CMVI

Tag: oficinas

Itacaré define programação da 2ª edição do Fórum de Turismo

Domingos Matos, 17/06/2019 | 14:37

A 2ª edição do Fórum de Turismo de Itacaré será aberta oficialmente nesta terça-feira, dia 18, às 9 horas da manhã, no Ecoporan Hotel, contando com a presença do prefeito Antônio de Aníizio e de autoridades estaduais e nacionais. O evento acontecerá entre os dias 18 a 20 de junho, trazendo para a cidade grandes nomes do turismo nacional e tendo como palestrantes profissionais renomados das mais diversas áreas, do Brasil e até de outros países. Esse ano o evento tem como tema “Turismo de Experiência & Melhoria da Competitividade”.

Para o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio o Fórum de Turismo será mais uma grande oportunidade para empresários, comunidades e o poder público conhecerem as principais tendências de turismo e trabalharem a grande diversidade que o turismo de Itacaré, que não se resume apenas às belas praias, mas também toda a região rural, a exemplo de Taboquinhas e Água Fria, com suas cachoeiras, aventuras e fazendas de cacau. Serão trêsdias de imersão em turismo com palestrantes nacionais e internacionais, rodadas de negócios, oficinas e visitas técnicas aos pontos turísticos do município.

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Júlio Oliveira, as pessoas quando viajam a turismo não querem apenas conhecer um lugar novo ou simplesmente sair da rotina, mas sim vivenciar uma experiência marcante em suas vidas. E foi pensando nisso que se chegou ao tema da 2ª edição do Fórum de Turismo de Itacaré, exatamente para debater as melhores práticas e ações para transformar esse setor em negócios ainda mais marcantes e rentáveis.

A realização é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria Municipal de Turismo, com o apoio da Conselho Municipal de Turismo, Sebrae. SPHA, Ecoporan Hotel, Ministério do Turismo e Governo da Bahia/Secretaria Estadual de Turismo. A proposta desse evento, segundo explicou Júlio Oliveira, é compartilhar as experiências, ampliar os conhecimentos nessa área, vivenciar os casos de sucesso e possibilitar a integração com agentes e profissionais brasileiros renomados.

Clique AQUI e confira a programação:

UFSB forma 1ª turma de especialistas em Saúde Coletiva

Domingos Matos, 15/06/2019 | 23:24

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) realizou, entre os dias 13 e 15, em Porto Seguro, o II Simpósio de Saúde Coletiva do Sul da Bahia, com o tema “Educação e Saúde: Interfaces e Desafios na Formação Interdisciplinar em Saúde”. O evento é uma parceria do Programa de Mestrado em Saúde da Família (PROFSAÚDE) e do Programa de Especialização em Saúde Coletiva (PPGESC).

Além de diversas atividades, como palestras, oficinas e mini cursos, o evento proporcionou oportunidade para a apresentação das dissertações de mestrado de vários profissionais médicos, que passam a ter o titulo de Mestre em Saúde da Família.

Com isso, será beneficiada a sociedade baiana e, em especial, a região sul da Bahia, que ganha com novos profissionais capacitados, com foco na atenção integral e humanizada de pessoas assistidas pelo SUS e nas demandas de saúde, onde o foco é a família.

Outro momento que mereceu destaque no evento foi a finalização e apresentação de resultados de pesquisas do Curso de Especialização em Saúde Coletiva, com ênfase na formação de Sanitaristas.

Diversos profissionais da saúde e da educação concluíram pesquisas com foco nas mais variadas nuances de agravos que incidem na saúde das pessoas. Sempre com o viés do olhar pelo coletivo, estes profissionais já neste segundo semestre de 2019, estão aptos ao mercado de trabalho e em muito poderão contribuir na melhoria dos índices da saúde.

Esta é a primeira turma de Especialistas em Saúde Coletiva, e foram formados nos três campi da UFSB - em Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

Na foto (topo), os novos Especialistas em Saúde Coletiva, de Itabuna, e seus professores professor doutor Antônio José Cardoso, e professora doutora Gabriela Andrade Silva, no evento em Porto Seguro

 

Escolas municipais de Itabuna terão Novo Mais Educação a partir de julho

Domingos Matos, 14/06/2019 | 15:31
Editado em 14/06/2019 | 15:30

A Secretaria Municipal da Educação de Itabuna (SME) inicia no ano letivo de 2019, através do Departamento de Educação Básica (DEB), o processo para oferta da escola em tempo integral, com o Programa Novo Mais Educação (PNME). Inicialmente, o programa estará inserido em cinco escolas, beneficiando cerca 600 estudantes do Ensino Fundamental (Anos Finais). 

Segundo a secretária municipal da Educação, professora Nilmecy Gonçalves, “este direcionamento do atendimento aos anos finais faz parte da proposta de fortalecimento da identidade dos alunos e elevação dos índices de aprendizagem deste segmento, aproveitando uma iniciativa do Governo Federal”, pontuou.

