Tag: workshop

Santa Casa de Itabuna promove Workshop sobre Pasteurização de Leite Humano 

Domingos Matos, 15/05/2019 | 12:40

No próximo dia 20, o Banco de Leite da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna promoverá um Workshop sobre pasteurização de leite humano e uma roda de conversa com as mães da UTI Neonatal.

De acordo com a coordenadora do Banco de Leite, Bianca Latrilha, o evento vai acontecer das 14h às 16h na sala de espera do Pavilhão Otaciana Pinto do Hospital Manoel Novaes e vai contar com a presença dos bombeiros falando sobre a importância da Rota (coleta em domicílio). “Além disso faremos uma movimentação nos pavilhões para lembrar sobre o Dia Nacional da Doação de Leite Humano”, afirma.

Comemorado no dia 19 de maio, o Dia Nacional da Doação de Leite Humano tem por intuito sensibilizar a sociedade acerca da importância da doação de leite humano, sendo esta, uma forma de promover o aleitamento materno. No Hospital Manoel Novaes, essa prática é incentivada diariamente através de diversas ações promovidas pelo Banco de Leite da instituição.

 

Importância da doação de leite materno

Alguns bebês nascem prematuros e são internados com baixo peso, com algumas patologias e muitas vezes não podem ser alimentados diretamente pelas próprias mães. Dentro dessa perspectiva, a doação do leite materno é de extrema importância. Além disso, a prática da doação de leite materno também favorece a produção de leite para as mães que estão amamentando normalmente seus filhos. É um ato de amor que pode ajudar muitas crianças que passam pelo Hospital Manoel Novaes.

Luciana Nobre, coordenadora de enfermagem da UTI Neonatal do Novaes, explica que a partir do momento em que a mulher começa a retirar o leite enquanto colostro, ela começa a fazer uma reserva de um leite mais rico para quando o bebê precisar ou outras crianças cujas mães não possam amamentar possam aproveitar. “A mulher que estimula o peito tem uma amamentação assegurada, para quando o bebê estiver pronto para absorver esse leite. Essa produção será mantida e o bebê vai poder ir ao seio com uma facilidade maior para sugar”, destaca.

Sendo assim, é necessário incentivar a doação de leite materno e criar ações que promovam uma maior divulgação sobre a doação e o trabalho feito pelo Banco de Leite da Santa Casa, de forma a garantir um estoque para esses bebês.

 

Como fazer para doar leite materno

O primeiro passo é orientar a mulher a buscar o banco de leite humano para fazer um cadastro, onde ela é orientada e recebe todas as informações. Ela também deve apresentar todos os exames realizados durante o pré-natal. Só após uma análise o banco dará uma devolutiva a essa mulher. “Vamos avaliar se ela tem esses critérios de elegibilidade”, explica.

Uma vez dentro dos critérios exigidos, a mulher é orientada para fazer a extração do leite, chamada de ordenha, a maneira como ela vai extrair e guardar esse leite em casa para manter as propriedades dele. Uma vez na semana, alguém do hospital vai até a casa da doadora recolher esse leite acompanhado do corpo de bombeiros, ver como a mulher está, se está tendo alguma intercorrência com relação ao pós-parto e a orienta com relação a alimentação. “Acaba sendo uma troca dentro desse contexto porque ela doa o leite e ganha orientações acerca de cuidados com ela e com o bebê”, completa.

 

Classificação do leite materno

-Nos primeiros dias após o parto, que leva de 0 a sete dias, o leite vai ser classificado como colostro;

-De sete a 14 dias, será considerado como leite de transição;

-De 14 dias em diante, o leite vai ser classificado como maduro, sendo esse o tempo de adaptação e adequação do intestino do bebê para receber o leite nessa modalidade;

 

 

 

 

2º Workshop de Observação de Aves será em setembro em Itacaré

Domingos Matos, 07/05/2019 | 10:39

Itacaré vai sediar o 2º Workshop de Observação de Aves, no período de 19 a 21 de setembro, atraindo para a cidade turistas e observadores de diversas partes do Brasil. A ideia é dinamizar esta vertente do ecoturismo na Bahia, onde é grande a diversidade de espécies de aves, conforme explicaram os representantes da Associação Passarinhar é Viver e da agência Happy Tour ao secretário estadual do Turismo, Fausto Franco, durante reunião realizada na última sexta-feira (3).

