Tag: colegio

Ensino Fundamental americano em Itabuna

Informe

Domingos Matos, 13/11/2017 | 08:10

O Colégio Ieprol consolidou-se no serviço de ensino de Itabuna, oferecendo uma educação de excelência, voltada para atender as exigências educacionais do século XXI.

E, fiel a essa visão, apresentou à comunidade itabunense e regional, na noite do dia 09/11, mais uma novidade revolucionária: o Middle School, ensino fundamental americano.

Com essa inovadora proposta, o Colégio Ieprol completa o seu já excepcional portfólio - método Poliedro, Mecatrônica e Robótica e o Programa Dual Language.

O Middle School é resultado de uma parceria com uma das mais importantes universidades norte-americanas, University of Missouri, e funcionará a partir de 2018 para alunos do 7º e 8º anos.

O aluno concluinte sairá com duas diplomações, a brasileira e a americana. Isso permitirá um futuro de mobilidade pessoal, acadêmica e profissional, que superará qualquer fronteira.

E não é só isso. Após a conclusão do Middle School, o aluno poderá seguir para o High School (ensino médio), a partir do 9º ano.

Forte no conteúdo, ousado nas propostas e criativo nas ideias. Assim é o Colégio Ieprol. Caminhando lado a lado ao tempo de seu filho.

As matrículas estão abertas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (73) 98880-8010. Visite a página.

Colégio Ieprol abre as portas para visitação

Domingos Matos, 31/01/2017 | 22:41
Editado em 31/01/2017 | 22:47

O Colégio Ieprol vai abrir as portas, nessas quarta e quinta-feiras (1 e 2), a interessados em conhecer a estrutura por dentro, da parte física à formação de cada profissional, passando pelas metodologias e sistema de ensino (clique na imagem para ampliá-la). O colégio adota o premiado método Poliedro, e oferece novidades como Robótica e aulas bilingues, entre outras.

As visitas ocorrerão no horário comercial, e não precisam ser previamente agendadas, além de estarem abertas também a quem não tenha relação com a instituição, a exemplo de alunos matriculados.

"Estamos abertos para receber a comunidade de Itabuna e região. Será um grande prazer, ao mesmo tempo que é uma prestação de serviço ao interessado ou a quem pode vir a se interessar por esse modelo avançado de ensino", convida a diretora Inatiane Martins.

O Colégio Ieprol fica na avenida Inácio Tosta Filho, 118, 6º andar, em Itabuna. O telefone para contato é (73) 3612 1786.

Ação publicitária

Colégios desfilam em homenagem aos 125 anos de Canavieiras

Domingos Matos, 27/05/2016 | 21:56

Para comemorar os 125 anos de emancipação político-administrativa de Canavieiras, as escolas das redes municipal e particular promoveram um imponente desfile cívico. O cortejo teve início na praça Maçônica, seguindo pela avenida Octávio Mangabeira (rua 13) até a praça da Bandeira, onde está localizado o Paço Municipal e o palanque das autoridades, onde as escolas fizeram as apresentações.

Motivado pelas intermitentes chuvas que caíram na cidade na terça e quarta-feira (24 e 25), o prefeito Almir Melo decidiu transferir a realização do desfile para esta sexta-feira (27). “Procedemos essa mudança para preservar a saúde dos alunos, além do brilho do desfile, que trouxe muitas alegorias representando as belezas da cidade e do Jogos Olímpicos”, justificou o prefeito.

Em sua mensagem aos canavieirenses, o prefeito Almir Melo pediu que eles fizessem uma viagem pelo túnel do tempo para relembrar os avanços de Canavieiras, uma cidade que sempre primou pela altivez em sua história. O prefeito lembrou das lutas pela autonomia administrativa, encetada pelos seus filhos ilustres e que culminou na elevação de cidade, há 125 anos.

Para Almir Melo, a história de Canavieiras está intrinsecamente ligada ao desenvolvimento da Bahia, com a introdução de uma das maiores matrizes econômicas do estado, a cacauicultura, que atualmente ressurge com novas possibilidades. “Canavieiras foi um dos mais importantes centros comerciais do Sul da Bahia, responsável pela geração de riquezas. Não nos abatemos com as dificuldades e estamos trabalhando incansavelmente para reconstruir nossa cidade”, ressaltou.