Com o início do PNME previsto para 3 de julho, os alunos beneficiados permanecerão nas unidades escolares por sete horas diárias, de segunda a sexta-feira, quando participarão das aulas regulares em um turno e, no outro, das cinco oficinas ofertadas e distribuídas da seguinte forma: duas obrigatórias (Língua Portuguesa e Matemática); e três de livre escolha (entre as de Arte, Cultura, Esporte e Tecnologia). 

As oficinas serão ministradas por monitores voluntários que participaram do processo seletivo específico para o PNME, realizado em março de 2018 pela SME. Para as escolas que começarão o programa e ainda não dispõem os monitores, a coordenação do PNME no município continuará com convocação dos selecionados em 2018. Contudo, será organizado um cadastro reserva para eventuais necessidades, com análise de currículo e entrevista. Os interessados devem entregar seus currículos no DEB/SME, que funciona no Centro Administrativo Firmino Alves (Prefeitura de Itabuna), na Avenida Princesa Isabel, 678 – Bairro São Caetano. O DEB receberá os currículos nos dias 19 de junho (próxima quarta-feira) e 25 de junho (terça-feira), no horário das 09h às 15h.

Definida programação da 2ª edição do Fórum de Turismo de Itacaré

Domingos Matos, 05/06/2019 | 15:28

Grandes nomes do turismo nacional e internacional vão estar em Itacaré na 2ª edição do Fórum de Turismo, que acontecerá no período de 18 a 20 de junho, no Ecoporam Hotel. Esse ano o Fórum terá como tema “Turismo de Experiência & Melhoria da Competitividade”. O evento terá como palestrantes profissionais renomados das mais diversas áreas, do Brasil e até de outros países. A inscrição é gratuita e será aberta a todas as pessoas interessadas em conhecer mais e discutir o fortalecimento do turismo no município.                                                                       

Para o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio o Fórum de Turismo será mais uma grande oportunidade para empresários, comunidades e o poder público conhecerem as principais tendências de turismo e trabalharem a grande diversidade que o turismo de Itacaré, que não se resume apenas às belas praias, mas também toda a região rural, a exemplo de Taboquinhas e Água Fria, com suas cachoeiras, aventuras e fazendas de cacau. Serão trêsdias de imersão em turismo com palestrantes nacionais e internacionais, rodadas de negócios, oficinas e visitas técnicas aos pontos turísticos do município.

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Júlio Oliveira, as pessoas quando viajam a turismo não querem apenas conhecer um lugar novo ou simplesmente sair da rotina, mas sim vivenciar uma experiência marcante em suas vidas. E foi pensando nisso que se chegou ao tema da 2ª edição do Fórum de Turismo de Itacaré, exatamente para debater as melhores práticas e ações para transformar esse setor em negócios ainda mais marcantes e rentáveis.

A realização é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria Municipal de Turismo, com o apoio da Conselho Municipal de Turismo, Sebrae. SPHA, Ecoporan Hotel, Ministério do Turismo e Governo da Bahia/Secretaria Estadual de Turismo. A proposta desse evento, segundo explicou Júlio Oliveira, é compartilhar as experiências, ampliar os conhecimentos nessa área, vivenciar os casos de sucesso e possibilitar a integração com agentes e profissionais brasileiros renomados.

Confira a programação:

Dia 18 de junho de 2018 (Terça-feira)

08h30 – Credenciamento

09h00 – Abertura: Prefeito de Itacaré António Mário Damasceno, Autoridades locais, regionais, estaduais e nacionais.

09h30 – Palestras de Abertura:

- “Programas do Ministério do Turismo e principais ações desenvolvidas para impulsionar o turismo brasileiro.".  Bob Santos –Secretário Nacional de Integração Interinstitucional do Ministério do Turismo

- “Atual estágio do setor turístico brasileiro e perspectivas de crescimento" Alexandre Sampaio - Presidente Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade da CNC

- “Desafios e oportunidades na Gestão Pública Municipal do Turismo no Brasil” – Jair Galvão – Presidente da Associação Nacional de Secretários e Dirigentes Municipais de Turismo – ANSEDITUR e Secretário de Turismo de Maceió.