Segundo o presidente da Associação Passarinhar é Viver, Rafael Piedade Félix, a observação de aves atrai turistas e contribui para a preservação das espécies. “É uma atividade que possui também cunho científico, pois fazemos um cadastro e conseguimos monitorar o movimento dessas aves na Bahia, muitas das quais vêm anualmente do Hemisfério Norte em busca de calor”, explicou.

Ele observou ainda que países como Estados Unidos movimentam a economia com essa atividade. “O retorno financeiro está ligado diretamente ao público que prestigia esta prática, e o Brasil tem tudo para se destacar, porque é o terceiro país do mundo em diversidade de aves”, afirmou Félix. Para o prefeito de Itacaré, a realização do workshop vai não somente mostrar a diversidade de animais que existem no município, como também irá colaborar com a preservação do meio ambiente, além de movimentar o turismo com a chegada desses observadores e suas famílias.

Fausto Franco disse que a Secretaria do Turismo (Setur) aposta em ações que venham contribuir para a diversificação das atividades turísticas no estado. "A observação de aves é uma vertente que vem crescendo significativamente nos últimos anos", assinalou. Participaram da reunião a diretora da Happy Tour, Ângela Carvalho; os executivos de eventos Andréa Garrido e J.J. Garcia; o conselheiro da Associação Passarinhar é Viver, Roberval Costa; e o superintendente de Serviços Turísticos da Setur, Jorge Ávila.

Palestra sobre o setor de moda abre série de eventos do Sebrae Conecta em Itabuna

Domingos Matos, 12/02/2019 | 17:03

Empresários do segmento de varejo de moda foram orientados na segunda-feira (11), em Itabuna, sobre as oportunidades para inovar e competir no mundo fashion a partir da moda sustentável. O encontro iniciou uma série de encontros gratuitos com especialista do Sebrae Conecta.

No encontro com os empresários do varejo de moda, a especialista Fernanda Simon levantou o debate sobre o movimento Global Fashion Revolution Brasil, que chama a atenção das pessoas para um consumo sustentável, respeitando as condições ambientais e sociais no processo de produção.

Segundo ela, a ideia foi discutir de que forma podem ser minimizados os impactos ao meio ambiente e ao meio social, e, como isso, pode ser uma ferramenta de transformação.

Nesse contexto, a palestrante destacou que o empresariado exerce um grande poder de influência na escolha de produtos que carreguem no seu processo produtivo valores como ética e coerência.

“A nova geração de consumidores quer produtos com causa, com propósito, que tenham uma história e não comprar por comprar. Então, o empresário que não estiver atento a essas novas demandas, vai ficar para trás”, declarou a especialista de moda.

Indústria de alimentos

Nesta quinta-feira, 14, às 18h30, será a vez dos empresários do setor de panificação e áreas afins, que vão participar da palestra “Grandes Tendências para as Indústrias de Alimentos”, no Tarik Fontes, também em Itabuna.

O evento é direcionado para empresários e profissionais que atuam nos setores de panificação, confeitaria, fábrica de pães congelados, salgados e biscoitos.

O consultor e palestrante do Instituto Tecnológico de Alimentação, Panificação e Confeitaria, Marcelino Rodrigues vai abordar as principais tendências do segmento, técnicas para inovar em sua produção e o cenário da alimentação no Brasil e no Mundo.

O próximo encontro acontece no dia 19, no auditório do Sebrae em Ilhéus, com o especialista em Alimentação Fora do Lar, Léo Teixeira, que é sócio e membro da equipe de consultores da NaMesa e especialista em gastronomia.

