domingos Matos, 19/09/2019 | 16:10
Editado em 19/09/2019 | 16:12

Na manhã desta quinta-feira (19), a Câmara de Itabuna recebeu a Frente Parlamentar em Defesa da Saúde, que tem na sua presidência o Deputado Estadual José de Arimatéia (PRB), para debater os problemas enfrentados pela população em audiência pública.

Estiveram presentes o Secretário de Saúde do Município, Uildson Nascimento, o presidente da Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna - FASI, Juvenal Maynart, a representante da Santa Casa de Misericórdia, Lânia Peixoto, o Coordenador de Endemias, Roberto Góes, a representante da Secretaria Estadual de Saúde do Estado da Bahia, Domilene Borges, representantes do Conselho de Saúde e vereadores. 

Na oportunidade, a vereadora Charliane Sousa (PTB) encaminhou auditoria realizada pelo município que tinha por objetivo identificar ocorrências de possíveis irregularidades no Departamento de Controle, Avaliação e Regulação do SUS, além de extratos de repasses da União para a Consultora do Ministério da Saúde que também marcou presença no debate. 

“Nosso município vem recebendo recursos oriundos da União e o Município não vem prestando contas sobre a aplicação dos montantes no Sistema de Saúde e por essa falta de transparência, estamos perdendo diversos programas existentes. A população vem sofrendo pela má gestão, onde estamos vivenciando uma grave crise nos atendimentos da atenção básica, média e alta complexidade. Precisamos de rigor na apuração e espero que o Ministério da Saúde tome as devidas providências”, ressaltou Charliane.

Ilhéus: Município e Sebrae incrementam serviços na Sala do Empreendedor

Domingos Matos, 17/09/2019 | 16:34

Conhecer o fluxo de atendimento para viabilizar ações e políticas de estruturação da Sala do Empreendedor. Esta proposta e outros assuntos resultaram num encontro entre o Governo Municipal e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), na manhã desta terça-feira (17), na sala da Superintendência de Indústria e Comércio (Sedic), órgão que integra a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo.  

O encontro contou com a presença do superintendente da pasta, Júlio Melo e a Consultora de Empreendedorismo do Sebrae Ilhéus, Erbenia Guimarães, que estavam acompanhados dos representantes, Carla Mendonça e Yuri Amorim (Superintendência de Meio Ambiente e Urbanismo); Marco Aurélio (Tributos); Jeovana Catarino (Vigilância Sanitária); Itamar Santos e Emilly Nogueira (Sala do Empreendedor).

O alinhamento faz parte do projeto ‘Cidade Empreendedora’, uma iniciativa do Sebrae que integra gestão pública e pequenos negócios em um ambiente de oportunidades, e que estimular a economia local. A Sala do Empreendedor é um espaço de atendimento que facilita os processos de abertura de empresas, regularização e baixa, serviços exclusivos aos Microempreendedores Individuais (MEI).

Conforme ressaltou o gestor da Sedic, Julio Melo, a ação visa dar mais transferência nos processos de abertura de uma empresa. “É extremamente essencial que todos os setores conheçam bem cada atividade comercial. O Sebrae é um grande parceiro das Salas e contribui disponibilizando informações e orientações, de forma simples e facilitada, sobre gestão de micro e pequenas empresas”.

“Queremos otimizar o espaço e facilitar o atendimento com a proposta de dar maior agilidade também para o empreendedor”, propôs a Consultora do Sebrae, Erbenia Guimarães. “Estamos conhecendo a realidade atual, apontando alguns gargalos, visando dar providências para que este fluxo seja melhor otimizado”, acrescentou.

A Prefeitura mantém a estrutura, um ambiente que oferece conforto, tecnologia e uma diversidade de serviços ao público. De acordo com um levantamento feito pelo órgão em 2018, Ilhéus obteve o melhor resultado na Bahia para as micro e pequenas empresas, frente à crise econômica que gerou forte impacto nos pequenos negócios do País, com a geração de 121 postos de trabalho, apontou o relatório.

 

Estudante de odontologia é indiciado por exercício ilegal da profissão e lesão corporal

Domingos Matos, 17/09/2019 | 07:01

O estudante de odontologia suspeito de atuar de forma irregular em clínicas em Vitória da Conquista e Itabuna, no sudoeste e sul da Bahia, foi indiciado por exercício ilegal da profissão e lesão corporal grave. O inquérito instaurado pela delegacia de Conquista foi concluído ontem (16).