12h30 às 14h – Intervalo para Almoço

14h – Palestra Motivacional - "Mercado de Eventos, cases de sucesso em suas empresas, estratégias para quem deseja obter sucesso na área “de eventos.  José Victor Oliva - Presidente da Holding Clube e do Banco de Eventos

 15h – Painel " Inteligência Empresarial e Competividade no Turismo "

- “Como Aumentar a Rentabilidade do seu Hotel - Rodolfo Delphorno – Gerente nacional de Vendas da OMNIBEES

“Como produzir imagens e conteúdo para propagação nos meios digitais” Lupércio Oliveira - Fotografo Certificado pelo Google

- “Cidades Empreendedora - Impacto e Resultados para o Segmento de Turismo” – Claudiana Campos Figueiredo – Gerente da Unidade Regional SEBRAE

– Educação Profissional, um caminho para o mercado de trabalho no turismo – Nanci Costa – Supervisora Pedagógica do SENAC

18h – RODADA DE NEGÓCIOS

Humberto Capelin - Gestor de Produtos Extremo Sul da Bahia da Azul Viagens

Daniel Firmino - Diretor de Produtos Nacionais & Operações da Flytour Viagens

Nilton Roberto Filho - Supervisor de Produtos da CVC CORP (CVC - VISUAL - TREND)

Michael Ferreira - Executivo de Vendas do HOTEL URBANO

Rafael Moura -  Coordenador Regional OMNIBEES / BA

 

Dia 19 de junho de 2019 (Quarta-feira)

09h00 – Painel " Turismo de Experiência: Potencialidades e Desafios"

- “O Turismo Rural com vivências do Cacau ao Chocolate” – Fabiola Leme, Turismológa e Consultora da Empresa Eixo 4

- “A Evolução do Turismo de Observação de Baleias no Nordeste do Brasil” Sergio Cipolotti, Coordenador Ambiental do Instituto Baleia Jubarte:

- “Turismo Gastronômico: Conhecendo os saberes e sabores da gastronomia de raiz” – Revecca Tapie – Representante do Movimento Slow Food Brasil 

- “Turismo de Pesca Esportiva Oceânica em Itacaré: Desafios e oportunidades” – Origenes Araújo - Itacaré Marine Sport Fishing

12h00 às 14h – Intervalo para Almoço

14h – Apresentação do case de sucesso em Ecoturismo – Reserva de Itacaré  – Paulo Ferrera – Proprietário e Guia

14h30 – Palestra “Impacto do turismo de observação de aves na sociedade, economia e meio ambiente” - Rafael Piedade Felix -Presidente da Associação Passarinhar é Viver

- Lançamento do 2º Workshop de Turismo de Observação de Aves em Itacaré

16h00 - Palestra de Encerramento "Planejamento de Ações da Secretaria Estadual de Turismo” - Fausto de Abreu Franco - Secretário de Turismo do Estado da Bahia

17h00 – Encerramento

18h00 - Coquetel de Lançamento do 6º Festival Gastronômico Sabores de Itacaré

Dia 20 de junho de 2018 (Quinta-feira)

10h - Visita Técnica

- Visita a Reserva Itacaré

13h - Encerramento

 

Projeto Caminhão com Ciência da Uesc visita Escola Margarida Pereira

Domingos Matos, 27/05/2019 | 07:18

Se a Secretaria Municipal da Educação de Itabuna (SME), tem traçado para si e para as orientações gerais sobre gestão escolar palavras de ordem como “garantia do direito de aprender”, “parcerias”, “sucesso”, “permanência” e “planejamento com base nos indicadores”, essa síntese e essas palavras têm tido a Escola Municipal Margarida Pereira, no bairro Pedro Jerônimo, como uma de suas caixas de ressonância mais latentes. 

No sábado (25), a escola recebeu a visita do projeto “Caminhão com Ciência”, da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), através do qual os estudantes e os professores da unidade escolar, em contato com os trabalhos orientados por professores e alunos de diversos cursos da UESC, tiveram acesso às informações sobre desenvolvimento científico, pesquisas, experiências e resultados nos mais variados temas e assuntos do cotidiano sociocultural. 

A secretária municipal da Educação de Itabuna, professora Nilmecy Gonçalves, esteve presente e disse que "momentos como esses reverberam que experiências de acesso ao conhecimento são potencializadas quando reúnem atores intra e extra comunidade escolar,  aflorando ainda mais a vontade de aprender", disse.

Trazendo temas que foram desde reprodução humana até os benefícios e cuidados com a eletricidade, as apresentações  foram consideradas muito positivas. Para o diretor da escola, professor Érico José dos Santos, “esse contato dos alunos com pesquisas é muito importante justamente pela capacidade que esse tipo de ação tem de incentivar os alunos da escola a desenvolverem eles também as próprias pesquisas e mesmo a terem vontade de adentrarem espaços universitários, como estudantes e como pesquisadores”, disse o professor. 

O Caminhão com Ciência é o meio de transporte para exposições científicas interativas e oficinas nas áreas de Física, Química, Biologia, Matemática, Biomedicina e Geografia. As exposições e oficinas são realizadas em escolas públicas e centros comunitários nos finais de semana, para melhor se adequarem às atividades acadêmicas da UESC.

A equipe é formada por um coordenador geral, coordenadores das áreas de atuação do projeto, professores colaboradores, monitores bolsistas de extensão da UESC e monitores voluntários. 

O Caminhão com Ciência já atingiu um público de aproximadamente 20 mil visitantes desde o início do protejo, em várias cidades.