Logo depois, no dia 25, no Tarik Fontes, está reservada a palestra “Inovação e Marketing Omnichannel: as tendências para o segmento de beleza”, com a gerente de marketing da ADCOS Cosméticos, Miriam Machado.

Sebrae Conecta

O Sebrae Conecta tem o objetivo de atender empresários e colaboradores com soluções customizadas para 18 áreas diferentes dos setores de indústria, comércio e serviços. De acordo com o gerente adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, o projeto segue uma trilha de atendimentos visando identificar os principais gargalos.

“Em seguida, o programa oferece workshops específicos para cada segmento, consultorias empresariais com o subsídio de 50%, capacitações temáticas, proposta de viagem de negócios e um encontro setorial no final do ano”.

 

Em quatro anos, houve redução de 16% em acidentes nas rodovias baianas

Domingos Matos, 07/02/2019 | 18:07

A Bahia teve uma redução de aproximadamente 16% no número de acidentes em rodovias estaduais, em comparação aos anos de 2015 e 2018. Em 2015, houve 6.021 ocorrências, enquanto 5.023 acidentes ocorreram no ano passado. Uma diminuição de 998 ocorrências registradas em estradas baianas em quatro anos. A informação é do Sistema de Acidente e Estatística de Trânsito (ACT), da Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra).

Também houve no estado uma diminuição de cerca de 5% em relação ao número de mortes em rodovias baianas entre os anos de 2017 e 2018. No ano passado, foram 343 vítimas fatais e 703 feridos por conta de acidentes. Em 2017, ocorreram 361 mortes e 711 feridos. 

Ainda de acordo com o relatório, a principal causa de ocorrências em 2018 foi a imprudência do motorista como falta de atenção, excesso de velocidade e ultrapassagem indevida, com 3.436 registros. A rodovia com maior quantidade de acidentes no último ano foi a BA-099, com 584 casos. Em seguida, a BA-001, com 489 registros, e a BA-262, com 253 acidentes.

Em busca de contribuir com a melhoria na segurança viária, a Secretaria de Infraestrutura promoveu a entrega de novas viaturas e etilômetros para o Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), para que as fiscalizações nas estradas fossem intensificadas. Além disso, a Seinfra também promove ações com foco na promoção de um trânsito mais seguro. 

“Realizamos workshops, cursos para policiais rodoviários e campanhas educativas, como o Programa de Educação para o Trânsito, com objetivo de ajudar na capacitação dos agentes de trânsito e também tornar o motorista mais prudente ao conduzir o veículo”, destaca o secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti.

Seminário debate violência entre os jovens em Itabuna

Domingos Matos, 03/09/2018 | 18:00
Editado em 03/09/2018 | 17:13

O Colégio General Osório, em Itabuna,  realiza nesta terça-feira (4) um seminário para debater causas e soluções para o combate da violência entre os jovens. O evento, que acontece a partir das 8 horas no Clube dos Comerciários, será aberto com um Momento Cultural, seguido de palestras sobre “Violência de crianças e adolescentes”, com o Dr. Hilton de Miranda Gonçalves; “Ética nas relações virtuais“, com o Dr. Fabricio Guida de Menezes;  “Violência contra a Mulher”, com a Dra. Aline Maron Setenta; e “Violência Sexual”, com a psicóloga Carlinéia Lima dos Santos.

A programação inclui ainda workshops sobre “autodefesa feminina”, “cyberbullying, a violência virtual”, “violência doméstica”, “ronda para homens”, e será encerrada com a mesa redonda “”Violência Sexual, estratégias de enfrentamento”, com   a assistente social Therezinha Severino e o psicólogo Romário Lopes.

O seminário é aberto à toda comunidade.