Paulo Henrico Almeida foi denunciado pelo Conselho Regional de Odontologia (CRO). Pelo menos 15 pessoas foram lesionadas por procedimentos mal feitos. O inquérito será remetido à Justiça pelo delegado Humberto Matos, um dos responsáveis pelo caso.

Outras duas mulheres, Luíza Gusmão, Isabelle Neme Sá, também serão indiciadas pelos mesmos crimes. A polícia não detalhou se elas também são estudantes. Um dentista, Wildiano Guimarães, terá conduta investigada pela polícia.

A defesa de Paulo Henrico informou que o estudante é inocente.

 

Conselho de odontologia denuncia

O Conselho Regional de Odontologia (CRO) denunciou Paulo Henrico de Almeida no final do mês de maio deste ano. Ele é suspeito de atuando de forma irregular em uma clínica em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia.

Apesar de não poder exercer a profissão, Henrico postava várias fotos em redes sociais, onde aparece atuando como dentista. O conselho informou ainda que várias pessoas procuraram o órgão para denunciar o rapaz.

O CRO chegou a registrar um boletim de ocorrência contra o estudante na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Itabuna, no sul do estado, depois que uma senhora denunciou o estudante.

 

Vítimas

Entre as vítimas que denunciaram o estudante está um homem que teve nove dentes extraídos de uma só vez por Paulo Henrico Almeida durante uma consulta.

A vítima contou que procurou o falso dentista, sem saber que ele não era um profissional da área, após uma inflamação em um dos dentes e afirmou que foi surpreendido com as extrações.

Além dele, outras pessoas da cidade relataram problemas com o falso dentista. A empregada doméstica Sirlene Santos contou que durante a consulta, o estudante teria orientado que o filho dela, um jovem de 21 anos, tivesse dois dentes extraídos e substituídos por implantes. (Com informações do G1)

Secretários aprovam instalações do Hospital Metropolitano 

Domingos Matos, 16/09/2019 | 17:32

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, acompanhou nesta segunda-feira (16) Secretários de Saúde dos municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS) em visita guiada às obras do Hospital Metropolitano. A unidade, que está sendo erguida em Lauro de Freitas e está com 90% de obras concluídas, deve ser inaugurada no primeiro trimestre de 2020, passando a integrar a rede de assistência da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

De acordo com Vilas-Boas, o “Hospital Metropolitano será o principal equipamento de saúde da RMS, atendendo a todos os casos da rede de urgência e emergência do litoral norte e das cidades que compõem a região metropolitana, pelo fácil acesso, a partir de diversas vias expressas, o que irá desafogar o Hospital Geral do Estado, Hospital Geral Roberto Santos e o Hospital Geral de Camaçari”, ressalta.

Entre obras e equipamentos, a unidade receberá investimentos da ordem de R$ 180 milhões. Com 265 leitos, sendo 55 de Terapia Intensiva (UTI), o hospital será de grande porte, com 27.900 metros quadrados de área construída. A unidade será referência para casos de urgência e emergência, trauma (particularmente o trauma raquimedular), acidente vascular cerebral (AVC) e contará com dez salas de cirurgia. Um dos destaques do projeto é a Unidade de Atenção ao Acidente Vascular Cerebral (UAVC), que atenderá pacientes acometidos pelo Acidente Vascular Cerebral (isquêmico, hemorrágico ou ataque isquêmico transitório), na fase aguda, ofertando tratamento trombolítico venoso, reabilitação precoce e investigação etiológica completa.

Para o secretário de Saúde de Camaçari, Elias Natan, a unidade vai ser importante no atendimento à população da RMS. “O hospital se apresenta com uma estrutura muito boa e que a gente entende que irá trazer um grande benefício para a região. Sem dúvida, teremos um atendimento muito mais qualificado em virtude das condições que constatamos nessa visita”, afirma.

Já a secretária de Saúde de Simões Filho, Poliana Avena, diz que “a estrutura vem para fortalecer a saúde na Bahia. Aprovamos as instalações na visita técnica e este equipamento é de extrema importância, onde Simões Filho conta também com essa obra.

Também está em curso a pavimentação asfáltica de 2,6 quilômetros da Rua Djanira Maria Bastos e a construção de uma via de acesso ao novo hospital, que beneficiará moradores de Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Mata de São João, Pojuca, Salvador, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões Filho e Vera Cruz.