A exposição itinerante de divulgação científica tem os mesmos aspectos das exposições realizadas em museus e Centros de Ciências. 

No site do projeto, informações dão conta que já não há mais previsão de agendamentos de visitas para o ano de 2019, mas quem tiver interesse em receber a exposição em 2020, deverá entrar em contato pelo e-mail caminhaocomcienciauesc@gmail.com, em janeiro do ano que vem. 

Casas Abrigo recebem mulheres em situação de violência doméstica 

Domingos Matos, 25/05/2019 | 14:33
Editado em 25/05/2019 | 14:32

Receber proteção pode ser a diferença entre a vida e a morte de uma mulher. As Casas Abrigo administradas pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), representam a possibilidade de deixar para trás uma rotina de violência doméstica. Atualmente, as três unidades dispõem de 60 vagas, sendo 20 em cada uma. Elas ficam em três municípios diferentes da Bahia e estão à disposição de mulheres dos 417 municípios baianos.  

Durante o acolhimento, a mulher recebe suporte para que não volte para a situação de violência em que se encontrava, como explica o secretário da SJDHDS, Carlos Martins. “Nós temos todo um trabalho de proteção, com equipe de psicólogos e assessores, que discutem a possibilidade de colocá-la em políticas de educação, profissionalização ou empreendedorismo, a depender do caso. Isso para que elas possam sair do abrigo com uma perspectiva de autonomia”.

As Casas Abrigo fazem parte do projeto 'Oferta Regionalizada do Serviço Institucional de Acolhimento para Mulheres em Situação de Violência'. “Antes, a gente tinha apenas uma Casa Abrigo e, em 2018, nós resolvemos regionalizar e ampliar, com a meta de chegar a cinco até 2020. Assim, nós saltamos de 20 para 100 vagas disponíveis. Já estamos discutindo com os próximos dois municípios que vão receber as duas unidades”, acrescenta Martins. 

Coordenadora de uma das Casas Abrigo, Geisika Dantas destaca que “muitas mulheres ficam sujeitas à violência doméstica pela dependência econômica. Então, quando a mulher chega à Casa Abrigo, ela passa por oficinas profissionalizantes. Além das oficinas e cursos que oferecemos, a gente também estimula para que, ao se desabrigar, ela faça o Enem, ingresse na Educação para Jovens e Adultos [EJA] ou procure uma atividade produtiva remunerada". 

Abrigada há dois meses em uma unidade, uma das mulheres conta a história que viveu e diz que o período de acolhimento ampliou seus horizontes. “Eu passei, durante oito meses, por violência física, sexual e psicológica. Fiz a denúncia, fui encaminhada e, aqui na Casa Abrigo, eu tenho refletido bastante sobre o que eu quero na minha vida. Foi aqui que eu conheci a Educação para Jovens e Adultos e vou fazer a prova quando sair daqui. Na Casa Abrigo, eu aprendi muitas coisas. Participo de oficinas em áreas que podem ser até minha sobrevivência, sem depender de ninguém”, afirma. 

 

Importância da denúncia 

Psicóloga da Central Estadual de Atendimento, Cíntia Palma orienta que qualquer mulher que sofra violência doméstica, seja física, psicológica ou patrimonial, procure uma delegacia especializada da mulher ou uma delegacia comum e faça a denúncia. “O caso será encaminhado para os órgãos competentes de acompanhamento na Assistência Social do município, que vai entrar em contato com a Central de Acolhimento Estadual. O caso será analisado e a mulher será abrigada em uma das unidades. Mas é preciso que a mulher denuncie”.

Segundo Cíntia, a mulher pode sair da Casa Abrigo no momento em que decidir. “Mas enquanto estiver ali, ela não pode ter contato com o exterior. À medida em que presta a denúncia, o homem é indiciado e é iniciada uma Medida Protetiva de Urgência [MPU], que vai servir para que o agressor responda um processo criminal e vai garantir que ele não se aproxime mais dela”.

 

Começa nesta terça-feira a matrícula do pré-vestibular Universidade Para Todos

Domingos Matos, 21/05/2019 | 07:17
Editado em 20/05/2019 | 20:21

A matrícula para o cursinho pré-vestibular Universidade para Todos começa nesta terça-feira (21) e segue sexta (24), no local e turno para os quais o aluno optou para cursar. O programa é ofertados pela Secretaria da Educação do Estado em parceria com as universidades estaduais (UNEB, UESC, UEFS e UESB) e tem como objetivo o fortalecimento da política de acesso à Educação Superior. Neste ano, foram inscritos 32.711 estudantes de todo o Estado para as 11.505 vagas ofertadas. As aulas irão começar no dia 27 deste mês e seguem até dezembro.

No ato da matrícula, o estudante classificado deverá apresentar os documentos expressos no edital, dentre os quais os documentos pessoais e os históricos escolares do Fundamental II e do Ensino Médio. Além das aulas, os alunos têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e orientação vocacional. Para os cursistas da UNEB e UESB, que obtiverem frequência superior a 75% nas aulas, está garantida a isenção da taxa de inscrição no vestibular.