Sebrae tem mais de 600 vagas de capacitação em Itabuna e Ilhéus

Domingos Matos, 03/09/2018 | 17:13
Editado em 03/09/2018 | 17:12

Com o foco na inovação dos pequenos negócios, o Sebrae está com 690 vagas de capacitações abertas para workshops de indicadores, cursos de treinamento gerencial básico e atendimento ao cliente, além de palestras, oficinas e seminários diversos. Do total, 540 vagas são gratuitas, e os interessados podem se inscrever pelos telefones (73) 3613-9734 e (73) 99974-2262, em Itabuna, ou (73) 3634-4068 e (73) 99974-2263, em Ilhéus.

Visando aperfeiçoar a competitividade empresarial através da gestão por indicadores, o Sebrae Itabuna estará reunindo empresários e gerentes do segmento de Beleza e Estética no Workshop de Indicadores, nesta segunda-feira, 3, a partir das 18h30, na sala de treinamentos da instituição, com o especialista em gestão de micro e pequenas empresas, Aelson Souza.

No dia seguinte, no mesmo horário e local, Ana Carolina Moura, especialista em planejamento estratégico, empreendedorismo e gestão de pessoas, vai conduzir o Workshop, mas destinado aos profissionais do varejo de moda. No dia 17, a capacitação é retomada por Ana Carolina, que vai orientar os profissionais de varejo de alimentos, e, no dia 18, será destinada àqueles atuam no setor de materiais para construção.

A série Workshop de Indicadores encerra no dia 25, em Itabuna, voltada aos profissionais do segmento de alimentação fora do lar, com a palestra da consultora e estrategista empresarial Luane Di Paulo.  A técnica do Sebrae Karla Peixoto explica que, em todos os encontros, os consultores estarão apresentando aos empreendedores “a importância das empresas possuírem indicadores que tornam a gestão dos negócios mais efetiva”.

Oportunidades

Já na sala de treinamento do Sebrae Ilhéus, acontecerá a oficina de capacitação Pratique Atendimento para Microempresas, no dia 18, das 13h às 17h, com o objetivo de desenvolver procedimentos e estratégias para identificar as necessidades e encantar o cliente.

Para quem deseja abrir o próprio negócio, o Sebrae estará oferecendo orientação gratuita sobre “Como planejar o seu negócio”, com informações atualizadas de mercado, todas as sextas-feiras do mês, nos dias 14 e 28, em Ilhéus, e dia 21, em Itabuna.

sos

Na semana de 10 a 14 de setembro, o Sebrae Itabuna promove o curso “Como Atender Melhor seu Cliente”, com o objetivo de desenvolver nos participantes habilidades que contribuam para a satisfação do cliente. O curso acontece das 19h às 22h, na sala de treinamento da instituição. O investimento é de R$ 80.

Já em Ilhéus, na semana de 24 a 28, os micro e pequenos empresários terão a oportunidade de participar do Treinamento Gerencial Básico, com o foco nos fundamentos da gestão empresarial, a partir de conteúdos relacionados a planejamento, gestão de pessoas, de compras e vendas, estoque, gestão financeira, capital de giro e introdução ao marketing. O investimento é de R$ 100.

O Sebrae em Ilhéus fica localizado no Edifício Premier Business Center, Avenida Osvaldo Cruz, 74, Cidade Nova. Já em Itabuna, a agência de atendimento do Sebrae fica na Rua Paulino Vieira, 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro. Outras informações podem ser obtidas na Central de Relacionamento Sebrae, no 0800 570 0800.

Festival do Caranguejo volta a agitar Canavieiras

Domingos Matos, 11/09/2017 | 21:22

O Centro Histórico e praias de Canavieiras serão palco de um festival de dar água na boca. De 11 a 15 de outubro, o município sul-baiano sediará o Festival do Caranguejo, com feira gastronômica, nomes da música brasileira, degustação de pratos típicos, artesanato, aulas-show com chefs, workshops, palestras e concursos temáticos.

Parte do festival acontecerá na praia, onde será montado o caranguejódromo, com barracas credenciadas, palcos e competições. Na área do Centro Histórico de Canavieiras, serão realizados os concursos Miss Caranguejo e Masters Chefs. Nessa área, além de toldos e barracas, haverá bares e restaurantes credenciados pela organização do festival.