Gestão da saúde em Itabuna preocupa conselheiros e vereadores

Domingos Matos, 16/09/2019 | 16:39

Para o Conselho Municipal de Saúde de Itabuna – CMSI, o município vive um “problema crônico de gestão que não é exclusivamente [por falta] de financiamento”. Essa é a conclusão do relatório apresentado nessa quinta, 12, às Comissões de Saúde e Direitos Humanos do Legislativo itabunense. Os conselheiros cobram transparência e políticas duradouras para a pasta.   

Na Audiência Pública, o conselheiro Paulinho Silva denunciou, entre outras situações, a precariedade no atendimento da atenção básica, atrasos em pagamentos de funcionários e fornecedores, postos de saúde sem curativos, sem aferidor de pressão e insumos para diabéticos. “Falta resolutividade para esses problemas recorrentes”, lamentou o conselheiro.      

Da plateia, o ex-vereador Luís Sena declarou que “a saúde de Itabuna está doente, não por falta de verba.” Para ele é preciso “esclarecimento onde está sendo aplicado esse recurso.” A conselheira Sueli Dias, que atua junto a pacientes com câncer, pontuou que “eles sofrem calados e estão desacreditados a ponto de não procurarem mais as autoridades”.

Vereadores presentes à audiência manifestaram preocupação com as deficiências da saúde apontadas pelo Conselho. Apoiado por Enderson Guinho, Júnior Brandão e Chicão, Jairo Araújo defendeu a abertura de Comissão Especial de Inquérito para investigar e, se necessário, punir os responsáveis por mau gerenciamento dos recursos da Saúde.

“Apesar de auditorias que comprovaram desvios de milhões de reais, ninguém foi punido até agora. As pessoas estão morrendo”, declarou Guinho, que preside a Comissão de Saúde. “Temos que continuar apurando as irregularidades nos contratos na pasta da saúde visto que o prefeito cogita revisões contratuais e mais auditorias. A sociedade precisa saber o que está irregular”, frisou Jairo, de Direitos Humanos.
 

Policlínicas já atendem mais da metade dos municípios baianos

Domingos Matos, 16/09/2019 | 08:15

As policlínicas regionais de saúde já atendem a população de 58% dos municípios da Bahia. Com a inauguração da 12ª unidade, em Jacobina, na última quinta-feira (12), são 239 municípios contemplados pelos serviços. Cada policlínica recebe R$ 22 milhões em investimentos do Governo do Estado, que é responsável pela construção, aquisição de equipamentos, mobiliário e micro-ônibus para o transporte dos pacientes. 

O principal objetivo das policlínicas é complementar a atenção básica de saúde. Elas são construídas em locais estratégicos no interior do estado, possibilitando a regionalização do atendimento à população, que não precisa percorrer longas distâncias ou aguardar tempo excessivo para o atendimento.

As policlínicas já funcionam nas regiões de Teixeira de Freitas (13 municípios atendidos), Guanambi (22 municípios), Jequié (28 municípios), Irecê (24 municípios), Feira de Santana (28 municípios), Alagoinhas (19 municípios), Santo Antônio de Jesus (28 municípios), Valença (13 municípios), Paulo Afonso (9 municípios), Juazeiro (10 municípios) e Vitória da Conquista (28 municípios). Também estão em construção as unidades de Salvador, Barreiras, Itabuna, São Francisco do Conde, Simões Filho e Senhor do Bonfim. 

A manutenção das unidades é compartilhada entre o Estado, que financia 40% dos custos, e os municípios do consórcio de saúde, que cobrem os 60% restantes.

Entregue pelo governador Rui Costa na quinta-feira (12), a policlínica em Jacobina será administrada pelo consórcio formado por 17 municípios: Caém, Caldeirão Grande, Capim Grosso, Jacobina, Mairi, Miguel Calmon, Mirangaba, Ourolândia, Piritiba, Quixabeira, São José do Jacuípe, Saúde, Serrolândia, Umburanas, Várzea da Roça, Várzea Nova e Várzea do Poço. 

Nas policlínicas, a população têm acesso gratuito a consultas em diversas especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia e otorrinolaringologia, e exames como ressonância magnética, tomografia, mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, mapa, holter, eletroencefalograma, eletrocardiograma, endoscopia e colonoscopia.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.