Para a execução do projeto, serão selecionados pelas universidades parcerias, 1.034 estudantes universitários que atuarão como professores/monitores. Esta é mais uma política pública educacional desenvolvida pela Secretaria da Educação do Estado voltada para a juventude, de modo a oportunizar aos universitários a vivência do exercício da docência. Durante a execução do programa, esses alunos serão acompanhados e passarão por formação.

O cursinho pré-vestibular é voltado a estudantes matriculados, em 2019, no 3º ano do Ensino Médio Regular estadual ou municipal ou nas suas modalidades correspondentes; aos matriculados, em 2019, no 4º ano da Educação Profissional integrada ao Ensino Médio da rede estadual ou municipal ou nas suas modalidades correspondentes; e nos egressos do Ensino Médio estadual ou municipal do Estado da Bahia. Marcado pela abrangência nos 27 Territórios de Identidade, o programa já possibilitou a cerca de 20 mil estudantes o ingresso no Ensino Superior em diversas instituições, ao longo de dez anos.  

 

Semana do Microempreendedor Individual começa na próxima segunda em Ilhéus

Domingos Matos, 17/05/2019 | 16:01

Começa na próxima segunda-feira (20), a programação local para a Semana Nacional do Microempreendedor Individual (MEI), com extensão da Sala do Empreendedor de Ilhéus para uma infraestrutura que será montada em frente à sede da Associação Comercial e Industrial de Ilhéus (ACII), no centro histórico, das 8h30 às 18 horas, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Indústria e Comércio (Sedic).

O reforço no atendimento aos 6.500 cadastrados como MEI em Ilhéus será o objetivo principal do evento. Segundo o chefe da Seção do Balcão do Empreendedor, Felipe Yamamoto, além da tradicional programação com oficinas, palestras e orientações técnicas, este ano os participantes poderão regularizar o cadastro de formalização do MEI, de acordo com as novas regras do governo federal. “O cadastro no programa Brasil Cidadão agora é obrigatório, mas é um procedimento simples”, diz Yamamoto.

Com o cadastro, conforme enfatiza Yamamoto, todas as pessoas jurídicas, independentemente do tipo e tamanho, terão acesso a linhas de crédito, cursos, palestras, incentivos, capacitação profissional e assessorias. “Além disso, será possível acompanhar e fazer alterações sobre o CNPJ no sistema. Foi uma medida adota para desburocratizar os serviços de apoio aos empreendedores e ampliar a oferta de benefícios”, acrescenta.

Durante a Semana do MEI, que se estende até 24 de maio, tanto os microempreendedores ilheenses já cadastrados quanto interessados em ingressar no mercado contarão com atendimento especializado contarão com atendimento especializado da Sedic para se formalizar, preencher a declaração anual e esclarecer dúvidas por meio de consultorias

Descentralização – De acordo com a Sedic, o atendimento nas centrais de abastecimentos dos bairros Hernani Sá (Urbis) e Malhado será nos dias 22 e 24, das 13 às 17 horas. Os interessados também podem contar com atendimento no SAC, dia 23, das 14 às 17 horas. Para ter acesso, é preciso apresentar o número do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) juntamente com as informações das movimentações financeiras do ano anterior. 

Durante a ação, dois cursos serão oferecidos gratuitamente aos microempresários. O “Sei planejar meu dinheiro” e o “Previdência Social e INSS”, temas que servem para explorar todo o conteúdo que os microempreendedores individuais precisam saber. Este ano, as centrais de abastecimento também vão receber os cursos de capacitação entre outros serviços ao microempreendedor local.

 

Casa Jorge Amado terá visitação gratuita no Dia Internacional de Museus

Domingos Matos, 16/05/2019 | 15:21

Um dos mais importantes equipamentos do turismo cultural de Ilhéus, a Casa de Cultura Jorge Amado, estará aberta para visitação gratuita neste sábado, 18 de maio, das 9 às 17 horas, quando é comemorado o Dia Internacional de Museus. A atividade insere a cidade na programação da 17ª Semana Nacional de Museus, promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), com a participação de 1.114 instituições de cultura de todo o país.

Segundo o Ibram, acontece em todo o Brasil, de 13 a 19 de maio, 3.222 atividades especiais, como visitas mediadas, palestras, oficinas e exibição de filmes. O secretário municipal de Cultura, Pawlo Cidade, destaca que os museus são pontos de memória que precisam ser continuamente reverenciados.

O museu da Casa de Cultura Jorge Amado fica localizado na Rua Jorge Amado, centro histórico de Ilhéus, no palacete construído em estilo neoclássico no final da década de 1920, onde o escritor passou parte da infância e adolescência. O equipamento mantém exposição de roupas, fotos, histórico dos pais e da infância, além de vídeos sobre o escritor.