Além oferta de pratos como bolinho de puã, puã a milanesa, puã recheada, casquinha de caranguejo, moqueca e caranguejo ao molho, ainda haverá espaço para debate científico e capacitação para a comunidade envolvida na comercialização do produto. Ações de conscientização para a preservação da espécie também terão espaço na programação.

De acordo com a organização, haverá sorteio de pratos típicos e premiações entre as barracas. Serão ofertadas algumas premiações para as catadeiras mais antigas e para a melhor estória de pescador. O Festival atenderá a todas as idades de públicos e a todos os nichos de mercados, com participação de todo o trade local, além de envolver barracas de praias, baianas de acarajé. A decoração será totalmente voltada para a proposta ambiental e o respeito ao propósito de sustentabilidade e conservacionismo. (Via Pimenta)

Festival transforma Ilhéus na capital brasileira do cacau e do chocolate

Domingos Matos, 21/07/2017 | 11:13

Durante quatro dias, Ilhéus se transforma na capital brasileira do chocolate, com a realização do Chocolat Bahia 2017, aberto na noite desta quinta-feira (20) e que segue até domingo (23) no Centro de Convenções. Em sua 9ª edição, o Festival Internacional do Cacau e do Chocolate deve atrair cerca de 60 mil pessoas, que podem se deliciar com as 40 marcas de chocolates de origem produzidos no Sul da Bahia.

Com expectativa de R$ 10 milhões de negócios para os 80 expositores, que apresentam seus produtos do Pavilhão de Feiras, o evento tem o apoio do Governo do Estado da Bahia, através das secretarias da Cultura, do Turismo, de Desenvolvimento Rural, de Agricultura, de Ciência, Tecnologia e Inovação.

“Além da geração de emprego e renda, que é uma das prioridades do governador Rui Costa, o que temos hoje é uma mudança de mentalidade, com a verticalização da lavoura cacaueira, com a produção de chocolate de qualidade, um processo em que o Sul da Bahia é único do mundo, indo da amêndoa ao chocolate”, disse  o secretário de Desenvolvimento Econômico Jaques Wagner.

O Governo do Estado, através do programa Bahia Produtiva, investiu até junho de 2017, R$ 13 milhões em 31 projetos de apoio à agricultura familiar no sul do estado, com recursos para melhorar o cultivo de cacau e a produção de chocolate. De acordo com secretário de Desenvolvimento Rural Jeronimo Rodrigues, é necessário focar na qualidade “e é importante permitir o acesso ao crédito e à assistência técnica, para agregar valor ao principal produto regional”. Para o secretário de Agricultura Vitor Bonfim, o sul da Bahia vive um período marcante. “Estamos vivendo o ciclo da agroindustrialização, gerando amêndoas e chocolates alto valor agregado. O Sul da Bahia deixa de ser apenas a região do cacau, para ser também a região do chocolate”, ressaltou.

O secretário de Ciência e Tecnologia Vivaldo Mendonça destaca que “estamos disponibilizando tecnologias para a qualificação das amêndoas, o processamento e o produto final. O festival é um importante instrumento para essa troca de experiências”.

A programação do Chocolat Bahia inclui workshops gratuitos de receitas à base de chocolate com renomados chefs do país, cursos de capacitação, debates sobre temas do setor, rodadas de negócios e palestras ministradas por especialistas internacionais, visitas a fazendas produtoras de cacau, exposição de esculturas de chocolate e shows musicais com artistas regionais.

Para o secretário do Turismo, José Alves, a associação entre a produção do chocolate e a cadeia produtiva do turismo tem tudo para gerar resultados ainda mais expressivos para ambos os lados. “A Rota do Chocolate será fortalecida com as obras da rodovia Ilhéus-Uruçuca, onde o visitante tem um tour completo”, disse.