Estagiária se recusa a alisar cabelo e é hostilizada no trabalho

Domingos Matos, 07/12/2011 | 09:37
Editado em 07/12/2011 | 10:11

estagiáriaA estagiária Ester Elisa da Silva Cesário acusa seus superiores de perseguição e racismo. Conforme Boletim de Ocorrência registrado no dia 24 de novembro, na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) de São Paulo, ela teria sido forçada a alisar o cabelo para manter a "boa aparência". A diretora do Colégio Internacional Anhembi Morumbi ainda teria prometido comprar camisas mais cumpridas para que a funcionária escondesse os quadris.

Ester conta que foi contratada no dia 1º de novembro de 2011, para atuar no setor de marketing e monitorar visitas de pais interessados em matricular seus filhos no colégio, localizado no bairro do Brooklin, na cidade de São Paulo. A estagiária afirma ter sido convocada para uma conversa na sala da diretora, identificada como professora Dea de Oliveira. Nos dias anteriores, sempre alguém mandava recado para que prendesse o cabelo e evitasse circular pelos corredores.

"Ela disse: 'como você pode representar o colégio com esse cabelo crespo? O padrão daqui é cabelo liso'. Então, ela começou a falar que o cabelo dela era ruim, igual o meu, que era armado, igual o meu, e ela teve que alisar para manter o padrão da escola."

Além das advertências, Ester afirma ter sofrido ameaças depois de revelar o conteúdo da conversa aos demais funcionários do colégio. Eles teriam demonstrado solidariedade ao perceber que a estagiaria estava em prantos no banheiro.

"Depois disso, eu me vesti para ir embora e, quando estava saindo, ela me parou na porta e disse: 'cuidado com o que você fala por aí porque eu tenho vinte anos aqui no colégio e você está começando agora. A vida é muito difícil, você ainda vai ouvir muitas coisas ruins e vai ter que aguentar'."

Colégio se defende

Após contato da reportagem, um funcionário indicado pela Direção do Anhembi Morumbi informou que a instituição não recebeu nenhuma notificação sobre o registro do Boletim de Ocorrência. Ele negou a existência de preconceito e se limitou a dizer que "o colégio zela pela sua imagem e, ao pregar a 'boa aparência', se refere ao uso de uniformes e cabelo preso".

A advogada trabalhista Carmen Dora de Freitas Ferreira, que ministra cursos no Geledés – Instituto da Mulher Negra – assegura que a expressão "boa aparência" é usada frequentemente para disfarçar preconceitos.

"Não está escrito isso, mas quando eles dizem 'boa aparência', automaticamente estão excluindo negros, afrodescendentes e indígenas. O padrão é mulher loira, alta, magra, olhos claros. É isso que querem dizer com 'boa aparência'. E excluir do mercado de trabalho por esse requisito é muito doloroso, afronta a Lei, afronta a Constituição e afronta os direitos humanos".

LEIA MAIS

Ensino fundamental americano em Itabuna

Publicidade

Domingos Matos, 13/11/2011 | 00:00
Editado em 13/11/2017 | 08:28

O Colégio Ieprol consolidou-se no serviço de ensino de Itabuna, oferecendo uma educação de excelência, voltada para atender as exigências educacionais do século XXI.

E, fiel a essa visão, apresentou à comunidade itabunense e regional, na noite do dia 09/11, mais uma novidade revolucionária: o Middle School, ensino fundamental americano.

Com essa inovadora proposta, o Colégio Ieprol completa o seu já excepcional portfólio - método Poliedro, Mecatrônica e Robótica e o Programa Dual Language.

O Middle School é resultado de uma parceria com uma das mais importantes universidades norte-americanas, University of Missouri, e funcionará a partir de 2018 para alunos do 7º e 8º anos.

O aluno concluinte sairá com duas diplomações, a brasileira e a americana. Isso permitirá um futuro de mobilidade pessoal, acadêmica e profissional, que superará qualquer fronteira.

E não é só isso. Após a conclusão do Middle School, o aluno poderá seguir para o High School (ensino médio), a partir do 9º ano.

Forte no conteúdo, ousado nas propostas e criativo nas ideias. Assim é o Colégio Ieprol. Caminhando lado a lado ao tempo de seu filho.

As matrículas estão abertas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (73) 98880-8010. Visite a página.

Ieprol, Middle School, Mizzou, University of Missouri

Na escola da malandragem: menor preso com 38 em porta de Colégio

Domingos Matos, 11/08/2010 | 13:33
Editado em 11/08/2010 | 14:32

Acesse com seus dados:

ou
Ainda não tem acesso?
Registre-se em nosso Blog.