 

Semana do MEI promove palestras e oficinas em todo o país

Domingos Matos, 16/05/2019 | 13:39

O Sebrae promoverá em todo o país, de 20 a 24 de maio, a 10ª edição da Semana do MEI, com uma ampla programação digital e presencial. São 2.500 eventos, entre oficinas, webinários, palestras, seminários e orientações técnicas que têm como foco apoiar a gestão dos MEI e orientar a formalização de empreendedores interessados em registrar CPNJ como Microempreendedor Individual. O objetivo é oferecer, para os mais de 8,3 milhões de MEI em operação no país - segundo dados do Portal do Empreendedor até o final de abril – capacitação e orientação com foco no sucesso do cliente, de maneira que possam ter melhores resultados em seus negócios.

Somando os números das duas últimas edições, realizadas em 2017 e 2018, foram atendidos mais de 99 mil MEI, além de 97 mil empreendedores interessados na formalização. Apenas em 2018, foram atendidos 43.836 pequenos negócios que já atuavam com MEI e 56.815 potenciais empreendedores que buscavam informações sobre como se tornar microempreendedor individual. 

“O brasileiro tem uma natureza empreendedora. Diversos estudos globais mostram que estamos entre as nações mais empreendedoras do mundo. Nesse contexto, a figura do MEI foi uma verdadeira revolução, permitindo que milhões de pessoas pudessem acessar uma série de benefícios vinculados à formalização de seus negócios”, comenta o presidente do Sebrae, Carlos Melles. Segundo ele, a Semana do MEI promovida pelo Sebrae tem um papel extremamente importante de orientar os donos de pequenos negócios que ainda atuam na informalidade e oferecer subsídios aos que já se tornaram microempreendedores e querem ampliar o empreendimento.

Presencialmente, serão oferecidos atendimentos especializados, focados em gapsgerenciais e de competitividade desse público. Pelas plataformas digitais, estarão disponíveis informações sobre gestão, crédito, finanças, marketing digital, benefícios de ser MEI, direitos e deveres, além de conteúdos específicos para alguns segmentos de maior volume do MEI como alimentos e bebidas, beleza, construção e reforma, energia, saúde e bem-estar, turismo, vestuário, calçados e bolsas.

Educação Financeira

No mesmo período da Semana do MEI, de 20 a 26 de maio, acontecerá a Semana Nacional de Educação Financeira, com ações direcionadas também a auxiliar a gestão financeira do MEI. Pesquisa do Sebrae apontou, em 2018, que 77% dos microempreendedores individuais ouvidos nunca fizeram capacitação em finanças, 50% deles preferem registrar o controle dos gastos e investimentos em papel e 34% não conseguem manter seus pagamentos em dia. Neste contexto, o Sebrae adotou as finanças como tema da Semana do MEI deste ano e conciliou toda a sua agenda de capacitações em gestão financeira voltada ao MEI, trazendo orientações para que este se torne mais competitivo e tenha no controle de gastos um aliado para se tornar a cada dia mais competitivo. Já são mais de 2 mil eventos voltados a educação e gestão financeira planejados para o período.

10 anos do MEI

Em julho, o país comemora 10 anos do surgimento dos primeiros Microempreendedores Individuais, criados pela Lei Complementar 128, de 2008. O MEI foi criado para facilitar a formalização, criando condições únicas para os empreendedores brasileiros. A Lei Complementar 128 foi sancionada em dezembro de 2008, mas entrou em vigor apenas em julho 2009, e possibilitou que em uma década, mais de 8,3 milhões de trabalhadores se formalizassem. A legislação que beneficia diretamente o MEI tem passado por várias mudanças, uma das principais diz respeito ao limite de faturamento anual que sofreu duas alterações ao longo do período. A primeira em 2012, que levou esse limite de R$ 36 mil para R$ 60 mil. A segunda, no ano passado, quando o teto de faturamento foi reajustado para R$ 81 mil. Com o aumento da faixa de faturamento, empreendedores que exerciam outras atividades também tiveram mais chances de se formalizar.

 

Itacaré vai discutir políticas para a educação quilombola

Domingos Matos, 14/05/2019 | 12:17

Itacaré vai realizar o I Seminário de Educação Quilombola, no dia 17 de maio, das 8 às 14 horas, na comunidade do Fojo. O evento tem como tema “Políticas Públicas para a Educação Quilombola” e o objetivo é ampliar o debate sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Escolar Quilombola e o papel da escola e da sociedade para a implementação da educação cada vez melhor para as relações étnico-raciais,

A realização do evento é da Prefeitura de Itacaré, através das secretarias de Educação e Comunicação, e vai contar com a participação das comunidades quilombolas do Fojo, Santo Amaro, Porto de Trás, Oitizeiro, Serra de Água e João Rodrigues, além dos profissionais da área de educação. A proposta é acolher professores, estudantes, assistente social, pedagogos e lideranças quilombolas para juntos promover os valores sócio-histórico-culturais e pedagógicos das populações afro-brasileiras, além de identificar os desafios encontrados em Itacaré para implementação da Educação Escolar Quilombola