Nas fazendas de cacau de Ilhéus é possível caminhar entre os cacaueiros na Mata Atlântica. O visitante percorre desde o cultivo da amêndoa até a produção do chocolate, passando pelo controle de qualidade e embalagem antes da  degustação. “Ao roteirizar o ciclo produtivo das fazendas de cacau até as fábricas de chocolate, estamos consolidando um produto turístico único, associado à relevância cultural da região, cenário das obras de Jorge Amado", enfatizou José Alves.

O coordenador do Chocolat Bahia, Marco Lessa diz que “o evento tem o papel de estimular a verticalização da produção, com o surgimento e novos empreendedores. O cacau pode ser o fruto de ouro, desde que seja transformado em chocolate de qualidade e o Sul da Bahia deve assumir esse protagonismo. Sem o apoio do Governo do Estado, esse evento não teria a dimensão que adquiriu e a cada ano vemos o surgimento de novas marcas, ampliação dos negócios”.

A abertura do Chocolat Bahia contou com as presenças dos secretários estaduais Jaques Wagner (SDE), Jeronimo Rodrigues (SDR), Vitor Bonfim (Seagri), Vivaldo Mendonça (Secti), José Alves (Setur) e do superintendente da Secult, Alexandre Simões.

Baiano coordena 1º GP mundial de kettlebell no Brasil

Domingos Matos, 22/11/2016 | 22:50
Editado em 22/11/2016 | 22:50

O Brasil sediará pela 1º vez, no dia 9 de dezembro, em Curitiba, Paraná, uma etapa do World Kettlebell Grand Prix Series, da Associação Mundial de Clubes de Kettlebell Sport─WAKSC. O certame tem como coordenador geral o itabunense João Rosário.

Com várias certificações internacionais em kettlebell, o educador físico João Rosário é fundador e ex-presidente da Federação Brasileira de Kettlebell Lifting (FBKL), coordenou os principais campeonatos nacionais de kettlebell do país, é head coach da Brutal Strength and Conditioning. Também é representante da World Association of Kettlebell Sport Clubs no Brasil e está à frente da organização do 1º GP mundial de Kettlebell no Brasil, que contará com a participação das principais atletas que treina, como as catarinenses Flávia Ferreira e Nicole Zaniz.

Ele informa que as atletas tiveram evolução notável e recordes importantes nos últimos 2 anos e, por isso, são consideradas favoritas na prova long cycle. “Em 2 anos de competições, elas já somam juntas 24 medalhas de ouro e apenas 1 prata, sendo 10 medalhas de ouro só esse ano em 3 campeonatos:  Copa Catarinense (2), Campeonato Paranaense (5) e Copa do Brasil de kettlebell Sport no Arnold Classic, no Rio de Janeiro (3), uma vez que elas disputaram até 3 provas por campeonato”, informa. Completam o time a baiana Priscila Beck, campeã brasileira e baiana 2015/2016 e Letícia Krebs, campeã brasileira e paulista 2016.

Para ele, a expectativa do Brasil receber uma etapa do mundial é grande, já que atrairá atletas e equipes de destaque do Brasil e vindos de outros países, como o russo Denis Vasilev, hexacampeão e recordista mundial.

Treinamento e cursos

Levantar uma bola de ferro (kettlebell) na maior quantidade de vezes possível em um período de tempo determinado. Esse é objetivo do kettlebell sport, modalidade que tem um baiano como referência no Brasil na formação de professores e treinamento de atletas premiados. João Rosário viaja pelo Brasil ministrando cursos de formação, workshops, além do envio semanal de planilhas de treino para alunos e atletas de outros estados.

Até o final do ano e mês de janeiro a agenda do educador físico já está reservada para campeonatos e cursos de kettlebell sport no eixo Sudeste-Sul do Brasil, voltados para a formação de professores de educação física, atletas e praticantes do esporte.  “Paralelo aos campeonatos conduzo certificações e workshops de kettlebell enfatizando a técnica dos principais movimentos além da sequência correta de planejamento de um treino com kettlebell potencializando o desempenho e resultados com essa ferramenta”, explica Rosário.

Em novembro, ele ministra cursos no eixo sudeste-sul, nas cidades de São Caetano do Sul-SP (26/11), Curitiba-PR (27/11) e em Joinville-SC (03/12). Fechando o ano na Bahia, com o workshop de kettlebell na Academia XPRO Training em Itabuna nos dias 17 e 18 de dezembro. E em 2017, o calendário de competições organizadas por Rosário se inicia no dia 28 de janeiro, com o Torneio Brutal de Kettlebell Sport, em Canavieiras, Bahia, primeiro realizado no sul do estado que contará com a presença de atletas locais, da capital e de São Paulo.
Todas as informações no site www.brutalsc.com.br ou no whatsapp (73) 99827-9091
 

Brutal promove workshop em kettlebell em Porto Seguro

Domingos Matos, 12/08/2016 | 17:53
Editado em 12/08/2016 | 17:56

O educador físico e coach da Brutal, João Rosário, apresenta neste sábado (13), no CT Core Team, em Porto Seguro, o Workshop de Treinamento Funcional, com abordagem do uso de ferramentas não convencionais como corda, kettlebell e argolas. O evento é uma realização XPRO Training e Lucas Oliveira e se destina a professores de Educação Física e  profissionais de de academia e treinadores de atletas.

Referência no Brasil em kettlebell e coach de atletas de destaque no kettlebell sport e MMA, João Rosário vai compartilhar técnicas de como utilizar ferramentas eficazes e milenares num treino completo. O treinamento com esses equipamentos busca restabelecer e aprimorar os padrões motores naturais, prevenindo lesões e melhorando consideravelmente o desempenho atlético, alcançando assim resultados sólidos em curto prazo.

Há sete anos residindo no eixo sul-sudeste do país, João Rosário tem várias certificações internacionais. O educador físico é ex- presidente da Federação Brasileira de Kettlebell Lifting (FBKL) e se tornou referência nesse tipo de treinamento. 

Está à frente da organização do 1º GP mundial de Kettlebell no Brasil, que será realizado no dia 9 de dezembro, em Curitiba, e planeja levar atletas de Itabuna e região. João Rosário voltou a residir no Sul da Bahia (Canavieiras) trazendo toda a experiência adquirida para colaborar com a promoção do Kettlebell Sport e qualificação de profissionais na região. 

Inventário de Itacaré conta com 100% de receptividade

Domingos Matos, 14/11/2011 | 14:22
Editado em 14/11/2011 | 15:24

Os pesquisadores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) concluem até o final deste mês o trabalho de campo para o projeto Inventário Turístico e Análise dos Indicadores de Sustentabilidade. O levantamento foi iniciado no dia 28 de outubro e vem tendo receptividade de 100% dos comerciantes da cidade.

Os pesquisadores da Uesc estão visitando hotéis, pousadas, restaurantes para aplicar um questionário que tem como objetivo traçar um mapa geral sobre o turismo no município. O projeto visa identificar atrativos, serviços e equipamentos turísticos com a finalidade de servir como base de informações para o planejamento e gestão da atividade turística.

O professor Marco Aurélio Ávila, um dos coordenadores do Inventário Turístico, chama atenção para os recursos utilizados na pesquisa. “Para facilitar o trabalho e reduzir volume de papel, os pesquisadores inserem os dados em tablets, o que é um incremento importante para nossa pesquisa”, afirma.

 Uma inovação também destacada pelo coordenador são os workshops com lideranças comunitárias, nos quais se dá a validação dos dados colhidos. “Isso garante maior participação da comunidade em todo o processo”, avalia.

Vantagens

Ávila observa que o Inventário Turístico abre a possibilidade de melhorar o desempenho do setor e aumentar seus ganhos para a coletividade. Segundo o professor, a percepção desses benefícios se traduz na boa receptividade que os pesquisadores vêm tendo em Itacaré e que tiveram em Ilhéus, onde a pesquisa também foi realizada.