A secretária municipal de Educação, Eliane Camargo, explica que o seminário contará com uma metodologia rica em palestras, rodas de conversas, apresentação de trabalhos, oficinas e mesas de diálogos para o compartilhamento de saberes ancestrais e avançar cada vez mais na educação quilombola. O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, considera o evento como um importante momento para abordar a memória, contribuições e história dos quilombos no Brasil, em especial no município e discutir com a comunidade sobre a educação escolar quilombola e o quilombo sob os olhares da sociedade.

Inscrições para o pré-vestibular Universidade para Todos terminam nesta terça-feira

Domingos Matos, 06/05/2019 | 14:49

As inscrições para o Programa Universidade Para Todos (UPT) terminam nesta terça-feira (7). Estão sendo ofertadas 11.505 vagas. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas exclusivamente pelo Portal da Educação. Criado em 2003, o cursinho pré-vestibular é desenvolvido em parceria com as universidades estaduais (Uneb, Uesc, Uefs e Uesb) e visa o fortalecimento da política de acesso à Educação Superior. Marcado pela abrangência nos 27 Territórios de Identidade, o UPT, ao longo de dez anos, já possibilitou a cerca de 20 mil estudantes o ingresso no Ensino Superior em diversas instituições. 

O cursinho pré-vestibular é voltado a estudantes matriculados, em 2019, no 3º ano do Ensino Médio Regular estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes; matriculados, em 2019, no 4º ano da Educação Profissional integrada ao Ensino Médio da rede estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes e egressos do Ensino Médio estadual ou municipal do Estado da Bahia.

No ato da inscrição, o candidato deverá fazer opção para um único município, local de funcionamento e turno que deseja cursar, bem como preencher integralmente o formulário de inscrição. O candidato informará, obrigatoriamente, o número do seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e criará uma senha de seis a oito dígitos, o que dará origem a um nome de usuário para acesso ao endereço de inscrição. Além de poder fazer alterações sobre a inscrição pelo sistema, o candidato também poderá tirar dúvidas sobre o processo pelo telefone 0800 285 8000, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h ou pelo email: upt@educacao.ba.gov.br.

A seleção dos candidatos será feita a partir das notas de Português e Matemática informadas pelos candidatos no ato da inscrição. A lista dos contemplados será divulgada no dia 10 de maio no Portal da Educação. A matrícula deverá acontecer de 21 a 24 de maio, no turno e local para o qual o estudante optou para cursar, com a apresentação dos documentos expressos no edital, entre os quais os documentos pessoais e os históricos escolares do Fundamental II e do Ensino Médio. As aulas estão previstas para começar no dia 27 de maio e seguem até o mês de dezembro.

Além das aulas, os estudantes têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e orientação vocacional. Os 11.505 selecionados receberão camisa e material de estudo. Para os cursistas da Uneb e Uesb, que obtiverem frequência superior a 75% nas aulas, está garantida a isenção da taxa de inscrição no vestibular.

Para a execução do projeto, serão selecionados pelas universidades parcerias, 1.034 estudantes universitários que atuarão como professores/monitores. Esta é mais uma política pública educacional voltada para a juventude, de modo a oportunizar aos universitários a vivência do exercício da docência. Durante a execução do programa, eles serão acompanhados e passarão por formação.

A estudante Vitória Santos, concluinte do Ensino Médio do Colégio Estadual Mestre Paulo dos Anjos, cursou o UPT, em 2018, e foi aprovada para o Bacharelado Interdisciplinar da Universidade Federal da Bahia (Ufba), em 2019. Ela falou sobre o papel do UPT para seu ingresso no Ensino Superior. “Esta foi uma experiência gratificante que me proporcionou chegar à universidade. É um momento de aprendizado didático e de vivência que aconselho a todos os estudantes da rede estadual buscarem essa chance. Garanto que é um projeto de qualidade, com ótimos professores. E o aluno da rede pública tem que acreditar que pode cursar uma universidade como eu e diversos outros alunos puderam contar com a ajuda do UPT”, destacou.

 

Itacaré oferece 50 vagas para curso Universidade Para Todos

Domingos Matos, 25/04/2019 | 07:06

As inscrições para o curso Universidade Para Todos já estão abertas e podem ser feitas até o dia 02 de maio, exclusivamente no site www.educacao.ba.gov.br/universidadeparaodos. Para o município de Itacaré estão sendo oferecidas 50 vagas, com aulas que serão ministradas no turno noturno, no Centro Educacional de Itacaré. O Universidade Para Todos é um projeto totalmente gratuito que prepara os alunos para os vestibulares e também para o ENEM.