O Inventário de Ilhéus e Itacaré será usado como projeto-piloto pelo Ministério do Turismo para aplicação em outras regiões turísticas do País. A coordenadora-geral de Regionalização do Ministério, Ana Clévia Guerreiro Lima, destaca aspectos como a inserção da análise da sustentabilidade na pesquisa.

Ela enfatiza que o órgão validou a metodologia como referência nacional para que outros destinos sejam beneficiados com a experiência. O projeto foi desenvolvido pela Uesc em parceria com a Bahia Mineração (BAMIM) e as Secretarias de Turismo de Ilhéus e Itacaré.

Festival de Chocolate traz chocólatra francesa a Ilhéus

Domingos Matos, 29/05/2011 | 12:58
Editado em 29/05/2011 | 13:11

chloeA francesa Chloe Doutre-Roussel, autora da obra “The Chocolate Connaisseur” e consultora free lance de diversas marcas do produto no mundo é presença confirmada no III Festival de Chocolate da Bahia, que vai acontecer em Ilhéus, sul do estado, de 6 a 10 de julho.

Respeitada em todo o circuito chocolateiro – dos produtores de grãos às empresas de marketing – ela participará do ciclo de palestras do evento, que reunirá especialistas, produtores, empresários e admiradores do chocolate.

A participação de Chloe em eventos deste gênero no mundo é sempre um show à parte. Ela começou a ficar conhecida em 2003, quando foi contratada como compradora de chocolates pela loja de produtos sofisticados, em Londres. Três mil pessoas disputavam a vaga.

Chloe Doutre-Roussel vai estar em Ilhéus ao lado de outros importantes especialistas e pesquisadores, no “I Inova Cacau”, um workshop sobre inovação tecnológica do cacau e do chocolate na Bahia.

O Festival do Chocolate da Bahia é um dos principais eventos da região produtora do cacau, principal matéria prima do chocolate, e busca se consolidar como um dos principais eventos do setor no mundo.

É realizado num esforço conjunto de entidades como Secretarias de Turismo do Estado e do Município de Ilhéus, Bahiatursa, Secretaria de Agricultura do Estado, Governo da Bahia, Instituto Cabruca, Associação dos Produtores de Cacau (APC), Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), Ceplac, Ministério da Agricultura, BNB, Sebrae e M21 Eventos.

Comemoração especial no dia do advogado em Itabuna

Domingos Matos, 05/08/2010 | 16:00
Editado em 05/08/2010 | 23:44

andirleinascimentoA subseção itabunense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), elaborou uma programação especial em comemoração ao dia do advogado, celebrado no dia 11 de agosto.

Na próxima terça-feira, 10, a OAB de Itabuna, realiza no auditório da FTC, a partir das 18h30min, um evento que discutirá questões relevantes sobre Direito Eleitoral. Além de palestras ministradas por Luiz Antônio dos Santos Faleiros, advogado militante na área eleitoral, previdenciária e tributária, e pelo ex-presidente da OAB-BA, o advogado Dinailton Oliveira, haverá sorteios de livros e debates em torno do pleito 2010. 

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do e-mail itabuna@oab-ba.org.br. Os participantes terão direito a certificado com carga horária de quatro horas.

Já na quarta-feira, 11, a partir das 8 horas, na AABB de Itabuna, a comemoração fica por conta de shows musicais, com as bandas Liberdade Provisória, Samba Dimigué, Jane Monteiro e Mateus Magnavita. A confraternização terá ainda um almoço, torneio de futebol, sessões de alongamento, workshop de dança e sorteio de brindes. A camisa de adesão para o evento pode ser obtida na sede da Ordem, por apenas 20 reais. 

O presidente da OAB Itabuna, Andirlei Nascimento (foto) destaca a relevância da promoção de eventos como esses. "A integração entre os profissionais é fundamental como forma de estreitar laços, fortalecer a categoria e é claro refletir sobre nossa atuação e a importância do papel do advogado na sociedade democrática de direito", afirma.

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.