O cursinho pré-vestibular é voltado para os seguintes estudantes: Matriculados no 3º ano do ensino médio estadual ou municipal ou modalidades correspondentes; Matriculados, em 2019, no 4º ano da educação profissional integrada ao ensino médio da rede estadual ou municipal; e aqueles que terminaram o ensino médio nas redes estadual ou municipal de ensino da Bahia. No momento da inscrição, o candidato deve escolher um município, local e turno que deseja cursar, assim como preencher o formulário de inscrição.

A lista dos contemplados pelo programa será divulgada no dia 10 de maio, no Portal da Educação. A seleção será realizada com base nas notas de Matemática e Português que os candidatos informarem na inscrição. As oportunidades são em parceria com as universidades estaduais (Uesb, Uefs, Uneb e Uesc). A matrícula está prevista para ocorrer entre 21 e 24 de maio, no turno e local para o qual o estudante optou cursar, com a apresentação dos documentos expressos no edital, entre eles os documentos pessoais e os históricos escolares do Fundamental II e do Ensino Médio.

As aulas devem começar no dia 27 de maio e seguem até o mês de dezembro. Além das aulas, os estudantes têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e orientação vocacional. Os selecionados receberão camisa e material de estudo. Para a execução do projeto, serão selecionados pelas universidades parceiras 1.034 estudantes universitários que atuarão como professores/monitores.

Uesc vai coordenar cursinho Pré-Vestibular do Universidade Para Todos no sul da Bahia

Domingos Matos, 23/04/2019 | 17:23

A Secretaria de Educação da Bahia abriu nesta terça-feira (23) as inscrições para o Programa Universidade Para Todos (UPT), que oferece 11.505 vagas. O candidato pode se inscrever gratuitamente, no período de 23 de abril a 2 de maio, pelo Portal da Educação. No sul da Bahia, o programa é coordenado pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).

O cursinho pré-vestibular é voltado a estudantes matriculados, em 2019, no 3º ano do Ensino Médio Regular estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes; matriculados, em 2019, no 4º ano da Educação Profissional integrada ao Ensino Médio ou suas modalidades correspondentes e egressos do Ensino Médio estadual ou municipal na Bahia.

No ato da inscrição, o candidato deverá fazer opção para um único município, local de funcionamento e turno que deseja cursar. O candidato informará, o número do seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e criará uma senha de seis a oito dígitos, o que dará origem a um nome de usuário para acesso ao endereço de inscrição.

Além de poder fazer alterações sobre a inscrição pelo sistema, o candidato também poderá tirar dúvidas sobre o processo pelo telefone 0800 285 8000, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 12h e das 13h30min às 18h ou pelo email.

A seleção dos candidatos será feita a partir das notas de Português e Matemática informadas pelos candidatos no ato da inscrição. A lista dos contemplados será divulgada no dia 10 de maio no Portal da Educação. A matrícula deverá acontecer de 21 a 24 de maio, no turno e local para o qual o estudante optou para cursar, com a apresentação dos documentos previstos no edital.

As aulas estão previstas para começar no dia 27 de maio e seguem até o mês de dezembro. Além das aulas, os estudantes têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e orientação vocacional. Os 11.505 selecionados receberão camisa e material de estudo.

Para os cursistas da Universidade Estado da Bahia (Uneb) e Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), que obtiverem frequência superior a 75% nas aulas, está garantida a isenção da taxa de inscrição no vestibular.

Shopping Jequitibá tem horários especiais e programação infantil na Semana da Páscoa

Domingos Matos, 17/04/2019 | 12:40

O Shopping Jequitibá em Itabuna tem horários diferenciados nesta Semana da Páscoa, em que o fluxo de clientes e a busca por ovos de chocolate aumentam consideravelmente. Desde segunda-feira, até sábado, as Lojas Americanas mantém o horário estendido, funcionando das 9 às 22 horas. Também no sábado, a Cacau Show abre das 9 às 22 horas.
No domingo de Páscoa a Cacau Show irá funcionar das 9 da manha até as 21h 

Na Sexta Feira Santa, o shopping permanece fechado. E no Domingo de Páscoa, que também é o feriado de Dia de Tiradentes, a Praça da Alimentação funciona das 12 às 21 horas, as lojas abrem das 13 às 21 horas, o Bom Preço das 8 às 21 horas e a Lotérica estará fechada.

 
PROGRAMAÇÃO INFANTIL
 
A programação especial de Páscoa para as crianças prossegue até domingo no Shopping Jequitibá. Nesta quinta, dia 17, às 18 horas, será realizado o Musical de Páscoa, apresentado pelo  Centro de Dança Luisa Sellmann, na Praça de Alimentação.

Entre os dias 18 e 21 e abril, com exceção do feriado do dia 19, haverá oficinas de confecção de embalagens para chocolate, produção de ovos de Páscoa, biscoito decorado e brigadeiro. sanduiche do Coelhinho, além de  atividades recreativas.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.